Instagram do blog alcança mais de 300 mil contas e tem 4 milhões de impressões em um mês

Nos últimos 30 dias, entre 24 de junho e 24 de julho, o Instagram deste blog bateu um novo recorde: alcançou mais de 300 mil contas no período. Também teve 4 milhões de impressões, números que só reafirmam a liderança inconteste do blog no Nordeste, com relevância no País e no mundo.

Isso nos motiva ainda mais a continuar trabalhando a todo vapor, na busca de informações em primeira mão no universo da política, área especializada do blog, pioneiro no Nordeste, com 18 anos de funcionamento ininterrupto, sem nunca perder a liderança na Região, segundo medidores confiáveis e de referências mundiais, como o Alexa.com.

Obrigado, gente! Avante!

A recente aproximação do ex-ministro Ciro Gomes (PDT) com atores da oposição no Ceará, incluindo representantes do bolsonarismo, tem repercutido nos bastidores entre lideranças de partidos da base do governador do Ceará, Elmano de Freitas (PT).

O deputado estadual De Assis Diniz, líder do bloco governista na Assembleia Legislativa do Ceará (Alece), fez duras críticas à ala cirista do PDT, afirmando que o ex-governador do RJ e do RS, Leonel Brizola (1922-2004), nome histórico das fileiras trabalhistas, deve estar indignado com a postura do grupo cirista. As informações são do O POVO.

“Primeiro, é imaginar o quanto Brizola não deve estar chutando o caixão pela sua indignação de ver todo seu esforço, de construir um partido como o PDT, ser entregue a oportunistas de plantão. A aliança com a extrema direita é injustificável”, disparou o petista.

De Assis questionou a postura ao atribuir uma linha de raciocínio ao ex-governador cearense Gonzaga Mota: “Já dizia Gonzaga: ‘A política é dinâmica, mas a ética é permanente’. E, aliás, são contradições. O bolsonarismo expresso ali, na candidatura de Juazeiro do Norte, Ciro fazer apologia a uma farsa é um escárnio e uma desmoralização para um partido com uma história tão bonita como o PDT”, concluiu.

O movimento de Ciro no Crato, ao apoiar o nome de Dr. Aloísio (União Brasil), candidato do partido presidido no Ceará pelo ex-deputado federal Capitão Wagner, por exemplo, foi contra o posicionamento anterior do próprio PDT, que costurou acordo para apoiar a pré-candidatura petista naquele município. Ciro justificou sua presença nas convenções de Juazeiro e do Crato como um ato contra uma “pretensa ditadura” a quem atribuiu à lideranças do PT no Ceará, sobretudo ao ministro Camilo Santana (Educação).

Em Juazeiro, Ciro esteve acompanhado do ex-prefeito de Fortaleza Roberto Cláudio (PDT) e do presidente nacional interino do PDT, deputado federal André Figueiredo. Figueiredo não acompanhou Ciro no Crato, onde o PDT ainda apoia o nome do PT local.

De Assis também questionou o argumento de adversários que alegam que o PT quer para si posições de poder em cidades importantes. “É muita hipocrisia, todos os partidos que estiveram no governo se tornaram a principal base de sustentação. Por que o PT não tem esse direito, que teve Tasso (Jereissati), Ciro, Lúcio (Alcântara), Cid (Gomes), por que o PT não pode? Estamos com humildade, trabalhando, para constituir o principal partido de sustentação na base do governador (Elmano). Vamos continuar a trabalhar com simplicidade”.

No Crato, Ciro dividiu palco com o prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (União Brasil), com quem tem rusgas antigas, com direito a episódios de trocas de xingamentos e acusações. Eles se cumprimentaram no local. Estiveram presentes também outros nomes da oposição ao PT no Ceará, dentre eles o deputado estadual Carmelo Neto (PL) e o prefeito de Juazeiro do Norte, Glêdson Bezerra (Podemos), que foi oficializado como candidato à reeleição no mesmo dia (20), com a presença de Ciro, RC e outras lideranças.

Ciro justificou o apoio a determinados candidatos de partidos de oposição ao PT alegando ainda interferências no processo de escolha de nomes que vão disputar a eleição de outubro.

“O Ceará está sendo destruído pela incompetência, pela corrupção, pelo mandonismo, há uma ditadura tentando ser construída, tirando inclusive do povo o direito de escolher suas alternativas (…) e sei que o Cariri vai se levantar contra isso”, disse em discurso num dos eventos.

Parece que foi ontem: numa tarde cinzenta e acalorada de julho de 2014, adentra na redação deste blog, tímida e de poucas palavras, uma jovem jornalista para disputar a vaga de editora. Vinha de uma experiência na CBN, indicada pelo meu amigo Aldo Vilella. 

Acertamos três meses de experiência. Seu talento e dedicação levaram o calendário a dar dez voltas de 12 meses. Ontem, Itala Alves completou dez anos na função. Uma grata revelação! 

Com ela no comando do blog, posso viajar – e muito -, sem que isso se transforme em qualquer estresse ou queda na qualidade do noticiário. O que me intriga em Itala é sua discrição. Não gosta de assinar matérias nem dar opiniões sobre a política. 

É um pé de boi, entretanto, na rotina diária da edição, já coordenou várias eleições e foi meu anteparo nas grandes coberturas nacionais, seja em Brasília, São Paulo ou Rio de Janeiro. 

Deixei para o fim o melhor, o que está fazendo Itala mais feliz ainda: acabou de ser mãe do seu primogênito Martin 

Que Deus abençoe a vida dele e faça com que Itala se eternize na edição do blog.

A produção agropecuária em Pernambuco durante o Plano Safra 2023/2024, que vai de julho do ano passado até junho deste ano, foi responsável por criar ou manter cerca de 110 mil postos de trabalho, entre formais e informais. O levantamento é do Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene) e considera os impactos gerados pelo crédito liberado pelo Banco do Nordeste (BNB) no período.

Ao todo, o BNB contratou R$ 1,7 bilhão no Plano Safra 23/24 no estado, tanto em agricultura empresarial quanto familiar. Esses valores se reverteram em R$ 3 bilhões no Valor Bruto da Produção (VBP), que considera o impacto positivo no faturamento que os produtores têm em seus negócios, conforme explica o economista e gerente executivo do Etene, Allisson Martins. Outros resultados positivos provocados pelo crédito do BNB no estado foram na elevação da massa salarial (R$ 473 milhões) e tributos arrecadados (R$ 213 milhões).

Conforme aponta o economista, o crédito do Banco do Nordeste, pela sua característica de desenvolvimento, promove uma série de efeitos catalisadores na economia, na medida em que impulsiona os empreendimentos com financiamentos com prazos e taxas atrativas, possibilitando a realização de investimentos e expansão da capacidade produtiva.

Segundo o superintendente estadual do BNB em Pernambuco, Hugo Queiroz, a instituição participa do Plano Safra atendendo a produtores rurais de todos os portes, ofertando linhas de crédito para investimento, custeio e comercialização. “O objetivo é elevar as aplicações em programas diferenciados que contribuam para o avanço na sustentabilidade do setor. Os recursos são destinados em sua maioria para a agricultura familiar, com fortalecimento, em especial, das vocações socioeconômicas do Estado”, afirma.

Pecuária

A atividade de pecuária em Pernambuco é a que mais contrata recursos do Plano Safra. No último ciclo, foram R$ 1,1 bilhão. Os retornos econômicos para o estado, segundo estimativas do Etene, foram mais de 60 mil postos de trabalho impactados que mobilizaram R$ 297 milhões em salários e R$ 151 milhões em tributos.

O Valor Bruto da Produção (VBP) da pecuária foi de R$ 2 bilhões. Na comparação com o VBP do Plano Safra em todo estado, somente essa atividade representa quase 66% de toda a movimentação financeira do setor agropecuário.

Reflexo na economia nacional

As aplicações do Banco do Nordeste no Plano Safra 2023/2024, considerando toda sua área de atuação, se refletiram na geração ou manutenção de 1,5 milhão de empregos, aumento de R$ 6,3 bilhões na massa salarial, incremento de R$ 2,7 bilhões na arrecadação tributária, de R$ 39,9 bilhões no valor bruto da produção e de R$ 23,3 bilhões no valor adicionado à economia.

Esses impactos foram calculados pelo Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene) considerando os R$ 20 bilhões investidos pelo BNB entre julho de 2023 e junho deste ano, tanto para agricultura empresarial quanto para a agricultura familiar.

A produtora cultural pernambucana Karina Galindo lança, no mês de agosto, um livro que traz a sua experiência pessoal sobre as transformações que a passagem da infância para a adolescência provocaram no seu filho, Enzo. A obra, que ganhou o nome de “O Mistério das Duas Cabeças”, será lançada em agosto, dentro das comemorações da Semana da Pessoa com Deficiência, em Pernambuco.

O livro, que traz capa impressa em braille, QRCode tátil e com ilustrações de Cavani Rosas, convida os leitores a embarcarem em uma jornada introspectiva, e que, segundo a autora, transcende a literatura infantil para tocar profundamente adultos e crianças. Galindo utiliza a história do Príncipe Gustavo, nascido com duas cabeças, para explorar temas de autoaceitação, autoconhecimento e inclusão

Situado no fictício Reino da Fantasia, onde todos podem votar e todos os habitantes são tratados igualmente. Quando o filho do casal real, o Príncipe Gustavo, nasce com uma anomalia física, o reino se vê diante de um grande mistério e desafio. A segunda cabeça do príncipe torna-se um símbolo das vozes internas e das lutas emocionais que todos enfrentam.

“O livro aborda, de maneira lúdica e acessível, sobre a importância de nós, crianças, adultos, jovens, idosos, a saber ouvir com o coração e encontrar o equilíbrio entre os desejos racionais e emocionais” explicou a autora.

No Recife, o lançamento acontece dia 22 de agosto, na sede da Associação Pernambucana dos Cegos. Já no dia 26, é a vez da Associação de Cegos de Caruaru sediar o evento; e por fim, dia 29, na Associação dos Deficientes Visuais do Agreste Meridional de Pernambuco, em Garanhuns.

Por Camila Emerenciano

Em vídeo publicado, há pouco, no Instagram, a presidenta do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Educação de Pernambuco (Sintepe), Ivete Caetano, denunciou mudanças não divulgadas pelo Governo Raquel Lyra no acesso ao PE Consig, sistema de consignação vinculado ao Portal do Servidor do Estado.

Revelou que os servidores estão sendo surpreendidos ao acessar o PE Consig, onde são solicitados a realizar um novo cadastro. “Quem precisa de perícia também precisa de uma nova senha e um novo e-mail. Quem está indo ao banco, o banco está informando que é necessária uma nova matrícula. O Governo não informou isso em nenhum momento em mesa de negociação”, declarou.

Ela destacou que, embora o governo tenha mencionado mudanças nos sistemas de pagamento e pessoal para este ano, não esclareceu o impacto dessas alterações. “Custava o Governo ter feito um tutorial ou um aviso no portal oficial dos servidores para que a gente não fosse pego de surpresa? Ninguém sabe onde será feito, se é no IRH (Instituto de Recursos Humanos), quem é do interior, onde faz? O IRH fica no Recife. E quem é aposentado e pensionista, vai ter que fazer também?”, questionou.

Alertou ainda para os riscos de golpes digitais devido à instabilidade criada. “Recebi um link falso que conferi com o Secretário Executivo de Finanças da Secretaria da Educação, Gilson Monteiro. O Governo também deve nos proteger de golpes digitais onde colocamos nossos dados. A orientação do Sintepe é: não preencha nenhum link até que saia um documento oficial do governo no Portal do Servidor ou que as redes sociais do Sintepe informem algo”, recomendou.

Quanto à folha de pagamento e ao reajuste salarial, Ivete afirmou que Gilson Monteiro garantiu que o novo sistema está funcionando e que o pagamento será efetuado de forma segura. “O Sintepe continuará vigilante e em contato com o governo para garantir nossos direitos”, concluiu.

Se o leitor não conseguiu acompanhar a entrevista da cantora Fabiana, a Pimentinha do Nordeste ao quadro “Sextou”, do programa Frente a Frente, ancorado por este blogueiro e exibido pela Rede Nordeste de Rádio, não se preocupe. Clique aqui e confira. Está incrível!

O Sextou de logo mais, às 18h, traz uma mistura dos dois ritmos bem pernambucanos, frevo e forró, expressados na voz da forrozeira, carnavalesca e compositora Fabiana, a Pimentinha do Nordeste, que está comemorando 40 anos de carreira. Fabiana canta tudo, do frevo a autêntica ciranda de Lia de Itamaracá.

Em quatro décadas no palco, gravou 25 discos. Fabiana ganhou o título de Pimentinha do Nordeste pela desenvoltura nos palcos e pelos figurinos como Maria Bonita, Carmem Miranda e Clara Nunes.

O Sextou vai ao ar em instantes, das 18 às 19 horas, pela Rede Nordeste de Rádio, formada por mais de 40 emissoras em Pernambuco, Paraíba, Alagoas e Bahia, tendo como cabeça de rede a Rádio Folha 96,7 FM, no Recife. Se você deseja ouvir pela internet, clique no link do Frente a Frente em destaque acima ou baixe o aplicativo da Rede Nordeste de Rádio na play store.

Por Assíria Florêncio
Repórter do Blog

A Secretaria do Patrimônio da União (SPU) encaminhou ofício ao prefeito de Cairu (BA), Hildécio Meireles (DEM), mandando embargar, de imediato, demolir e remover um quiosque erguido na praia do Morro de São Paulo, no litoral baiano, sem autorização dos órgãos públicos. Tudo se deu após denúncia do do Blog no início do mês passado.

Na determinação, obtida com exclusividade pelo Blog, a SPU solicita à Prefeitura de Cairu que tome as “providências cabíveis” para proibir a “ocupação irregular em terreno da União e em área de uso comum do povo”.

O documento foi assinado e encaminhado à Prefeitura na última sexta-feira, 12. De acordo com novas denúncias, nesta terça-feira, a construção segue no mesmo lugar. “Eles estão trabalhando toda noite às escondidas, das 18h até às 2h, pintando, correndo para dar início ao funcionamento”, descreve um morador que não quis se identificar. É relatado, ainda, que a intenção é do espaço comportar, na verdade, um restaurante de alto padrão com pousada.

Para que o imóvel pudesse ser erguido, o Rio do Zimbo, que passava onde hoje é a construção, teve seu curso desviado. Um aterro foi feito, e com a maré cheia, nem moradores nem turistas conseguem se deslocar com facilidade pela região. “Ninguém consegue passar com a maré cheia. Se uma pessoa precisar de atendimento médico, é impossível atravessar por conta do desvio feito no rio”, detalha.

O ofício cita ainda que o “gerenciamento costeiro é de responsabilidade de todos os entes federados”, sendo autorizada a Prefeitura de, assim que constatada irregularidade ambiental e/ou urbanística, intervir nestas construções. Questionada sobre o assunto e sobre o planejamento de remoção do quiosque, a Prefeitura do Cairu não se manifestou.

Um homem, ainda não identificado, arrastou diversos carros usando uma retroescavadeira, ferindo dezenas de pessoas que estavam no Parque Padre Cícero, em Juazeiro do Norte, durante a 46ª Vaquejada. Segundo informações da imprensa local, o fato aconteceu na madrugada deste domingo (14).

O homem só parou a máquina após disparos da Polícia Militar. Com a chegada dos policiais, os populares queriam linchar o suspeito, o que só não aconteceu graças a proteção dos agentes. 

Confira os vídeos abaixo