O Jornal do Poder

12/08


2011

Mais de mil vão trabalhar na transposição

Rivânia Queiroz, repórter especial

O ministro Fernando Bezerra Coelho, que ontem esteve visitando o canteiro de obras da Transposição do Rio São Francisco, em Mauriti, no estado no Ceará, informou que já estão trabalhando no projeto mais de 800 trabalhadores e que a perspectiva é de se chegar há mais de mil. “As obras estão sendo tocadas. Há 12 frentes de trabalho. Não tem isso de está paralisada”, ressaltou Fernando Bezerra.

O projeto São Francisco é a mais importante iniciativa do governo federal destinadas às políticas hídricas. O objetivo é garantir a oferta  de água para o desenvolvimento sustentável do Nordeste Setentrional, onde as secas acontecem frequentemente. Com a transposição, o abastecimento de água será garantido nos grandes centros urbanos, nas pequenas e médias cidades inseridas no semiárido e de áreas do interior do Nordeste.

Além do ministro, o secretário de Infraestrutura Hídrica, Augusto Wagner Padilha Martins, tem o acompanhado em todas as vistorias da obra. Aqui em Recife, eles conversam agora com o coordenador do Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contra as Secas), Antônio de Pádua Kerle, e vários empresários que representam as empresas construtoras do Projeto São Francisco. A reunião deve se estender até a noite.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

12/08


2011

Ministro dá prazo para a retomada das obras no Estado

Rivânia Queiroz, repórter especial

 














A reunião para tratar da aceleração do projeto São Francisco acontece às portas fechadas. Porém, antes de entrar no auditório do Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contra as Secas), localizado no bairro da Tamarineira, na Zona Norte do Recife, o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, conversou rapidamente com a imprensa. Disse que até o dia 30 de agosto espera que todos os aditivos estejam compactuados. “As empresas responsáveis por esses trechos aguardam a finalização da celebração dos aditivos contratuais, que ocorrerá até o dia 30”, assegurou o ministro.

Outro prazo dado por Fernando Bezerra foi o dia 30 de setembro, quando o conjunto da obra deve está em plena execução. As obras físicas do Projeto de Integração do Rio São Francisco com Bacias Hidrográficas do Nordeste Setentrional tiveram início no mês de agosto de 2007. À época, o projeto foi dividido em dois canais e 14 lotes de obras.

Atualmente, cinco lotes estão com suas obras paralisadas, sendo quatro deles localizados em Pernambuco (Verdejantes, Custódia, Sertânia e Floresta) e um na Paraíba. Outros três lotes estão se arrastando em passos lentos. Os demais estão em ritmo normal, de acordo com o ministro.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Jair Lima Lopes de Vasconcelos

Cadê as obras em Petrolina, FBC! 7 meses e até agora NADA.

Flavio

No próximo ano, que tem eleição, vão aparecer mais obras para enganar os bobos e depois ...


Banco de Alimentos

12/08


2011

É rasteiro o nível da política cearense!

Veja a que nível chegou o debate político no Ceará, consequência das críticas disparadas pelo chefe de gabinete do governador Cid Gomes, Arialdo Pinho, que não gostou de uma reportagem na revista IstoÉ enaltecendo o Governo da prefeita petista Luizianne Lins. O email abaixo é do presidente do PSB em Fortaleza, deputado Sérgio Novais. E foi endereçado a um jornalista, há pouco. Preste atenção ao conteúdo:

"O secretário da Casa Civil do Governo Cid Gomes é um moleque!! Moleque mandado do Ciro Gomes, Ivo Gomes e do Cid Gomes. Nesta serie de twitadas, ele agrediu covardemente a deputada estadual Eliane Novais (PSB) e a mim, como suplente do senador José Pimentel (PT), dirigente municipal e nacional do PSB.

Agrediu também, com linguagem chula, o povo de Fortaleza.

Discordo da prefeita Luizianne Lins quando ela levanta a hipótese das agressões à sua pessoa serem originadas nos problemas internos do PSB. Não, não é provável. O histórico de mentiras vem de longe. O que tem de novo são molecagens contra o senador José Pimentel, a deputada Eliane e a mim.

Fico inclinado a pensar que o tormento do “moleque” e dos chefes é o ESCÂNDALO DOS BANHEIROS !!!

Sem mais,

* Sérgio Novais,

Presidente do PSB


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


12/08


2011

PR deve deixar base aliada do governo

 O líder do Partido da República (PR) na Câmara dos Deputados, Lincoln Portela (MG), sinalizou hoje, que a sigla deve deixar a base aliada ao governo da presidente Dilma Rousseff, após pesquisa mostrar ser esse o desejo da maioria da bancada da legenda. "Eu fiz uma pesquisa com cada parlamentar," disse o líder, segundo o portal Terra.

"Noventa por cento do partido na Câmara dos Deputados optou pela independência. Isso não quer dizer que o partido tomará essa posição. Mas isso gera uma tendência", disse a jornalistas. Portela tem ameaçado retirar o PR do bloco governista na Câmara desde a semana passada, quando a bancada do partido no Senado tomou a mesma medida.

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

roberto lima

Ha um engano: esse PR nunca foi partido e sim GANG.

LUCIANA ALVES

Pago para ver.Esse partido nunca foi oposição. Sempre mamou nas tetas de todos os governos. Terá urticária se ficar longe do poder. O PP e seus politicos tem, de fato, de assumir os erros. Saindo do poder não vai fazer o povo esquecer.Sorry



12/08


2011

Ministro discute transposição do São Francisco no Dnocs

Rivânia Queiroz, repórter especial

 O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, tem reunião agendada com o coordenador do Dnocs (Departamento Nacional de Obras Contra as Secas), Antônio de Pádua Kerle. O encontro está prevista para ter início às 15h, no auditório do Dnocs, localizado no bairro da Tamarineira, na Zona Norte do Recife.

Até o momento, nem o ministro nem os demais participantes do encontro chegaram ao local. A assessoria do Dnocs informou que a reunião será fechada. A pauta do encontro é para discutir as negociações para a retomada da obra em ritmo pleno, dando continuidade nas negociações dos aditivos.

Também foram convidados o secretário de Infraestrutura Hídrica, Augusto Wagner Padilha Martins; o chefe do Departamento de Projetos Especiais (DPE),Marcelo Borges; o coordenador geral do obras do DPE, Stanley Bastos; a coordenadora geral de Meio Ambiente do DPE, Elianeiva Viana; além do chefe de gabinete da SIH, Ricardo de Pontes Costa, e representantes das empresas construtoras do Projeto São Francisco.

O empreendimento faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) composto por obras, estudos, projetos e demais ações, que engloba a construção de dois canais: o Eixo Norte, com 426 quilômetros e 44% de execução, e o Eixo Leste, com 287 quilômetros e 70% concluído. A obra deve beneficiar uma população estimada de 12 milhões de habitantes, além de gerar emprego e de promover a inclusão social.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Flavio

FBC é Tricolor!



12/08


2011

Aliados de Kassab desistem do PSD e cogitam ir para o PV

 Diante dos riscos impostos à criação do PSD a tempo da corrida municipal de 2012, aliados do prefeito Gilberto Kassab patrocinador da nova sigla já recorreram a um plano B: o PV.  Segundo a Folha Online, dos seis vereadores kassabistas que saíram do PSDB com a disposição de se filiar ao PSD, três anunciaram a decisão de se filiar ao PV. Entre eles, o vereador Gilberto Natalini, um dos mais aguerridos defensores de Kassab. ''Estou esperando a direção do PV para dar um ''start'' na mudança'', disse.

Para tirar o PSD do papel, Kassab precisa do apoio de 490,3 mil eleitores. As assinaturas devem ser colhidas em, pelo menos, nove Estados. Porém, denúncias de irregularidades na coleta dessas assinaturas podem atrapalhar os planos de Kassab. Entre as suspeitas está o uso da máquina da Prefeitura de São Paulo para recolher apoio à criação do novo partido e até a inclusão de nomes de pessoas que já morreram.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


12/08


2011

Tribuna do leitor: aversão a democracia

“Caro Magno,

Em resposta a “Tribuna do leitor: oposição transforma conferência em palanque” postada no blog. Segue esclarecimentos:

Aversão a democracia. Uma das coisas mais “abomináveis” e “intrigantes” do período ditatorial chamava-se no incômodo e desconforto total que causava a pluralidade de pensamentos. Quis a história e a luta da juventude brasileira para mudar essa visão pífia de pensamento único.

Pois bem, quiçá duas décadas posterior a um grande período de manifestações em prol da democracia, leio um texto de um senhor hilariante, ex-vereador, ex-diretor da Prefeitura e atual assessor do prefeito, citando a movimentação da nossa Juventude na Conferência Municipal do segmento, sem conhecimento real algum.

Juventude essa que estava perguntando ao secretário de Educação onde estava o Piso Salarial que é nacional dos professores, juventude essa que queria entender o motivo do terceiro encontro da Juventude que o Chefe do Executivo ter faltado, juventude essa que queria democratizar o debate ouvindo o boicotado vereador Lícius Cavalcanti, juventude essa que ganhou uma eleição democraticamente, por 16votos a 4, a única vaga de juventude partidária do Conselho Municipal.

Um dos pilares desse CMJ é a fiscalização do Governo Municipal, não a forma “lagartixa” e “caolha” de fazer politicagem de pessoas que usufruem as benesses do Poder e que utilizam as redes sociais para “parasitar” seu cérebro. O pensamento político dos jovens caruaruenses está cada vez mais maduro e crítico, isso chama-se evolução!

A preocupação do suplente de vereador em relação a Juventude do PSDB deveria ser a mesma quando ocupava a Diretoria dos Vetores, onde teve uma passagem inerte, caótica e inexpressiva, fadado ao insucesso eleitoral e técnico.

Para se ter uma idéia da falta de comprometimento político com a Juventude, foi à troca do almoço para os jovens que passaram o dia todo na Conferência, por um simples “lanche”, sem esquecer da falta de iluminação nas salas da Escola Profº Machadinho, durante os debates temáticos. Bendito seja o memorável Mário Covas,que dizia: “Longe das benesses do poder, mais perto do pulsar das ruas!”.

Tudo isso, reflete o desconforto do bajulamento excepcional a um ex-prefeito em exercício.  Enquanto isso, a Prefeitura de Caruaru parabeniza os alunos da Rede Municipal com a Greve dos professore sem pleno Dia do Estudante. O que temos a comemorar? A supressão do ideal democrático ou a completa mentalidade capadócia ideológica da situação?.

RaffiêDellon
Conselheiro Municipal de Juventude e vice-presidente nacional do PSDB Jovem


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


12/08


2011

Ministro nega ter quebrado sigilo de operação da PF

 O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, reagiu às alegações de que ele sabia, com antecedência, da Operação Voucher. "Eu, como ministro da Justiça, tenho o dever de cumprir a lei. Portanto, eu jamais poderia ser informado da operação previamente, sob pena de configuração de crime", disse ele à Folha Online, referindo-se à ação da Polícia Federal que, na última terça-feira, prendeu 36 pessoas suspeitas de envolvimento em esquema de desvios de recursos públicos no Ministério do Turismo.

Sobre as críticas de que ficou calado ao saber da operação, Cardozo foi taxativo: não quebrou e não quebrará o sigilo de operações da PF, independente da extensão do caso. "Não esperem de mim outra coisa que não seja o respeito incondicional à lei", disse.

(Foto: Marcelo Camargo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


12/08


2011

PT conta com o PSD para aprovar CPI em São Paulo

 Não é novidade que o PT está dando a maior força para o PSD do prefeito Gilberto Kassab. Afinal, o partido será a “janela” para engordar a base parlamentar do governo Dilma Rousseff. Em São Paulo, os petistas estão entusiasmados com o PSD pelo motivo oposto: ampliar a oposição. Segundo o Poder Online, a expectativa é que a nova legenda retire da base do governador Geraldo Alckmin ao menos cinco deputados.

Esses pesedistas dariam à oposição o número de assinaturas necessárias para instalar CPIs na Assembleia Legislativa. Na capital paulista, porém, o PSD permanece na oposição e disputando com o candidato de Kassab em 2012. Pelo menos, no primeiro turno.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


12/08


2011

Suspeitos negam envolvimento em desvios no turismo

 Os investigados na Operação Voucher negam envolvimento no suposto esquema de desvio de recursos do Ministério do Turismo, informa a Folha Online. A defesa da ONG Ibrasi refutou a acusação de que a entidade teria criado uma organização criminosa. Para o advogado Alessandro Brito, as prisões durante a operação ocorreram em uma fase ''embrionária'' das investigações, e a Polícia Federal se baseou apenas em relatório do TCU (Tribunal de Contas da União) e em escutas telefônicas.

''A partir desse relatório, feito com base em questões técnicas, não dá para cogitar que existe peculato [desvio de verba pública] e formação de quadrilha.'' Segundo a defesa do ex-secretário-executivo do Turismo Mário Moysés, não há provas de sua participação nas irregularidades e ele foi acusado apenas em função do cargo que ocupava.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


12/08


2011

Senado deve consertar erros no Código Florestal, diz Marina

A ex-ministra do Meio Ambiente e ex-integrante do PV Marina Silva disse ontem, no Encontros Estadão & Cultura, que espera que o Senado conserte os erros da Câmara Federal, que aprovou o substitutivo do Código Florestal apoiado pela bancada ruralista. Para ela, a mobilização da população é fundamental.

''Podemos criar formas sui generis de mobilização, para que os senadores se sintam politicamente estimulados e eticamente constrangidos a consertar o que foi feito na Câmara'', afirmou a ex-ministra. Segundo a Agência Estado, Marina lembrou que a discussão sobre o Código Florestal é muito antiga: desde a primeira versão da lei, promulgada em 1934, já havia uma preocupação com os rumos da ocupação e do uso do solo no País.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha