O Jornal do Poder

22/12


2011

Lombadas serão desligadas em rodovias estaduais e BR-232

 

 

 

 

 

 

A Secretaria de Transportes, através do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), informa que a partir de hoje estará sendo realizado o desligamento de lombadas eletrônicas localizadas nas rodovias PEs 35 e 60 e na BR-232. Os equipamentos serão religados na próxima segunda-feira, dia 26, às 15h.

A operação será repetida no final do ano, com desligamento dos equipamentos na próxima quinta-feira (29), a partir das 5h, voltando a funcionar na segunda-feira do dia 2 de janeiro do próximo ano, às 15h. Os equipamentos de segurança instalados na BR-232, na Serra das Russas, sentido Gravatá-Recife, continuarão funcionando normalmente e autuando quem ultrapassar os limites de velocidade.

O esquema especial montado pelo DER visa a dar mais fluidez ao tráfego nestas rodovias com a finalidade de evitar maiores transtornos aos motoristas que passarão as festas de final de ano nos litorais Norte e Sul e cidades do Interior.
Além disso, o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) intensificará a fiscalização nas vias estaduais com o aumento do efetivo de agentes e apoio das policiais Militar e Civil e Corpo de Bombeiros, enquanto a Polícia Rodoviária Federal estará atuando nas rodovias federais. 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

S. C. B. M.

AO MEU VER,Ñ ERA PARA SEREM DESLIGADAS,POIS A VELOCIDADE NOS TRECHOS DE RISCOS ONDE FORAM ESTALADAS AS LOMBADAS PARA EVITAR ACIDENTES,FICA PROVADO Q É DESNECESSÁRIA,O MOTIVO É LOMBADAS CASSA MULTAS.AS LOMBADAS Ñ SÃO INSTALADAS CONTRA ACIDENTES E SIM EM BENEFICIO DAS MORDOMIAS DO GOVERNO.É OU Ñ É ??


Potencial Pesquisa & Informação

22/12


2011

Pauta continua travada na Câmara de Salgueiro

Não deu em nada a reunião realizada ontem à tarde na Câmara de Vereadores de Salgueiro, com a presença do prefeito Marcones de Sá (PSB), para discutir o orçamento do município para 2012. O encontro solicitado pelo próprio prefeito não prosperou porque os seus argumentos para manter o mesmo texto que foi derrotado há 15 dias voltaram a ser contestados pelos vereadores da oposição, Alvinho Patriota (PV), Paulo Afonso e Antonio Pires, ambos do DEM, e Gualberto Muniz (PR).

O que vem gerando o desentendimento entre o executivo e oposicionistas são os artigos 7º e 9º da mensagem do executivo. A proposta, que chega a um montante de R$105 milhões, foi reapresentada sem mudar uma vírgula, alterando apenas o número do projeto, segundo o vereador Alvinho Patriota, que voltou a afirmar não ser possível "passar um cheque em branco para o prefeito liberar o orçamento por decreto”.

"Em nenhum momento eu liderei uma rebelião na Câmara. Apenas agi com a responsabilidade que me é peculiar, na condição de um parlamentar com cinco legislaturas e que tem consciência de tudo o que faz, inclusive, de que foi presidente do legislativo e devolveu grandes somas para o executivo", disse Alvinho. 

A pauta ficou travada e Câmara Municipal continuará sem recesso até que o caso seja resolvido. As bancadas da situação e oposição estão dispostas a vencer todas as etapas até que seja encontrada uma solução. Como as reuniões ordinárias acontecem às quintas, é possível que o presidente da Casa, Nemédio, convoque nova reunião.

A pauta deve contar com a segunda discussão do projeto que contempla os servidores da Saúde, que foi melhorado com emendas do vereador Alvinho Patriota, com o apoio da oposição. Pelo visto, a bancada da oposição vai dizer sim às emendas.

Os artigos

O art. 7º dispõe sobre os créditos suplementares da administração direta, do fundo especial e da entidade supervisionada. Já o art. 9º trata das despesas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

22/12


2011

A inopia dos ministros

Duas decisões liminares recentes do Supremo Tribunal Federal – STF, são graves e abalam drasticamente uma das maiores conquistas do estado democrático de direito, esvaziando a atuação do Conselho Nacional de Justiça – CNJ, órgão criado para fiscalizar o até então inexpugnável Poder Judiciário.
Sem força, o CNJ tende a ser extinto. Perde a sua razão de existir.

As decisões dos Ministros Marco Aurélio de Mello e Ricardo Lewandowski foram proferidas casuisticamente no último dia do ano judiciário impedindo qualquer revisão até 01/02/12. As decisões impedem o CNJ de iniciar investigações contra magistrados de todo país, suspendem as que estiverem em curso e anulam as já realizadas, impondo uma esdrúxula atuação subsidiária do CNJ a depender das corregedorias dos tribunais locais.

O Sempre polêmico Min. Marco Aurélio foi o prolator da primeira decisão.
A boa notícia é que ele tem no seu currículo o maior percentual de votos vencidos no âmbito do STF. Estatisticamente 73% de seus votos são rejeitados por seus pares, seguido do Min. Ayres Britto com 28%. Os números falam por si. Espera-se que as decisões sejam revistas pelo pleno na reabertura do ano judiciário em fevereiro.

As decisões foram equivocadas porque obviamente estimulam a impunidade.
A concessão de liminares nestas circunstancias não é comum, não havia justificativa de urgência, o colegiado foi desprestigiado.

A decisão foi solitária ou monocrática, mas fica a imagem negativa de que foi o STF que deu as costas à Nação. A íntegra deste artigo, do promotor Ricardo Coelho, que escreve com exclusividade para este blog uma vez por semana, você confere no menu Opinião. Vale a pena!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Bartolomeu Lopes

E eles diziam que a PF com suas operações queria dar um golpe no Estado Democrático de Direito. Mas agora, descobre-se quem, realmente, quer dar o tão falado golpe. O STF é a maior fonte de corrupção deste país. É ladrão julgando ladrão. É isso.

andre regidwitz

O marco aurélio NUNCA fez um concurso na vida.

José Carlos da Silva

Esse Ministro deveria ser punido, pois ele com essa decisão tendenciosa, coloca em cheque a imagem e credibilidade da Suprema Corte.

Lucidio de Figueiredo Galvão Júnior

Pode investigar a vida pregressa destas duas ´´otoridades`` que vai achar deslizes, por isso tentam barrar a todo custo uma investigação que chegrá a eles e vários dos seus pares.

José Carlos da Silva

Concordo com Vossa Excelência, e digo mais: Decisão com essa coloca na berlinda a credibilidade da nossa democracia. Que pais é esse em que os magistrados legislam em causa própria e ninguém pode fazer nada? Para mim isso configura uma anarquia. Estamos de Luto!



22/12


2011

“Temos constrangedores índices no sistema educacional”

 

 

 

 

 

 

 

 

Crédito da foto: André Oliveira

Às vésperas do encerramento dos trabalhos na Câmara Federal, o senador Armando Monteiro (PTB/PE) fez um balanço do seu primeiro ano de mandato e dos principais temas debatidos. Para 2012, Armando alertou para a necessidade de o Brasil avançar de maneira mais intensa na agenda da educação, na melhoria do ensino no País.

“Como oitava economia do mundo, nós temos constrangedores índices no sistema educacional o que prejudica avançarmos mais na capacitação de mão de obra para que efetivamente ocorra uma verdadeira inclusão social”, explicou o senador que também é membro da Comissão de Educação.

Armando Monteiro apontou outros desafios para 2012. Sob sua responsabilidade estão dois projetos de forte impacto. O primeiro trata da repactuação das dívidas dos Estados, municípios e Distrito Federal com a União (é o PLS 334/2011) - projeto que deve liberar mais recursos para investimentos dos estados e municípios em infraestrutura. O segundo projeto cria o Código de Defesa do Contribuinte (PLS 298/2011).

Balanço dos projetos 

O parlamentar reforçou, ao longo de 2011, seus compromissos com a defesa do setor produtivo brasileiro, com o fortalecimento das micro e pequenas empresas, com o estímulo ao empreendedorismo e a melhoraria do ambiente de negócios no Brasil.

Para Armando Monteiro, essas linhas de atuação, sempre presentes na sua trajetória política, foram amplamente discutidas no Senado e certamente permanecerão na pauta do próximo ano, por se tratar de temas que “tornam a economia do Brasil cada vez mais dinâmica”.

Armando Monteiro destacou ainda que tem se dedicado a outros temas essenciais ao desenvolvimento do Brasil, a exemplo da segurança pública, tema que aflige a sociedade. Sensibilizado com esse grave problema, Monteiro destinou R$100 milhões em emenda de bancada para o programa Atitude, vinculado ao Pacto Pela Vida, do governo de Pernambuco, para o atendimento às vítimas do crack e de outras drogas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


22/12


2011

As verdadeiras razões da ausência de Queiroz

O prefeito de Caruaru, José Queiroz (PDT), alegou exames médicos no Recife para não comparecer à confraternização do grupo Lyra ontem, no escritório da deputada Raquel Lyra, em Caruaru. Festa, aliás, comandada pelo governador em exercício João Lyra Neto.

Na verdade, esta não foi a razão principal. Foi sim o sentimento de mágoa com Lyra, que criticou o governo Queiroz, afirmando que não estava bem avaliado pela população. Queiroz poderia ter dado uma passadinha por lá, sim, às 19 horas, conforme sinalizou Augusto, um dos seus assessores que o acompanham no dia a dia num contato com o jornalista Rubem Júnior, assessor do governador em exercício.

De lá, ele teria seguido para o Recife, até porque Lyra chegou ao local por volta das 18 horas. Queiroz estava na cidade e não foi porque não absorveu ainda os torpedos de Lyra à sua gestão. O deputado Wolney Queiroz, filho do prefeito, também não apareceu por lá. Segundo o blog apurou, a confraternização tradicional do grupo João Lyra é a do Jornal Vanguarda junto com a Empresa Caruaruense e para esta, realizada na semana passada, nem o prefeito e ninguém do seu grupo fora convidado.

Quanto à de ontem, realizada pela primeira vez, os convites teriam chegado de última hora. Os assessores mais próximos do prefeito alegam que as declarações do governador João Lyra contra a gestão municipal foram intempestivas e só ratificam o estilo beligerante dele (Lyra), porque só serviram para criar um clima de animosidade na Frente Popular de Caruaru.

Entendem, ainda, que Lyra, pelo posto que ocupa, ao criticar o governo Queiroz atingiu, consequentemente, a figura do prefeito na condição de presidente estadual do PDT. Por fim, Queiroz e Wolney não foram à festa porque não são adeptos do estilo do faz-de-conta. ''Não adiantava passar por lá apenas para dar um tapa de luva. Isso é falso'', diz um dos assessores de Queiroz, confirmando sua insatisfação com as críticas do governador em exercício.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

ILDA CARUARU

JOÃO LYRA NETO É QUE NÃO AGUENTA ENGOLIR SAPO. ZÉ QUEIROZ PENSA QUE JOÃO ESQUECEU O QUE ELE DISSE: SE O BRASIL FOSSE UM PAÍS SÉRIO, JOÃO LYRA NETO ESTARIA NA CADEIA DISSE ZÉ QUEIROZ.

Aldenes coutinho

Eu tb acredito que papai noel éxiste...conversa mole pra boi dormir.. a briga é grande e vai render muito ainda!



22/12


2011

O novo emprego de Orlando Silva

O ex-ministro Orlando Silva foi contratado como assessor especial da presidência do PCdoB por um salário mensal de R$ 4 mil. Segundo correligionários, ele teria recusado três propostas de emprego na iniciativa privada. Até fevereiro, Silva está em quarentena prevista em lei e recebe o salário de ministro. A informação foi publicada no Poder Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Luiz Gonzaga Neto

QUARENTENA NA LINGUAGEM VETERINARIA SIGNIFICA ISOLAR UM ANIMAL POR DETERMINADO TEMPO PRA SABER SE O MESMO É PORTADOR DE ALGUMA DOENÇA QUE POSSA INFECTAR OUTROS ANIMAIS. MAS NA LINGUAGEN POLITICA BRASILEIRA SIGNIFICA DAR UM PREMIO A UM MINISTRO DEMITIDO POR SUSPEITA DE FRAUDE. QUE PAÍS É ESSE???????

jose carlos da silva

Quem disse que o crime ñ compensa? Até no inferno há punição, aqui no Brasil há prêmio.



22/12


2011

Em balanço, Dilma elogia coordenação política

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ontem à noite em sua festa de confraternização de final de ano com ministros e líderes governistas, no Palácio da Alvorada, a presidenta Dilma Rousseff não poupou elogios a seus coordenadores politicos. A informação foi divulgada hoje no Poder Online.

Ninguém acreditava que desse muito certo o grupo formado pelas ministras Ideli Salvatti (Assuntos Institucionais) e Gleisi Hoffmann (Casa Civil) e pelos líderes do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza (PT-SP); no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR); e no Congresso, José Pimentel (PT-CE).

Nem eles mesmo acreditavam, e também não morrem muito de amores uns pelos outros. Incluindo aí os presidentes da Câmara, Marco Maia (PT-RS), e no Senado, José Sarney (PMDB-AP). Mas a verdade é que, no balanço de fim de ano do Palácio do Planalto, tudo que o governo queria do Congresso foi aprovado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

andre regidwitz

Fotos como essa são repugnantes: a disputa dos bajuladores pela atenção da Presidente. Não soltam ela nem para deixa-la ir ao toalete. Esperam-a na porta



22/12


2011

Congresso suspende repasses da União para Metrô do Rio

O Congresso Nacional suspendeu hoje os repasses para cinco obras em andamento no País com previsão de receber recursos federais, entre elas a Linha 3 do Metrô do Rio, prevista para ligar Niterói a Itaboraí até 2014.
Os parlamentares da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO) aprovaram o relatório do Comitê de Avaliação das Informações sobre Obras e Serviços com Indícios de Irregularidades Graves (COI), que analisou uma lista de obras suspeitas pelo Tribunal de Contas da União (TCU).

O relatório retira a previsão de recursos do Orçamento da União de 2012 para as obras. No entanto, caso as irregularidades sejam sanadas, os repasses poderão ser retomados em forma de crédito adicional no Orçamento.
No começo de novembro, o TCU recomendou a paralisação de 27 obras.

A decisão sobre a suspensão de repasses caberia ao Congresso. Das 27 obras, os parlamentares decidiram paralisar cinco. Entre os argumentos para a suspensão dos repasses para as obras da Linha 3 do Metrô do Rio estão sobrepreço na aquisição de produtos e serviços e deficiência no projeto, conforme relatório do deputado Weliton Prado (PT-MG).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


22/12


2011

Natal Sem Fome beneficiou mais de 25 mil famílias este ano

A campanha Natal Sem Fome dos Sonhos em Pernambuco de 2011 já fez a alegria entrar nos lares de mais de 25 mil famílias pernambucanas desde outubro até esta quinta-feira. São aproximadamente 125 mil pessoas em todo o Estado beneficiadas por doações de cidadãos comuns, empresas e instituições sociais com mais de 250 toneladas de alimentos, 25 mil livros e brinquedos. 

Todas as regiões do Estado desde os sertões do São Francisco, Central, do Araripe e Pajeú, passando pelo Agreste, zonas da Mata Norte e Sul e toda a região Metropolitana do Recife, numa ação discreta e coordenada por voluntários da própria região que demonstraram que a mobilização social de cidadania em ações de solidariedade são cada vez mais fortes e estruturadoras, não apenas no Natal, mas o ano inteiro e especialmente em momentos emergenciais como enchentes ou secas.

“Não há como negar que a organização social, baseada na ética e na vontade de fazer o bem cresce em todo o País, fruto da provocação histórica de personagens como o sociólogo Herbert de Souza, o Betinho e, em Pernambuco, com o carisma de Dom Helder Câmara que apoiou o movimento na primeira hora. Trata-se de uma transformação profunda, que não se percebe à primeira vista, mas que confirma o crescimento da consciência de cidadania da população que se coloca cada vez mais participativa nas ações sociais”, disse o coordenador do Comitê Pernambuco Solidário Anselmo Monteiro.

O balanço detalhado das ações, com prestação de contas daquilo que foi arrecadado e para onde foi distribuído acontecerá na tarde de amanhã, na sede do Comitê da Ação da Cidadania Pernambuco Solidário, a partir das 16h.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

jose carlos da silva

Aqui no brazil a anta de caetés já zerou esse problema,ou não? Se negativo foi mais uma falácia do morimbundo.

milton tenorio

Magno, e o Natal sem fome da Alepe? Beneficiando ex- Deputados?



22/12


2011

Prefeitura de Flores antecipa salários férias de professores

Boa notícia para o funcionalismo da cidade de Flores, no Sertão do Estado. A prefeitura faz o pagamento, hoje, da folha de dezembro dos servidores efetivos, lotados no FUNDEB 40% e 60%, dos servidores efetivos lotados nas secretarias de: Administração, Infraestrutura, Finanças, Ação Social, Gabinete e Turismo Eventos. Recebem também, nesta quinta, os contratados lotados no FUNDEB 40% e 60%. Os professores também terão antecipados 1/3 das férias, competência 2011/2012 . Flores já efetuou o pagamento do 13° salário de toda folha salarial no mês de novembro.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha