Nova Orla Jaboatão

23/05


2012

Mulher de Cachoeira causa alvoroço na CPI

.

''Musa da CPI'', a mulher de Carlinhos Cachoeira, Andressa Gonçalves, causou alvoroço em sua chegada à CPI - Foto: André Dusek/AE

A mulher do contraventor Carlinhos Cachoeira, Andressa Mendonça, causou alvoroço na chegada ao Congresso Nacional para acompanhar o depoimento do marido. Apelidada de “musa da CPI”, Andressa trajava blusa branca e óculos escuros e preferiu não falar com a imprensa. Diferentemente de Cachoeira, que entrou escondido no Senado pelo gabinete do ex-líder petista Humberto Costa (PE), Andressa caminhou pelos corredores da Casa acompanhada de seguranças.

No trajeto até a sala onde estava Cachoeira, ao lado do plenário da CPI, ela causou um “strike” de repórteres e cinegrafistas que a seguiam e tropeçaram nos fios de “spots” de luz. Andressa chegou ao Senado por volta de 13h25, dez minutos após Cachoeira.

Do gabinete de Costa, usou uma “passagem estratégica”, nos fundos da sala de Costa, para driblar os jornalistas e acompanhar o início da sessão de uma sala próxima à CPI. A viatura que transportou Cachoeira do presídio da Papuda foi escoltada por dois carros, um do departamento penitenciário da Papuda e outro da Polícia Federal.(Portal IG) 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina Julho 2

23/05


2012

Atrás do Cachoeira, só não vai...

 Todos os integrantes da organização do contraventor Carlos Cachoeira pediram para não depor na CPI. O presidente Vital do Rego (PMDB-PB), rejeitou os pedidos feitos por Idalberto Mathias de Araújo (o Dadá), Lenine de Souza, Jairo Martins de Souza, José Olímpio de Queiroga Neto, Gleyb Ferreira da Cruz e Wladimir Garcez. O depoimento deles está marcado para esta quinta-feira. Os advogados deles podem ir ao STF e alegar falta de tempo para analisar os autos. Se colou para Cachoeira, pode ser que cole para eles também.(Lauro Jardim - Veja)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Pousada da Paixão

23/05


2012

Explorar trabalho escravo agora dá perda da terra

 A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (22), em segundo turno, proposta de emenda à Constituição que prevê a expropriação, sem pagamento de indenização, de propriedades rurais e urbanas que explorem trabalho escravo. Pelo texto da chamada PEC do Trabalho Escravo, as terras expropriadas serão destinadas à reforma agrária e a programas de habitação popular.

A proposta foi aprovada com 360 votos a favor, 29 contra e 25 abstenções. A PEC segue para votação no Senado, já que sofreu alterações na Câmara. Por se tratar de proposta que altera a Constituição, o texto poderá retornar à Câmara se for novamente alterado no Senado. Isto porque para alterar a Constituição Federal é preciso que as duas Casas aprovem a mesma redação. Na Câmara, a proposta foi apresentada em 2001 a foi aprovada em primeiro turno em 2004. Desde então, ficou com a tramitação praticamente parada na Casa.(Portal G1)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Tadeu Antonio Bezerra Batista

Interessante é que para quem produz maconha, a lei também dá perda da terra. Alguém sabe informar se algum palmo de terra foi expropriado por esse motivo? Duvido!


Ipojuca - Muro de Arrimo

23/05


2012

Cresce o clima contra Meirelles no Congresso

 Um grupo de parlamentares vem subindo o tom contra Henrique Meirelles, ex-presidente do Banco Central no governo Lula. No plenário do Senado, mais uma vez as manifestações contra ele foram intensas. Meirelles assumiu o comando do Grupo J&S, que comprou a Delta Construções por apenas R$ 1. A holding conta com participação expressiva do BNDES, gerando suspeitas sobre o interesse do governo federal na construtora. O senador Pedro Simon (PMDB-RS) questionou a rápida ascensão da empresa. (Informe JB)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


23/05


2012

Fantasma: presidente da CPI investigará seu gabinete

 O senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), presidente da CPI do Cachoeira e corregedor do Senado, disse ontem que fará uma investigação no próprio gabinete sobre Maria Eduarda Lucena dos Santos, a funcionária-fantasma do senador que se diz coautora do hit "Ai se Eu te Pego", cantado por Michel Teló.  Como a Folha de S.Paulo revelou, o pai dela diz que usa o cargo da filha para dividir o dinheiro com outros dois colegas jornalistas que fazem assessoria de imprensa de Vital.

Ontem o senador disse que pediu uma sindicância interna no seu gabinete para apurar a frequência de Maria Eduarda, que está lotada no escritório do senador na Paraíba e não bate ponto. Ontem, integrantes da CPI desistiram de cobrar explicações do presidente da comissão para evitar constrangê-lo no dia do depoimento do empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira.  Mas prometem, na reunião de amanhã, pedir que Vital do Rêgo explique a contratação da funcionária.(Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Caruaru Novas Creches

23/05


2012

Na íntegra, depoimento de Carlos Cachoeira

DO BLOG TRÁGICO E CÔMICO - OTÁVIO SALLES -  JT

Em mais um furo sensacional(ista) deste blog, transcrevo na íntegra o depoimento do bicheiro (que não é íntegro) à CPI hoje: “…”, disse ele. Depois, ele emendou: “…” E, para fechar, uma declaração bombástica: “…”

Já o advogado Márcio Thomaz Bastos, que defende Carlinhos Cachoeira das acusações, também evocou o direito de ficar em silêncio para não produzir provas contra si mesmo, ao ser perguntado de onde vem o dinheiro para pagar os seus honorários.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

CABO

23/05


2012

Minc diz que fala por Dilma. Ela desmente

 O ex-ministro Carlos Minc apareceu ontem se dizendo interlocutor frequente de Dilma Rousseff. Com essa credencial, bancou que e que Dilma  vetará  “de 12 a 14 artigos” do Código Florestal. A informação é de Lauro Jardim, na Veja. Mas ele complementa:

''''Beleza. O Planalto informa, porém: Dilma não conversa com seu ex-companheiro de VARPalmares e de governo Lula há meses, menos aindasobre os detalhes de veto do Código. Aliás, o anúncio da decisão do governo sobre o Código Florestal só deve sair mesmo na sexta-feira, último dia do prazo de sanção ou veto da lei aprovada no Congresso.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bandeirantes Junho 2021

23/05


2012

Comissão de Anistia nega indenização a Cabo Anselmo

 
A Comissão de Anistia negou nesta terça-feira (22) o pedido de indenização feito pelo ex-cabo da Marinha Anselmo José dos Santos, conhecido como Cabo Anselmo. O ex-marinheiro, apontado como agente duplo durante o regime militar, pediu reparação de R$ 100 mil por ter sido supostamente preso e perseguido pela ditadura. Cabo Anselmo era marinheiro e, durante a  ditadura, alega ter sido perseguido por atuar contra o regime nos anos 1960. Após sua prisão, em 1971, ele passou a colaborar com os militares, inclusive delatando antigos companheiros da luta armada.
 
''Nenhuma nação democrática pós-conflito desculpa-se com os violadores dos direitos humanos'', afirmou. Há registros, segundo assessoria do Ministério da Justiça, de que informações fornecidas por ele contribuíram para a morte de aproximadamente 200 opositores do regime. Miranda afirmou que Cabo Anselmo deve ser tratado como um agente que contribuiu para a morte de 100 a 200 pessoas - ''como ele [Anselmo] gosta de se gabar'' - e não como perseguido político do regime.(Portal G1)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

23/05


2012

Torturador arrependido pode tirar sono da Comissão

CARLOS CHAGAS

 Se os integrantes da Comissão da Verdade estiverem sem pauta para iniciar os trabalhos de investigação de práticas de tortura, seqüestros, assassinatos e ocultação de cadáveres, poderão recorrer à farta literatura existente a respeito. Depois  do “Tortura: Nunca Mais”, de D. Evaristo Arns, do “Brasil: Nunca Mais”, da Editora Vozes, entre centenas de outros relatos,  tornou-se agora essencial o “Memórias de Uma Guerra Suja”, do ex-delegado Cláudio Guerra. Pela primeira vez alguém do lado de lá denuncia em detalhes como agiam os animais a serviço do Estado brasileiro.  Dá nomes, situações e até locais onde eram queimados os corpos de presos políticos. Se convocado para depor deixará os sete membros da CV muitas semanas sem dormir.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

S. C. B. M.

A COMISSÃO DA VERDADE DEVE CONTAR POR QUAL MOTIVO TIVERAM TANTAS PRÁTICAS DE TORTURAS.DEVE SER ESCLARECIDO OS DOIS LADOS.



22/05


2012

Aprovado PL que anistia candidatos com contas rejeitadas

 

 

 

 

 

 

 

A Câmara dos Deputados aprovou hoje (22) o projeto de lei que anistia candidatos que tiveram suas contas de campanhas eleitorais anteriores rejeitadas pela Justiça Eleitoral. De acordo com a Agência Brasil, o texto estabelece novas regras para conceder a certidão de quitação eleitoral, documento exigido para quem quer ser candidato a cargo eletivo. Agora, o projeto segue para votação no Senado.

Pelo projeto, a partir de agora, os candidatos devem apresentar as contas de campanha, mesmo rejeitadas, à Justiça Eleitoral. O texto estabelece, ainda, que a decisão que desaprovar as contas sujeitará o candidato unicamente ao pagamento de multa no valor equivalente ao das irregularidades detectadas, acrescida de 10%.

O autor do projeto, deputado Roberto Balestra (PP-GO), disse que “é certo que a simples rejeição de contas de campanha eleitoral não pode, por si só e sem outras considerações, conduzir à restrição dos direitos políticos, à falta de outros elementos configuradores de conduta reprovável do ponto de vista moral”, defendeu.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Jairon Pacheco

Absurdo um Candidato que não tem competência para aprovar uma simples conta de uma campanha eleitoral como vai por exemplo aprovar as contas de uma Prefeitura ou um Governo de Estado caso eleito isso só acontece no nosso Brasil, onde os Dep. nada fazem é inventam moda para beneficiar, Incompetentes.