FMO janeiro 2020

07/12


2011

Em Serra, Eduardo, finalmente, ganha cidadania da Câmara

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Um dia antes da minha passagem, ontem, por Serra Talhada, segundo maior PIB e colégio eleitoral do Sertão, a Câmara de Vereadores, finalmente, aprovou o título de cidadão ao governador Eduardo Campos (PSB). Há 15 dias, a proposta não conseguiu ser votada, porque o vereador Ronaldo de Dja (PSDB) levantou uma questão de ordem: o socialista não merecia a homenagem. Afinal, ao longo dos últimos cinco anos, Serra não recebeu nenhum grande investimento no seu Governo.

Diferentemente da sessão anterior, na de segunda-feira o projeto foi aprovado pela unanimidade dos 10 parlamentares que integram a Casa. A polêmica, porém, não acabou. A vereadora Vera Gama (PHS) cobra do governador promessas de campanha, entre elas obras estruturadoras. “Demos a cidadania a ele, mas queremos agora o terminal rodoviário e os asfaltos da Avenida Agamenon Magalhães e das ruas do centro”, cobrou Gama.

O vereador José Raimundo (PTB), ex-presidente da Câmara, diz que o governador está devendo uma obra estruturadora para Serra Talhada, que, em sua opinião, seria o Distrito Industrial. “A promessa foi de campanha e não foi cumprida. Com o DI, Serra terá condições de atrair novas indústrias, uma das suas vocações pela infraestrutura que tem”, diz Raimundo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O presidente da Câmara, Agenor Melo, também do PTB, entende que o maior compromisso está na melhoria da saúde. “Houve uma reforma no hospital local, mas nós precisamos muito mais, principalmente nos distritos”, atesta Melo, no seu sétimo mandato. O presidente da Câmara é um parlamentar que tem autoridade para falar de saúde, sua principal área de atuação no município.

Serra Talhada, com mais de 80 mil habitantes, é conhecida como a capital do xaxado, e fica a 415 km da capital pernambucana. É a terra natal do cangaceiro Virgulino Ferreira da Silva (Lampião). Cidade polo em saúde, educação e comércio do Sertão do Pajeú. Administrativamente, o município é formado pela sede e pelos distritos de Bernardo Vieira, Pajeú, Tauapiranga, Caiçarinha da Penha, Logradouro, Luanda, Santa Rita e Varzinha.

A cidade tem uma boa infraestrutura e uma posição privilegiada, sendo um centro em pleno desenvolvimento na área de comércio, lazer e cultura. Tem o terceiro maior PIB do Sertão de Pernambuco, atrás apenas de Petrolândia e Petrolina[9]. De acordo com dados do IBGE para o ano de 2008, o PIB era de 500,636 milhões de reais. O PIB per capita da cidade, ainda em 2008, era de 6.298 reais. Seu IDH é de 0.682 segundo o Atlas de Desenvolvimento Humano/PNUD.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

É também um polo educacional. Além de um grande número de escolas públicas ( escolas de tradição no interior pernambucano), escolas particulares, escolas de tempo integral (dois turnos diários) e escolas técnicas(modernas), a cidade possui várias instituições de nível superior,(Instituições particulares - AESET - FIS - FAFOPST - FACHUSST - FACISST, e Universidade Federal Rural de Pernambuco / Unidade Acadêmica de Serra Talhada - UFRPE-UAST). E deve ganhar, no segundo semestre do ano que vem, o curso de Medicina pela UPE.

Falei no plenário da Câmara de Vereadores para políticos, profissionais liberais e estudantes da Escola Cornélio Soares e do Centro de Referência Adauto Carvalho, levados pelos coordenadores professor Jair Souza e professora Alessandra Carvalho, respectivamente.

O evento foi aberto pelo presidente da Câmara, Ageno Melo, e contou com mais quatro vereadores – José Raimundo (PTB), Vera Gama (PHS), Márcio Oliveira (PTN e Paulo Melo (PR), além dos ex-vereadores Francisco Pinheiro, Antônio de Antenor e Faeca, e do jornalista Giovanni Sá, secretário de Comunicação da Câmara. Também teve uma participação importante o presidente do Sindicato dos Professores, Sinézio Rodrigues, ex-presidente do PT.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

HISTÓRIA - Em 1700, o local onde hoje fica a cidade de Serra Talhada era uma fazenda, denominada Pedra Talhada, de propriedade do português Agostinho Nunes de Magalhães, que ali mandou construir uma capela sob a invocação de Nossa Senhora da Penha, em torno da qual surgiu o povoado.

A povoação, que inicialmente era denominada Vila Bela, tornou-se sede do município de Flores a 06 de maio de 1851. Vila Bela foi elevada à categoria de cidade a 01 de julho de 1909. A 09 de dezembro de 1938, a comarca, o termo e o município de Vila Bela passaram à denominação de Serra Talhada.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

José Cláudio Soares de Oliveira

Não acredito que estudantes estão sendo obrigados a perder aulas para assistir uma palestra de Magno. Todo respeito - isso não é jornalismo e nunca vai compensar uma aula didática. Objetivo de Magno-ou ele pensa lançar sua esposa a deputada e aproveita-se desse espaço, ou ele próprio só pensa naquil


IPTU Cabo

07/12


2011

Prefeito de Araçoiaba volta a sentar na sua cadeira

Rivânia Queiroz, repórter especial

Até o início da tarde de hoje o prefeito de Araçoiaba, Severino Alexandre Sobrinho (PMDB), volta a sentar na sua cadeira, na prefeitura daquela cidade da Região Metropolitana do Recife (RMR). De acordo com o advogado Carlos Neves Filho, o gestor se encaminhará ao município de Igarassu, ainda nesta manhã, para pegar na 1ª Vara Civil e Promotoria de Justiça a notificação que determina o seu retorno à Prefeitura.

“É um cumprimento de uma decisão do STJ (Superior Tribunal de Justiça), que determinou seu retorno por entender que ele (Severino) não estaria prejudicando a instrução do processo de improbidade administrativa, impetrado contra o gestor no final de 2010. A lei da improbidade só se aplicaria se tivesse sido identificada pressão à testemunha ou destruição de provas, o que não aconteceu, assegurou o advogado do prefeito.

Ainda segundo Carlos Neves Filho, o afastamento do prefeito se deu de forma equivocada, já que todas as exigências do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) foram atendidas. “Ele não deixou de prestar um único esclarecimento. Apresentou todas as documentações necessárias, todas as informações administrativas, então não caberia esse afastamento de 180 dias”, argumentou.

Entenda
Severino Alexandre foi afastado pela 1ª Vara Civil de Igarassu, comarca a qual Araçoiaba está vinculada, há três meses, sendo substituído pelo vice Carlos Jogli (PSDB). Denúncias de improbidade do TCE e do Ministério Público foram acatadas pela Justiça, culminando no seu afastamento.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Marcos Antonio da Silva Néri

Essa situação éa de muitos prefeitos pelo Brasil afora. São verdadeiros gatunos das verbas públicas destinadas a saúde, educação entre outras. Cadeia para elses é ainda é pouco.

Sandra Araçoiaba

Por fim gostaria de dar os parabéns ao Dr. Alexandre e a sua tropa, inclusive os vereadores(que são bem capacitados), desejo a vocês que um dia desses tenham um mal súbito não para morte(claro) mais o suficiente pra vocês precisarem dar uma passadinha no matadouro que vcs tornaram o Hospital.

Sandra Araçoiaba

Enquanto os gatunos fazem a festa,Temos servidores com desvio de funções , desvio não! acumulo , pois aqui recepcionista e maqueiro e até faz limpeza de mortos , que são constantes pela falta de condição do hospital ,se quiserem ver como está o estado das ambulâncias é só ver as sucatas.

Sandra Araçoiaba

Enquanto os gatunos fazem a festa , os funcionários públicos são obrigados a receber apenas 452 reais , esses os de sortes(efetivos) pois os contratados ficam meses sem receber e não tem direito a 13ª nem a férias . Além de nenhum receber adicional nem mesmo noturno ou insalubridade ou periculosidad

Sandra Araçoiaba

Enquanto os gatunos fazem a festa, A população sofre com o péssimo governo , onde no papel se investe milhões na Saúde e na Prática , temos dois médicos um de 300 kilos que atende o povo deitado em uma cama e outro um idoso que atende em pé e leva uma hora pra fazer uma emergência sem condição.


Governo de PE - Decimo Terceiro

07/12


2011

Salgueiro: Prefeitura critica oposição por barrar orçamento

Diante da crise política em que vive o prefeito de Salgueiro com a Câmara Municipal, em decorrência da não aprovação da Lei Orçamentária de 2012, rejeitada com os quatro votos da oposição, Marcones Sá emite a seguinte nota:

''O município de Salgueiro vive um dos melhores momentos de sua história. Com uma administração responsável, com respeito e participação popular conseguimos chegar a posição que hoje ocupamos, com o orgulho dos salgueirenses de firmar Salgueiro como rota do desenvolvimento

Esta semana, os vereadores de oposição Paulo Afonso, Alvinho, Guarlberto e Antonio Pires votaram contra a Lei do Orçamento de 2012. Numa atitude que denuncia o desrespeito a cada cidadão salgueirense, pois o orçamento é lei que autoriza a ação administrativa. Salgueiro torna-se, desta forma, o único município de Pernambuco sem orçamento no próximo ano.

Trabalhadores serão prejudicados, serviços comprometidos, calçamento de ruas,  aumento de servidor público, pccr da saúde, concursos, demandas que não são aspirações apenas deste Governo, mas da própria população.

Respeitando a autonomia dos poderes, no entanto, a conotação que buscam criar com esta manobra é contraditória, pois os mesmo vereadores aprovaram a Lei de Diretrizes Orçamentárias.

É lamentável que o cargo público que ocupam sirva para comprometer o desenvolvimento de nosso município e aspirações eleitorais antecipadas levem ao desespero de cometer tais atitudes. Não é este tipo ação que Salgueiro merece neste momento.

À população, nosso esclarecimento de que a não aprovação do orçamento nos coloca limitações, mas não compromete a nossa vontade e competência política administrativa. Compreendemos que a disputa eleitoral ainda não se dá neste momento e nem com o prejuízo das pessoas.

Assim, repudiamos a atitude destes vereadores para com Salgueiro. Quando todos estão unidos pelo desenvolvimento, um grupo de vereadores queira comprometer este momento de nossa história.''
 
Marcones Libório de Sá
Prefeito Municipal de Salgueiro


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

otavio maia

O que os vereadores oposicionista vetaram foi, uma manobra do prefeito, que com saudades da época da ditadura quer governar Salgueiro por decreto, gastando cento e cinco milhões sem dizer aonde. Vereador não e vaca de presépio para balançar a cabeça quando ele quiser, pelos menos os da oposição!


acolher

07/12


2011

A charge do dia

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


07/12


2011

Ouça o programa Frente a Frente de ontem

 Se você perdeu o Frente a Frente de ontem, programa que apresento em companhia de Adriano Roberto pela Rede Pernambucana de Rádio, formada por 30 emissoras, tendo como cabeça de rede a Rádio Folha 96,7 FM, no horário das 18 às 19 horas, clique aqui e ouça agora.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cúpula Hemisférica

07/12


2011

Alô, Serra Talhada!

Daqui a pouco, conto como foi minha passagem, ontem, por Serra Talhada, onde fiz palestra na Câmara de Vereadores sobre inclusão digital e a internet na era do conhecimento. Hoje, participo da festa de confraternização dos blogueiros do Sertão do Pajeú em Afogados da Ingazeira, na qual serei homenageado como o pioneiro de Pernambuco.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Serra Talhada

07/12


2011

Coluna da quarta-feira

           Efeitos da crise

O Governo disfarça, mas a crise que atinge a Europa e os Estados Unidos já traz reflexos em alguns setores da economia brasileira. Não há recessão explícita, mas quer um exemplo do efeito colateral por aqui? Bastar dar uma olhada no nível de investimentos públicos e nas obras estruturadoras, principalmente no Nordeste.

A transposição do São Francisco, que anda a passos de tartaruga, conforme este blog antecipou e o jornal O Estado de São Paulo confirmou na semana passada, com matéria de primeira página. A ferrovia Transnordestina, embora uma PPA – Parceria Público Privada – também desacelerou, para usar uma expressão do ministro da Integração, Fernando Bezerra Coelho.

Já a refinaria Abreu e Lima, em Suape, ainda roda o pires na Venezuela, chalerando o ditador Hugo Chávez. Os estragos também se observam nos investimentos privados. O estaleiro Atlântico Sul, também em Suape, ainda não colocou um só navio no mar, mas jogou mais de mil trabalhadores no olho da rua, sem dar justificativas aos sindicalistas.

Há pouco, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, lançou um pacote de medidas para amenizar as consequências geradas pela crise mundial. Que bateu à nossa parte. Só não ver quem não quer. Ou tem interesses em continuar no faz de conta.

REAÇÃO – Três dias após a mídia nacional mostrar o abandono das obras da transposição, o ministro Fernando Bezerra (Integração) emitiu, ontem, uma ordem de serviço, no valor de R$ 134,8 milhões, para retomada das obras do lote 8 do Eixo Norte do projeto. É composto pela construção de três estações de bombeamento nos municípios de Cabrobó e Salgueiro, no sertão pernambucano. Vão bombear a água do rio suprindo o desnível do terreno.

Petrolina na frente - O deputado Fernando Bezerra Filho (PSB) mostrou mais prestígio do que as lideranças políticas de Serra Talhada, garantindo, na verdade, a primeira UPA do Sertão para Petrolina. “Não sei em que estágio se encontra a UPA de Serra, mas não sairá antes da nossa. A ordem de serviço já foi assinada pelo governador”, afirmou.

 

 

Euforia em Cabrobó - O prefeito de Cabrobó, Eudes Caldas (PSB), tem motivos para comemorar a retomada das obras da transposição no lote 8, que nasce em terras do seu município. Afinal, com a operação tartaruga do projeto, milhares de empregos foram jogados pela janela, muitas empresas foram embora de Cabrobó e o comércio teve uma queda violenta. Isso há quase dois anos, já.

Bateu duro - De Dom Fernando Saburido, ontem, no meu blog, sobre a campanha que lançamos contra bebida nos estádios: “A proibição é uma conquista da qual não deveríamos abrir mão. O consumo de álcool contribui sem dúvida para o acirramento dos ânimos e, consequentemente, o aumento da violência nos centros esportivos. O projeto é um retrocesso”.

Trabalho escravo - O Governo do Estado fez uma operação ostensiva na desarticulação de um esquema de sonegação de impostos no polo gesseiro, no Araripe, que tem as maiores reservas de gipsita do mundo. Deveria, ao mesmo tempo, ampliado com uma fiscalização trabalhista em cima das empresas que colocam trabalhadores as condições de verdadeiro trabalho escravo.

 

CURTAS

RETROCESSO – A bancada lagartixa na Assembleia deu aval, ontem, ao governador Eduardo Campos para continuar contratando servidores, sem concurso público, por dois anos, podendo prorrogar para mais dois anos ainda. Enquanto isso, quem passou em concurso não consegue ser chamado.

LULA LÁ– Num encontro com a presidente Dilma, ontem, num hotel em São Paulo, o ex-presidente Lula deu as coordenadas para a reforma ministerial de janeiro. Lula está preocupado com a repercussão internacional da queda de ministros provocada por atos de corrupção.

PERGUNTAR NÃO OFENDE – Quem Dilma nomeia na reforma de janeiro sem passar pelo crivo de Lula?

''Afasta de mim a vaidade e a palavra mentirosa; não me dês nem a pobreza nem a riqueza; mantém-me do pão da minha porção de costume''. (Provérbios 30:8)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Jair Lima Lopes de Vasconcelos

Esse Magno gosta de criar intrigas. Fernandinho jamais falaria isso. É por isso que perde credibilidade.

Marcelo Augusto Serra Diniz

Fernando Filho comete um erro grave: Com essa afirmação, pode sofrer prejuízos eleitorais futuros na cidade...

Raimundo Eleno dos Santos

Enquanto isso:O prefeito atual-João de Costas,para a cidade,deveria inaugurar e dar publicidade da à Pça Machado de Assis,Boa Vista,entrada p/Av Cd Boa Vista,saída pela rua Clube Náutico Capibaribe.Ela é muito bonita.Um Cartão.ostal!A R.Martins Junior nasce na R.do Hopício e termina na R.da Aurora??

Eduardo Silla

O TAL PROJETO PARA CONTRATAR SEM CONCURSO PODE ATÉ SER UMA SOLUÇÃO, MAS TEMOS QUE SABER O QUE VAI FAZER OS CONCURSADOS E O MINISTERIO PUBLICO QUE É FISCAL DA LEI, TAL ARGUMENTO DEVE SER INCOSTITUCIONAL, COM A PALAVRA DR. FENELON.

ALCEBIADES GREGORIO VIEIRA MENDES

Quem nos derá se todo homem público tivesse a coragem de denunciar o que está errado e lutar a favor do povo e contra o interesse das cervejarias e seus amigos lobistas.


Prefeitura de Limoeiro

07/12


2011

Eduardo atiça: Fiat em Goiana dá briga de paraibanos

 Mais esta historinha do fogo ateado pelo governador Eduardo Campos, com suas ações, entre colegas da região, contada por Lauro Jardim, na sua coluna da VEJA:

''''O começo das atividades de uma fábrica da Fiat em Goiana, divisa de Pernambuco com a Paraíba, acabou por jogar mais combustível na fogueira da disputa política paraibana.

A maioria da bancada da Paraíba no Congresso reclama da sonolência do governador Ricardo Coutinho(PSB) ante Eduardo Campos na negociação da partilha dos 6 700 postos de trabalho da fábrica.

Segundo Vital do Rêgo (PMDB-PB), uma espécie de cláusula de reserva de mercado arranjada por Campos garantiria o preenchimento das vagas por trabalhadores pernambucanos.

Embora João Pessoa seja mais próxima de Goiana do que Recife, até o treinamento de pessoal seria feito em solo pernambucano. Os paraibanos ficariam a ver navios. Vital, que é oposição a Coutinho, alfineta:

– O nosso governador é sonolento, é tímido na relação com Eduardo Campos.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner de Arcoverde

07/12


2011

Coelho pede para TCU fiscalizar obras da transposição

 O ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, pediu ajuda nesta terça-feira, 6, ao Tribunal de Contas da União (TCU) para a fiscalização das obras da transposição do Rio São Francisco. A iniciativa é uma reação do ministro diante das evidências de abandono da obra no ano de 2011. Reportagem do jornal O Estado de S. Paulo domingo mostrou que a obra responsável por parte da votação expressiva de Dilma no Nordeste foi abandonada por construtoras em diversos lotes e que parte do trabalho feito começa a se perder. Estruturas de concreto quebradas, vergalhões de aço expostos ao sol e a chuva e obras deixadas pela metade passaram a fazer parte da paisagem do sertão nordestino. Auditoria do TCU nas obras do eixo leste mostrou ainda uma estimativa de prejuízo de R$ 8,6 milhões com irregularidades no empreendimento.

Pressionado, Bezerra decidiu procurar pessoalmente o presidente do tribunal, Benjamim Zymler. Pediu a ele que designe técnicos para auxiliar a Pasta na fiscalização da obra. Solicitou que auditores do TCU apontem em 30 dias se as medidas adotadas pelo Ministério têm sido suficientes para resolver os problemas no empreendimento.(Informações de O Estado de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Marcos Antonio da Silva Néri

Com toda essa incompetência, esse FBC ainda que ser Prefeito do Recife. Esse poste do Imperador EC I, não pode ser empurrado de guela abaixo para a PCR.

Marcos Antonio da Silva Néri

Com toda essa incompetência, esse FBC ainda que ser Prefeito do Recife. Esse poste do Imperador EC I, não pode ser empurrado de guela abaixo para a PCR.

jose carlos da silva

A anta e a estaca ganharam, levaram e ñ trabalham, só enrolam. Eu já sabia, só o povinho ñ. Em apenas um aninho nada feito só denúncias de corrupção.

claudio viana

Os governadores dos estados que serão beneficiados,com esta obra deveriam irem juntos a Brasilia perguntar a presidente o que vai ser feito, se vai ou não,ou como é que vai ficar, para que posam dar um resposta ao povo que deram uma grande votação a ela.

suricato

mais uma vez rouba-se o dinheiro da merenda das nossas criancinhas, o dinheiro que era para recuperar e construir estradas para empregar em obras do tipo sonrisal.Eu acho é pouco para o poviho que se iludiu com as promessas da anta de caetés e seu poste apagado.



07/12


2011

Negromonte finge ''''não querer querendo''''

 Sob ameaça de virar a "bola da vez" após a queda de Carlos Lupi, Mário Negromonte (Cidades) busca respaldo nos Estados para permanecer no posto. Deputados relatam ter recebido telefonemas de governadores pedindo uma forcinha pela manutenção do ministro.

De um observador da ofensiva de Negromonte: "Para quem disse não ter apego ao cargo, ele até que está indo bem". (Renata Lo Prete  Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

jose carlos da silva

Vejam a pouse de um canalha. E o povo se ferrando. Eu avisei!


Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores