Lavareda

22/10


2020

“Há empresas com mesma capacidade da Huawey”, diz Faria

Por Hylda Cavalcanti

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, surpreendeu setores diversos do mercado de telecomunicações ao afirmar hoje (22), em sentido contrário ao que tem sido noticiado, que o leilão para a implantação da tecnologia 5 G no Brasil envolve três empresas concorrentes e que a chinesa Huawey, tida como detentora dos principais equipamentos para a tecnologia, estaria em situação comparável à de outras empresas.

A declaração do ministro foi feita durante entrevista concedida em live para o Blog do Magno. Especialistas em tecnologia têm afirmado que caso a Huawey seja banida do leilão, o Brasil pode vir a ter um atraso de dois a até cinco anos na implantação do sistema 5G.

Uma reação negativa do Governo Federal para com a Huawey vem acontecendo em função dos pedidos do governo dos Estados Unidos para que o Brasil não aceite a empresa no país, como consequência da “guerra fria” que o presidente norte-americano Donald Trump trava com a China.Fábio Faria, entretanto, disse que o leilão de 5G está previsto para se realizar entre maio e junho de 2021 e que não tem visto problemas no caso. “Quem pode dar mais informações sobre isso é a Anatel, que está realizando estudos, mas posso afirmar que tudo será investigado e que, na hora certa, o presidente Bolsonaro tomará a melhor decisão sobre o leilão”, destacou.

Ao ser questionado, ainda, sobre a polêmica em torno das vacinas observada hoje no país – que tem como pano de fundo o mesmo motivo de rejeição, por parte de Jair Bolsonaro, a uma vacina desenvolvida por um laboratório chinês – o ministro desconversou. Ele contestou informações veiculadas hoje na mídia nacional de que o presidente não quer de forma alguma a versão chinesa da vacina, que está sendo elaborada em parceria com o Instituto Butantan, do governo de São Paulo.

“A questão toda se baseia no fato de que ninguém pode comprar nada que não tenha ainda uma comprovação. Quando a Anvisa autorizar, o presidente comprará a primeira vacina a ser autorizada. Fora isso, o que existe é barulho por parte da oposição”, argumentou.

Em relação ao setor de telecomunicações, Faria afirmou que considera relevante o serviço prestado hoje no país. “Tivemos um aumento significativo de serviços durante a pandemia, com as pessoas mais tempo em casa, e as teles suportaram bem esse aumento da demanda, conseguiram oferecer bem o serviço”, ressaltou.

Conforme acrescentou o ministro, apesar disso, 20% da população brasileira, ou 40 milhões de habitantes, ainda não possuem internet. “Suprir estas áreas não é um trabalho rápido, mas é o que tentaremos fazer. Temos avançado porque agora queremos chegar a localidades muito distantes da Região Norte, onde há dificuldade para implantar os cabos, mas estamos atuando bem nisso. Em seguida vamos focar o desenvolvimento do mesmo trabalho na região Nordeste e, depois, no Centro Oeste”.

Faria explicou que, dentro desse plano de expansão, a prioridade tem sido os municípios do interior dos estados que só possuem hoje tecnologia 3G, o que tem sido observado em cidades mais afastadas do Norte e, também, de várias localizadas nos estados nordestinos da Paraíba e do Rio Grande do Norte, por exemplo.

Segundo ele, a pasta que comanda fornecerá, também, em breve, um chip de smartfone para que as pessoas tenham rádio FM dentro do celular sem precisar pagar por um pacote de dados. “Queremos levar a internet para dentro das emissoras de rádio porque sabemos da importância desse sistema. Esse projeto está sendo desenvolvido em conjunto com a secretaria de Indústria e Comércio do Ministério da Economia”, informou.

O ministro não perdeu uma única oportunidade de, em meio à entrevista, tecer elogios ao seu chefe máximo. “Bolsonaro é o presidente mais comunicativo que já tivemos. Assiste os programas de rádio às 5h e já começa a demandar os ministros a partir do que ele ouve”, afirmou, para depois acrescentar mais informações sobre o presidente da República.

“Falam muito, mas não faltou dinheiro por parte do governo para o combate à covid nos estados. Este é um governo honesto, sem casos de corrupção. Tanto é assim, que o presidente não criou nada, está tocando obras e projetos iniciados nos governos anteriores com o maior empenho. E tem pedido muito aos ministros foco nos programas desenvolvidos no Nordeste. Em todas as reuniões o presidente joga duro e as pessoas estão percebendo que este é um governo diferente”.

No tocante ao relacionamento que possui com o Congresso, Fábio Faria fez questão de negar que seja uma espécie de apaziguador de confrontos entre o Legislativo e o Planalto, conforme tem sido divulgado entre parlamentares. E destacou que o bom relacionamento é fruto dos amigos que fez ao longo de três mandatos como deputado federal.

“É claro, isso ajuda na convivência com os parlamentares, mas não sou o articulador político do governo nem tenho essa missão. Quero dizer aqui que o governo tem hoje uma boa equipe de articulação e líderes empenhados e bem preparados para esse trabalho”, frisou.

 Sobre as medidas para desburocratizar o setor de outorgas de emissoras de rádio e TV ele jogou a bola para o Congresso, mesmo sendo o titular do Ministério das Comunicações.

“Quem dá as licenças é o Congresso e quem regula tudo é a Anatel. O que podemos fazer é trabalhar no Congresso para dar maior celeridade a esses processos e é isso que estou tentando fazer. Há algumas questões em que não temos como atuar muito, porque não podemos mudar a lei e essa é uma delas”, disse.

A privatização da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) foi outro tema tratado na live. De acordo com o ministro, o projeto já saiu do ministério, está sendo avaliada pela secretaria de assuntos jurídicos da presidência da República e em breve seguirá para o Congresso Nacional.

“Teremos o ano que vem para apreciar a proposta nas duas casas legislativas. O governo quer privatizar os Correios para melhorar os serviços, fazer uma meritocracia com os funcionários e oferecer um atendimento que seja referência na América Latina, porque as pessoas hoje reclamam muito dos Correios”.

Ele criticou a greve dos servidores da estatal, encerrada recentemente. Afirmou que no período da paralisação “muita gente precisava receber vários produtos em casa durante a pandemia”. “Fatos como esse não podem acontecer. A greve não ajudou em nada a estatal e nem foi vista como um papel correto dos servidores, já que se trata de uma empresa pública”, acrescentou. Faria ainda confirmou que a pasta que comanda também realiza estudos para a privatização da Telebras, que ainda é objeto de uma consultoria.

Segundo contou, ele não tem interesse em ser governador do Rio Grande do Norte, seu estado. “Não estou pensando em ser candidato à reeleição nem mesmo como deputado federal. São 16 anos que tenho de atuação no Congresso, acho que já é um período mais do que suficiente. Pode ser que eu continue na política, mas minha motivação hoje é continuar onde estou”, enfatizou.

Ao ser questionado sobre o sogro, Sílvio Santos, Faria negou que tenha sido convidado para o cargo por conta da influência do empresário. “Ele (Sílvio) soube que eu seria ministro às 23h30 do dia do anúncio, não teve qualquer interferência nisso, nem ele nem meus pais. Só contei depois que saiu a notícia”.

O ministro admitiu que embora não peça diretamente conselhos ao empresário, sempre tem se aconselhado a partir das conversas que tem com Sílvio. “Não é que eu peça conselhos a ele, mas aprendo muito com sua sabedoria. Estou sempre aprendendo, é uma pessoa impressionante e poder desfrutar de sua sabedoria em conversas é sempre um privilégio. Trata-se do maior comunicador do país, um homem de 89 anos e 65 anos de televisão, sem falar que é um grande torcedor do Brasil”, destacou.

Perguntado também sobre a concessão da TV Globo, Fábio Faria afirmou que o assunto será tratado de forma técnica, dentro da lei. “Se estiver tudo correto a concessão vai ser renovada sim, porque o caso não consiste em um ato político”.

Já sobre as constantes brigas entre o presidente e a emissora, ele tentou sair pela tangente. “Acho que cada um age de acordo com o que acredita. A Globo cumpre o papel que acha que deve cumprir e o presidente também. O que falta na mídia é notícia positiva sobre o Brasil. Precisamos de alegria e de esperança no noticiário. Quanto às críticas do presidente Bolsonaro à emissora, sabemos que nosso presidente joga duro mesmo. Ele ganhou a eleição assim, está cumprindo o que disse na campanha".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ALEPE

Confira os últimos posts



25/11


2020

Blog traz pesquisa para prefeito de Paulista

Na reta final da campanha de segundo turno em Paulista, faltando apenas quatro dias para as eleições, este blog traz, hoje, à meia noite, pesquisa de intenção de voto para prefeito, do Instituto Opinião. Ali, disputam Francisco Padilha (PSB), apoiado pelo prefeito Júnior Matuto, e o ex-prefeito Yves Ribeiro, candidato do MDB e do bloco de oposição. Importante colégio eleitoral da Região Metropolitana do Recife, Paulista tem uma boa razão, portanto, para dormir mais tarde hoje.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

25/11


2020

João é hostilizado na comunidade Tabaiares

O candidato a prefeito do Recife pelo PSB, João Campos, resolveu fazer um porta a porta, hoje, na comunidade Caranguejo Tabaiares, na Ilha do Retiro. Moradores da área, uma das mais carentes da cidade, protestaram contra a visita do postulante socialista, apadrinhado pelo prefeito Geraldo Julio.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

MARCOS MORAIS

Magno tu já viu a pesquisa IBOPE que saiu agora? João Campos 43% Marília 41%

Fabiano

Magno e sua \"IMPARCIALIDADE\" kkkkkkkkk


Abreu no Zap

25/11


2020

Menino de 3 anos que comprou lanche em celular revela lado prodígio

Houldine Nascimento, da equipe do blog

Uma peripécia de um garotinho recifense de apenas três anos ganhou ampla repercussão nacional, ontem. Luiz Antônio, de apenas 3 anos, fez duas compras no McDonald’s, que totalizaram R$ 400, pelo telefone da própria mãe, a publicitária Raíssa Andrade. Tudo isso enquanto ela estava tomando banho.

A ação resultou em muito hambúrguer, batata frita, água e milk shake, que acabaram sendo distribuídos entre familiares e funcionários do edifício em que a família mora. Chamado carinhosamente de Tom, Luiz Antônio é neto do escritor e advogado paraibano Zelito Nunes, de 72 anos.

Em conversa com o blog, o avô destacou que o garoto apresenta uma inteligência acima da faixa etária. “Ele é um menino diferente, um ponto fora da curva. É beatlemaníaco, tem uma guitarra e é fã de Gilberto Gil também”, comenta.

Zelito é pai do publicitário André Lins Nunes, seu terceiro filho. O escritor revelou, ainda, que o McDonald’s devolveu os valores gastos. “Tinha dado uma repercussão boa também”, completa.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/11


2020

NE se mobiliza para o Fórum de Desenvolvimento do Semiárido

O Fórum de Desenvolvimento do Semiárido 2020 vai acontecer na semana que vem, em Mossoró (RN), com objetivo de promover um amplo debate para fomentar o Plano de Desenvolvimento do Semiárido (PDS).

A programação do evento conta com a participação de várias autoridades do país, dentre elas, o vice-presidente, Hamilton Mourão, que marcará presença na abertura do Fórum.

O desenvolvimento do PDS está em curso e, com a sua implementação, estima-se que 1 milhão de hectares poderão se beneficiar com a produção irrigada e alta tecnologia, principalmente com a ampliação de fruticultura irrigada podendo gerar anualmente um valor bruto de R$ 70 bilhões, injetando cerca de R$ 10,5 bilhões em impostos e pelo menos três milhões de empregos diretos. Se agregar alta tecnologia e grandes indústrias, a flutuação de mão de obra pode ser ainda maior. 

O Fórum irá promover dois dias de debates e discussões sobre os 13 Eixos Temáticos selecionados: Recursos Hídricos, Energia, Agronegócio, Mercado, Relações Exteriores (comércio), Recursos Minerais, Segurança - Jurídica e Fundiária, Educação - Capacitação Turismo, Transporte e Logística, Novas tecnologias e Inovação, Comunicação -TI e Meio Ambiente.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

25/11


2020

Ibope: João Campos 43% e Marília Arraes 41%

Do G1/PE

O Ibope divulgou, hoje, o resultado da segunda pesquisa do instituto sobre o segundo turno da eleição para prefeito do Recife. O levantamento foi realizado entre os dias 23 e 25 de novembro e tem margem de erro de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Os resultados foram os seguintes:

  • João Campos (PSB): 43%
  • Marília Arraes (PT): 41%
  • Em branco/nulo: 15%
  • Não sabe/não respondeu: 2%

Em relação ao levantamento anterior do Ibope, divulgado em 18 de novembro:

  • João Campos (PSB): tinha 39% e subiu para 43%
  • Marília Arraes (PT): tinha 45% e desceu para 41%
  • Em branco/nulo: se manteve em 15%
  • Não sabe/não respondeu: subiu de 1% para 2%

De acordo com o Ibope, persiste um empate técnico entre os candidatos, mas agora com a inversão da vantagem numérica em relação à pesquisa anterior. A diferença entre ambos é de apenas dois pontos percentuais e menor que a margem de erro da pesquisa, que é de três pontos percentuais.

Votos válidos

Nos votos válidos, os resultados foram os seguintes:

  • João Campos (PSB): 51%
  • Marília Arraes (PT): 49%

Em relação ao levantamento anterior do Ibope, divulgado em 18 de novembro:

  • João Campos (PSB): tinha 47% e subiu para 51%
  • Marília Arraes (PT): tinha 53% e caiu para 49%

Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer no 2º turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um voto.

Intenção de voto espontânea

  • João Campos (PSB): 40%
  • Marília Arraes (PT): 38%
  • Outros: 1%
  • Branco/nulo: 18%
  • Não sabe/não respondeu: 4%

Sobre a pesquisa

Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos

Entrevistados: 1.001 eleitores do Recife

Quando a pesquisa foi feita: entre 23 e 25 de novembro

Registro no TRE: PE?04600/2020

Nível de confiança: 95%

Contratantes da pesquisa: TV Globo e "Jornal do Commercio"

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 3 pontos, para mais ou para menos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/11


2020

PSB usa canais oficiais de comunicação para agredir Marília

Adotando uma conduta cada vez mais criminosa e baixa com relação à candidata Marília Arraes, o PSB de João Campos, através de órgãos oficiais de comunicação interna do partido, está enviando para a sua militância a produção de vídeos apócrifos contra Marília. O chamado Lado B.

O mais atual, profissionalmente elaborado e enviado pelo chefe do gabinete do ódio, Flávio Campos, reproduz página da revista Veja e faz referência a uma possível conversa entre a candidata e o deputado federal Túlio Gadelha (PDT) sobre a construção de um suposto esquema de “rachadinha”, o que já foi provado por Marília ser inexistente e uma inverdade.

Flávio ainda determina oficialmente que o vídeo deve ser compartilhado em todas as redes sociais da militância.

Especialistas consultados pelo blog afirmam categoricamente que pelo tipo e qualidade da produção, o conteúdo é com certeza feito dentro da própria produtora responsável pelo guia eleitoral da campanha de João Campos. A produção utiliza-se, inclusive, de tradutora de LIBRAS.

Mais uma afronta e um crime cometidos pela campanha de João Campos contra a Justiça Eleitoral.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/11


2020

“A voz do povo falou mais alto”, desabafa Galindo

Em entrevista gravada para o Frente a Frente, que vai ao ar das 18 às 19 horas, pela Rede Nordeste de Rádio, a vereadora Célia Galindo (PSB), atual presidente da Câmara de Arcoverde, fez um desabafo ao comemorar seu nono mandato consecutivo. “Fui, provavelmente, a candidata mais perseguida na história política de Arcoverde. Quiseram me derrotar de todo jeito. Mentiram, me agrediram, me perseguiram, mas quem falou mais alto foi a voz do povo”, afirmou.

Galindo é um raro fenômeno da política pernambucana. Primeira mulher do Sertão a ocupar um mandato popular no Legislativo, está na Câmara de Arcoverde há oito mandatos, portanto, 32 anos e foi reeleita sem subir em nenhum palanque de candidato a prefeito do município. Quando completar seu novo mandato, que começa em janeiro, atingirá a marca dos 36 anos e na próxima reeleição, no décimo mandato, 40 anos de atividade parlamentar.

Foi três vezes presidente da Câmara e sempre eleita com votações expressivas. Em Arcoverde, o Frente a Frente é retransmitido pela Itapuama 92,7 FM, mas quiser ouvir pela internet basta entrar neste blog e clicar no botão Rádio acima ou baixar o aplicativo da Rede Nordeste de Rádio no play store.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/11


2020

Deputada parabeniza Governo Federal pelo combate ao tráfico

A deputada estadual Clarissa Tércio postou um vídeo, em suas redes sociais, destacando a importância do trabalho que o Governo Bolsonaro vem realizando no combate ao tráfico de drogas, no País.

A parlamentar citou que, ontem, o Brasil bateu recorde de apreensão e destruição de drogas, em 2020. De acordo com o Ministério da Justiça, até outubro, a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Federal apreenderam e destruíram mais de 2,4 mil toneladas de maconha e 91,8 toneladas de cocaína.

Além disso, mais de R$ 700 milhões em bens do tráfico foram efetivamente apreendidos. "Ações como essa mostram o comprometimento do nosso presidente com o País, trabalhando incansavelmente pelo fim, pelo extermínio dessas organizações. Mostra também o empenho das nossas polícias que trabalham sem parar no desmonte de quadrilhas e de organizações criminosas", destacou a deputada.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/11


2020

PSB perde mais uma ação na Justiça

A juíza eleitoral Virginia Gondim Dantas deferiu medida liminar, hoje, e determinou que o candidato do PSB à Prefeitura do Recife, João Campos, não realize a distribuição dos adesivos contra a candidata do PT, Marília Arraes. Os adesivos trazem os dizeres “Se você cochilar o PT vai voltar; PT nunca mais; Essa praga nunca mais e Votei em Mendonça agora é 40”.

Para a magistrada, o candidato João Campos é nítido beneficiário do material veiculado. Nesse sentido, além de determinar que João Campos se abstenha em realizar a distribuição dos impressos, que contêm irregularidades e o beneficiam, determinou que os fiscais da propaganda procedam à imediata apreensão dos adesivos e que o Detran realize a identificação dos proprietários dos veículos que estavam a distribuir os adesivos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/11


2020

Pesqueira: Cacique Marquinhos perde no TRE por 7×0

Cacique Marquinhos, do Republicanos, teve a maior votação no município de Pesqueira. Ele, no entanto, está sub judice e aguarda decisão da Justiça Eleitoral para ter a confirmação se assumirá ou não o executivo.

Por unanimidade, hoje, o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) negou os embargos impostos pela defesa do candidato, por 7x 0. Sendo assim, a decisão caberá ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília. O julgamento ainda não tem data marcada, o clima da cidade é de incerteza.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha