Lavareda

22/10


2020

Datafolha: João 31%; Marília 18%; Patrícia 16% e Mendonça 15%

Do G1/PE

A Pesquisa Datafolha divulgada hoje aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para a prefeitura do Recife nas Eleições 2020:

  • João Campos (PSB): 31%
  • Marília Arraes (PT): 18%
  • Delegada Patrícia (Podemos): 16%
  • Mendonça Filho (DEM): 15%
  • Coronel Feitosa (PSC): 2%
  • Carlos (PSL): 1%
  • Charbel (Novo): 1%
  • Thiago Santos (UP): 1%
  • Nenhum/branco/nulo: 12%
  • Não sabe/não respondeu: 4%

Marco Aurélio Meu Amigo (PRTB) e Claudia Ribeiro (PSTU) foram citados, mas não atingiram 1% das intenções de voto. Victor Assis (PCO) não foi citado.

Em relação ao levantamento anterior do Datafolha, divulgado em 8 de outubro:

João Campos (PSB): saiu de 26% para 31%

Marília Arraes (PT): saiu de 17% para 18%

Delegada Patrícia (Podemos): saiu de 10% para 16%

Mendonça Filho (DEM): saiu de 16% para 15%

Coronel Feitosa (PSC): saiu de 1% para 2%

Carlos (PSL): se manteve em 1%

Charbel (Novo): tinha menos de 1% e, agora, 1%

Thiago Santos (UP): tinha menos de 1% e, agora, 1%

Claudia Ribeiro (PSTU): se manteve com menos de 1%

Marco Aurélio Meu Amigo (PRTB): saiu de 2% para menos de 1%

Victor Assis (PCO): tinha menos de 1% e, agora, não foi citado

Em branco/nulo/nenhum: saiu de 21% para 12%

Não sabe: saiu de 5% para 4%

Destaques por segmento

De acordo com o Datafolha, João Campos registrou avanço mais intenso entre as eleitoras do Recife (passou de 25% para 33%), na faixa de 45 a 59 anos (de 20% para 30%), na parcela com a escolaridade fundamental (de 32% para 47%), entre os mais pobres, com renda familiar de até dois salários-mínimos (de 28% para 38%) e entre evangélicos (de 23% para 33%). Entre os mais ricos, houve queda na preferência pelo candidato do PSB: entre quem tem renda de cinco a dez salários, suas intenções de voto passaram de 16% para 11%.

Apesar da estabilidade em relação à pesquisa anterior, com oscilação positiva dentro da margem de erro, Marília Arraes ganhou força em segmentos em que já aparecia com destaque no início do mês, como o eleitorado mais escolarizado, em que passou de 23% para 27%. Na faixa de renda familiar que ganha de cinco a dez salários, a petista passou de 25% para 32%.

A candidatura de Mendonça Filho ganhou quatro pontos entre os mais velhos (de 20% para 24%), segmento no qual só fica numericamente atrás de Campos, que tem 32%.

Delegada Patrícia avançou em quase todos os segmentos do eleitorado, à exceção dos mais velhos, no qual passou de 13% para 10%. Mais velhos, mais ricos e menos escolarizados (no qual também tem 10%) são, por ora, os pontos mais fracos da candidata do Podemos, que tem intenções de voto bem distribuídas entre os demais grupos sociodemográficos.

Dentro do universo de 21% dos eleitores que têm o PT como partido de preferência no Recife, a escolha por Marília Arraes passou de 36% para 42%, e os demais se dividem, principalmente, entre Campos (33%), Delegada Patrícia (10%) e Mendonça (7%).

Grau de conhecimento do entrevistado sobre o candidato:

Mendonça Filho (DEM): 94% conhecem (muito bem, 34%; um pouco, 29%; de ouvir falar, 31%); 6% não conhecem

João Campos (PSB): 92% conhecem (muito bem, 28%; um pouco, 31%; de ouvir falar, 33%); 8% não conhecem

Marília Arraes (PT): 84% conhecem (muito bem, 21%; um pouco, 27%; de ouvir falar, 36%); 16% não conhecem

Delegada Patrícia (Podemos): 68% conhecem (muito bem, 9%; um pouco, 18%; de ouvir falar, 40%); 32% não conhecem

Coronel Feitosa (PSC): 40% conhecem (muito bem, 5%; um pouco, 9%; de ouvir falar, 26%); 60% não conhecem

Marco Aurélio Meu Amigo (PRTB): 30% conhecem (muito bem, 4%; um pouco, 9%; de ouvir falar, 17%); 70% não conhecem

Carlos (PSL): 13% conhecem (muito bem, 0%; um pouco, 4%; de ouvir falar, 9%); 87% não conhecem

Cláudia Ribeiro (PSTU): 12% conhecem (muito bem, 1%; um pouco, 1%; de ouvir falar, 10%); 88% não conhecem

Thiago Santos (UP): 11% conhecem (muito bem, 0%; um pouco, 2%; de ouvir falar, 9%); 89% não conhecem

Charbel (Novo): 10% conhecem (muito bem, 1%; um pouco, 3%; de ouvir falar, 7%); 90% não conhecem

Victor Assis (PCO): 8% conhecem (muito bem, 0%; um pouco, 1%; de ouvir falar, 7%); 92% não conhecem

Rejeição

A pesquisa também perguntou em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum. Os percentuais foram os seguintes:

  • João Campos: 34%
  • Mendonça Filho (DEM): 28%
  • Coronel Feitosa (PSC): 27%
  • Marília Arraes (PT): 22%
  • Charbel (Novo): 21%
  • Victor Assis (PCO): 21%
  • Carlos (PSL): 20%
  • Marco Aurélio Meu Amigo (PRTB): 17%
  • Thiago Santos (UP): 17%
  • Claudia Ribeiro (PSTU): 16%
  • Delegada Patrícia (Podemos): 15%
  • Não votaria em nenhum: 4%
  • Poderia votar em todos: 2%
  • Não sabe/não respondeu: 5%

Em relação ao levantamento anterior do Datafolha, divulgado em 8 de outubro, a rejeição aos candidatos evoluiu da seguinte forma:

  • João Campos: saiu de 30% para 34%
  • Mendonça Filho: saiu de 32% para 28%
  • Coronel Feitosa: saiu de 21% para 27%
  • Marília Arraes: saiu de 15% para 22%
  • Charbel: saiu de 18% para 21%
  • Victor Assis: saiu de 17% para 21%
  • Carlos: saiu de 17% para 20%
  • Marco Aurélio Meu Amigo: saiu de 15% para 17%
  • Thiago Santos: se manteve em 17%
  • Cláudia Ribeiro: saiu de 12% para 16%
  • Delegada Patrícia: saiu de 13% para 15%

Rejeita todos/não votaria em nenhum: saiu de 9% para 4%

Votaria em qualquer um/não rejeita nenhum: se manteve em 2%

Não sabe: saiu de 6% para 5%

Simulações de segundo turno

O Datafolha também questionou se, caso o segundo turno da eleição para prefeito fosse hoje, em qual candidato os eleitores votariam, apresentando três cenários. Os números são os seguintes:

  • João Campos 40% x 37% Marília Arraes
  • João Campos 43% x 43% Delegada Patrícia
  • João Campos 48% x 36% Mendonça Filho

Sobre a pesquisa

A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal “Folha de S. Paulo”.

Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos

Quem foi ouvido: 868 eleitores da cidade do Recife

Quando a pesquisa foi feita: nos dias 20 e 21 de outubro

Número de identificação no TRE-PE: PE-05988/2020

O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

MARCOS MORAIS

E agora Magno, você vai dizer que a pesquisa Data folha também é mentirosa? Sua candidata tá estacionada e João Campos sobe cada vez mais. Vai ganhar no primeiro turno.

ABAIXO FALSO MORALISMO

Carlos deve estar com RECIFILIS. Essa vagabunda vai ganhar porra nenhuma, nem ela é nem o cavalo paraguaio do Mendonça

Carlos

A Delegada Patrícia disparou, e aí Magno, tu dissestes que era mentira do Ibope, qual vai ser a desculpa agora? Aceita que dói menos.


ALEPE

Confira os últimos posts



04/12


2020

Adalto cede e Romero é suplente por um voto

Houldine Nascimento, da equipe do blog

Além da disputa pela Presidência da Assembleia Legislativa de Pernambuco, vencida com folga pelo deputado Eriberto Medeiros (PP), o outro bate-chapa que ocorreu na eleição para a Mesa Diretora foi pela sétima suplência. Romero Albuquerque (PP) concorreu com Adalto Santos (PSB) pela vaga. A apuração revelou que o pepista obteve 23 votos, enquanto o adversário socialista recebeu 22.

O número mínimo necessário para vencer o pleito é de 25 votos, maioria absoluta da Alepe, composta por 49 parlamentares. Pelos números, haveria uma nova disputa, mas o deputado Adalto abriu mão e Romero ficou como suplente. O deputado do PP agradeceu ao colega do PSB pela posição tomada e festejou a vitória de apenas um voto de diferença.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

04/12


2020

Confira a nova composição da Mesa Diretora da Alepe

Na tarde de hoje, os deputados estaduais pernambucanos votaram para eleger a nova Mesa Diretora da Casa. O atual presidente, deputado Eriberto Medeiros (PP), foi reeleito com 31 votos, derrotando o seu adversário, Álvaro Porto (PTB), que recebeu apenas 14. Confira abaixo a lista completa da nova formação da Mesa:

PRESIDÊNCIA: Eriberto Medeiros (PP)

1ª VICE - PRESIDÊNCIA: Aglailson Victor (PSB)

2ª VICE - PRESIDÊNCIA: Manoel Ferreira (PSC)

1ª SECRETARIA: Clodoaldo Magalhães (PSB)

2ª SECRETARIA: Cleiton Collins (PP)

3ª SECRETARIA: Rogério Leão (PL)

4ª SECRETARIA: Alessandra Vieira (PSDB)

SUPLENTES

1ª SUPLÊNCIA: Antônio Fernando (PSC)

2ª SUPLÊNCIA: Simone Santana (PSB)

3ª SUPLÊNCIA: Joel da Harpa (PP)

4ª SUPLÊNCIA: Henrique Queiroz Filho (PL) 

5ª SUPLÊNCIA: Dulci Amorim (PT)

6ª SUPLÊNCIA: Fabíola Cabral (PP)

7ª SUPLÊNCIA: Romero Albuquerque (PP)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

04/12


2020

Presidente da Alepe comenta maiores desafios após reeleição

Por Houldine Nascimento, da equipe do blog

O deputado estadual Eriberto Medeiros (PP) seguirá na Presidência da Alepe até 31 de janeiro de 2023. Ele recebeu 31 votos de 47 parlamentares que compareceram para votação, hoje. Ao blog, ele fala sobre os principais desafios à frente da Casa após ser reeleito.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


04/12


2020

Clodoaldo segue na 1ª Secretaria da Alepe

Por Houldine Nascimento - da equipe do blog

O deputado Clodoaldo Magalhães (PSB) também atingiu a votação para permanecer à frente da 1ª Secretaria da Alepe. O parlamentar era candidato único para o posto e não enfrentou dificuldades no pleito: recebeu 43 votos de 47 possíveis.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

04/12


2020

Eriberto impõe derrota acachapante a Porto

Por Houldine Nascimento, da equipe do blog

O deputado Eriberto Medeiros (PP) foi reeleito para a Presidência da Assembleia Legislativa de Pernambuco. Ele recebeu 31 votos e, com isso, derrotou o petebista Álvaro Porto, que contabilizou apenas 14. Houve um voto branco e um nulo. Eriberto agora segue à frente da Casa até 31 de janeiro de 2023.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

MARCOS MORAIS

E geralmente os candidatos que você diz que irão ganhar perdem de lavada.

MARCOS MORAIS

Como eu já havia dito antes Magno você não acerta uma. Todas as suas análises a respeito de eleições dão erradas.



04/12


2020

Duque e Márcia Conrado participam da ordem de serviço do Sesc

O prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque (PT), e a prefeita eleita, Márcia Conrado, participaram, ontem, da abertura oficial da 21ª Exposerra – Feira da Indústria, Comércio e Serviços de Serra Talhada. O evento acontece de 03 a 05 de dezembro em formato híbrido, de acordo com os protocolos da Covid-19. As informações são do blog do Júnior Campos.

Durante a solenidade de abertura do evento promovido pela CDL Serra Talhada e SindCom, com apoio do Sebrae, foi assinada a ordem de serviço para o início das obras do SESC – Serviço Social do Comércio, que juntamente com o Senac receberá um investimento na ordem de R$ 35 milhões do Sistema S.

O Sesc Serra Talhada será um complexo de lazer para atender os trabalhadores do comércio e seus familiares, além do público em geral. Construída em terreno doado pela Prefeitura Municipal, a unidade contará com parque aquático multifuncional, com restaurante panorâmico e academia de ginástica, campo de futebol society, quadra poliesportiva coberta, lanchonete, bloco administrativo, estacionamento e o Armazém Social Empreendedorismo, um espaço de multiuso com área útil de 6 mil metros quadrados.

O prefeito Luciano Duque parabenizou os organizadores da 21ª Exposerra e agradeceu ao Sistema S, em nome do presidente do Sistema Fecomércio-PE, Bernardo Peixoto, pelos investimentos em Serra Talhada. “Com muito orgulho pudemos anunciar o início das obras do Sistema S em Serra Talhada, que contará com as unidades do Sesc e Senac. Inicialmente demos a ordem de serviço do Sesc, um equipamento voltado para o lazer, com parque aquático, restaurante, academia, campo de futebol, um equipamento grandioso que terá um papel de grande importância e relevância sociológica para o nosso povo”, afirmou.

A prefeita eleita, Márcia Conrado, destacou a capacidade de reinvenção da Exposerra e reafirmou seu compromisso em fortalecer as parcerias exitosas em sua gestão a partir de 2021. “É um imenso prazer participar da abertura da 21ª Exposerra, que esse ano acontece em formato híbrido devido à pandemia da Covid-19. Aproveito para parabenizar a CDL, o Sindicom, o Sebrae e todos os demais envolvidos, que demonstraram uma grande capacidade de se reinventarem, não deixando de realizar esse grandioso evento, que aquece a nossa economia e fortalece toda a nossa região. Como prefeita eleita, reafirmo o compromisso da gestão municipal em continuarmos fortalecendo todas essas parcerias importantes para Serra Talhada”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


04/12


2020

Votação encerrada

Houldine Nascimento, da equipe do blog

Após mais de 1h30, a votação chega ao fim na Alepe. A expectativa se volta à apuração, que revelará o novo presidente da Casa. Os deputados Isaltino Nascimento (PSB) e Antônio Coelho (DEM) foram chamados à mesa pelo parlamentar Guilherme Uchôa Júnior (PSC), que conduz o processo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


04/12


2020

Sai, enfim, a nova estrada Sertânia a Albuquerquené


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


04/12


2020

Ausência baixa para escolher nova Mesa Diretora da Alepe

Por Houldine Nascimento, da equipe do blog

Apenas dois deputados se ausentaram da votação que vai definir a nova Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Pernambuco: João Paulo Costa (Avante), por estar com Covid-19, e William Brígido (Republicanos), que viajou a São Paulo. Com isso, 47 parlamentares compareceram ao pleito.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


04/12


2020

Processo de votação na Alepe é lento

Por Houldine Nascimento, da equipe do blog

Prevista para às 15h, a eleição que vai definir a Mesa Diretora que estará à frente da Alepe de 1° de fevereiro de 2021 a 31 de janeiro de 2023 sofreu atraso. O processo teve início cerca de uma hora depois e enfrenta lentidão pelo fato de os votos serem depositados manualmente em uma urna pelos deputados.

A escolha é secreta e eles seguem, um a um, redigindo os votos. Ao final, ocorre a contagem diante do público.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores