Governo de PE

23/08


2019

Analistas apontam percepções sobre pautas do governo

Fonte/Foto Brasil247

Da Folha de S. Paulo - Coluna Painel
Por Daniela Lima

 

Estudo feito pelo site Infomoney com dez casas de análise de risco político e três analistas independentes aponta a percepção de uma relação mais profícua do governo com o Judiciário do que com o Legislativo.

Esquece Os resultados mostram que quase não há aposta na retomada da proposta de capitalização na reforma da Previdência: 54% dizem que a chance é muito baixa, e outros 38% que é baixa.

Muro A maioria dos analistas (62%) crê na votação da reforma no Senado em outubro. Só 8% dizem que são altas as chances de Eduardo Bolsonaro (PSL-RJ) ser aprovado embaixador.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura do cabo

23/08


2019

Oposição: Bolsonaro domou tabuleiro político interno

Para oposição, presidente domou jogo com emendas ao Congresso, cerco a Moro e pauta conservadora.

Folha de S. Paulo - Coluna Painel
Por Daniela Lima

 

Expoentes da oposição reconhecem que, aos trancos e barrancos, Bolsonaro conseguiu domar boa parte do tabuleiro político interno: ele manejou o Congresso com farta liberação de emendas, criou vínculo com o STF, apertou o cerco a órgãos de fiscalização e ainda enquadrou Moro mantendo 30% de eleitores fieis à pauta de costumes.

Tudo isso, apontam integrantes da esquerda, sem que as corporações que foram atingidas pelo presidente reagissem à altura. A dúvida, para esse grupo político, é quanto tempo Bolsonaro seguirá reinando sem rebote acumulando tantas arestas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Detran

23/08


2019

Moro: aliados dizem que presidente quer enfraquecê-lo

 (Foto: Lula Marques | Marcos Corrêa/PR)

Da Folha de S. Paulo  - Coluna Painel 
Por Daniela Lima

 

Aliados de Moro no Senado e na Câmara afirmam que Bolsonaro tenta “emagrecer, fragilizar” o ministro, que neste momento não teria outra alternativa a não ser resistir e esperar a poeira baixar.

As ações do presidente incomodaram aliados do diretor-geral da PF, Maurício Valeixo. A avaliação é a de que o órgão acabou sendo alvo de uma bala perdida no embate entre Bolsonaro e Moro, e que a eventual saída de Valeixo do cargo desencadearia questionamentos sobre as intenções do sucessor escolhido pelo presidente.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Magno coloca pimenta folha

23/08


2019

Bolsonaro ganha elogios por ações no Fisco, PF e Coaf

(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Folha de S. Paulo - Coluna Painel
Por Daniela Lima

 

Se desagradou a parlamentares eleitos com o vigor das redes, a ofensiva de Jair Bolsonaro a órgãos como PF, fisco e Coaf recebeu elogios de políticos mais experientes.

O fenômeno ganhou ainda mais força nesta quinta (22), após o presidente acenar com a demissão do diretor-geral da Polícia Federal, enquadrando Sergio Moro (Justiça).

Um deputado do PSD resume os comentários de coxia: “Ele está tendo coragem de fazer o que ninguém –nem Lula, nem Dilma, nem Temer– teve”.

Enquanto isso, dirigentes de partidos de centro ponderam que Bolsonaro subestima a influência de Moro sobre parte considerável da sociedade e que os movimentos incisivos de repreensão podem fazer o ministro da Justiça vestir a carapuça de vítima. Ainda assim, avaliam que Moro está hoje politicamente “disfuncional”.

O ex-juiz, que nunca teve articulação com a maioria do Congresso e com as cúpulas partidárias, acumulou, na Lava Jato, a antipatia de ala do Supremo –sentimento que só cresceu com a repercussão das mensagens obtidas pelo The Intercept. Mas, agora, parece ter perdido o apoio do próprio governo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


23/08


2019

Repercute fala sobre permanência de Aécio no PSDB

(Foto: Renato Rovai)

Da Folha de S. Paulo - Por Mônica Bergamo

 

A declaração do presidente municipal do PSDB de SP, Fernando Alfredo, de que “boa parte da turma” que votou pela permanência do senador Aécio Neves no partido é aquela “para quem ele distribuiu dinheiro” foi recebida com indignação por parte da cúpula da legenda, que classifica a fala como irresponsável.

Entre os que votaram com Aécio estavam lideranças históricas como José Serra, Pimenta da Veiga, José Aníbal e Teotônio Vilela —os quatro inclusive já presidiram o partido.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Limoeiro

23/08


2019

Hartung é entusiasta da candidatura presidencial de Huck

(Foto: Charles Nisz)

Da Folha de S. Paulo - Por Mônica Bergamo

 

Paulo Hartung, conselheiro e articulador de uma possível candidatura presidencial de Luciano Huck, almoçou com o senador Randolfe Rodrigues em SP nesta semana.

O ex-governador do Espírito Santo, um entusiasta da candidatura de Huck, diz sempre aos interlocutores que essa é uma possibilidade — mas ainda não uma certeza.

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner de Arcoverde

23/08


2019

Rouanet: governo quer lei para devolução do dinheiro

Lei Rouanet

Osmar Terra discute lei para que dinheiro de Rouanet seja devolvido ao governo. Ministro da Cidadania diz que não se pode viver só de incentivo e criar produções sem público.

(Foto: Agência Brasil)

Da Folha de S. Paulo - Por Mônica Bergamo
 

O ministro da Cidadania, Osmar Terra, diz que a pasta já discute a alteração de leis de incentivo à cultura para que o dinheiro repassado a produções seja oferecido como um financiamento cujo valor deve ser devolvido ao Estado.

A devolução seria feita com dinheiro da bilheteria. “O que não pode é criar uma indústria [cultural] e transformar todo mundo em funcionário público. Terem incentivo, viverem só disso e não terem público [que veja as obras]”, afirmou o ministro à coluna.
 
Na quinta (22), ele discursou para empresários num evento em SP e martelou a mesma tecla. “Temos bons filmes. Mas cinco, de 171, têm bilheteria. O cinema tem que buscar público. Não pode ser uma coisa só autoral, feita para a turminha do cineasta gostar já que o dinheiro dele está garantido”, disse.

E Terra rebateu a crítica feita pelo ex-secretário especial de Cultura, Henrique Pires, de que o ministro “era extremamente democrático, mas virou a chave”. 

“Não virei chave nenhuma. Sempre estive no mesmo lugar e pensei da mesma maneira. Ninguém pode dizer o contrário. Só quem está sendo demitido”, diz Terra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


22/08


2019

Meu editorial no Frente a Frente – 22/08/2019

Se você perdeu o Frente a Frente de hoje, programa que ancoro pela Rede Nordeste de Rádio, tendo como cabeça de rede a Rádio Folha 96,7 FM, no Recife, escute agora o meu editorial.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha