Lavareda

26/02


2013

Ex-advogada da campanha de Dilma vira ministra do TSE

A advogada Luciana Lossio, 38, tomou posse na noite desta terça-feira (26) como titular do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), numa concorrida cerimônia repleta de deputados e senadores _ muitos deles ex-clientes da nova ministra, segundo a Folhaonline.

Em outubro de 2011, a presidente Dilma Rousseff, para quem a nova ministra titular advogou na campanha eleitoral, nomeou Luciana como substituta. Luciana foi a primeira mulher a ocupar uma cadeira da corte eleitoral destinada a advogados. Agora, Dilma a nomeou como juíza titular.

Ela substitui o advogado Arnaldo Versiani, que deixou o TSE em novembro do ano passado depois de cumprir dois mandatos.

Sérgio Lima/Folhapress
Luciana Lóssio durante cerimônia em que foi empossada ministra do TSE
Luciana Lóssio durante cerimônia em que foi empossada ministra do TSE

Como advogada, Lossio fez carreira atuando não apenas no TSE, como também no STJ (Superior Tribunal de Justiça) e no STF (Supremo Tribunal Federal). Além de Dilma, ela advogou para políticos como o ex-governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, a governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), e o deputado federal Sandro Mabel (PMDB-GO), que, com ajuda de Luciana, conseguiu se desfiliar do PR sem perder o mandato.

Como titular da corte eleitoral, Luciana promete "dar o melhor" de si. "A Justiça Eleitoral brasileira é exemplar, um paradigma para o mundo", disse nesta terça, logo após a cerimônia de posse.

Na fila de cumprimentos estavam políticos de diferentes partidos como os senadores José Sarney (PMDB-AP), Agripino Maia (DEM-RN) e Renan Calheiros (PMDB-AL), atual presidente do Senado, e juristas como o ex-procurador-geral da República Antonio Fernando de Souza.

COMISSÃO DE ÉTICA

Também cumprimentou a nova ministra titular o advogado-geral da União, Luís Inácio Adams, que precisou responder questionamentos da Comissão de Ética Pública da Presidência da República sobre sua conduta num esquema de corrupção deflagrado na Operação Porto Seguro, da Polícia Federal.

Um dia depois de encaminhar seus esclarecimentos, Adams disse nesta terça que não se surpreendeu com o pedido de informação dos conselheiros. Adams classificou a solicitação de informações como "normal". "Cumpriram sua função", disse o ministro.

Sindicância da própria AGU apontou "evidentes indícios" de irregularidades contra Adams na apuração sobre o suposto envolvimento de funcionários do órgão no esquema de tráfico de influência e corrupção inicialmente investigado pela PF. No entanto, como a Folha revelou, a corregedoria da AGU decidiu arquivar o relatório que apontava "atuação/omissão irregular" de Adams.

Diante desses fatos, a Comissão de Ética decidiu pedir informações a Adams na segunda-feira (25).

A resposta do ministro foi dada no mesmo dia. No documento, a AGU lembra que a polícia em nenhum momento encontrou indícios contra Adams. Informa ainda que encaminhou os dados referentes à Porto Seguro para órgãos como a PF, o Ministério Público Federal e a Controladoria Geral da União.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ALEPE

26/02


2013

Prefeito do Recife abre debate com a oposição

O prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB), abre, amanhã, às 11 horas, o seu gabinete para receber, pela primeira vez, os vereadores da bancada de oposição. Sob a liderança da tucana Aline Mariano, estarão com o socialista mais três parlamentares - Raul Jungmann(PPS), André Régis (PSDB) e Prsicila Krause (DEM). Em pauta, sugestões do bloco oposicionista aos problemas mais graves que travam a cidade na área de mobilidade e no campo social.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

26/02


2013

Desemprego sobe, mas ainda é o menor desde 2003

Diante da saída de trabalhadores temporários do mercado de trabalho, a taxa de desemprego subiu para 5,4% em janeiro --havia sido de 4,6% em dezembro, a mais baixa da série história do IBGE, iniciada em março de 2002. Os dados são da Pesquisa Mensal de Emprego do instituto e foram divulgados nesta terça-feira, segundo a Folhaonline.

O desemprego cresce tradicionalmente em janeiro quando muitas pessoas voltam a procurar uma vaga após as festas de final de ano, quando a busca é reduzida. Além disso, empregados temporários são dispensados, principalmente no comércio.

A taxa de janeiro deste ano, porém, é a mais baixa para o mês em dez anos. O primeiro resultado do IBGE para janeiro é de 2003, já que esta série foi iniciada em março de 2002. Em 2012, o percentual havia ficado em 5,5%.

Com esse cenário, o número de pessoas ocupadas cresceu 1,2% em janeiro na comparação com igual mês de 2012 e caiu 1,2% em relação a dezembro. De dezembro para janeiro, 293 mil trabalhadores perderam seus empregos.

Já o total de desocupados subiu 17,2% de dezembro para janeiro, o que corresponde a 195 mil desempregados à procura de trabalho. Na comparação com mesmo mês do ano passado, houve alta de 1,4% ou 18 mil desempregados a mais nas seis regiões metropolitanas onde a pesquisa é realizada.

Para Cimar Azeredo Pereira, gerente da Pesquisa Mensal de Emprego do IBGE, a taxa de desemprego em janeiro seguiu seu padrão sazonal e subiu em janeiro na esteira da retomada da busca por trabalho e da dispensa de trabalhadores temporários.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

26/02


2013

Geraldo acelera criação de fundo para iniciar obras

O prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB),  encaminhou à Câmara de Vereadores nesta terça-feira o projeto que trata da criação de um Fundo Municipal que receberá, do Governo de Pernambuco, através do Fundo Estadual de Apoio e Desenvolvimento Municipal, um aporte de R$ 26 milhões para investimentos em ações no Recife.

A capital pernambucana aplicará os recursos em obras nas áreas de segurança, saúde e mobilidade. "Demos prioridade à criação do nosso Fundo Municipal por entendemos a importância dessa medida em um ano que aponta para dificuldades na economia dos municípios", disse o socialista.

Segundo ele, o dinheiro será usado para tirar do papel compromissos que estão no programa de governo, a exemplo das Upinhas 24h, dos Compaz e de um programa de requalificação de calçadas de escolas, postos de saúde, parques e praças".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


26/02


2013

"PE vive momento especial", diz Eduardo sobre lista do Times

 "O importante é que esta citação se refere aos resultados que alcançamos no Governo de Pernambuco num momento especial de nossa história. De fato, o Estado vive um momento especial, com relação qualificada entre poder público e sociedade, crescimento econômico acima da média nacional e avanços em todas as áreas sociais", declarou, há pouco, o governador Eduardo Campos ao comentar a inclusão do seu nome na lista dos 25 brasileiros a serem observados no mundo, segundo o jornal Financial Times.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Normando Lucio de Carvalho

PE com momentos especial e ÁGUA PRETA com momentos horriveis e bizarros depois que o candidato derrotado, em uma eleição anulada e ainda sem partido...ASSUME COM AS BENÇÃOS DO ENTÃO GOVERNADOR, DENTRE OUTROS. A vontade do Povo de Agua Preta não foi respeitada.

José Egnaldo Pereira

Esse cenário róseo só não é visto nos salários dos professores.Pasmem,mas um professor no Piauí ganha muito mais do que um professor de Pernambuco.


Banco de Alimentos

26/02


2013

Patrocínio privado pode ser proíbido em eventos do MP

Depois das restrições de patrocínio por empresas privadas a eventos do Judiciário, o mesmo deverá ocorrer com o Ministério Público. De acordo com o jornal O Globo, uma proposta de resolução que veda qualquer tipo de patrocínio de entidades privadas com fins lucrativos foi apresentada na sessão desta terça-feira (26) no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

O documento tem basicamente um único artigo, que veda patrocínios a congressos, seminários, encontros jurídicos e culturais e eventos similares promovidos ou apoiados pelo Ministério Público. Também fica vedado, conforme a proposta de resolução, o patrocínio a eventos realizados pelas escolas oficiais da instituição, com a participação de seus membros.

O autor do projeto é o conselheiro Almino Afonso Fernandes, indicado ao CNMP pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O conselho está dividido: parte dos 13 conselheiros já manifestou, em conversas informais, ser favorável ao fim dos patrocínios; outra parte é resistente ao fim das subvenções e já espera uma chiadeira da categoria de promotores e procuradores da República. Diante desse cenário, o resultado da votação está indefinido.

Pelo regimento interno do CNMP, uma proposta de resolução deve ser debatida por 15 dias, a partir da leitura do projeto em plenário. Ao fim desse prazo, o próprio relator - no caso, o conselheiro Almino Afonso - coloca a proposta em votação.  “A resolução proposta contempla a Constituição Federal. Qualquer liberalidade para permitir patrocínio é inconstitucional e compromete a imparcialidade e a isenção do Ministério Público”, disse o autor da proposta.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


26/02


2013

Governador está entre os 25 mais citados do Financial Times



















O jornal inglês Financial Times publicou, na semana passada, uma lista dos 25 brasileiros que devem ser observados. Segundo o Blog da Folha, no seleto grupo indicado  pela publicação, o governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, marca presença. Pré-candidato à Presidência da República, o líder socialista divide a atenção, entre os políticos citados, com o potencial adversário Aécio Neves (PSDB-MG).

Em seu breve comentário, o Financial Times ressalta que Eduardo Campos “tem um registro impressionante como governador de Pernambuco, em um estado em expansão no Nordeste” e ressalta que o líder socialista, embora aliado do PT desde 2002 – no primeiro governo do ex-presidente Lula – e da presidente Dilma Rousseff (PT), é potencial candidato ao Palácio do Planalto, em 2014.

Esta é a segunda vez que o governador Eduardo Campos é citado em uma publicação estrangeira. A primeira ocorreu em uma entrevista perfil publicada na revista  The Economist, em outubro do ano passado. A reportagem descreve o socialista como um gestor moderno e um chefe político antiquado.

Além de Eduardo Campos, outros dois nomes pernambucanos também são citados pelo jornal inglês: o artista plástico Romero Britto e o jornalista e cineasta Kléber Mendonça Filho. A publicação destaca a produção artística feita por Britto e que sua obra está exposta em mais de 100 países, enquanto que joga luz sobre o filme “O Som ao Redor”, escrito e dirigido pelo pernambucano.

A lista com os 25 nomes é dividida em seis temas: política, esportes, artes, entretenimento, social e negócios. O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), o ministro Joaquim Barbosa, a ministra do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Eliana Calmon, além do ministro dos Esportes, Aldo Rebelo (PCdoB), também integram o grupo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Normando Lucio de Carvalho

Mais e a questão de Água Preta?. O apadrinhamento em cima de Eduardo Coutinho, amigo do Sr. Governador. O Povo de Água Preta pede JUSTIÇA e não uso de poder junto aos Desembargadores do TRE para fazer valer uma eleição anulada pela Justiça Eleitoral. 2014 virá!!



26/02


2013

Dilma vai à convenção do PMDB para reforçar aliança com Temer
















De acordo com o Valor Econômico, a presidente Dilma Rousseff (PT) teria confirmado presença na convenção nacional do PMDB, que será realizada no próximo sábado (2), em Brasília. Segundo o veículo, Dilma já teria inclusive conversado sobre o assunto com o vice-presidente Michel Temer (PMDB), na manhã desta terça-feira (26), e deixado agendada sua participação no encontro.

A presidente deve chegar à convenção por volta das 11h e há a expectativa de que faça um discurso. Dilma vai aproveitar para reforçar a relação entre PT e PMDB e afagar o parceiro governista. Publicamente, Dilma tem sinalizado que a chapa com Temer será reeditada em 2014.

O evento vai eleger a nova direção do PMDB. Ontem (25), foi veiculado na mídia que pemedebistas devem mudar o estatuto durante o evento para permitir que Michel Temer possa reassumir o cargo de presidente nacional da legenda, já que o atual estatuto proíbe que integrantes da executiva nacional acumulem suas funções com cargos no Executivo, o que o forçou a se licenciar.

Há insatisfação dentro da legenda, no entanto, sobre a atuação de Temer junto ao Governo Federal. Os parlamentares pedem que ele represente melhor os interesses do PMDB junto à gestão Dilma Rousseff.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

José Egnaldo Pereira

Vão perder pra quem,cara pálida.Deve ser bem pra Eduardo cuja única proposta para o país é pagar mensalão pra prefeito.

enoque viana de oliveira filho

vão perder......



26/02


2013

Participe do Frente a Frente pelo face

Já estou nos estúdios da Rede Pernambucana de Rádio. Daqui a pouco, passo a ancorar o programa Frente a Frente, em companhia de Adriano Roberto. O programa é retransmitido por 30 emissoras no Estado, tendo como cabeça de rede a Rádio Folha 96,7 FM, no Recife.

Se você estiver em outro Estado ou País, ouça pela rádio do blog clicando no botão aí ao lado “Frente a Frente com Magno Martins”. Participe! Mande o seu e-mail no [email protected] ou participe entrando no facebook magnomartinsfonseca.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha