Blog do Magno 15 Milhões de Acessos

18/08


2009

É hoje. No confronto entre mulheres, PT tem de descer do muro

 É hoje. O PT agora não tem mais como escapar de dar um desfecho à crise que se arrasta por cinco meses, dada a reunião do Conselho de Ética marcada para esta quarta-feira e o depoimento da ex-secretária da Receita, Lina Vieira, previsto para logo mais.

 

Esta terça-feira é decisiva. Estrategicamente, o PT marcou a sua reunião de bancada -- quando avaliará o que fazer a respeito dos recursos para investigar José Sarney -- para depois da reunião da Comissão de Constituição e Justiça. Na CCJ, Lina dará  sua versão sobre o encontro em que a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, teria lhe pedido para acelerar as invetigações sobre os negócios de Fernando Sarney. Termianda a reunião da CCJ, o PT terá condições de avaliar a fidelidade do PMDB.  

 

A avaliação geral é a de que o PT, independentemente do resultado de hoje, já perdeu. Se votar com Sarney, dará ecos ao discurso de Pedro Simon (PMDB-RS) dizendo que "o PT não é mais aquele". Se deixa de votar, entrará num inferno astral com o PMDB sarneyzista na cola de seus líderes e ávidos por vingança. 

 

Da parte do presidente Lula, a avaliação de é a de que, se está ruim com Sarney, ficará pior sem ele. E se for assim, o PT vai votar com Sarney e torcer para que o brasileiro continue com a memória curta e esqueça o que verá essa semana. E ainda vamos ver os petistas rezando para que uma boa admnistração de Lula acabe por deixar esse tema da crise em segundo plano. 

 

Pelo menos, num ponto, os senadores do PT podem ficar tranquilos: em meio às versões de Lina e Dilma, essa história da crise do Senado começa a perder força. Pelo menos é nisso que os defensores de Sarney querem acreditar. Talvez estejam certos. O tempo dirá.(Do blog de Denise Rothenburg

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


18/08


2009

Simon manda Lula calar a boca: ''''Ele está falando demais''''

 O senador Pedro Simon (PMDB-RS) criticou ontem a declaração do presidente Lula que disse que “estão fazendo um carnaval em coisa que não dá samba”, sobre o possível encontro da ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) com a ex-secretária Lina Vieira, da Receita Federal. Em discurso, Simon pediu que o presidente “cale a boca”. Para ele, Lula “está falando demais”, por isso não deveria interferir em assuntos de seus ministros.

Lina participa hoje de reunião da Comissão de Constituição e Justiça no Senado. Ela vai esclarecer no depoimento à CCJ, a conversa que teve com a ministra, em que a pré-candidata petista à Presidência teria pedido para Lina acelerar a investigação contra as empresas da família Sarney, e explicar o método tributário adotado pela Petrobras em 2008, que teria causado prejuízo aos cofres da União.(Cluna de Cláudio Humberto)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

HENRIQUE DE PAULA MENEZES

INCLUSIVE O PRÓPRIO LUIS INÁCIO SE CALA QUANDO O ASSUNTO É COLLOR DE MELO... SERÁ QUE ELE JÁ SE ESQUECEU QUE O HOJE ALLIADO JÁ USOU ATÉ A FILHA LURIAN? LEMBRAM ? POIS É HOJE O LUIS INÁCIO POE A MÃO ENM CIMA DELE E SE DIZEM AMIGUINHOS E CUMPADRES.... QUANTA ÉTICA DE SENHOR!!!

Francisco de Assis dos Santos

Lula fala porque tem respaldo para isso, deu duas lapadas no PSDB, está pela vontade soberana do povo. Tem neguinho por aí, querendo hoje ser baluarte da ética e da moral, mas calou-se na ditadura, no confisco de Collor e no leilão de FHC.

uilma

Muito bem Simon, ele fala demais, igual a um papagaio, e muita bobagem.


O Jornal do Poder

17/08


2009

Paulo Duque convoca Conselho de Ética para votar recursos

O presidente do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar, senador Paulo Duque (PMDB-RJ), convocou reunião do colegiado para esta quarta-feira (19), às 14h, quando deverá colocar em votação recursos apresentados contra sua decisão de arquivar denúncias e representações contra os senadores José Sarney (PMDB-AP) e Arthur Virgílio (PSDB-AM). As informações são da Agência Senado. 

Nos últimos dias, Paulo Duque considerou ineptas seis denúncias e cinco representações contra Sarney, argumentando, entre outras coisas, que elas não apresentam documentos de comprovação e se sustentam apenas em matérias de jornais, algumas delas transcrevendo trechos de escutas telefônicas que fazem parte de processos que correm em segredo de Justiça.

O plenário do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar pode impedir o arquivamento de denúncias e representações, bastando que metade dos senadores presentes vote contra Paulo Duque e a favor da abertura de investigações.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

17/08


2009

Oposição cogita acareação entre Dilma e ex-secretária

A oposição já preparou o requerimento de convocação da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, para uma eventual acareação com a ex-secretária da Receita Lina Vieira. A apresentação do documento está condicionada ao depoimento de Lina Vieira, amanhã (18), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, informou o Correio Braziliense.

Segundo o senador Álvaro Dias (PSDB-PR), caso a ex-secretária da Receita confirme o que tem dito à imprensa, que Dilma Rousseff teria pedido para que ela apressasse as investigações sobre a família do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), o requerimento será apresentado. Lina diz que entendeu que aquila era uma determinação para encerrar a apuração da Receita.

"O requerimento já está pronto, mas só será apresentado se houver necessidade", disse o tucano. "Se ela [Lina Viera] repetir o que tem dito, vamos apresentá-lo. Se ela continuar dizendo que houve o encontro e a ministra continuar negando, não há outro caminho se não o da acareação", argumentou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/08


2009

Serra diz que propaganda do PT sobre metrô é enganosa

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB-SP), reagiu hoje à propaganda partidária do PT paulista que afirma haver recursos do governo federal investidos em obras que servem de bandeira da administração Serra. "É uma propaganda realmente muito, muito, muito enganosa", rebateu o governador. "Você pode procurar que não vai achar esse valor de investimentos em obras em São Paulo ou em nenhum lugar do Brasil", afirmou. As informaações são da Agência Estado.

Na inserção de 34 segundos veiculada de 12 a 15 de agosto no Estado de São Paulo, o PT afirma que o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva contribuiu para a ampliação da Linha 2-Verde do Metrô e "investiu mais de R$ 1 bilhão" na construção do Rodoanel Mário Covas. Serra confirmou que há dinheiro da União no projeto do Rodoanel, mas o valor se limitaria "a uma parte menor". O tucano negou, no entanto, que receba recursos federais para o Metrô e para a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). "Para fazer um empréstimo, precisamos de autorização do governo federal e temos obtido esse aval. Mas isso é diferente de pôr dinheiro."

O governador paulista classificou a propaganda como "um exercício de ciência da fixação" que "não merece ser levado a sério". Serra evitou entrar em atrito direto com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ponderou que não acredita ter sido iniciativa do governo federal apresentar a inserção dessa forma. "Eu não teria coragem de fazer uma propaganda desse tipo do PSDB", destacou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

rogerio rodrigues dos santos

Isso é para mostrar como se governa um país tão imenso. Lula governa para o povo e não estar preocupado com ser ou não da base do governo. É um presidente que governa sem rancor. Exemplo é no mandato de Jarbas e Serra entre outros. Lula sem medo de ser feliz.


Banco de Alimentos

17/08


2009

Cristovam diz não entender pedido de Sarney

O senador Cristovam Buarque (PDT-DF) disse que não entende por que o presidente do Senado, senador José Sarney (PMDB-AP), fez um apelo aos colegas para que não se precipitassem em pedir investigações sobre a denúncia formulada contra ele pelo jornal O Estado de S. Paulo a respeito da utilização de um apartamento na capital paulista de propriedade de uma empresa, informou a Agência Senado.

Para Cristovam, uma investigação deveria ser do interesse de Sarney, até para que se chame a atenção do jornal e para que ele publique um desmentido. O senador disse que não se deve tomar como verdade tudo o que sai nos jornais, mas a investigação das denúncias, "sobretudo [publicadas] em jornais importantes, que têm de zelar pela sua credibilidade", é de interesse do Senado e da opinião pública.

Cristovam defendeu uma investigação rápida, mas que permita elucidar quem está com a verdade, ou mesmo se o que houve foi um mal-entendido, com cada parte tendo sua razão. Para Cristovam, "uma pessoa respeitável, como qualquer senador aqui, tem que ser ouvido; e, ao ser ouvido, terá de se submeter a investigações".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


17/08


2009

Egydio será homenageado pela Assembleia Legislativa

O deputado Antônio Moraes (PSDB) está à frente  de uma homenagem que será prestada ao ex-deputado e jurista Egydio Ferreira Lima, na Assembleia Legislativa. O deputado, que está no programa Frente a Frente, diz a Magno Martins que a homenagem se justifica pelo que Egydio significa para a vida política do País, principalmente em relação à redemocratização do Brasil. Moraes diz que será uma grande festa em torno de um pernambucano que se constitui numa das grandes figuras da República.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

samuel sebastião nascimento dos santos

sigo com a mesma filosofia, o mesmo é merecedor de tal homenagem..................

Soraya da Cruz Plácido

Concordo Milton, justissima esta homenagem.

milton tenorio pinto junior

Justa homenagem !


Jornao O Poder

17/08


2009

Prefeito de Petrolina tenta recursos em Brasília

O prefeito Julio Lóssio (PMDB) participou hoje (17) de duas audiências, uma no Tribunal Regional do Trabalho e outra na Procuradoria do Trabalho da sexta região. Ambas no Recife. 

 

Amanhã (18) o prefeito viaja para Brasília, onde tem reunião agendada às 10 horas com o Ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento e às 16h30 participará do encontro da Coaride com o ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima. Na quarta-feira (19) o prefeito deverá continuar em Brasília para outros compromissos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

RICARDO ASSIS DE MENEZES

Julio se for com ajuda de Augusto Cesar Filho e Augusto Pai pode tirar o cavalinho da chuva os homens são fracos! Tenta lhe enganar como me inganou e a vários amigos em Petrolina Ele já perdeu o apoio de Eudes Caldas (Cabrobó) DEDI Orocó) por não ter prestigiu na liberação de obras.



17/08


2009

Sarney cria página de internet para responder a denúncias

O Senado vai lançar uma nova página na internet exclusivamente para divulgar informações e responder matérias jornalísticas referentes ao presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP). Alvo de uma série de denúncias que resultaram em processos encaminhados ao Conselho de Ética da Casa, Sarney vai usar o espaço para divulgar a sua versão sobre as acusações publicadas pela imprensa, informou o Correio Braziliense.

O peemedebista se queixou a assessores que, em muitos casos, a mídia não lhe dá espaço para publicar devidamente as explicações a respeito das denúncias, por isso vai usar o site para apresentar a sua versão dos fatos. O site também vai trazer discursos do peemedebista, fotos e notas oficiais produzidas pela Casa.

Assessores de Sarney reclamam que a imprensa, depois de publicar denúncias contra Sarney, não lhe oferece o mesmo espaço para resposta em relação àquele dedicado para a publicação de denúncias.

Segundo a assessoria da presidência do Senado, não serão contratados novos jornalistas para elaborar o material, embora o Correio tenha revelado que o peemedebista contratou 15 jornalistas para elaborar contrainformações em favor de Sarney.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha