Ipojuca 2021 IPTU

14/04


2021

Voos da Itapemirim

Da coluna de João Alberto

Nesta semana, a Itapemirim Transportes Aéreos realiza voos de certificação junto à Anac, com seus aviões apenas com tripulantes nos aeroportos onde vai operar na primeira fase: Guarulhos, Belo Horizonte, Salvador, Rio e Janeiro e Porto Alegre. O Recife ficou de fora da primeira etapa dos voos da nova empresa aérea brasileira.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina abril 2021

14/04


2021

Fortes chuvas atingem Pesqueira

Fortes chuvas também atingiram Pesqueira, no Agreste Central de Pernambuco, na tarde de hoje. O Blog recebeu de um leitor imagens que mostram alagamento em uma área da cidade. A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) emitiu novo alerta meteorológico para todas as regiões do Estado e a tendência é de que mais chuva caia amanhã.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ALEPE

14/04


2021

Editorial analisa decisão do STF sobre caso Lula

No Frente a Frente de hoje, programa que ancoro pela Rede Nordeste de Rádio, o meu editorial foi sobre a decisão do Plenário do STF sobre a anulação das condenações do ex-presidente Lula. Vale a pena conferir!

O Frente a Frente tem como cabeça de rede a Rádio Hits 103,1 FM, em Jaboatão dos Guararapes.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

ABAIXO FALSO MORALISMO

Magno Nelson Rubens

ABAIXO FALSO MORALISMO

Magno abrão

ABAIXO FALSO MORALISMO

Prêmio leão lobo

ABAIXO FALSO MORALISMO

Magno fofoca

Wellington Antunes

Magno, para de desinformar teus ouvintes através de tantas emissoras. O que o STF decidiu hoje foi levar a decisão da Segunda Turma para o plenário, dentre os milhares de Habeas Corpus que são julgados todos os anos pelas Turmas do STF, só o de Lula desconsiderou a decisão de uma Turma e resolveram levar ao plenário amanhã. O que vão julgar amanhã não tem nada de julgar ou não a inocência de Lula, o que vão julgar é se a competência coube ou nào a Vara de Curitiba quantos aos processos de que Lula é acusado (Tríplex e Atibaia). Caso o plenário confirme a decisão do Fachin na Segunda Turma o processo será encaminhado à Brasilia para ser julgado pela justiça de lá. Agora, o mais importante é a suspeição de moro (minúsculo mesmo) que tu andasse chamando de herói aqui nesse teu blog. Deixa de ser propagador de fake-news, Magno.


Bandeirantes 2021

14/04


2021

Baixa Verde: Prefeito leva projeto a ministro do Turismo

O prefeito de Santa Cruz da Baixa Verde, Irlando Parabólicas (PP), visitou o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto. Na ocasião, o gestor apresentou diversos projetos na tentativa de impulsionar a economia local. Entre eles, o Complexo Turístico Cristo Redentor.

A proposta ambiciosa visa à criação de um novo equipamento turístico na Capital da Rapadura para atrair o turismo religioso e de lazer no Sertão do Pajeú. O projeto já tem o apoio e contrapartida da Secretaria de Turismo e Lazer de Pernambuco.

De acordo com a iniciativa, o Cristo terá 30 metros de altura e será instalado na Serra do Cruzeiro, ponto mais alto da cidade. O complexo contará com toda estrutura necessária para atender os turistas e visitantes vindos dos mais diversos destinos. 

Após a apresentação, o ministro acenou positivamente e se dispôs a participar do projeto colocando recursos da pasta do Turismo para que esse complexo possa se tornar realidade. Além disso, o Ministério se comprometeu a fazer uma visita técnica a Santa Cruz da Baixa Verde.

Outra solicitação feita pelo prefeito Irlando foi um novo portal para a cidade. No pedido, encontrou respaldo do presidente da Embratur, Carlos Brito.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


14/04


2021

Câmara concede voto de louvor para Joaquim Francisco

Pernambuco se notabilizou, ao longo da história, por produzir homens públicos de destacados perfis. Um desses nomes é o do ex-governador e ex-ministro Joaquim Francisco. Por indicação do deputado federal Ricardo Teobaldo (Podemos), a Câmara Federal concedeu hoje um Voto de Louvor em sua homenagem, no dia que celebra 73 anos.

Para Ricardo Teobaldo, esse voto é apenas uma parcela diante de todas as reverências que Joaquim Francisco merece. “Nossa ideia inicial seria realizar uma sessão solene em homenagem a Joaquim Francisco. Porém, por conta da pandemia, esses planos precisaram ser adiados e serão realizados num momento oportuno. Assim, sugerimos o Voto de Louvor. Essa é uma pequena homenagem diante de toda a grandeza e dedicação de Joaquim por Pernambuco e pelo Brasil”, destacou.

Teobaldo ainda frisou a importância que Joaquim Francisco tem para nossa história política. “A trajetória de Joaquim se confunde com a história política de Pernambuco. Prefeito, deputado federal, ministro governador… a nossa história carrega o DNA e o trabalho de Joaquim Francisco”, frisou.

Advogado, procurador do Estado de Pernambuco aposentado, formado pela Universidade Federal de Pernambuco desde 1970, com grande atuação na área política, Joaquim Francisco foi prefeito da Cidade do Recife por dois mandatos (1983-1985 e 1988-1990), deputado federal constituinte (1988), Ministro do Interior (1989), governador do Estado de Pernambuco (1990-1994) e deputado federal pelo Estado de Pernambuco (1998-2006).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

14/04


2021

A montanha que pariu um rato

Por Izaías Régis*

Em decisão tomada pelo “puxadinho do Palácio Celso Galvão”, que causa profunda tristeza e descrédito a um município da representação política de Garanhuns, no “chicote” do inquilino temporário do Executivo, a Câmara Municipal, através de um procedimento nulo de pleno direito, em flagrante cerceamento de defesa, no desejo de atrair eventual inelegibilidade, motivada pelo medo ou pelo sentimento de incompetência administrativa, acabou por afrontar decisão final do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco, que por unanimidade de votos aprovou as contas do ex-prefeito deste Município, Izaías Régis.

Não se apercebeu, o desavisado e despreparado articulador mor da trama e seus coadjuvantes servis ao poder de plantão, que o desejado afastamento, por manipulação política da decisão do TCE/PE, não possui o condão de atrair a regra da inelegibilidade prevista na alínea “g”, inciso I do Art. 1º da LC 64/90, que para tanto exige, não apenas a reprovação das ditas contas, mas, ainda, a presença cumulativa de irregularidade insanável que configure ato doloso de improbidade administrativa, cuja a jurisprudência mais recente do TSE ainda impõe a presença de dano ao erário.

Apenas como exemplo, tome-se o ocorrido nas eleições de 2016 para o Município de Joanésia/MG (Processo n. 91-22.2016.6.13.0176/MG) em que a Câmara Municipal, na esteia do ocorrido em Garanhuns, contrariou parecer prévio do TCE e rejeitou as contas do então prefeito, mais votado na referida eleição, gerando uma discussão sobre a tão desejada inelegibilidade. Naquele processo a Ministra Rosa Weber, chamando atenção pela condição incomum do ocorrido, ressaltou que “ainda que o julgamento tenha emanado o órgão competente (Câmara Municipal), não se embasou em parecer prévio do órgão competente (Tribunal de Contas)”.

Em outro julgamento, como se estivesse diante do hoje realizado pela Câmara, o TSE (Processo n. 39-08.2016.6.08.0033/ES), através do voto do Min. Jorge Mussi, citando outros tantos casos, ressaltou que: “(...) Como consectário, descabe assentar a existência de ato doloso de improbidade administrativa por vício insanável quando a rejeição de contas de prefeito pelo Poder Legislativo baseou-se em relatório da Comissão de Finanças e Orçamento da Câmara Municipal, desprezando parecer prévio da Corte de Contas que opinou pela aprovação do ajuste contábil. (...)”

Cabe, agora, ao povo de Pernambuco, e especial de Garanhuns, avaliar pela perseguição ou pela alegria que permeou esse município nos últimos 8 (oitos) anos, seguindo em frente, sem ódio, sem medo, como pré-candidato ao cargo de Deputado Estadual, grato pelos de verdade que sempre é o melhor caminho.

*Ex-prefeito do município de Garanhuns


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Anuncie Aqui - Blog do Magno

14/04


2021

Lula amplia vantagem sobre Bolsonaro no 2º turno

Pesquisa PoderData, do portal Poder360, realizada em todo o Brasil com 3.500 entrevistas nesta semana (12-14.abr.2021), indica que Luiz Inácio Lula da Silva (PT) teria 18 pontos de vantagem sobre Jair Bolsonaro (sem partido) num eventual 2º turno na disputa pelo Palácio do Planalto. O petista teria 52% contra 34% do atual presidente.

A eleição presidencial é apenas em 2 de outubro de 2022. Os cenários testados agora devem ser tomados com uma radiografia do momento, quando o país enfrenta o pior impacto da pandemia de coronavírus, muitos Estados mantêm negócios fechados e há incerteza sobre a recuperação da economia.

Nesse contexto, a pesquisa PoderData captou uma piora das intenções de voto para Bolsonaro na comparação com duas semanas atrás, quando apenas Lula e Ciro Gomes (PDT) venceriam Bolsonaro num eventual 2º turno. Agora, o presidente já não ganha de ninguém com segurança.

Mas é muito importante registrar que numa conjuntura adversa – com a CPI da Covid-19 quase entrando em funcionamento –, Bolsonaro segue com o apoio fiel de 1/3 do eleitorado. É um sinal de que as vicissitudes não provocaram uma erosão no bolsonarismo de raiz.

Segundo o PoderData, Bolsonaro perderia hoje num confronto direto para Lula (52% X 34%) e para o empresário e apresentador da TV Globo Luciano Huck (48% X 35%).

Contra outros 3 possíveis candidatos testados, Bolsonaro ficaria apenas em situação de empate técnico (a margem de erro da pesquisa é de 1,8 ponto percentual, para mais ou para menos): Bolsonaro 38% X 37% João Doria (PSDB); Bolsonaro 38% X 37% Sergio Moro (sem partido); Bolsonaro 38% X 38% Ciro Gomes.

Chama a atenção a melhora do tucano João Doria, justamente no período em que o governador de São Paulo reduziu os atritos públicos com seu partido (o PSDB) e também quando o Instituto Butantan conseguiu acelerar a vacinação contra a covid-19. O eleitorado reagiu e Doria agora subiu de 31% para 37% em duas semanas numa simulação de 2º turno contra Bolsonaro, segundo o PoderData.

Também foi registrada uma melhora do ex-juiz da Lava Jato Sergio Moro (de 31% para 37%) na simulação de 2º turno. E uma expressiva pontuação de Luciano Huck, que em duas semanas saiu de 40% para 48%. Huck e Moro, além de Doria, são sempre citados como possíveis nomes para satisfazer uma corrente que se autodenomina “de centro” e que gostaria de ter um candidato em 2022 fora da polarização Bolsonaro-Lula.

Além de Bolsonaro, quem coletou um resultado negativo nesta rodada do PoderData foi o pedetista Ciro Gomes. Ele variou negativamente dentro da margem de erro na simulação de 2º turno (de 39% para 38%), mas viu Bolsonaro nesse cenário encostar, saindo de 34% para 38%. Há duas semanas, Ciro venceria. Agora, fica empatado com o atual presidente –talvez um sinal de que seu nome não agrade ao eleitorado situado do centro para a direita do espectro político.

A pesquisa relatada aqui neste post foi realizada pelo PoderData, a divisão de estudos estatísticos do Poder360. A divulgação do levantamento é feita em parceria editorial com o Grupo Bandeirantes.

Foram 3.500 entrevistas em 512 municípios, nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 1,8 ponto percentual. Saiba mais sobre a metodologia lendo este texto.

Para chegar a 3.500 entrevistas que preencham proporcionalmente (conforme aparecem na sociedade) os grupos por sexo, idade, renda, escolaridade e localização geográfica, o PoderData faz dezenas de milhares de telefonemas. Muitas vezes, mais de 100 mil ligações até que sejam encontrados os entrevistados que representem de forma fiel o conjunto da população. Clique aqui e confira a pesquisa completa.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Blog do Magno 15 Milhões de Acessos 2

14/04


2021

Eleição da UVP será no próximo domingo

O presidente da União de Vereadores de Pernambuco (UVP), Josinaldo Barbosa, enviou uma nota, há pouco, ao blog, informando que a eleição para escolha da diretoria e conselho fiscal para o biênio 2021/2023 da UVP acontecerá no próximo domingo, na Escola Modelo de Gaibú – Professora Maria Thamar Leite da Fonseca, situada no loteamento Enseada dos Corais, no Cabo de Santo Agostinho.

Todos os parlamentares das câmaras filiadas a UVP poderão votar no horário entre 8h às 17h, munidos de documento de identificação com foto.

Segundo o presidente, serão respeitados todos os protocolos de segurança sanitária para prevenção e combate à Covid-19, como uso obrigatório de máscara, distanciamento social e uso de álcool em gel.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


14/04


2021

STF entende que cabe ao plenário analisar caso de Lula

A maioria do Supremo Tribunal Federal (STF) entendeu, hoje, que cabe ao plenário da Corte decidir sobre a anulação das condenações impostas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pela Justiça do Paraná na Lava Jato.

Até a última atualização desta reportagem, a sessão não tinha terminado. Havia sete votos favoráveis a essa tese e um contra. Os ministros votaram na sessão destinada ao julgamento de recursos apresentados pela Procuradoria-Geral da República (PGR) e pela defesa de Lula sobre a decisão individual do ministro Edson Fachin, que anulou as condenações do ex-presidente.

Relator dos recursos, o ministro Fachin apresentou somente a primeira parte do voto – sobre a possibilidade de o plenário analisar o tema em vez da Segunda Turma do STF, composta por cinco ministros. “Na minha compreensão, é regular a afetação [envio] ao plenário deste STF”, disse o ministro.

Os demais questionamentos feitos pela PGR e pela defesa de Lula ainda devem ser tema do voto de Fachin e avaliados pelos demais ministros na continuidade do julgamento.

Julgamento pelo plenário

O ministro Ricardo Lewandowski foi contra a análise pelo plenário e disse que “causa estranheza” a análise do pedido de Lula pelo plenário, já que as turmas julgam milhares de habeas corpus por ano.

“Da última vez em que isso se fez, com aquele habeas corpus que discutia presunção de inocência, isso custou ao ex-presidente 580 dias de prisão e causou-lhe a impossibilidade de candidatar-se à Presidência da República”, criticou.

Segundo Lewandowski, o "juiz natural" naquele momento foi superado. "Levou-se a questão ao plenário numa excepcionalidade, que penso que a Suprema Corte precisa explicar”, completou. “Toda vez que se trata do ex-presidente, o caso muda de questão”, declarou. O ministro Nunes Marques acompanhou Fachin. “Esse encaminhamento feito pelo relator é irretratável, temos que enfrentar a questão”, defendeu.

O ministro Alexandre de Moraes argumentou que a estrutura do Supremo se faz para privilegiar o plenário. “Quem delega é o plenário. O próprio regimento acaba permitindo que, seja a própria turma, seja o relator, possam devolver essa delegação ao plenário”, disse.

O ministro Luís Roberto Barroso também acompanhou o relator. “Desde que me tornei juiz, abdiquei na minha vida de quaisquer preferências políticas”, ressaltou. “Só eu afetei [enviou] dois casos ao plenário esta semana”.

A ministra Rosa Weber defendeu que a previsão de o relator enviar processos ao plenário está no regimento. Em seguida, o ministro Dias Toffoli também acompanhou o relator. "O regimento é claro", disse.

Cármen Lúcia argumentou que cabe ao relator decidir. "O regimento interno estabelece que o relator estabelece o plenário no qual votará".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


14/04


2021

Arcoverde registra fortes chuvas nesta tarde

No fim da tarde de hoje, o município de Arcoverde, no Sertão pernambucano, a 254 km do Recife, registrou fortes chuvas que provocaram vários pontos de alagamento na cidade. Confira as imagens enviadas por leitores ao blog.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha