Caruaru - Jan 2022

25/01


2022

TCE retoma sessões de julgamento hoje

O Tribunal de Contas de Pernambuco retoma, hoje, as sessões de julgamento das Câmaras e do Pleno, que estavam suspensas desde o fim de dezembro. O retorno começou pela Primeira Câmara, que se reuniu nesta manhã, sob a presidência do conselheiro Marcos Loreto.

Amanhã, será a vez do Pleno se reunir para uma sessão especial, que marcará a posse do novo procurador-geral do Ministério Público de Contas, Gustavo Massa. A sessão será conduzida pela conselheira Teresa Duere, presidente em exercício do TCE, em razão de licença médica do conselheiro Ranilson Ramos.

Gustavo Massa foi nomeado para o cargo pelo governador Paulo Câmara no último dia 11 de janeiro, após ser eleito, por unanimidade, pelos oito procuradores do Ministério Público de Contas de Pernambuco. Massa ocupará a função no biênio 2022-2023, em substituição a Germana Laureano.

O procurador Guido Rostand Cordeiro Monteiro, igualmente escolhido de forma unânime, será o novo responsável pela Corregedoria Geral do MPCO. Ele substituirá a procuradora Eliana Lapenda.

Na quinta-feira acontece a sessão da Segunda Câmara do TCE, presidida pelo conselheiro Dirceu Rodolfo de Melo Júnior, que deixou a presidência da Casa em dezembro passado.

Em razão do agravamento dos casos de Covid-19 e da gripe H3N2, as sessões de julgamento do TCE voltam a ser realizadas de forma exclusivamente remota, com transmissão ao vivo pelo canal da TV TCE-PE no Youtube.

Os advogados que tiverem interesse em fazer sustentação oral nas sessões, devem informar, com antecedência de duas horas, pelo e-mail: [email protected], nome, inscrição na OAB, parte interessada, número do processo e telefone para contato.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cabo - Pavimentação e Drenagem

25/01


2022

Sobrepreço em compra de brinquedos no Recife

Uma decisão cautelar do Tribunal de Contas do Estado (TCE) já publicada no Diário Oficial do órgão revela um suposto sobrepreço na compra de brinquedos pela atual gestão da Secretaria de Educação do Recife. Segundo auditores do TCE, haviam valores superestimados em até 150% a 200% na licitação da Prefeitura. A pasta municipal foi entregue de "porteira fechada" ao ex-prefeito Geraldo Júlio (PSB) pelo atual prefeito João Campos (PSB). Geraldo indicou seu aliado Frederico Amâncio. Desde que a pasta foi entregue a Frederico Amâncio, a Secretaria tem sido foco de sucessivas "dores de cabeça" para o atual prefeito do Recife. Nesta nova licitação da pasta de Frederico Amâncio, o valor estimado global do objeto da licitação de brinquedos ficou em R$ 23 milhões. 

O relatório dos auditores do TCE, colegas de concurso público do ex-prefeito Geraldo Júlio, apontou, segundo os autos do processo, um "sobrepreço no orçamento estimativo; da ausência de justificativa baseada em elementos objetivos na definição dos quantitativos estimados; da adoção irregular do critério de adjudicação por lote; do excesso de formalismo em previsão de desclassificação de proposta por não indicação de marca; e da ausência de cláusula estabelecendo obrigatoriedade de certificação INMETRO". A abertura das propostas estava prevista, a "toque de caixa", já para 21 de janeiro. Para os auditores, os argumentos apresentados pela Secretaria de Educação do Recife, com o objetivo de justificar o quantitativo de brinquedos, não estão fundamentados "em adequadas técnicas quantitativas de estimação e, portanto, são insuficientes". 

A relatora do processo, conselheira Teresa Duere, fez críticas a condução da licitação pela pasta da educação. "Houve desídia por parte da Secretaria de Educação do Recife no planejamento da contratação, notadamente no que se refere à elaboração do orçamento estimado; com preços muito superiores aos praticados pela administração pública, como no caso dos bonecos (valores superestimados em 150% a 200%, num montante analisado de R$ 4.451.160,00), ou, no caso da fita grelot, mais de 10 vezes, representando um excesso de R$ 11.205.000,00 (numa análise de 05 itens de um total de 64 itens dispostos no edital, um montante de R$ 12.450.000,00)", disse a relatora, na decisão. A medida cautelar foi para "determinar que a Secretaria de Educação do Recife (órgão demandante da licitação e responsável pelo planejamento – fase interna) e a Secretaria de Planejamento, Gestão e Transformação Digital (órgão que processa a licitação), não deem seguimento ao Processo Licitatório 01/2022 - Pregão Eletrônico 01/2022, e encaminhem todas as medidas adotadas para sanar as irregularidades apontadas neste relatório, antes da republicação do novo edital".

Agora o secretário Frederico Amâncio, aliado do ex-prefeito Geraldo Júlio, será notificado para apresentar defesa ao TCE, em cinco dias. O indicado por Geraldo têm causado "dor de cabeça" no atual prefeito, segundo fontes no nono andar da Prefeitura do Recife. A licitação dos tablets, por exemplo, por pouco não foi parar na Polícia Federal (PF). No nono andar da Prefeitura, onde fica o gabinete do atual prefeito, segundo uma fonte, já foi ouvida a advertência "tira esse cara daí, antes que sua gestão seja manchada".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina Dezembro 2021

25/01


2022

Galo da Madrugada em abril

Da coluna de João Alberto

A decisão das prefeituras do Rio e São Paulo de transferir para o período de 21 a 24 de abril os desfiles das escolas de samba pode determinar nova data para o carnaval do Recife. Um dos destaques poderia ser o desfile do Galo da Madrugada, que no final de semana, comemorou 44 anos, no sábado 22 de abril. O Governo do Estado estuda também a transferência dos feriados dos dias de carnaval.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Arcoverde janeiro 2022 - 2

25/01


2022

Produtores de Bodocó pedem ajuda a Clodoaldo

Destaque na produção leiteira de Pernambuco, Bodocó passou a ser a 3ª bacia leiteira do estado, com uma produção de mais de 56 mil litros de leite no ano passado, ficando atrás apenas das cidades de Buíque (mais de 78 mil litros) e Itaíba (mais de 73 mil litros), segundo o IBGE.

Em Bodocó, pelo menos 2.800 propriedades produzem diariamente esse item para sustentar a economia local. Mas os produtores estão desanimados. O deputado Clodoaldo Magalhães (PSB) foi procurado por um grupo de produtores que alega desvalorização da categoria. Eles dizem que estão sem incentivos para fortalecer o setor, que também sofre com a baixa nos preços do leite e outros itens, como queijos, doces e derivados.

“Além desses problemas, os produtores da bacia leiteira pernambucana estão preocupados com a entrada de leite de outros estados na indústria do nosso estado, o que faz eles perderem competitividade no mercado interno. Eles estão pedindo ao governo Paulo Câmara uma revisão na pauta fiscal e o retorno dos 18% do ICMS”, explicou o parlamentar.

Diante deste cenário, Clodoaldo Magalhães se comprometeu em ajudar os produtores de leite. “Vamos buscar o suporte necessário junto a órgãos como Adagro, Fiepe, Sebrae e o próprio governo estadual para tentarmos adotar políticas de regularização, estabilidade de vendas e preços, bem como a divulgação do potencial do queijo de Bodocó”, concluiu o parlamentar.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/01


2022

Ana Cañas canta Belchior no Recife

Mergulhada na vida e obra de Belchior, um dos maiores compositores do País, a cantora paulista Ana Cañas, que já participou de um Sextou no Frente a Frente, estará no Recife no próximo sábado para o seu belíssimo show-tributo em homenagem a Antônio Carlos Belchior. Ana começou a cantar as músicas do artista cearense durante a pandemia de Covid-19, numa live. Clique no link disponível e reviva agora o belíssimo e emocionante Sextou com Ana Canãs.

Ali, nasceu com a ideia de transformar o show num álbum e uma turnê integralmentes dedicados ao compositor. A emocionante repercussão do público sobre a interpretação de Ana Cañas, aliada ao mergulho profundo que ela fez na obra de Belchior, foram fundamentais para que a iniciativa seguisse e se tornasse o novo álbum da artista, lançado no segundo semestre de 2021.

O processo de lançamento contou com três videoclipes: “Coração Selvagem”, com participação de Lee Taylor, “Alucinação”, com participação de Maria Casadevall e “Sujeito de Sorte”, no qual 46 artistas – entre eles Wagner Moura, Bruno Gagliasso e Elza Soares – gravaram suas próprias participações. Além dos videoclipes, todas as 14 faixas ganharam versões exclusivas no YouTube mostrando o processo de gravação do álbum.

Cañas é um expoente da nova música popular brasileira. Politizada, conectada, dona de uma voz marcante, a cantora iniciou sua carreira interpretando jazz e MPB e se reconectou com Belchior para um álbum elogiado pela crítica e transportado para os palcos. “É um gênio que teve a capacidade de abraçar o alicerce do que nos faz humanos. O cenário muda, mas o que nos define está em seus versos”, conta.

Ana Cañas canta Belchior traz a intensidade do cearense em 14 canções selecionadas depois do sucesso de uma live nas redes sociais. Em duas horas, meio milhão de visualizações e o desejo de registrar em estúdio após um financiamento coletivo espontâneo. Na seleção, o ouro fino das canções belchioranas: Coração Selvagem, Sujeito de Sorte, Alucinação, Como Nossos Pais, Velha Roupa Colorida. Tudo registrado em áudio e vídeo, disponível nas principais plataformas de streaming e no Youtube.

Com entradas já à venda no Sympla, “Ana Cañas Canta Belchior” emocionará o Teatro Guararapes. Eles custam R$ 80 (meia-entrada), R$ 120 (social, com doação de 1kg de alimento não perecível) e R$ 160. “Não se pode passar pelo Belchior como se fosse apenas um entretenimento… Ou você pula num abismo, no abismo da existência, ou você não vai chegar no coração das pessoas”, diz a cantora. 

Cumprindo as novas regras sanitárias do Governo de Pernambuco serão exigidos Teste Negativo para COVID-19 e comprovante do esquema vacinal na entrada do evento. Os testes devem seguir o seguinte esquema:

  • Teste tipo Antígeno coletado em até 24h antes do evento;
  • Teste tipo RT-PCR coletado em até 48h antes do evento;

Em parceria com o Laboratório Lapraz Mais Diagnóstico, a produção do evento disponibilizará a preço especial para clientes a realização do teste tipo Antígeno no Teatro Guararapes a partir das 9h da manhã do sábado dia 29.

Serviço

ANA CAÑAS CANTA BELCHIOR

Teatro Guararapes, Av. Prof. Andrade Bezerra s/n, Olinda – Pernambuco

Sábado, 29 de janeiro de 2022 - 21h

Ingressos: R$80 (meia-entrada), R$120 (social, com doação de 1kg de alimento não perecível) e R$160 (inteira)

Vendas: Sympla – https://bileto.sympla.com.br/event/70583/d/118781


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

25/01


2022

No Sextou, tributo a Nelson Gonçalves

A carreira do cantor Nelson Gonçalves, fenômeno musical no Brasil entre os anos 70 e 90, recordista em venda de discos abaixo apenas de Roberto Carlos, será destacada no Sextou da próxima sexta-feira. Responsável pela produção de um álbum com canções dele, a ser lançado em abril, a cantora pernambucana Cristina Amaral confirmou, há pouco, sua presença no programa.

Além de falar sobre a vida e os sucessos de Nelson Gonçalves, que atingiu a impressionante marca de 100 milhões de discos vendidos, com mais de 200 canções, entre elas A volta do boêmio, a mais tocada, Cristina vai cantar algumas das canções que selecionou para o álbum. "Nelson Gonçalves, uma saudade", tema da sua incursão no mundo do célebre cantor, é para quem gosta, verdadeiramente, da boa música. 

O Sextou vai ao ar às 18 horas pela Rede Nordeste de Rádio, formada por mais de 40 emissoras, tendo como cabeça de rede a Nova FM 98,7, no Recife. Se você deseja ouvir pela internet, clique no botão Rádio acima ou baixe o aplicativo da Rede Nordeste de Rádio na play store.

Para matar a saudade de Nelson Gonçalves, clique no link e ouça A volta do boêmio.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

SESC - Férias de Janeiro

25/01


2022

Prefeitura inicia obras de capeamento asfáltico em João Alfredo

O prefeito de João Alfredo, Zé Martins, iniciou, ontem, o serviço de capeamento asfáltico em diversas ruas da cidade. O pontapé das obras ocorreu na Rua Firmino José de Moura, no bairro Asa Branca, zona sul da Cidade Feliz, principal via de acesso àquela comunidade, onde funcionam pequenas indústrias, as escolas Monsenhor Jonas Menezes e Silva e Márcio Xavier de Moura, o CEMEI Maria Lúcia e a ESF Severino Ferreira da Silva. A empresa CBS está encarregada da execução das obras, com apoio da municipalidade, através da Secretaria de Serviços Públicos.

Nesta primeira etapa, os recursos para realização dos serviços são disponibilizados pelo Governo Federal, através da Codevasp, por intermédio de emendas parlamentares do senador Fernando Bezerra Coelho e do deputado federal Fernando Filho.  As obras têm como objetivo garantir a melhoria da mobilidade urbana oferecendo segurança, conforto e fluidez ao trânsito, qualidade de vida da população, além de contribuir para a manutenção da limpeza pública e para a conservação dos veículos.

“Nossa gestão tem trabalhado para melhorar as condições de mobilidade urbana no município e assim fomentar o comércio, a indústria e o varejo de forma geral. Nossa cidade precisa estar em boas condições para que não só os joãoalfredenses, mas também os visitantes tenham facilidade de acesso; como consequência, mais circulação de pessoas e movimentação da economia”, disse o prefeito Zé Martins.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bandeirantes novembro 2021

25/01


2022

Olavo de Carvalho morre aos 74 anos

O escritor e influenciador Olavo de Carvalho morreu aos 74 anos. De acordo com a nota divulgada pela família nas redes sociais de Carvalho, o escritor morreu na noite de ontem.

Ainda segundo a nota, ele estava em um hospital de Richmond, no estado da Virgínia, nos Estados Unidos. Olavo de Carvalho foi diagnosticado com Covid-19 oito dias antes.

Nascido em Campinas, no interior de São Paulo, Olavo Luiz Pimentel de Carvalho se intitulava professor de filosofia e ficou conhecido por vídeos e livros que apoiam o conservadorismo político e que recusam o discurso politicamente correto.

Apesar de ter sido um guru do bolsonarismo, Olavo de Carvalho vinha fazendo críticas ao presidente Jair Bolsonaro (PL) nos últimos meses. Bolsonaro já o elogiou nas redes sociais, mas Carvalho também foi criticado por militares que integram o governo. Ele deixa a esposa, Roxane, oito filhos e 18 netos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

Hoje é dia de tristeza para muitos blogs, blogueiros e jornalistas cloroquina que eram fãs e acima de tudo idolatravam o guru das imbecilidades. O acéfalo e os seus zeros devem está muito tristes, não esquecendo dos lambe-botas.


Pousada da Paixão

25/01


2022

Coluna da terça-feira

É Danilo, só falta anunciar

Se não houver uma reviravolta de última hora, o deputado federal Danilo Cabral (PSB) será anunciado nos próximos dias candidato a governador da Frente Popular. Há dez dias, o governador Paulo Câmara deu a informação ao ex-presidente Lula. Língua solta, o petista se encarregou de imediato de vazar para o colunista Lauro Jardim, de O Globo, que já deu a escolha como certa, antecipadamente.

Mas circulou a informação, ontem, de que a viúva Renata Campos ainda não assimilou Danilo. Seu nome preferencial é o do também deputado federal Tadeu Alencar, pai do esposo da filha primogênita da ex-primeira-dama. Danilo, diferente de Tadeu, teria mais simpatia e aderência em todos os partidos da ampla frente que está no poder há 15 anos consecutivos.

Paulo Câmara queria Zé Neto, secretário de Governo, amigo do peito, mas encontrou resistências para bancar a indicação. Teve que engolir Danilo, com quem tem relação antiga de amizade, mas não a ponto de confiar cegamente, como se dá com Zé Neto. O anúncio só será feito, entretanto, depois que todos os presidentes estaduais da Frente forem consultados.

Dentre os que ainda faltam, o presidente estadual do Avante, Sebastião Oliveira, em férias no exterior. Sebá, que volta amanhã ao Brasil, é defensor ardoroso da candidatura de Zé Neto, mas deve se curvar se Danilo for objeto de uma aprovação consensual entre os demais líderes que integram a Frente Popular.

O informante – Lauro Jardim deu com tanta segurança a informação de que o candidato a governador seria Danilo Cabral que o mundo político do Estado se surpreendeu, até porque os principais expoentes do conjunto da Frente Popular ainda não haviam sido consultados pelo governador. Mas a fonte do colunista do Globo era segura: o ex-presidente Lula, que fora informado na véspera da decisão tomada por Paulo Câmara.

Senador petista – Quanto ao senador na chapa da Frente Popular, ninguém tem mais dúvidas de que caberá ao PT. Conforme esta coluna já noticiou, a indicação passará pelo crivo do senador Humberto Costa, que prefere o deputado federal Carlos Veras, que bate continência para ele nas 24 horas do dia que Deus dar. Veras está no primeiro mandato, tem raízes no Pajeú, sendo filho de Tabira, por onde ingressou na vida pública via movimento sindical.

Convite – Por falar em Humberto Costa, o senador fez convite, ontem, ao secretário responsável pela nota técnica do Ministério da Saúde com desinformação acerca das vacinas anti-convid-19. A nota foi assinada por Hélio Angotti, secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos da pasta. Humberto Costa é presidente da CDH (Comissão de Direitos Humanos) do Senado. Segundo ele, o auxiliar da Saúde apresentou uma nota “negacionista” em relação à vacinação. Por se tratar de uma comissão permanente, Angotti não pode ser convocado como em uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito).

Pressão do Rede – Em nota, o partido Rede no Estado, através de Sérgio Rodrigues de Paula, cobrou pressa ao PSB na escolha do candidato a governador. Segundo ele, a definição é crucial para garantir o andamento da negociação entre os dois partidos. Disse que apenas com o retorno dos políticos-técnicos na liderança do Estado – muitos deles se encontram no legislativo federal – o PSB poderá abrir caminhos para o futuro. "Esperamos, mas não podemos esperar muito, neste silêncio que grita, já há muito tempo, por um nome como candidato de uma frente democrática, garantidora dos direitos humanos e que tenha empatia pelas vidas das pessoas", diz a nota.

Aposta na televisão – Os pré-candidatos que hoje patinam nas pesquisas de intenção de voto terão uma poderosa ferramenta para se tornar nacionalmente conhecidos antes do período oficial de campanha. É que, com a volta da propaganda partidária de rádio e TV, a partir de março, as legendas vão usar os programas e inserções para ampliar a exposição de suas apostas eleitorais. Especialistas alertam, porém, que embora não seja proibida a participação de nomes que estarão nas urnas em outubro, transformar as inserções em promoção pessoal pode configurar propaganda antecipada e resultar em punições como multa e cassação de tempo. O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), recorrerá à vacinação contra a covid-19, por exemplo, para mostrar que foi ele quem primeiro trouxe o imunizante para o País.

CURTAS

TAMBÉM NA TV – Não é só Dória, no entanto, que vai usar as inserções para se apresentar aos eleitores. O Podemos do ex-juiz da Lava Jato Sérgio Moro e o PDT do ex-ministro Ciro Gomes confirmaram que os presidenciáveis também terão destaque nas propagandas. O PL, por sua vez, vai exibir o presidente Jair Bolsonaro, que é candidato à reeleição.

INSERÇÕES – As inserções podem ter duração de 30 segundos. O tempo de cada partido varia conforme o tamanho das bancadas eleitas para a Câmara, em 2018. Legendas com mais de 20 deputados eleitos têm 20 minutos semestrais. É o caso de quase todos os principais pré-candidatos, com exceção de Moro, uma vez que o Podemos elegeu 11 deputados e ficará com 10 minutos em cada semestre.

Perguntar não ofende: a poderosa Renata Campos vai virar o jogo em favor de Tadeu Alencar?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Rafael C.Soares Quintas

Só lembrando que se o PSB eleger o governador, seja Danilo Cabral ou Tadeu Alencar, só pode governar por 4 anos, pois em 2026 vem João Campos.



24/01


2022

Moraes manda Jefferson para prisão domiciliar

O ministro Alexandre de Moraes substituiu, hoje, a prisão preventiva do ex-deputado Roberto Jefferson pela prisão domiciliar. Assim, Jefferson cumprirá pena em casa, na cidade de Comendador Levy Gasparian (RJ). Jefferson terá de cumprir medidas cautelares, como usar tornozeleira eletrônica e não manter contato com investigados. As informações são da coluna do Guilherme Amado.

Mais cedo, a coluna mostrou que a defesa de Jefferson alegou ao STF que o presidente de honra do PTB corria risco de morte por motivos de saúde e estava abatido na carceragem. No último dia 18, Moraes autorizou que Jefferson deixasse a prisão temporariamente para fazer exames médicos. O plenário da corte julgaria no mês que vem se concedia a liberdade a Jefferson, o que já havia sido negado por três vezes.

Roberto Jefferson terá de cumprir diversas obrigações no regime domiciliar. Além da tornozeleira eletrônica e de não se comunicar com outros investigados, Jefferson deverá se apresentar à Justiça periodicamente e ficar em casa à noite.

Durante sua prisão, Roberto Jefferson divulgou um vídeo atacando e insinuando a morte de Alexandre de Moraes. A gravação foi divulgada de dentro do Hospital Samaritano Barra, onde ele estava internado. Moraes, então, cobrou explicações da cadeia e do hospital, e determinou uma investigação para apurar como o vídeo foi feito. No último dia 12, a PGR pediu que a PF colhesse 14 depoimentos de pessoas que visitaram Jefferson no hospital em 13 e 14 de outubro, data provável da gravação.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


24/01


2022

Aliança de Lula com PSB prevê Marília ao Senado

Por José Matheus Santos – Folha de São Paulo

A direção nacional do PT planeja indicar a deputada federal Marília Arraes (PE) como candidata a senadora na composição com o PSB em Pernambuco. O objetivo é consolidar a estratégia da sigla petista de ampliar a bancada no Senado a partir de 2023 e, com isso, facilitar a governabilidade em caso de vitória do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na eleição presidencial.

PT e PSB tentam selar acordos em disputas estaduais para pacificar a unidade da aliança em torno de Lula na disputa nacional. No encontro desta quinta em Brasília, as direções dos dois partidos defenderam a prerrogativa do PSB de indicar o candidato a governador de Pernambuco porque a legenda comanda o estado desde 2007 – os mais cotados são os deputados federais Danilo Cabral e Tadeu Alencar.

O PT, por sua vez, ainda não tornou pública a intenção, mas quer a vaga do Senado na chapa em Pernambuco. Nos bastidores, a cúpula petista entende que Marília Arraes é a que mais tem viabilidade eleitoral para a função.

O partido do ex-presidente Lula quer aumentar sua bancada de seis para pelo menos nove senadores. Para isso, o PT quer dar carga nas candidaturas no Nordeste, reduto eleitoral do PT. Deverão se candidatar a senador, por exemplo, os governadores do Piauí, Wellington Dias, e do Ceará, Camilo Santana, além do senador Jean Paul Prates, que pode tentar a reeleição no Rio Grande do Norte. Lula e o PT também vão apoiar Flávio Dino (PSB) no Maranhão, visto como aliado de primeira hora.

Em dezembro, o PT de Pernambuco aprovou a indicação do senador Humberto Costa como pré-candidato ao governo. Nos bastidores, a aprovação foi vista como forma de pressionar o PSB a abrir mão da disputa do governo de São Paulo, onde Márcio França e Fernando Haddad são pré-candidatos por PSB e PT, respectivamente.

Na quarta-feira, Lula disse em entrevistas a blogs independentes que, "se o PSB definir um candidato, Humberto está fora (da disputa)". O grupo de Humberto Costa é majoritário no PT de Pernambuco e refratário à Marília Arraes. Aliados do senador dizem que a preferência do grupo é por indicar o candidato a vice-governador na chapa do PSB, mas o posto não é de interesse da direção nacional do PT, que tem entre suas prioridades ampliar a bancada no Congresso.

Humberto Costa e Marília Arraes são desafetos internos no PT desde 2018, quando o senador fez parte da articulação para rifar a deputada da disputa pelo governo de Pernambuco e reatou a aliança com o PSB para tentar a reeleição no mesmo palanque do governador Paulo Câmara. A tática eleitoral teve aval da direção nacional do PT para impedir que os pessebistas apoiassem Ciro Gomes (PDT).

Em 2020, Humberto foi contra a candidatura própria do PT à prefeitura do Recife. O PSB de Pernambuco considera o senador um dos seus principais aliados.

Além do impasse no PT local, Marília Arraes terá de lidar com resistência a seu nome por parte do prefeito do Recife, João Campos, e da família dele. Marília e João são primos de segundo grau, mas não há um racha na família Campos-Arraes. O entorno do prefeito alega que Marília não faz gestos na sua direção para se viabilizar ao Senado.

Em 2020, os dois foram ao segundo turno na disputa pela prefeitura do Recife, ocasião em que a campanha de João Campos colocou em xeque a fé de Marília Arraes e investiu no antipetismo, inclusive usando como promessa eleitoral não indicar petistas para cargos na administração municipal e lembrando escândalos de corrupção em governos petistas.

"O acirramento foi muito mais por parte dos à época adversários do que nosso. Acho que [o diálogo] tem que ser convergido principalmente em Pernambuco, onde Bolsonaro tem uma das maiores rejeições do país. A tendência é que entendam a nacionalização da eleição conforme a estratégia de Lula", diz Marília.

Marília Arraes, por sua vez, se colocava até então como opositora do PSB, mantendo-se nessa posição desde 2014, quando rompeu com a legenda, no auge da popularidade do ex-governador Eduardo Campos.

À reportagem, Marília Arraes afirmou que está disposta a seguir a estratégia a ser definida pelo ex-presidente Lula e minimizou divergências com o PSB de Pernambuco. "Em um momento em que precisamos derrotar Bolsonaro, a gente tem diálogo com quem quer derrotar Bolsonaro junto com a gente. O projeto local é importante, mas não podemos falar sobre o que está acontecendo em Pernambuco sem discutir o que está ocorrendo no Brasil".

A ala pernambucana do PSB não tem preferência por Marília, mas enfatiza internamente que precisa do ex-presidente Lula como cabo eleitoral para ajudar o partido a manter o governo do estado. Já a direção do PT argumenta que a prioridade é derrotar Bolsonaro e divergências pontuais devem ser secundárias.

"Não podemos pensar o nosso projeto eleitoral de 2022 só olhando para trás, temos que olhar para a frente. Divergências e separações pretéritas não podem interditar a necessidade de uma ampla frente democrática em favor do Brasil e da democracia", afirma o vice-presidente nacional do PT, deputado federal José Guimarães.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


24/01


2022

Paudalho anuncia Dia D da Vacinação para crianças

Com objetivo de acelerar a vacinação das crianças no município de Paudalho, na Mata Norte, o prefeito Marcelo Gouveia (PSD) anunciou que a partir da próxima quarta-feira, crianças de 9 anos ou mais poderão tomar a dose do imunizante. O Dia D da Vacinação das Crianças ocorrerá das 8h às 16h, no Drive-Thru, montado na Praça Pedro Coutinho, no Centro da cidade.

“A quarta-feira será o Dia D e vamos abrir só para vacinação dos nossos pequenos. Precisamos lembrar que a vacina salva, que a pandemia não acabou e agora eu conto com cada pai e mãe. Nossas crianças precisam ser imunizadas”, comentou o prefeito Marcelo Gouveia.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
Publicidade

Publicidade

Publicidade

TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Opinião

Publicidade
Apoiadores
Parceiros