Blog do Magno 15 Milhões de Acessos 2

23/11


2020

XP: Para 77%, Brasil terá segunda onda de Covid-19

Do Money Times

Pesquisa XP (XP)/Ipespe divulgada nesta segunda-feira apontou que 77% dos entrevistados consideram que o Brasil irá enfrentar uma segunda onda de Covid-19, possibilidade minimizada pelo presidente Jair Bolsonaro. De acordo com a sondagem realizada em novembro, outros 19% consideram que o país não passará por uma nova leva da doença.

O presidente chegou a se referir aos alertas sobre uma segunda onda como uma “conversinha”. "Agora tem essa conversinha de segunda onda. Se tiver, tem que enfrentar. Se quebrar de vez, seremos um país de miseráveis”, disse Bolsonaro a apoiadores, em meados deste mês.

A pesquisa apontou ainda uma forte redução entre os que consideram que o pior da pandemia já passou. A rodada de outubro registrava 64% nesse grupo, e agora são 46%. Por outro lado, os que responderam que “o pior ainda está por vir” aumentaram para 47%, ante os 30% registrados no mês passado.

A avaliação da atuação de Bolsonaro no enfrentamento à pandemia oscilou negativamente dentro da margem de erro. O grupo dos que avaliam a atuação como ótima ou boa passou de 30% para 25%. Os que a consideram ruim ou péssima oscilou de 47% para 49%.

A pesquisa entrevistou 1.000 pessoas em todo o território nacional entre 18 e 20 de novembro. A margem de erro é de 3,2 pontos percentuais. Até o domingo, o Brasil tinha registrado 6.071.401 de casos confirmado de Covid-19, com um total de 169.183 mortes.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

Confira os últimos posts



27/01


2021

Milagres existem

Recebi, há pouco, do amigo Braga Sá, com pedido de autorização para postagem à família, este vídeo. Revela o milagre da vida, uma benção de Deus: o jornalista Jacques Cerqueira, com quem trabalhei no Diário de Pernambuco, voltando a andar e falar depois de um AVC hemorrágico. Deus é maravilhoso e em breve Jacques estará de volta ao batente.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

27/01


2021

Ex-secretária de Geraldo na mira do TCE

A conselheira Teresa Duere, do Tribunal de Contas do Estado (TCE), expediu uma medida cautelar para suspender uma dispensa da Secretaria de Desenvolvimento Social do Recife iniciada em 2020, mas que estava para ser concluída pela atual gestão. O pedido de cautelar foi do procurador Cristiano Pimentel, do Ministério Público de Contas de Pernambuco (MPCO).

A atual secretária de Desenvolvimento Social do Recife, Ana Rita Suassuna, já era a secretária na gestão de Geraldo Julio (PSB) e foi mantida pela atual gestão, que assumiu em 1° de janeiro.

A dispensa visava alugar “imóvel situado à Rua Djalma Farias, Torreão, para a instalação do Abrigo para um grupo do Warao (Venezuelanos), pelo período de 12 (doze) meses, a contar da data de assinatura do Contrato, tendo como valor global R$ 109.800,00”.

No sua representação, o MPCO apontou que os proprietários do imóvel aceitaram um valor de R$ 9 mil por mês, mas a Prefeitura resolveu contratar o aluguel por um valor maior, de R$ 9.150 mensal. Outro ponto levantado pelo MPCO é que o aluguel seria supostamente excessivo, pois o imóvel foi vendido recentemente por R$ 650 mil, mas o aluguel pretendido pela Prefeitura representava 1,46% ao mês, fora dos parâmetros de mercado para o MPCO.

A decisão do TCE diz que foi a quarta tentativa, da Secretaria de Desenvolvimento do Recife, para contratar sem licitação um abrigo para o grupo do Warao, de refugiados venezuelanos. Segundo o texto oficial da decisão do TCE, foram três dispensas da Secretaria em 2020, todas canceladas após o TCE e o MPCO apontarem supostas irregularidades no processo administrativo de dispensa e na empresa que estava para ser contratada na ocasião.

As três dispensas anteriores já foram julgadas pelo TCE em outubro de 2020, tendo o acórdão 969/2020 determinado a suspensão da contratação emergencial.

A mais recente dispensa foi iniciada em 2020, mas ficou para ser concluída em 2021. O TCE já suspendeu, neste início de 2021, outras contratações da gestão anterior que ficaram para ser finalizadas pela atual gestão.

Foram suspensas as desapropriações de 11 imóveis no Recife, por decretos do ex-prefeito Geraldo Júlio (PSB). Ainda, foi suspensa uma dispensa emergencial para adquirir um galpão no Cabo para instalar um almoxarifado. Também a compra de um robô humanoide, para um programa de robótica, foi suspensa por cautelar do TCE.

Todas essas outras cautelares foram destinadas para a Secretaria de Educação do Recife.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


27/01


2021

Armando vira tucano e Raquel assume presidência

EXCLUSIVO

O PSDB nacional já bateu o martelo: o ex-senador Armando Monteiro, que deixou o PTB depois de uma longa militância, ingressa no partido em fevereiro. Também acertou que a prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, assume a presidência do diretório estadual tucano em substituição a deputada Alexandra Vieira. 

Quadro mais expressivo do partido no Estado, Raquel passa a ter maior visibilidade com vistas ao provável projeto de disputar o Governo do Estado em 2022, se vier de fato a mostrar disposição para o embate.

Já Armando, nome de projeção nacional,  entra no PSDB com a missão ampliar o partido no Nordeste, ao mesmo tempo que fará uma dobradinha com Raquel para atrair filiação do maior número possível de novas lideranças no Estado, entre deputados, prefeitos, ex-prefeitos e vereadores, além de lideranças empresariais com inserção na política.

Presidente nacional da legenda, o pernambucano Bruno Araújo está animado com a nova fase que o partido passará a viver logo após o carnaval. A posse de Raquel e a filiação de Armando contarão com a presença de Bruno e do governador de São Paulo, João Dória, pré-candidato tucano ao Planalto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


27/01


2021

Ação de Pazuello incomoda Exército e preocupa Planalto

O cerco ao ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e pela investigação da Polícia Federal, determinada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), já começa a levar preocupação ao Palácio do Planalto e grande insatisfação entre generais da ativa do Exército. As informações são do Blog do Camarotti.

Entre auxiliares do governo, avaliação é que essas ações contra Pazuello podem respingar diretamente no presidente Jair Bolsonaro, que pressionou publicamente pelo a adoção da cloroquina como tratamento eficaz para pacientes com Covid-19. De acordo com pesquisas científicas no mundo inteiro, o remédio não serve para tratar a doença.

Os dois antecessores de Pazuello, os ex-ministros Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich, saíram do governo por discordarem de Bolsonaro sobre o protocolo para o uso da cloroquina.

Ao mesmo tempo, generais da ativa e da reserva do Exército temem que essa gestão temerária de Pazuello no comando da Saúde respingue na imagem da Força, até porque o ministro é um general da ativa e se recusou a ir para a reserva.

Ontem, o Tribunal de Contas da União (TCU) apontou ilegalidade no uso de recursos do Sistema Único de Saúde (SUS) para o fornecimento de cloroquina no tratamento de pacientes com Covid-19 e deu cinco dias para o Ministério da Saúde apresentar explicações.

Em despacho, o ministro Benjamin Zymler afirmou que o fornecimento do medicamento para tratamento não tem comprovação científica e que o remédio – utilizado no tratamento da malária – só poderia ser fornecido pelo SUS para uso contra a Covid-19 se houvesse autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ou de autoridades sanitárias estrangeiras, o que não ocorreu.

Já a Polícia Federal recebeu oficialmente, também nesta terça, a notificação do ministro Ricardo Lewandowski, do STF, determinando a instauração de inquérito para investigar a conduta de Pazuello na crise da saúde no Amazonas.

A próxima etapa é a instauração pela PF da investigação, que deve tramitar no Serviço de Inquéritos Especiais (Sinq), porque Pazuello, na condição de ministro, tem foro privilegiado. Na sequência, a PF deverá procurar Pazuello para agendar o depoimento.

Como informou o blog, o presidente Bolsonaro tem usado Pazuello como uma espécie de escudo tanto de investigações que começam a ser feitas como também para evitar um desgaste maior de sua imagem. Mas até mesmo aliados reconhecem que fica cada vez mais difícil blindar Bolsonaro dos questionamentos sobre as ações de Pazuello.

Em outubro, quando contraiu a Covid-19, o próprio Pazuello chegou a afirmar numa live ao lado de Bolsonaro que “um manda e o outro obedece”, explicitando que cumpria ordens do presidente.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

27/01


2021

CEF não cumpre decisão judicial

A família da bebê Ana Vitória Santana Costa, de 1 ano e 10 meses, ainda não recebeu o repasse de pouco mais de R$ 27 mil, determinado judicialmente. Liminar expedida pela Justiça Federal definiu o que caberia ao governo local, custear o tratamento de histiocitose maligna, um tipo de câncer raro no sangue. A medicação custa, aproximadamente, R$ 7 mil ao mês e está em falta na rede pública. De acordo com a decisão, de 31 de dezembro de 2020, houve um bloqueio de depósito e aplicação financeira de verbas públicas locais para garantir o fornecimento de quatro caixas do insumo médico.

No último dia 19 de janeiro, o juiz encaminhou um ofício para que a Caixa Econômica Federal (CEF) repassasse o valor recolhido, o que não ocorreu até agora. O banco é o responsável pela conta judicial até que o recurso seja repassado, em até 15 dias, para a família da criança. O prazo vence no dia 03 de fevereiro. A advogada família é a brasiliense Daniela Tamanini, que vem se notabilizando por vencer causas semelhantes na justiça de todo o país.

“Os valores serão imediatamente disponibilizados à parte autora através de transferência bancária no intuito de contratar diretamente a prestação junto à rede privada de saúde (hospitalar, clínica e/ou farmacêutica), ficando a parte autora obrigada a sempre prestar contas nos presentes autos e a devolver imediatamente eventual excesso, sob pena de apropriação indébita”, escreveu na sentença o magistrado Antônio Felipe Amorim Cadete, da Seção Judiciária do Distrito Federal.

Desde que foi diagnosticada com a patologia, a pequena paciente depende dos medicamentos como forma de controlar os avanços da doença rara e extremamente agressiva. De etiologia desconhecida e com rápida evolução clínica, a incidência da histiocitose em crianças é ainda mais rara. Cerca de um ou dois casos para cada 100 mil nascidos vivos.

A menina recebeu o diagnóstico em fevereiro do ano passado e, desde então, luta contra a doença. Ela estava fazendo uso da medicação Zelboraf 240 Mg – Vemurafenibe. A caixa tem 56 comprimidos: o tratamento para quatro meses custa cerca de R$ 30 mil.

A menina utilizou a medicação por oito semanas, tendo apresentado boa resposta e obtido regressão no câncer. Contudo, desde o fim de outubro, o remédio está em falta no Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB), onde ela recebe as doses.

A advogada acionou também a 5ª Vara de Fazenda Pública e Saúde Pública do Distrito Federal a fim de que o Governo do Distrito Federal (GDF) forneça a medicação para a criança.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


26/01


2021

Milton reafirma voto em Baleia Rossi

O deputado federal Milton Coelho (PSB), que assumiu como suplente do prefeito do Recife, João Campos (PSB), uma vaga na Câmara Federal, reafirmou o seu voto no candidato do MDB à presidência da Casa, Baleia Rossi, independentemente do posicionamento de João. Confira abaixo o seu depoimento enviado ao blog:

“Reafirmo que votarei no deputado Baleia Rossi porque o PSB integra o bloco dos partidos de esquerda que definiram esse posicionamento. Considero, ainda, Baleia Rossi mais independente em relação a Bolsonaro, o que o coloca como melhor alternativa no meu ponto de vista”. – Milton Coelho (PSB)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Jornao O Poder

26/01


2021

Gilvandro anuncia redução na folha salarial em mais de 50%

O prefeito de Belo Jardim, Gilvandro Estrela. concedeu entrevista ao programa Janela Livre, da Rádio Bitury, hoje, e fez um breve balanço das ações do seu governo. Gilvandro comemorou o pagamento do 13° dos aposentados que estava em atraso da antiga gestão, o pagamento dos servidores efetivos e anunciou que, até a sexta-feira, o pagamento  do mês de janeiro de todos os servidores municipais.

"O segredo de administrar Belo Jardim é muito simples: é ter equipe, é ter honestidade, coragem, é não ser ladrão, é não roubar o dinheiro público", disse.

Ainda segundo o prefeito, amanhã, terá uma reunião com o juiz Douglas José, para tratar de recursos do município que estão bloqueados. "Amanhã tem uma reunião marcada com ele, Doutor Douglas, com o procurador, Eduardo Danda, e com alguns secretários, e tenho a convicção de que ele vai liberar os R$ 5 milhões. Se o juiz liberar amanhã esse valor, eu vou zerar a folha salarial atrasada do município. Aí sim, a partir de fevereiro eu vou começar a pagar todo mundo iniciando sempre no dia 25 de cada mês", garantiu. 

O prefeito afirmou, ainda, que reduziu a folha salarial da Prefeitura de Belo Jardim, que chegou a R$ 14 milhões no passado, para menos de R$ 7 milhões e com o valor economizado "a população já percebe a diferença".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


26/01


2021

Confira a entrevista de Baleia Rossi ao Frente a Frente

Em entrevista exclusiva ao Frente a Frente, programa ancorado por este blogueiro na Rede Nordeste de Rádio, tendo como cabeça de rede a Rádio Hits 103,1 FM, em Jaboatão dos Guararapes, o candidato do MDB à presidência da Câmara dos Deputados, Baleia Rossi (SP), negou que os partidos de oposição tenham colocado alguma condição básica para apoiá-lo. Baleia também comentou sobre o seu encontro com o governador Paulo Câmara e disse que sai com a certeza de que será majoritário na bancada federal. Confira!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Viva a imprensa!

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Voltando a \"violência\" contra a imprensa. Falar que a imprensa, principalmente a \"grande\" é mentirosa é violência? Agora mesmo na UOL tem a chamada: PF diz ao STF não ter encontrado ainda indícios contra bolsonaristas em inquérito de atos antidemocráticos. O \"ainda\" foi inserido pela imprensa. Na verdade a PF encerrou o inquérito. Realmente a imprensa perdeu toda credibilidade. Quanto ao Baleia, até deputados da chamada esquerda, vão votar no Lira.



26/01


2021

Editorial analisa divergências do PSB no apoio a Baleia

No Frente a Frente de hoje, programa que ancoro pela Rede Nordeste de Rádio, o meu editorial foi sobre as divergências que existem dentro do PSB/PE com relação ao apoio do partido à candidatura de Baleia Rossi à presidência da Câmara dos Deputados. O governador Paulo Câmara ratificou o seu apoio a Rossi, enquanto o prefeito do Recife, João Campos, também do PSB, declarou apoio ao adversário, Arthur Lira (PP), e já confirmou que, se estivesse no Congresso, seu voto seria dele. Vale a pena conferir!

O Frente a Frente tem como cabeça de rede a Rádio Hits 103,1 FM, em Jaboatão dos Guararapes.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


26/01


2021

Ala ideológica trabalha por Trump e Bolsonaro

Por Renato Riella

Fiquei ausente dos bate-bocas nos últimos meses por dois motivos:

1. Muito ocupado. Peguei trabalho demais.

2. Certeza de que tudo vai se resolver por si mesmo.

Aliás, o ministro da Economia, Paulo Guedes, também desapareceu por esses mesmos motivos. Ele volta na próxima semana, cheio de novidades boas para o Brasil.

Vi tanta burrice nos últimos dias, partindo da patrulha ideológica, que resolvi escrever. Na verdade, não me contenho. Vou apontar fatos futuros (não vale falar depois).

Vamos começar pelos Estados Unidos.

Nunca vi político mais burro do que esta quase velhinha Nancy Pelosi, presidente da Câmara – eminência parda da política nos últimos anos. Ela é responsável por elevar Trump a níveis de sustentação que vão infernizar o frágil Joe Biden.

Até a estátua da Liberdade, tomando sol e neve na cabeça, sabia que a tentativa de impeachment do Donald seria um fracasso. Mas a mulherzinha, sem ouvir ninguém, aprovou um simulacro de impeachment na Câmara – que será desmoralizado no Senado.

Trump vai fazer força para não ganhar logo este processo, que mantém o nome dele na boca dos direitistas por semanas – talvez meses. Dizem que Donald Trump é o culpado pela invasão do Capitólio, com cinco mortes. Mas quem entrará na história, como líder negligente do Congresso, que não se preveniu para as arruaças, será Dona Nancy.

Só por ódio e vaidade, ela gastou milhões de dólares dos EUA para simular um impeachment de araque. Devia ser condenada a indenizar a nação por erro tão primário.

Quanto a Trump, ajudado por esse tipo de erro, vai inviabilizar a vida de Biden, fazendo ressoar os muitos erros que o atual presidente cometerá (já está cometendo, levado por insanos ideológicos).

BRASIL

Mesma coisa no Brasil.

O mal-intencionado Rodrigo Maia, do DEM, está levando o MDB para o fundo do poço. O presidente deste imenso partido (Baleia Rossi) vai pagar por isso. Hoje posso dizer, sem medo de errar, que Artur Lira, do PP, vai ganhar a eleição da Câmara Federal. E Rodrigo Pacheco, do DEM, será o futuro presidente do Senado.

O MDB perde na Câmara com o próprio Baleia, que se uniu a defensores do MST, adeptos do aborto, inimigos da fé, sabotadores da agropecuária e outros níveis de liderança, que são a cada momento mais minoria no Brasil. De quebra, Bolsonaro vai se livrar do cara que sabotou seu governo durante 24 meses e que vai acabar sem nada: o Botafogo.

Incrível e lamentável é ver o MDB perdendo poder, mesmo com amplas bancadas nas duas casas e tendo eleito a maioria dos prefeitos. Rodrigo Maia é o Rogério Ceni da política. Como escala mal! Botafogo não absorveu a filosofia dos gênios, que é a seguinte: no futebol e na política, feio é perder.

Vejo seres ingênuos lamentando que Rodrigo Maia não tenha aberto processo de impeachment. Apesar de gordo e desonesto, ele sabe fazer conta. Ao contrário da gagá Nancy Pelosi, Botafogo viu que não haveria número suficiente, nem na Câmara nem no Senado, para derrubar Bolsonaro, que ganharia com o barulho. E esta contagem contra o impeachment está mais presente do que nunca.

Me assusta ver gente inteligente e bem intencionada organizando mini-marchas a favor do impeachment. Mas o objetivo frustrado é apenas um: tentar conseguir votos para Baleia Rossi. Quanto engano!

Para fechar, mostro que a imprensa está mais comprometida do que nunca. Vejam vocês que este Rossi não tem nome de Baleia. Trata-se de apelido que carrega há muitos anos. Se ele fosse do time do Bolsonaro, já estaria brindado com memes e charges fantasiado do peixe-mamífero.

O povo pensa até hoje que Baleia é nome de batismo. Será que um padre batizaria alguém com nome tão depreciativo? No mundo, muita gente pensa que o brasileiro bota nos filhos o nome de peixe...Piranha, talvez.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

O impeachment do Bolsonaro só não cabe nas cabeças de camarão dos Direitistas.

Kelson Menezes da silva

Esse mané deveria dizer o número da mega kk?kkk sabe porra nenhuma

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Resumiu, com precisão, o atual quadro político. Só faltou complementar que a falta de vacina nos Estados Unidos e o fechamento de 06 fábricas da Ford na Europa, desempregando mais de 12.000 trabalhadores, é culpa do Bolsonaro.