População dos distritos de Lages e Matriz da Luz, em São Lourenço da Mata, sofre com a falta de pavimentação da PE-020

O sonho dos moradores da zona rural de São Lourenço da Mata em ter a estrada que liga o distrito de Lages até o distrito de Matriz da Luz pavimentada parece que está longe de se tornar realidade, pelo menos é o que mostra a atual situação da PE-020, que continua intransitável, principalmente em dias de chuva.

Segundo Fábio Santana, morador de Matriz da Luz, uma placa sinalizando o início das obras chegou a ser colocada na estrada – ainda na gestão de Paulo Câmara. Mas, como não poderia ser diferente, tudo ficou só na promessa. “Essa estrada é um sonho porque, inclusive, a Mobi (empresa de ônibus) tem a intenção de colocar uma linha de ônibus lá, só que não tem condições no momento por conta das más condições da estrada”, explica o morador.

Fábio afirma que a única empresa que roda na região é a Borborema, com a linha Camaragibe/Chã de Alegria. No entanto, ele detalha que – por conta das chuvas que atingiram o Grande Recife nos últimos dias, a estrada ficou intransitável, dificultando ainda mais a vida dos moradores da zona rural de São Lourenço que, sem alternativa, precisam andar quilômetros para conseguir pegar um ônibus e chegar no destino desejado. “Sempre que chega o inverno, não tem condição de passar nenhum carro”, destaca Santana.

Em janeiro do ano passado, o prefeito Vinícius Labanca (PSB) havia anunciado o início da terraplanagem, pavimentação, drenagem e sinalização da PE-020. No entanto, parece que as coisas mudaram com o início da gestão de Raquel Lyra. Lembrando que a execução da obra é de total responsabilidade do Governo do Estado.

Em outubro do ano passado, o deputado estadual Eriberto Filho chegou a cobrar da governadora a construção da estrada. Na época, o socialista alegou que a estrada “levará desenvolvimento, além de facilitar o acesso da população a serviços de saúde e educação”.

O blog pediu um posicionamento do Governo de Pernambuco sobre a situação da PE-020 e aguarda a resposta.

Pré-candidato a prefeito de Camaragibe pelo PP, o juiz aposentado Luiz Rocha já está em plena campanha e por onde passa comprova, segundo ele, os ventos da mudança soprando. A gestão atual, sob o comando da doutora Nadegi, se constitui no maior desastre administrativo que o município viveu nos últimos anos.

Passado o Carnaval, o abandono que se encontra o município de Olinda volta aos holofotes. Desta vez, parte do muro do cemitério de Guadalupe, localizado no Sítio Histórico da cidade, desmoronou. Segundo informações, o fato teria ocorrido na noite de ontem.

Em suas redes sociais, Pablo Rochael, fundador da ONG Pra Cima, denuncia que no ano passado, quando esteve no local juntamente com uma comitiva de vereadores, constatou várias irregularidades no cemitério, que tinha até cadáveres expostos.

Confira:

Quem pensa que o Carnaval acabou está enganado. O folião que tiver pique e disposição poderá curtir desfiles de blocos e agremiações carnavalescas neste domingo (18), no Jaboatão dos Guararapes. Na praça do Coreto, no Jaboatão Centro, sairá um cortejo de Carnaval com apresentações da Escola Rebeldes do Samba, Nação Maracatu Aurora Africana e Coco Serrote. A concentração será a partir das 15h.

Outra opção de folia será o bloco Palha de Cana, que desfilará pelas ruas do Lote 92, no bairro de Vila Rica, com concentração a partir das 12h, no terminal de ônibus. A animação será comandada pela cantora Jeanny Cris. No Polo Jaboatão Centro, vão se apresentar os grupos Samba Que Eu Gosto e Coco do Serrote, a partir das 16h30, fechando a programação do domingo. 

Do G1/PE

A chuva que atingiu o Grande Recife na madrugada e na manhã desta sexta-feira (16) causou transtornos para a população. Além do alagamento em ruas e avenidas, uma forte ventania causou queda de árvores e falta de energia em várias cidades da Região Metropolitana, como a capital pernambucana, Olinda e Jaboatão dos Guararapes.

A ventania também causou a queda de um pórtico da decoração de carnaval de Olinda, na Avenida Olinda, bloqueando a passagem pela via, que é um dos principais acessos à cidade para quem vem do Recife.

Em Carpina, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, o teto de um posto de gasolina caiu devido à forte ventania. Grande parte da estrutura ficou retorcida e foi ao chão. Já na Zona da Mata Sul, no município de Escada, moradores filmaram os raios que caíram na cidade durante a madrugada.

A Agência Pernambucana de Águas e Climas (Apac) emitiu um alerta de estado de observação para a Região Metropolitana do Recife e a Zona da Mata. O aviso é válido até às 12h25 desta sexta.

Segundo o meteorologista da Apac Patrice Oliveira, dois fenômenos causaram o grande nível de chuvas: a zona de convergência, que é o sistema de chuvas já previstas para fevereiro e maio, e o cavado de altos níveis, o sistema de altos ventos que, a depender da posição, aumenta a chuva em determinada região.

“Nós lançamos um estado de observação, só que, com o decorrer do processo, vimos que as chuvas iriam se intensificar. Em toda a Região Metropolitana, choveu mais de 60 milímetros, em média. Só em Itapissuma, que foi um ponto fora da curva, choveu mais de 150 milímetros”, disse.

A previsão da Apac, de acordo com o meteorologista, é de a chuva diminua com o tempo. “Aqui vai continuar, mas mais fina, ou seja, com uma intensidade menor. Mas isso não quer dizer que, a qualquer momento, devido ao sistema, não possa ocorrer uma chuva mais de moderada a forte. A previsão é que continue com essa chuva, de moderada a fraca”, afirmou.

Aulas suspensas

No Recife, as aulas do turno da manhã nas escolas da rede municipal foram suspensas. A prefeitura da capital informou que vai reavaliar a situação para decidir se as aulas do período da tarde também serão canceladas.

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) suspendeu as atividades administrativas e as aulas até às 13h no Campus Recife, que fica na Cidade Universitária, na Zona Oeste da capital. Segundo a instituição, um novo comunicado será divulgado sobre o expediente na tarde e na noite.

Imagens registradas por leitores mostram diversas ruas alagadas, como a Avenida Caxangá, na Zona Oeste da capital pernambucana, e na Estrada dos Remédios, em Afogados, na mesma região da cidade.

A água também ficou acumulada na Avenida Dois Rios, no Ibura, na Zona Sul do Recife, e na Avenida Doutor José Rufino, no bairro da Estância, na Zona Oeste da cidade.

De acordo com a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU), às 5h25, foram registrados os seguintes pontos de alagamento na capital pernambucana:

  • Túnel Chico Science – Madalena, na Zona Oeste;
  • Avenida Engenheiro Domingos Ferreira – Pina, na Zona Sul;
  • Avenida Governador Agamenon Magalhães (pista central) – Paissandu, no Centro;
  • Avenida Governador Agamenon Magalhães (pista central) – Derby, no Centro;
  • Avenida Governador Agamenon Magalhães – Campo Grande, na Zona Norte;
  • Avenida Recife – Ibura, na Zona Sul;
  • Avenida Presidente Dutra – Ibura, na Zona Sul;
  • Avenida Recife – Estância, na Zona Oeste;
  • Rua Imperial – São José, no Centro;
  • Avenida Sul – São José, no Centro;
  • Avenida Maria Irene – Jordão, na Zona Sul;
  • Avenida Marechal Mascarenhas de Morais – Imbiribeira, na Zona Sul;
  • Avenida Marechal Mascarenhas de Morais – Ibura, na Zona Sul;
  • Túnel Felipe Camarão – Jordão, na Zona Sul;
  • Avenida Sport Club do Recife – Ilha do Retiro, na Zona Oeste;
  • Avenida Engenheiro Abdias de Carvalho – Prado, na Zona Oeste;
  • Rua Cônego Barata – Tamarineira, na Zona Norte;
  • Avenida Barão de Souza Leão – Boa Viagem, na Zona Sul;
  • Avenida Governador Agamenon Magalhães (pista central) – Espinheiro, na Zona Norte.

Queda de árvores

Devido aos fortes ventos, diversas árvores caíram no Grande Recife. Houve queda de árvores nos seguintes locais:

  • Janga, em Paulista, no Grande Recife;
  • Cruzamento da Almirante Noronha de Carvalho com a Avenida Santos Dumont, nos Aflitos, na Zona Norte do Recife;
  • Rua Sá e Souza, em Setúbal, na Zona Sul;
  • Rua Barão de Água Branca, na Imbiribeira, na Zona Sul;
  • Rua das Gardênias, em Rio Doce, em Olinda.

Falta de energia

Houve falta de energia em várias cidades da Região Metropolitana do Recife, nos seguintes bairros:

  • Bairro Novo, em Olinda;
  • Rio Doce, em Olinda;
  • Pau Amarelo, em Paulista;
  • Aldeia, em Camaragibe;
  • Jaqueira, na Zona Norte do Recife.

A Neoenergia informou, por nota, que aumentou em 300% o número de equipes em campo atuando no Grande Recife. A empresa também solicitou que clientes informem possíveis ocorrências pelo WhatsApp (81) 3217-6990 ou pela Central de Atendimento, através do número 116.

Logo após a realização do carnaval, a Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes deu início às discussões sobre atividades que serão implementadas pela Defesa Civil em 2024. A ideia é antecipar as ações preventivas e reduzir significativamente o número de ocorrências em áreas de risco durante o período chuvoso.

Para alinhar alguns pontos dessa operação, o prefeito Mano Medeiros participou de uma reunião no Palácio da Batalha, em Prazeres, hoje, juntamente com o secretário Executivo de Defesa Civil do Jaboatão, Elton Moura; o secretário Executivo de Defesa Civil do Estado, coronel Clóvis Ramalho; juntamente com equipes de cada órgão. Na ocasião, a equipe da Defesa Civil estadual conheceu o funcionamento da Sala Integrada de Emergência (SIE) da Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes.

O prefeito Mano Medeiros falou da importância de realizar essa parceria com a Defesa Civil do Estado. “Essa reunião dá início a nossas ações para o inverno, integrando ainda mais nossas ações com o Governo do Estado. A partir daí, iremos planejar melhor nosso monitoramento e buscar mais recursos para realizar obras de contenção no município. Essa parceria do Jaboatão com o Governo do Estado tem sido exitosa, por isso, vamos trabalhar intensamente para minimizar os estragos causados pelas chuvas”, enfatizou.

Homenageando Paulista, o Bloco Flabelo Encantado se apresentou, no último sábado, em Olinda, num cortejo em frente à Prefeitura, pelo Projeto “Meu mundo é Frevo”. A noite, o bloco foi ao encontro de Blocos do Morro da Conceição.

Na segunda-feira, a agremiação subiu ao palco do Marco Zero, cantando os Frevos de Bloco, de Ricardo Andrade e de Getúlio Cavalcanti, onde foi muito aplaudido. Pela noite, encerrou em Porto de Galinhas, em uma linda apresentação,.com muita participação popular. No próximo sábado, o bloco participará do Encontro de Blocos do Eu Quero Mais, em Olinda, às 18h, e no domingo desfilará pelas ruas de Maranguape I, em Paulista, às 16h.

Hoje, a partir das 17h, a Prefeitura de Abreu e Lima inaugura, na Rua Rosa Pereira da Cruz, no bairro de Desterro, o primeiro CRIE, Centro de Referência Integral de Ensino. Implantado num terreno com cerca de 8 mil metros quadrados e contando com um total de 5,6 mil metros quadrados de área construída, o equipamento será entregue como a maior Escola Municipal do Litoral Norte.

O novo Centro de Referência dispõe de 25 salas distribuídas estrategicamente para atender às diversas necessidades educacionais e de convivência dos mais de 700 alunos e das equipes que nela atuarão. A Área Acadêmica compreende as salas de aula climatizadas, Laboratório de Ciência, de Informática, Biblioteca, Auditório, Sala de Atendimento Educacional Especializado (AEE), Sala de Redes e o Setor Administrativo.

Já nas esferas de Convivência e Esportiva, o equipamento dispõe de Piscina Semi-Olímpica (com mais de 900 m2), Quadra Poliesportiva, Campo Society e oferecerá uma variedade de oficinas destinadas a enriquecer o desenvolvimento cognitivo, motor e intelectual dos estudantes, destacando-se Literatura e Letramento, Música, Teatro, atividades físicas diversas, dentre outras.

O reinado de Momo também fez girar a roda da economia em Olinda, promovendo a inclusão e a oportunidade de trabalho e renda. Ao todo, um montante de R$ 400 milhões foi movimentado, impactando a quem mais precisa e ampliando as fronteiras da folia. A geração de empregos diretos e indiretos atingiu a meta dos 35 mil postos. Na edição deste ano, a ocupação hoteleira chegou ao seu patamar total, assinalando um salto de 10% na ocupação, por causa do aumento do número de leitos oferecidos. Em 2024, a folia movimentou os amantes do frevo e fez a economia girar, mostrando que Carnaval é muito mais do que apenas uma festa.

O prefeito de Olinda, Professor Lupércio, destacou o trabalho de todas as pessoas envolvidas para dar a estrutura que o folião merece. “Quero aproveitar esse momento para gradecer a todos e todas que trabalharam no Carnaval. Ninguém faz nada sozinho, a começar por mim. Eu pude visitar os polos e constatei o trabalho diuturno do pessoal da saúde, da limpeza. E estava tudo funcionando para dar mais comodidade aos nossos foliões, tanto que teve uma repercussão muito positiva, inclusive fora do país. Como eu venho falando, é esse reconhecimento que faz do nosso carnaval o melhor do mundo”, ressaltou.

A secretária de Desenvolvimento Econômico, Tecnologia, Inovação e Turismo, Mirella Almeida, lembrou que as expectativas foram superadas com a quantidade de empregos geradas e a ocupação hoteleira, que teve um incremento de 10% a mais de vagas e chegou a 99% de ocupação. “Foram mais de 35 mil empregos de forma direta e indireta gerados, ou seja, inúmeras famílias que puderam garantir o seu sustento advindo da festa, deste Carnaval. Também mais de R$ 400 milhões que foram injetados na nossa economia, na economia local, que faz com que o município cresça”, enfatizou.

Já a secretária de Patrimônio e Cultura, Gabriela Campello, comemorou a receptividade positiva da grade de programação, não só dos polos, mas dos blocos e troças nas ruas, que ratificaram a força da cultura olindense. “A nossa responsabilidade aqui é a garantia que todos venham aqui para brincar, que as pessoas que venham de fora, os turistas, eles possam sentir o que é o nosso carnaval, a essência do nosso Carnaval. Então estaremos sempre preservando a nossa história, as nossas tradições e a nossa cultura. E isso é a cara da gente, é esse carnaval democrático e plural”, explicou.

Aury Amazonas, ex-vereador de São Lourenço da Mata, foi assassinado a tiros, na noite de ontem, no centro do município, localizado na Região Metropolitana do Recife (RMR). Aury estava jogando dominó em uma praça, quando um homem se aproximou e efetuou disparos de arma de fogo. O ex-vereador morreu no local.

A polícia segue as investigações para apurar o caso e em busca do suspeito que efetuou os disparos. Recentemente, o filho do ex-vereador também havia sido morto, mas, até o momento, não está esclarecido se há alguma relação entre as mortes. As informações são da TV Jornal.