Blog do Magno 15 Milhões de Acessos 2

05/04


2013

Advogado pernambucano assume lugar de Ayres no STF

Heleno Torres é o novo ministro do STF

A presidente Dilma deve indicar, daqui a pouco, o nome do advogado pernambucano Heleno Torres, que reside há muito tempo em São Paulo, para a vaga do ministro Carlos Ayres Brito no Supremo Tribunal Federal. Mas antes de ser nomeado, Torres passará pela tradicional sabatina no Senado, provavelmente já na semana que vem.

Professor da Universidade de São Paulo (USP), o pernambucano Torres entrará na vaga do sergipano Carlos Ayres Britto, que presidiu o Supremo e deixou a Corte no fim do ano passado.

O novo ministro é ligado a Ricardo Lewandowski, que foi relator do processo do mensalão, e também ao prefeito de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho (PT). O advogado-geral da União, Luiz Inácio Adams, é o outro padrinho da indicação de Torres.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Diego da Silva Araújo

Poderia ser uma jogada boa de Dilma para agradar PE, mas apadrinhado de Lewandowsky não leva confiança de jeito nenhum. Outro defensor das molecagens do PT, como Lewandowsky ou mais um Luís Fux ou Joaquim Barbosa surpreendendo o PT? Dentro de 1 ano e meio, o presidente do STF será Levando Whisky....

S. C. B. M.

SER

S. C. B. M.

OS MINISTROS DO SUPREMO DEVERIA SE CARGO DE CARREIRA, O DESEMBARRADOR DO STF ERA QUE DEVERIA TER SEU NOME ESCOLHIDO PELOS MINISTROS DO STF,VERIFICANDO SUS FICHA DE CONDUTA NO CARGO E NÃO POR PADRINHAMENTO DE GOVERNANTES, QUE NÃO SABEM A DIFERENÇA ENTRE ÉTICA E INDECÊNCIA.

Tajmahal Cruz

Pelo visto o conterrâneo (?) é velho "cumpanhêro". Me engana que eu adoro...

Paulo Henrique Maciel

Começa pessimamente a carreia no STF desse conterrâneo que não conheço: apadrinhado por Ricardo Lewandowski, um dos mais obscuros ministros do STF, Luiz Marinho da cúpula da seita lulo-petista e Luiz Inácio Adams de suspeitosa conduta à frente da AGU. Como diz o prof. Lucivânio jatobá: MISERICÓRDIA!


O Jornal do Poder

05/04


2013

Entre no face e participe ao vivo do Frente a Frente

Já estou nos estúdios da Rede Pernambucana de Rádio. Daqui a pouco, passo a ancorar o programa Frente a Frente, em companhia de Adriano Roberto. O programa é retransmitido por 30 emissoras no Estado, tendo como cabeça de rede a Rádio Folha 96,7 FM, no Recife.

Se você estiver em outro Estado ou País, ouça pela rádio do blog clicando no botão aí ao lado “Frente a Frente com Magno Martins”. Participe! Mande o seu e-mail no [email protected] ou participe entrando no facebook magnomartinsfonseca.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

05/04


2013

São Paulo: membros do PSB lançam candidatura de Eduardo














Militantes e assessores do PSB que aguardam a participação de Eduardo Campos (PSB) no Congresso Estadual de Munícipios, em Santos (SP), compareceram ao evento desta sexta-feira (5) uniformizados, exibindo um slogan que deverá ser usado pelo governador em sua eventual candidatura ao Palácio do Planalto. Produzidas pelo Diretório Estadual do PSB em São Paulo, as camisetas e os lenços contêm a inscrição “Eu quero conhecer o novo”. Alguns deles apresentam o nome de Eduardo Campos seguido da inscrição: “um novo caminho para um novo Brasil”.

Em faixas, colocadas no evento por vereadores e deputados do PSB, a imagem de Eduardo Campos é bastante explorada. Em uma delas, um parlamentar lança a candidatura do governador de Pernambuco ao Palácio do Planalto: “alternativa para um país mais justo”.

Nos últimos meses, Eduardo tem intensificado os encontros com empresários, políticos e trabalhadores. Na segunda-feira (8), por exemplo, o socialista participará de reunião da Força Sindical, em São Paulo.

Em conversas recentes, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse, contudo, que considera reversível a candidatura do aliado, uma vez que, na avaliação dele, não há espaço para duas candidaturas de esquerda na disputa do ano que vem. Segundo Lula, caso Eduardo queira disputar, o socialista terá de se aproximar da direita e abrir mão de bandeiras da atual gestão.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

BARTOLOMEU BUENO JOSE DE ALBUQUERQUE LINS

Eduardo, esse é o caminho! Ningém tem o carisma e a estrutura emocional que você tem para ser presidente. Vá no seu rítimo, mas vá. A certeza é que não queremos mais o PT e Dilma.



05/04


2013

Armando cobra obras de infraestrutura contra seca
















Em seu pronunciamento, na última quinta-feira (4), o senador Armando Monteiro (PTB-PE) destacou a importância das medidas para combater a seca no Nordeste anunciadas nesta semana pela presidente Dilma Rousseff (PT) durante reunião da Sudene, em Fortaleza (CE). No entanto, Armando as considerou insuficientes para o enfrentamento do problema.

O senador reconheceu os esforços dos governos federal e estadual no combate à seca. Ao todo, serão R$ 9 bilhões para o enfrentamento de problemas gerados pela estiagem, em medidas que vão desde as operações de carros-pipa, construção de cisternas e perfuração de poços, além da prorrogação das operações de crédito rural para os agricultores.

Para o senador, as medidas são um auxílio fundamental para minorar os efeitos econômicos e sociais oriundos da dura e longa estiagem no Nordeste e, em especial, em Pernambuco.
Mas Armando cobrou mais. Quer que o Governo Federal invista em obras de infraestrutura e políticas públicas para o convívio com a seca. Ele entende que é preciso avançar nas ações que hoje basicamente são emergenciais. “É preciso acelerar as obras de transposição do São Francisco, construir barragens e viabilizar o sistema de adutoras”, disse.

Aliado a isso, Armando compartilha da opinião do governador Eduardo Campos (PSB) de desonerar do PIS-Cofins as companhias estaduais de água, que perdem com a estiagem. “Precisamos ter uma visão estratégica para fortalecer a base econômica da região e das áreas mais suscetíveis à estiagem, calcados num modelo de desenvolvimento de longo prazo”, afirmou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Tajmahal Cruz

O senador todo dia ocupa a mídia para fazer sua média com a seca e as suas agruras. Fácil falar. O correto seria interferir com ênfase e objetividade. Esse espaço está se tornando paisagem. Solidariedade sem ação não salva ninguém. Chega de bla, bla, bla. Há uma grande complacência da imprensa de PE



05/04


2013

Governador Eduardo Campos no Frente a Frente

O governador Eduardo Campos e os secretários da Fazenda de Pernambuco, Paulo Câmara, e de Alagoas, Maurício Toledo, são os principais entrevistados do Frente a Frente de hoje, programa que apresento pela Rede Nordeste de Rádio, das 18 às 19 horas, tendo como cabeça de rede a Rádio Folha 96,7 FM. Veja abaixo as demais emissoras que integram a rede:

Rádio Folha 96,7 – Recife

Caruaru FM 104,9

Integração FM de Surubim - 88,5

Líder do Vale FM de Serra Talhada – 99,7

Pajeú de Afogados da Ingazeira - AM 1.500

Ponte de Petrolina FM - 91,5

Sertânia FM - 100,1

Rádio Planalto AM do Recife – 950

Educadora AM de Belém de São Francisco - 1.470

Bitury AM de Belo Jardim - 1530

Cardeal Arcoverde AM – 600

Papacaça AM – 1470 – Bom Conselho

Verdejante de Verdejante FM - 104,9

Rádio Calheta FM do Cabo de Santo Agostinho - 98,5

Cidade FM - 88.7 – Tabira

São Bento FM – 104,9

Sanharó FM 104.9

Alternativa FM 104.9 – Agrestina

Nova FM 87.9 – Mirandiba

Alternativa FM 98,5 – Nazaré da Mata

Rádio Beto Som – 104,9 FM Granito

Rádio Beto Som – 104,9 FM Parnamirim

Polo FM – Santa Cruz do Capibaribe – 101,9

Pop Brasil FM – Trindade – 93,7

Terra Nova FM – 104,9

Brígida FM – 104,9 – Orocó

Itacuruba FM – 87,9

Pop Sat Brasil FM Araripina – 93,7

Santa Maria FM – 87.9 FM – Santa Maria da Boa Vista

Vale do Acaí FM – 104,9 – Poção

Nova Rádio Cultura AM – 1.320 – São José do Egito

Salgueiro FM – 102,9 – Salgueiro

Cruzeiro FM – 104,9 – São Caetano

Taquaritinga FM – Taquaritinga do Norte

Maragogi FM – 97.3 – Alagoas


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Cicero Gomes Melo

Ô Magno,vamos convidar outros entrevistados para o frente a frente,se não vai parecer que Eduardo comprou o horário.


Banco de Alimentos

05/04


2013

Governo do Estado inicia construção do Presídio de Tacaimbó
















O Governo de Pernambuco iniciou, na última quinta-feira (4), a limpeza da área onde será erguido o Presídio de Tacaimbó, município localizado no Agreste do Estado. O local terá capacidade para abrigar cerca de 600 reeducandos do regime fechado, distribuindo-os em três pavilhões, sendo dois de convívio coletivo e um com apenas um detento por cela.

A obra, orçada em R$ 30 milhões, tem previsão de conclusão até o final de 2014, para quando estão previstas a abertura de sete mil novas vagas no sistema penitenciário. Além da nova unidade de Tacaimbó, a região do Agreste será beneficiada com a construção da Cadeia de Santa Cruz do Capibaribe, a ampliação da Penitenciária Juiz Plácido de Souza, em Caruaru, e com a reinauguração da Cadeia de Goiana.

De acordo com o secretário de Ressocialização do Estado, Romero Ribeiro, o sistema carcerário de Pernambuco avançou bastante nos últimos sete anos. “O governo vai aumentar em mais de 70% a oferta de vagas com a construção de novas unidades prisionais e ampliação das já existentes. Além disso, temos investido em tecnologia, como o Centro de Monitoramento Eletrônico, o Censo Penitenciário e o Sistema Integrado de Administração Prisional”, destacou o gestor.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Jânio Nunes

bem, espero que a cadeia pública aqui de santa cruz do capibaribe saia mesmo, por que se ela fosse feita de promessas já teria sido feita umas 20 vezes. é isso...

Tajmahal Cruz

Pelo que tenho conhecimento o recurso para essa obra É FEDERAL. Portanto, esse negócio de fazer filho na mulher dos outros e dizer que seu, nem sempre cola. a não ser que o blog esteja se transformando em guia eleitoral do futuro candidato a presidente EC.



05/04


2013

Consenso sobre redução do ICMS continua longe do fim



Adriano Roberto
De Ipojuca

Quando se fala em debater as complexas alíquotas de tributos no país e se reúne todos os secretários estaduais da Fazenda já dá para perceber que não se chegará a nenhum denominador comum. Foi exatamente isso que aconteceu na 149ª reunião do Confaz, em Ipojuca.

De saída, o governador Eduardo Campos (PSB) já deu o mote ao secretário executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Barbosa, e disse que não concorda com o pedido do Governo Federal de unificar as alíquotas do ICMS. O que o gestor quer, de verdade, é que o Palácio do Planalto pressione o Congresso Nacional a votar a emenda que trata da divisão tributária do comércio eletrônico e que incentive a redução dos impostos nos equipamentos necessários para implantação de empresas nos Estados em desenvolvimento.

Nelson Barbosa, por sua vez, disse achar que os fundos de compensação e desenvolvimento devem ser debatidos pelos os Estados, retirando assim, a barganha de menor ICMS e trocando por um incentivo financeiro deste fundo, que poderia ser usado para financiar os impostos das empresas que viessem aos Estados mais pobres. Isso significa que o recurso financeiro seria dado como empréstimo pelo Estado para as empresas, o chamado diferimento de ICMS.



Para o secretario estadual da Fazenda, Paulo Câmara, apesar de o encontro não ter um denominador comum, há uma sintonia muito boa entre os Estados do Nordeste e Centro-Oeste, com uma boa participação do Espirito Santo, mas ressaltou que ''ainda falta muita conversa e muita transparência para que tenhamos um ponto de equilíbrio entre as partes''.

Ao final de quase cinco horas de reunião, um dos secretários pediu que no próximo encontro do Confaz alguém tome a providência de acabar com os papeis colocados a disposição dos participantes. Segundo a informação de um dos assessores, foram rodadas mais de 55 mil cópias neste encontro, uma contradição absurda, já que a reunião aconteceu num local tão ecológico como a Praia de Porto de Galinhas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Jornao O Poder

05/04


2013

MPT ingressa com ação de execução contra Usina Petribu

O Ministério Público do Trabalho (MPT), representado pela procuradora Vanessa Patriota, ingressou com ação de execução contra a Usina Petribu, acusada de descumprir o Termo de Ajuste de Conduta (TAC) assinado em 2009 durante um evento que reuniu mais de 21 usinas do Estado. Na ação, ajuizada em 18 de março, o MPT pede a execução de acordo que, segundo as inspeções da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE), foi descumprido em diversas ocasiões nos últimos quatro anos.

Em 2011, o Comitê Pernambucano da Campanha Permanente Contra os Agrotóxicos e pela Vida apresentou denúncia contra a usina, à época, acusada de submeter trabalhadores a contato com substâncias tóxicas e não fornecer o equipamento de proteção individual adequado para as atividades desempenhadas pelos trabalhadores. O MPT pediu então que fossem enviados os relatórios das fiscalizações da SRTE, constatando o descumprimento do acordo.

No documento, datado de 2009, a Usina Petribu ficou obrigada, entre outros, a elaborar, implementar e manter atualizados o seu programa de prevenção e assegurar a realização de exames médicos dos empregados. Desde dezembro de 2009, a usina já foi inspecionada quatro vezes e, segundo relatórios apresentados pela SRTE, em todas as ocasiões foram observados descumprimento de obrigações pactuadas acima.

A multa prevista no acordo, reversível ao Fundo de Amparo ao Trabalhador, é no valor de R$ 10 mil por cláusula descumprida. Após ter infringindo o acordo por dez vezes, o MPT pediu à Justiça que a Usina Petribu pague a importância de R$ 100 mil, além da correção das irregularidades.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


05/04


2013

Feliciano é diplomado em Direitos Humanos


















O deputado Marco Feliciano (PSC-SP) respondeu hoje às críticas de que é homofóbico e racista com um diploma: a titulação lhe foi dada pela autodenominada Federação Brasileira de Direitos Humanos, de Salvador, onde ele esteve ontem (4). “Fiquei emocionado ao ser homenageado pela Federação Brasileira de Defesa dos Direitos Humanos. A Deus, toda glória!”, escreveu o pastor em seu perfil no Twitter.

Ao que tudo indica Feliciano não se incomodou nem mesmo com o erro de grafia em seu nome, que veio acrescido de um “s”.

Segundo o documento, Feliciano goza agora de todas as “prerrogativas inerentes ao cargo”, respaldado pela Organização das Nações Unidas e protegido pelo decreto 6.044/07, publicado no governo Lula (PT) e que estabelece a Política Nacional de Proteção aos Defensores dos Direitos Humanos.

O texto dá as diretrizes de proteção e assistência à pessoa física ou jurídica que sejam defensores dos direitos humanos - como é agora Feliciano – e estejam em situação de risco por causa de sua atividade.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Ednaldo Ferreira

O diabo também já foi anjo de luz kkkkkkkkkkkk.

luiz carlos da silva

Se Dilma é presidente, qualquer outra merda brasileira também pode ser!!!

Lucidio de Figueiredo Galvão Júnior

KAKAKAKAKAKAKAAAAAA !!! É muita palhaçada Senhor. Senhor livrai-nos dessas almas penadas que dizem te representar, mais só tem apego as coisa$ materiais, livrai-nos senhor desses vigaristas .....

Paula Felicio

Lamentavel ver pessoas tão ignorantes em cargos tão importantes! Absurdo!

Cicero Gomes Melo

Feliciano é um mau exemplo para o Brasil,não dúvido que este diploma foi encomendado.