O Jornal do Poder

20/02


2008

Enquete em Belo Jardim: Cintra e Valdeci empatam

Em Belo Jardim, Cintra Galvão, do PTB, tem na enquete deste blog apenas um voto na frente do candidato do DEM, Valdeci Torres, o que revela, mais uma vez, a tradição do município de realizar eleições polarizadas e acirradas entre os Mendonça e os Cintra. Vamos votar, gente! A briga promete! Mas, lembre: faça antes o seu cadastro. Conforme a resolução do TSE, enquete não se configura pesquisa eleitoral, porque não tem base científica. Trata-se apenas de um levantamento aleatório de dados.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Potencial Pesquisa & Informação

20/02


2008

Jaboatão: Pastor Collins reage e empata com André

Já em Jaboatão, a novidade é o crescimento da candidatura do Pastor Collins, do PSC, que aparece empatado com o petista André Campos - 28.57% a 27.21% dos votos. Essa briga também vai longe e só está começando. Vamos votar, gente! Mas, antes faça o seu cadastro clicando em Cadastro, no canto esquerdo da página. E bom voto!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

20/02


2008

Hoje tem palestra em Macaparana

Hoje, estarei em Macaparana, a 120 km do Recife, para dar prosseguimento ao projeto de interação e ao mesmo tempo de integração com os leitores do blog. Farei uma palestra na Câmara de Vereadores às 19 horas em cima da mesma temática - Blog, a nova mídia e a política. Aproveito para convidar os que acompanham este blog em Macaparana e a população em geral.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/02


2008

Aval critica projeto de deputado sobre jogo do bicho

 Um dia após a manifestação dos trabalhadores vinculados às casas de aposta e do encontro do grupo com o Governador do Estado, Eduardo Campos, foi publicado, ontem, no Diário Oficial do Estado, o Projeto de Lei de número 458/2008, que versa sobre a contratação, por parte da gestão, de parte dos cerca de 50 mil desempregados. Sendo aprovada, a admissão se dará por meio das empresas de terceirização contratadas pela administração estadual, quando no momento da renovação do acordo de prestação de serviços. Os jogos de azar estão suspensos no Estado, por meio de liminar federal, desde 29 de janeiro.

A matéria, de autoria do deputado estadual Pedro Eurico, foi criticada pela Associação dos Vendedores Autônomos de Loterias (Aval), tendo sido classificada como uma tentativa de tirar de foco a recusa do parlamentar em apoiar o movimento do grupo. “Não há máquina, não há governo que possa garantir a contratação dessas pessoas. É muita gente. Ele quer dar um jeitinho por ter sido contra nossa causa”, afirmou o porta-voz da entidade, Zuca Show. De acordo com ele, Eurico foi o único que não demonstrou interesse em apoiar a reivindicação dos trabalhadores.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Antonio Andrade

A proibição foi a melhor coisa q aconteu no ano!!!!! apesar de ñ gostar do dep. Pedro Eurico, nessa ocasiao eu o apoio!!!!

Geraldo Branco Jr

O que a falta de verdade faz... o Sr José Carlos da Silva deve ser de que "cambada"? preste atenção rapaz!!! Não chame trabalhadores de cambada. Se vc não tem opnião formada, se informe. Mas não destile seu preconceito aquí nesse blog.

EDILSON BENTO CAMPELO

Regularizem,cobrem os impostos que tem que ser cobrados,e eles que assumam,e não ficar com este joguinho,que vergonha deputado.

EDILSON BENTO CAMPELO

Quero dizer para o grande deputado Pedro Eurico,que existe mas de 50 mil pessoas desempregadas com o fechamento das lotericas,ele que se diz tão defensor das pessoas,analize quantas crianças estão em casa esperando os seus pais largarem do trabalho para ter o que comer,isto é correto?

jose carlos da silva

Parabéns ao deputado Pedro Eurico. Essa cambada tem mesmo é que procurar trabalho no setor produtivo prá melhorar a Previdência Social e o Brasil.



20/02


2008

O bicho vai pegar

De site de Divane Carvalho

 Pedro Eurico (PSDB) não sabe o que quer. Na semana passada, foi o único deputado que na tribuna das Assembléia concordou com a proibição do Jogo do Bicho pelo Ministério Público e fez questão ressaltar que a atividade era ilegal e por isso devia ser combatida.
 
Agora, apresentou projeto de lei propondo que as empresas que prestam serviços terceirizados ao Governo de Pernambuco empreguem pessoas que trabalharam nos jogos de azar, incluindo as casas lotéricas, ao renovarem seus contratos com o Estado.
 
A proposta do deputado é o que se pode chamar de uma grande viagem na maionese. Será que ele pensa que, com isso, poderá angariar alguma simpatia dos milhares de eleitores que ficaram desempregados depois da proibição do Jogo do Bicho?
 
É bem difícil que isso aconteça. Mais fácil é o bicho pegar na hora do deputado sair por aí em busca de votos para tentar se eleger prefeito de Olinda ou quando precisar renovar seu mandato na Assembléia.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Geraldo Branco Jr

Não quero defender dono de banca de jogo do bicho, mas os funcionários dessa categoria merece reispeito. Tem muito babão de político de plantão. Pedro Eurico, se depender de mim, aquí em Olinda vc não ganha nem p/ vereador!!

LUCIANO DA SILVA OLIVEIRA

Desafio o tal ZUCA SHOW a provar que existem 50 mil desempregados formalmente? oura coisa porque a aval não banco o jogo as 4 e sábados? Me parece que o tal jogo do bicho tinha boi na linha. Ja que não se pode trabalhar cinco dias que se trabalha dois, mais a Federal é feita pelo governo.

jose carlos da silva

Excelente idéia. Merece apoio e aplausos. Só critica os amantes de irregularidades. Avante deputado!



20/02


2008

Lula defende direito da Universal de processar a Folha

 O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou ontem que, na sua avaliação, as mais de 50 ações judiciais movidas em nome de fiéis da Igreja Universal do Reino de Deus contra a Folha não são uma ameaça à liberdade de expressão e disse que elas fazem parte da consolidação da democracia no país.

Lula afirmou que, se a Igreja Universal recorreu ao Poder Judiciário, ela está usando "um dos pilares da democracia para questionar o jornal". Questionado se essa avaliação seria válida mesmo que houvesse uma ação orquestrada da igreja com ações em diversos pontos do país sob orientação de sua cúpula, o presidente respondeu que "a liberdade de imprensa pressupõe isso".

"O dia em que a Folha de S.Paulo se sentir atingida pela Igreja Universal ela vai processar a Igreja Universal. O dia em que a Igreja Universal se sente atingida pela Folha, vai processar a Folha. E assim a democracia vai se consolidando no Brasil", afirmou Lula ontem.(Informações da Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Renato Cruz

Gostei do posicionamento do Lula nesse caso. certos setores de imprensa tem que acabar com esse negócio de falar que quando alguem ou alguma entidade recorre ao poder judiciário, está se ferindo liberdade de imprensa. O QUE TEM QUE HAVER É MAIS RESPEITO DE CERTOS JORNALISTAS COM CERTAS MATÉRIAS.

jose carlos da silva

Gostaria de processar o governo federal por não garantir a integridade física dos brasileiros cfe manda a constituição federal. Assaltos, roubos, latrocínios etc, e tal é o que não faltam.



20/02


2008

Petrobras é a mais sólida do mundo na área de petróleo

 A Petrobras é a companhia mais sustentável do mundo no setor de petróleo e gás. A conclusão é de um estudo da consultoria espanhola M&E (Management & Excellence) que mediu o desempenho das 20 maiores do setor com base em 387 indicadores. Numa escala de zero a 100, a petroleira atingiu 92,25. Além das recentes descobertas de petróleo, contribuiu para o resultado a evolução em quesitos como governança corporativa, transparência e responsabilidade socioambiental. William Cox, presidente da M&E, criticou no entanto as ações para fontes de energia renovável, que mereceram menos de 1% do plano de investimento até 2011. Ontem, a estatal deu ontem o pontapé inicial para construção do primeiro alcoolduto do País ao aprovar a criação de uma empresa para estruturar os projetos conceitual e básico. Suas sócias serão a japonesa Mitsui e a Camargo Correa. (Informações da Gazeta Mercantil)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

LUCIANO DA SILVA OLIVEIRA

Mais sódida também em corrupção. A petrobrás é uma vergonha nacional, justamente por ter muito dinheiro em caixa.



20/02


2008

Ministro do PDT faz a festa no partido com muita verba

 O Ministério do Trabalho e Emprego aprovou repasse de R$ 50 milhões a pelo menos 12 entidades ligadas ao PDT para realizar treinamento de jovens em vários Estados do país. O presidente do PDT é o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, e seu partido é o maior beneficiado. O ministério aprovou 30 convênios, em um total de R$ 111,5 milhões. Mas quase a metade do dinheiro seguirá para 12 entidades apenas, todas relacionadas ao PDT. Alguns dos dirigentes das entidades que estão recebendo os recursos são parentes, doadores de campanha ou amigos dos políticos do PDT que fizeram os pedidos de verba. Outras organizações são chefiadas pelos próprios políticos do PDT. Os acordos foram assinados entre 30 de novembro de 2007 e 10 de janeiro passado, e a primeira parcela dos repasses já foi feita. O valor desses 12 convênios sobe para R$ 70 milhões se computadas verbas para bolsas destinadas a jovens. O Ministério do Trabalho e os beneficiados pelos convênios negam irregularidades nos repasses ou o uso de influência política na liberação da verba.(Informações da Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Adeildo Santos

Isso é orquestração daqueles que querem derrubar o Ministro. Consultem a lista das entidades beneficiadas e terão a verdade. O trabalho de Lupi em defesa ao trabalhador está tirando o sono das elites. Querem fazer com Lupi o que fizeram com Jango.

João Batista

Com a palavra, o defensor imbatível do PTLADRÕES, o PÍFIO GRANGEIRO......... vá tomar o remédio controlado....por favor

jose carlos da silva

E a farra com o dinheiro público não para. Acorda povão!



20/02


2008

Cuba quer ajuda de Lula para quebrar bloqueio americano

 Em encontro na capital cubana, Havana, no mês passado, Raúl Castro disse ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva que desejava acelerar o processo de transição política e econômica em Cuba. Para o sucesso dessa tarefa, observou que o Brasil seria um parceiro mais conveniente do que a Venezuela, de Hugo Chávez. No poder desde julho de 2006, quando Fidel se afastou "temporariamente", Raúl pediu em janeiro último a ajuda de Lula para aumentar investimentos privados no país e melhorar as relações internacionais de Cuba, sobretudo com os Estados Unidos. Na opinião de integrantes da cúpula do governo brasileiro, Raúl deseja empenho de Lula para tentar convencer os Estados Unidos a pôr fim ao bloqueio econômico que teve início em 1962. Num cenário de transição mais rápida do que a atual, Lula avalia que os empresários brasileiros deveriam acelerar planos de investimento em Cuba. O brasileiro pretende estimular esses empreendimentos.(Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/02


2008

Lula: uma força da natureza, diz Hartung. Lula concordou

 O presidente Lula não economizou ontem elogios ao próprio governo. Um dia depois do resultado da pesquisa CNT/Sensus, que apontou crescimento de sua popularidade, e impulsionado pelos elogios do governador do Espírito Santo, Paulo Hartung (PMDB), Lula, em discurso de 38 minutos, disse que no Brasil não se fala mais em inflação e que a economia não cresce mais sustentada pela especulação financeira.

— Neste país já não se fala de inflação, da dívida externa. Passei 20 anos da minha vida carregando uma faixa: "Fora FMI". Fui eu que mandei ele embora, e sem nenhuma bravata. Alguém me viu fazendo discurso? Não, não fiz, porque como chefe de Estado eu não posso me comportar como quando eu era militante, que eu falava o que queria. Agora eu tenho que falar o que posso falar, só.

Hartung afirmou que a pesquisa era "uma referência ao que estamos vivendo":

— O senhor é uma força da natureza. O senhor deu conta do recado.

Lula devolveu:

— Se eu chego à Presidência e acontece um governo totalmente fracassado, como alguns queriam que fosse, iríamos levar cem anos para levantar a cabeça outra vez — disse. — Se a pobreza tornasse o homem violento, eu seria muito violento. E sou um homem tranqüilo.(Informações de O Globo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Severino Isidoro Fernandes Guedes

... políticos que praticam a máxima franciscana as avessas do "é dando que se recebe". Políticos que não pensam no país e que não dão apoio ao presidente, vendem esse apoio pelo preço mais alto e não para o bem do povo, mas sim para a satisfação de seus próprios interesses.

Severino Isidoro Fernandes Guedes

... não dá para acreditar que a corrupção vá ser controlada com a estrutura e o sistema político-eleitoral que temos (que privilegia a gatunagem) e que torna os presidentes da República a negociar no varejo com um Parlamento repleto de políticos fisiologistas e sem espírito público...

Severino Isidoro Fernandes Guedes

... com referência a corrupção, este é um mal endêmico, que não foi o gov. Lula que inventou. Ela não ampliou-se, o que ampliou-se foi a percepção do cidadão de que ela existe e deve ser combatida, Infelizmente eka (a corrupção) ainda vai figurar por um bom tempo no nosso dia a dia...

Severino Isidoro Fernandes Guedes

... mas nem os mais ferrenhos adversários do presidente podem negar que o país está crescendo, gerando empregos, distribuindo renda, com a economia equilibrada e sofrendo menos os efeitos da economia externa (e o que é melhor, sem o FMI metendo o bedelho por aqui)...

Severino Isidoro Fernandes Guedes

Mesmo com os pecados morais de seu governo, o presidente Lula inegavelmente está conseguindo equilibrar a economia e distribuir renda no país. O Bolsa Família é um exemplo disso, tem pontos positivos (a distribuição da renda) e negativos (a promoção da dependência e assistencialismo)...