FMO janeiro 2020

03/03


2007

Lula participa hoje de reunião do Grupo do Rio

 Num intervalo da articulação política em torno da reforma ministerial, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva participará neste sábado de uma esvaziada reunião do Grupo do Rio, com a presença de apenas nove chefes de Estado dos 20 países integrantes do organismo. Lula chegou no final da tarde de sexta à capital da Guiana, onde ficará menos de 24 horas, em mais um ato que parece se resumir à disputa pela liderança da região com o presidente da Venezuela, Hugo Chávez.

Apesar de Lula ter apelado para que os presidentes do continentes comparecessem à reunião, Néstor Kirchner (Argentina), Tabaré Vázquez (Uruguai) e Evo Morales (Bolívia) não haviam confirmado presença até ontem à noite. Dos principais países latino-americanos, além de Lula e Chávez, participam do encontro os presidentes do México, Francisco Calderón, e do Chile, Michelle Bachelet.

Além da baixa representatividade desta cúpula, o próprio Grupo do Rio perdeu poder político desde a sua criação, em 1986, e ''só aparece em momentos de dificuldade'', como admitem diplomatas brasileiros. Por se tratar de um grupo de discussão política de temas internacionais e da região, os assuntos são livres, mas diplomatas dos nove países definiram uma pauta mínima para a 19a. reunião do Grupo do Rio.

Informações Pernambuco.com


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Jaboatão

03/03


2007

PMDB busca espaço nos ministérios de Lula

 O PMDB, que detém as maiores bancadas de parlamentares da Câmara e do Senado, será o grande beneficiado pela reforma ministerial que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve anunciar na próxima semana. Além de manter o controle dos Ministérios da Saúde, Comunicações e Minas e Energia, o PMDB quer indicar os ministros de mais duas pastas.


O PMD-Câmara perdeu o direito de indicar um nome para a Saúde, que deve ser comandada pelo médico José Gomes Temporão, indicado pelo governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB). Como o PMDB-Câmara não reconhece Temporão como indicação sua, o Planalto pode ser obrigado a ceder o controle de outras duas pastas para a legenda.

O quarto ministério a ser controlado pelo PMDB deve ser o da Integração Nacional. Para essa pasta, a bancada do PMDB da Câmara deve indicar o deputado Geddel Vieira Lima (BA). O PMDB-Câmara quer ainda um quinto ministério: a Agricultura ou Turismo. As informações são da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cabo de Santo Agostinho

03/03


2007

Por que leio o blog do Magno

O Blog do Magno compõe o novo cenário da comunicação política do nosso Estado. Este blog é uma ferramenta necessária para todos que acompanham a política pernambucana e nacional. Com livre acesso, o jornalista Magno Martins proporciona aos seus leitores informações importantes sobre a política e o poder, tudo em primeira mão. Após um ano de atividade, o Blog do Magno é cerne e pauta das discussões mais expressivas da vida pública de Pernambuco. Parabéns Magno Martins!

Sílvio Costa Filho (PMN-PE)

Deputado estadual


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

milton tenorio pinto junior

Manda papai pagar e depositar fgts e outros encargos aos seus professores.O exemplo começa de casa.

José Rodrigues da Silva

Merece certamente o Magno, depoimentos bem mais sinceros que este do jovial deputado. Bastante moço, entretanto, já acostumado com a praxe da desatenção. O que difere os políticos comuns daqueles de longo percurso, é a atenção dispensada ao eleitor ou um "pedinte" qualquer...


Prefeitura de Serra Talhada

03/03


2007

Bastidores da política e do poder

 

     Raspadinha garante os hospitais

 

Um sortudo. É assim que se pode definir o governador Eduardo Campos. Além de ser amigo do rei – o presidente Lula – terá R$ 100 milhões a mais no seu caixa, em quatro anos, a partir do momento em que entrar em operação a Raspadinha eletrônica, da empresa americana IGT.com, a maior do mundo na modalidade.

 

O jogo já foi autorizado pela Agência Reguladora de Pernambuco – Arpe. E não é coisa nova, do governo atual. O processo começou lá atrás, no Governo Jarbas e só agora a loteria entrará em operação. Não sei ainda os valores reais, mas o Estado deve ter 3% em cima do faturamento da lotérica. Isso, em quatro anos, pode representar a bagatela de R$ 100 milhões na conta do Estado.

 

Com essa dinheirama toda, o governador, além de viabilizar os três hospitais que prometeu para a Região Metropolitana do Recife, ajudará, consequentemente, os times de futebol. Sport, Náutico e Santa Cruz receberão uma ajuda de R$ 1 milhão cada, ao longo dos próximos quatro anos.

 

Se Eduardo já tinha a promessa de carrear recursos do Governo Lula e com isso cumprir as promessas de campanha, com mais esse presente que cai do Céu ele, certamente, pavimenta a sua reeleição. Ou, quem sabe, um projeto mais audacioso. O Lula é apaixonado por ele. E não está descartada a possibilidade de Eduardo vir a ser uma alternativa presidencial em 2010.

 

Tá pendurada – A suplente de deputada Isabel Cristina (PT), que deixou a superintendência da Codevasf e está assumindo o mandato, ocupando a vaga de João da Costa, chamado para o secretariado de João Paulo, no Recife, responde a 18 processos por improbidade administrativa. As ações tramitam, hoje, na instância da Corregedoria Geral da União.

 

Balança-mas-não-cai – Anote aí: o secretário de Defesa, Romero Meneses, não assiste ao espetáculo da Paixão de Cristo no cargo. A avaliação do seu trabalho não é boa, a violência está crescendo, ao invés de reduzir, e há uma profunda crise de desobediência na Polícia Civil. Importado de Brasília, Meneses deu a primeira mancada no desfile do Balança Rolha, quando esqueceu de fazer o planejamento do esquema de segurança. E deu no que deu!

 

Mais um fora – O PMDB deve perder mais um prefeito em Pernambuco para o PTB, do presidente da CNI, Armando Monteiro Neto, que ontem assinou a ficha de filiação de oito prefeitos, três vices-prefeito e seis vereadores. O próximo a cair na rede trabalhista é o de Pombos, Josuel Vicente, presidente da Associação Municipalista de Pernambuco.

 

Virou chacota – O novo nome do PFL, que virou PD – caiu na galhofa. Ao invés de Partido Democrata, uma imitação dos democratas americanos, já o batizaram de Partido da Direita, ou seja, de nada adianta a pefelândia tentar se modernizar que não é levada a sério. Os neodemocratas de Pernambuco se reuniram, ontem, pela primeira vez, no Recife. Chegaram a conclusão que terão um baita desafio pela frente: evitar mais debandada na legenda, principalmente na bancada federal.

 

Vapt-Vupt  

 

* Os empresários que ajudaram na campanha de Eduardo Campos não gostaram de ler, ontem, no meu blog, que ele havia feito uma consulta à Procuradoria Geral do Estado para incluir a lista dos devedores de ICMS no Portal da Transparência.

 

* O deputado Augusto Coutinho, líder do PFL na AL, não viu novidades no pacote de contenção de despesas do governador Eduardo Campos. “A maioria das medidas já consta do relatório repassado pela equipe de transição do governo passado”, diz.

 

* Saiu, ontem, no Diário Oficial, a segunda grande fornalha de nomeações do quarto escalão, desta feita na área de saúde: os gerentes regionais das Geres e os diretores de hospitais de várias regiões.

 

* Inocêncio Oliveira levou vantagem sobre seu concorrente Augusto César no quarto escalão em Serra Talhada. Ficou com a Gerência de Saúde e indicou o gerente do Hospital Regional. Dizem que Augusto ficará com a Ciretran, Compesa e o Hemope. É o toma-lá-dá-cá.

 

* Há 15 dias sem pisar na empresa, o vice-governador João Lyra Neto (PDT), por pouco, não foi cobrado a exibir o seu crachá, ontem, na recepção da Caruaruense. Brincadeiras à parte, Lyra está dedicando tempo integral ao Governo, tendo deixado sua empresa de ônibus sob o controle da sua família.

 

* A frase do dia: ''Eduardo vai fazer o maior governo da história de Pernambuco, dando ao povo o que ele mais precisa: emprego''. (Secretário Fernando Bezerra Coelho, do Desenvolvimento Econômico, em entrevista, ontem, no meu programa, na Rádio Melodia.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

EMANOEL BERNARDINO CHA,NIEL

PERNAMBUCO EM PRIMEIRO LUGAR. DEVEMOS SIM PARABÈNIZAR.O EXC.DR.PAULO CAMARA. POR TODA INICIATIVA PARA COM O FUTURO DO NOSSO ESTADO. PERNAMBUCO.TEVE MUITA SORTE COM A ESCOLHA DO ATUAL SECRETÀRIO .DE ADMINISTRAÇÂO.JÀ MOSTRA P/Q VEIO.NIEL ARRAES. MANDA AQUELE ABRAÇO.

t.abreu

essa turma tem razao.o caso da SDS deve ser mesmo a péssima escolha para a chefia da policia civil.o homem já de pijama,COM UM ESQUEMA JA FURADO.vai dar nisso mesmo.

fernando rodrigues pereira

magno,se o gov.eduardo pedir ajuda ao dep.antonio moraes e o vereador joao arraes,para indicarem um nome para a SDS,a má vontade acaba.os dois conhecem profundamente aquela gente.caso contrário,vai importar muito agente federal.

adelson w. souza

A GRANDE MANCADA DO SECRETARIO MENEZES DA SDS FOI RESSUSCITAR A DUPLA QUE COMANDA A POLICIA CIVIL.EU AVISEI.EXISTE UM CORPORATIVISMO GRANDE.ESSA DUPLA É MAL VISTA.

Paulin de Caruaru.

Seja pra que for,é mais uma forma de se tirar o parco dinheirinho do povão.Rico nem classe média não compram raspadinha.Quem vai dançar é o povão como nos caça-níqueis.A raspadinha que rico gosta é outra.



03/03


2007

“De forma alguma estou sofrendo pressão”, diz Chinaglia

O presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), disse nesta sexta-feira que aguarda apenas um parecer técnico da Secretaria-geral da Mesa para analisar se instalará ou não a CPI do Apagão Aéreo. O petista afirmou que, assim que tiver o documento, poderá decidir se a CPI cumpre os quesitos para ser criada.

Chinaglia negou que esteja sofrendo pressões do governo para não instalar a comissão:

''Se ela cumprir o quesitos, será instalada. De forma alguma estou sofrendo pressões do Planalto. Não conversei com ninguém sobre isso, nem com os líderes partidários'', disse.

A iniciativa da criação da nova CPI, que seria a primeira do novo mandato de Lula, partiu de dois deputados do PSDB: Vanderlei Macris (SP) e Otávio Leite (RJ). Se instalada, a comissão investigará as causas da crise nos aeroportos. O requerimento para sua criação obteve 236 assinaturas de deputados de quase todos os partidos, com exceção do PT. Informações Pernambuco.com


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu e Lima - Prefeitura - Abreunozap

03/03


2007

Governador pede congelamento do próprio salário

O governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), determinou que o salário dele, atualmente de R$ 22,1 mil, seja congelado. Para este ano, poderia vigorar o reajuste de R$ 24,1 mil permitido em decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), alta vinculada aos vencimentos dos desembargadores.

Mesmo com a medida, o salário de Puccinelli - e de outros 26 governadores – é maior que o do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que recebe por mês R$ 8,9 mil. A exceção nessa lista é a governadora do Rio Grande do Sul, Yeda Crusius (PSDB), que recebe R$ 7.140,70.

Puccinelli determinou à Secretaria de Administração que, na elaboração da folha de pagamentos, mantenha congelado o seu salário nos patamares fixados no ano passado pela Assembléia Legislativa.

Informações doPernambuco.com


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

03/03


2007

O exemplo de Frei Galvão

O Vaticano confirma oficialmente, no dia 11 de maio, o que o Brasil todo já tinha certeza. Antônio de Sant’Anna Galvão, o frade franciscano que semeou generosidade e esperança entre pobres e enfermos no final do século XVIII e início do século XIX, e que até hoje é venerado por milhões de fiéis vai ser, enfim, canonizado.

A cerimônia acontecerá durante a missa que o papa Bento XVI vai celebrar em São Paulo, na sua primeira visita ao país. Num momento em que a violência urbana mergulha todos nós numa onda de medo e de indignação, a canonização do primeiro santo brasileiro reacende muito mais do que a fé católica. Ela reacende nossa crença no poder do amor e da generosidade, na possibilidade de um mundo mais justo e mais humano. O texto é o preâmbulo do artigo do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), presidente do Senado e colaborador deste blog. Leia-o completo em Opinião, no menu aí ao lado. Boa leitura!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

03/03


2007

Líderes da oposição criticam Lula por elogiar economia

Oposicionistas na Câmara dos Deputados criticaram a declaração do presidente Luiz Inácio Lula da Silva de que a política econômica do país é ''um sucesso''. Lula afirmou que esse sucesso ''blinda'' os integrantes da equipe econômica, que não deverá ser alterada na reforma ministerial.

Na avaliação do líder do PSDB na Câmara, Antonio Carlos Pannunzio (SP), o presidente mostrou a ''mediocridade'' do governo ao considerar positiva uma política econômica que permite um crescimento de apenas 2,9% do Produto Interno Bruto (PIB).

''É deplorável. O presidente Lula mostra que o nível de compreensão dele é diferente do da média dos brasileiros'', afirmou.

O líder do PFL, deputado Onyx Lorenzoni (RS), responsabilizou a equipe econômica pelo crescimento de 2,9% do PIB em 2006, índice inferior ao dos países emergentes. ''Essa equipe é tão boa que, entre os países da América Latina, o Brasil só cresceu mais do que o Haiti'', ironizou o pefelista. As informações são do Portal G1.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

guilherme alves

Foi a " bela" oposição que elogiou a política economica do governo no congresso quando sabatinava o presidente do BC o Meirelles. Na ocasião quem fez o papel de opositor foi o Mercardante.A oposição já é fraca, e com amenésia.

Antonio Pereira

Por falar em PIB, Jen O´Neele do Banco Sahcs, disse que o crescimento do Brasil em dólar foi de 20%, com uma vantagem, houve distribuição de renda, o que não aconteceu com outros paisis que tiveram um desempenho melhor.

Antonio Pereira

O PSDB/PFL, partidos que não têm projeto para o Brasil, estão criticando o crescimento de 2,9% do PIB. O que eles dizem dos crescimento do PIB da fase FHC. Pelo que eu saíba, foi menor. Falta é ação desta gente, que deseja o Brasil pior.


Potencial Pesquisa & Informação

03/03


2007

Morte da princesa Diana ainda sob suspeita de juízes

 O pai do namorado da princesa Diana venceu uma batalha legal importante na sexta-feira, quando a Alta Corte decidiu que o inquérito sobre a morte de Diana e Dodi Al Fayed num desastre de carro em Paris, 10 anos atrás, deve ser ouvido por um júri.

Mohamed al Fayed, que está convencido de que seu filho e Diana foram assassinados, tinha procurado derrubar uma decisão tomada pela ex-juíza Elizabeth Butler-Sloss de presidir sozinha sobre o inquérito oficial. Três juizes de alto nível ordenaram que o magistrado que vai presidir o inquérito ''o faça acompanhado de um júri''.

Falando com repórteres diante do tribunal, Fayed disse: - Queremos ter a certeza de que o júri será um júri independente. Ele disse esperar que o ex-marido de Diana, príncipe Charles, e seu ex-sogro, o duque de Edimburgo, sejam convocados como testemunhas.

Ao anunciar a decisão da Alta Corte, a juíza da corte de apelações Janet Smith declarou: - Mohamed al Fayed alega que o duque de Edimburgo e os Serviços de Segurança conspiraram para matar a princesa e Dodi al Fayed. Essas alegações precisam ser investigadas. (Informações do JB Online)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


03/03


2007

Marta, irritada com aliado trapalhão, repudia Maluf

 A ex-prefeita Marta Suplicy (PT) disse que o deputado federal Cândido Vaccarezza, que anteontem jantou com o ex-prefeito Paulo Maluf (PP), num encontro que teria incluído a sucessão municipal de 2008 no cardápio, não tem autorização para falar por ela. Em nota, a assessoria da petista disse que “o deputado não recebeu nenhuma incumbência para falar em nome de Marta Suplicy e não cabe à ex-prefeita emitir julgamento sobre a natureza de conversação que desconhece completamente”.

No comunicado, Marta também negou participar de “qualquer negociação sobre as eleições municipais”. Aliados alegam que o jantar irritou a ex-prefeita, que espera convite do presidente Lula para participar do ministério; ela é cotada para a pasta de Cidades, mas o presidente reluta em tirar do ministério justamente o PP do ex-prefeito.  (Informações do Jornal da Tarde)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


03/03


2007

Maceió é a segunda capital mais violenta do Nordeste

 O conceito de uma cidade tranqüila para Maceió não pode ser mais utilizado. O ‘Mapa da Violência dos Municípios Brasileiros’ elaborado pela Organização dos estados Ibero – Americanos (OEI), divulgado na última terça-feira, coloca a cidade como sendo a 2° capital mais violenta do Nordeste, quando se fala em homicídios. Os números mostram também que, em 10 anos, Alagoas passou do 10º para 6° colocado no ranking dos Estados mais violentos do país.

A pesquisa foi feita em 556 municípios brasileiros de acordo com o número de homicídios. Segundo o levantamento, Maceió é a segunda capital mais violenta do Nordeste, atrás apenas de Recife. Alagoas é o 6º estado mais violento do Brasil. A maior parte das vítimas são homens que têm entre 15 e 24 anos. (Informações da Gazeta de Alagoas)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

fernando rodrigues pereira

se o gov.eduardo,nao providenciar imediatamente a troca do comando da SDS-do secretário,do chefe da policia civil e cupinchas-vamos ser tetra campoes nao tenham dúvida.até na veja dessa semana,pernambuco está na lista dos primeiros.

Gilberto Carvalho Moura

Que pensam esses alagoanos? Querem ganhar de Pernambuco em tudo? Esse troféu é nosso!

adelson w. souza

quem está gostando é o dono da folha.assaltaram ontem um banco num lugar deserto:avenida agamenon magalhaes.vai muito bem obrigado,a SDS no estado.parabens.