12/10


2012

Cambada

 Todos os 13 vereadores de Itabuna (BA) foram afastados dos seus cargos após decisão do juiz da 2ª Vara Crime, Antônio Carlos Moraes. Entre os acusados de improbidade administrativa estão o prefeito eleito no último domingo, Claudevane Moreira Leite e seu vice, Wenceslau Júnior. Todos eles, além de 14 servidores e assessores, respondem por apropriação indébita, peculato e falsidade ideológica. Publicada na terça, a decisão pelo afastamento começou a ser cumprida ontem, quando os suplentes atuais dos vereadores foram convocados.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cabo 2021

Confira os últimos posts



24/02


2021

Bolsonaro elogia Roma e diz que Guedes tem coração

Ao saudar o novo ministro da Cidadania, João Roma Neto, o presidente Bolsonaro afirmou não ter dúvida de que fará muito em favor dos mais necessitados. "Agradeço a João e ao seu partido, o Republicanos, por atender essa convocação que não é minha, mas do País, do Brasil que precisa mudar e avançar", afirmou.

Bolsonaro aproveitou para fazer um afago aos seus ministros. "Não existe manual para ser presidente. É preciso que haja lealdade de vocês para mim e eu para vocês, ministros", assinalou. O presidente encheu também a bola do ministro da Economia, Paulo Guedes. "O Guedes já demonstrou que tem coração, é a âncora do nosso Governo, com austeridade absoluta e responsabilidade fiscal", afirmou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


24/02


2021

Roma cita avô, Joaquim, Krause e Maciel em fala

Ao assumir o Ministério da Cidadania, há pouco, o deputado João Roma Neto, do Republicanos da Bahia, disse que sua missão é não deixar ninguém desamparado como condutor da pasta que faz ação social no Governo Bolsonaro. "Cidadania é buscar fazer mais e muito pelos que mais precisam", disse.

Roma citou o Padre Roma, um dos condutores da Insurreição Pernambucana, o seu avô João Roma, ex-deputado por Pernambuco, e os políticos Marco Maciel, Joaquim Francisco e Gustavo Krause, com quem trabalhou. Deu ênfase ao seu padrinho político na Bahia, o ex-prefeito de Salvador, ACM Neto, presidente estadual do DEM.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner Jaboatao 2021

24/02


2021

FBC recebe prefeitos de diversas regiões de Pernambuco

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) recebeu, hoje, em Brasília, o prefeito de Toritama, Edilson Tavares, que pediu o apoio do governo federal para viabilizar a obra de duplicação da BR-104, na entrada do município. Cerca de 30 mil pessoas passam pelo local nos dias de funcionamento da feira de moda e confecção. Fernando Bezerra, que é líder do governo no Senado, se comprometeu a articular uma reunião com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, para destravar a obra.

“Esse é um projeto muito maior que Toritama, um projeto que vai atender o estado de Pernambuco e que vai fazer diferença para o polo de confecções, gerando emprego e renda para a população do Agreste”, disse o senador.

“Esta obra, que está parada há mais de uma década, compreende a duplicação de um trecho de aproximadamente seis quilômetros, por onde passam mais de 30 mil pessoas somente no dia da feira, gerando um engarrafamento de duas horas”, acrescentou Edilson.

Já o prefeito de Timbaúba, Marinaldo Rosendo, pediu apoio para a aquisição de máquinas e equipamentos, como tratores, caminhão caçamba e retroescavadeira. “São equipamentos importantes para apoiar a produção e a limpeza urbana, além de ajudar nas obras de recapeamento e pavimentação de ruas”, disse Marinaldo.

A aquisição de máquinas também foi a demanda apresentada pelos prefeitos de Parnamirim, Nininho, e de Moreilândia, Teto Teixeira, enquanto os prefeitos de Lagoa Grande, Vilmar Capellaro, de Cortês, Fátima Borba, e de Condado, Antonio Cassiano, solicitaram recursos para o custeio da saúde.

“Os prefeitos vêm a Brasília com demandas importantes para os municípios, e é dever do parlamentar articular o apoio do governo federal, levando recursos e obras para o seu estado. Além de melhorar a qualidade de vida da população através de equipamentos de saúde, escolas e obras de saneamento e infraestrutura, os investimentos federais ajudam a movimentar a economia e gerar emprego”, afirmou Fernando Bezerra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


24/02


2021

Sebá assume liderança do Avante na Câmara

O deputado federal Sebastião Oliveira assumiu, hoje, a liderança do Avante na Câmara dos Deputados. No primeiro dia no exercício da nova função, o parlamentar recebeu a visita de cortesia dos prefeitos Matheus Martins (Terezinha), Douglas Duarte (Angelim), Gilmar Assunção (Frei Miguelinho) e Eudes Tenório (Venturosa).

Com Sebá como liderança nacional, o Avante Pernambuco conseguiu emplacar, nas últimas eleições, dez prefeitos, cinco vices e 112 vereadores, sendo dois deles no Recife. Antes dos irmãos Sebastião e Waldemar Oliveira, que é presidente estadual da legenda, a sigla não comandava nenhuma prefeitura no Estado.

Já na sua estreia na Câmara Municipal do Recife, os vereadores do Avante assumiram a presidência de duas importantes Comissões: Segurança Cidadã (Dilson Batista) e Acessibilidade e Mobilidade Urbana (Fabiano Ferraz). 

“Agradeço ao deputado Luiz Tibé - meu antecessor e presidente Nacional do Avante – e aos demais companheiros da nossa bancada pela confiança. Estamos totalmente alinhados com as demandas atuais e mais importantes do Brasil. Vamos trabalhar em sintonia com todas as áreas, sobretudo, com a saúde e a economia. O País pode contar com o Avante. O momento exige união e muito trabalho”, ressaltou Sebastião Oliveira.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina 2021

24/02


2021

Começa posse de João Roma

A solenidade de posse do novo ministro da Cidadania, João Roma Neto, já começou com uma hora e meia de atraso. O presidente Bolsonaro também vai sancionar o projeto de autonomia do Banco Central.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

24/02


2021

Bolsonaro anuncia sanção da autonomia do BC

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) anunciou para hoje, juntamente com a posse do deputado João Roma (Republicanos-BA) como ministro da Cidadania, a sanção do texto que dá autonomia ao Banco Central.

A informação consta em postagem feita no Facebook. Junto ao texto, Bolsonaro divulgou uma foto dele com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Blog do Magno 15 Milhões de Acessos 2

24/02


2021

Posse de João Roma lota o Planalto

Prevista para começar às 17 horas, a posse do ministro da Cidadania, João Roma Neto, ainda não começou, mas a área reservada para o evento no Palácio do Planalto já está apinhada de convidados. São três setores, uns com direito a cadeira, a maior parte em pé. A cerimônia deve iniciar em instantes.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Jornao O Poder

24/02


2021

Servidor da Prefeitura de Caruaru denuncia atraso salarial

Funcionários ligados à Secretaria de Saúde de Caruaru estão reclamando de atrasos salariais. Em um vídeo que passou a circular com frequência nas redes sociais e em grupos de WhatsApp, um homem que se identifica como profissional de uma unidade pública de saúde no município faz um desabafo, relatando que não recebeu o pagamento de janeiro.

Nas imagens, ele aparece com um nariz de palhaço e chega a afirmar que atuou na linha de frente no combate à Covid-19. A queixa se soma a outras relacionadas a demissões em massa promovidas pela prefeita de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB), em setores variados, como Educação, Limpeza e a própria Saúde.

O que diz a Prefeitura

O Blog procurou a Secretaria de Saúde de Caruaru para que se pronunciasse sobre o caso. A resposta veio por meio de uma breve nota:

"A Secretaria de Saúde de Caruaru informa que os pagamentos já foram efetuados e casos isolados estão sendo tratados diretamente com os profissionais."


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


24/02


2021

Intervenção na Petrobras não abala popularidade de Bolsonaro

Uma nova rodada da Pesquisa XP/Ipespe em fevereiro aponta que o episódio da troca do presidente da Petrobras não abalou a avaliação positiva do governo Jair Bolsonaro: o índice passou de 30% para 31% quando comparado ao levantamento anterior, realizado no último dia 4. Já os que classificam a gestão Bolsonaro como ruim ou péssima se mantiveram em 42%.

Quando a pergunta se refere à mudança no comando da Petrobras, 40% dos entrevistados entendem que Bolsonaro errou ao demitir o presidente da estatal, enquanto 38% avaliaram a troca como um acerto. Sobre a definição dos preços dos combustíveis, 41% consideram que os reajustes deveriam ter prazos estabelecidos pelo governo, com uma limitação de aumento de preços em intervalos menores que três meses, mesmo que sejam pautados pelo mercado.

Entre os entrevistados que declaram ter votado em Bolsonaro em 2018, 22% entendem que o governo deve estabelecer os preços, mesmo que isso levasse a um aumento geral de impostos. A não interferência do Executivo nos preços dos combustíveis é defendida por 25% dos entrevistados.

O XP/Ipespe realizou 800 entrevistas em todo Brasil, nos dias 22 e 23 de fevereiro. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais.

Outros dados

A pesquisa atesta, ainda, apoio popular a uma postura mais intervencionista do governo na economia. A regulação de preços e do comércio entre países é defendida por 53% da população. Três pontos percentuais acima, mas próximo do verificado em junho de 2018.

Quanto às privatizações, há uma aversão à venda de empresas estatais em geral: 59% são contra. O percentual, contudo, caiu em relação aos que rejeitavam a proposta em junho de 2018 (64%).

Sobre a retomada do auxílio emergencial, há amplo apoio na sociedade. Entre os consultados, 69% defendem que o governo estabeleça uma nova rodada, com valor entre R$ 200 e R$ 300. A criação de um novo auxílio é dada como certa para 60% dos respondentes.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


24/02


2021

No Acre, Bolsonaro se irrita e encerra abruptamente entrevista

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) encerrou abruptamente uma entrevista coletiva que concedia no aeroporto de Rio Branco (AC), na manhã de hoje, ao ser perguntado sobre a decisão do STJ (Superior Tribunal de Justiça) de anular a quebra de sigilo bancário de seu filho Flávio Bolsonaro (Republicanos), senador pelo Rio.

"Acabou a entrevista", afirmou o presidente antes mesmo de a pergunta ser concluída, se retirando do local ao lado de políticos locais e do ministro Eduardo Pazuello (Saúde).

Bolsonaro sobrevoou regiões atingidas pelo transbordamento de rios no estado, que também sofre com casos de dengue e mortes por Covid-19.

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) anulou, nesta terça-feira (23), a quebra de sigilo bancário e fiscal do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) no âmbito das investigações do caso das “rachadinhas” na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

Por maioria dos votos, os ministros da Quinta Turma, colegiado encarregado de analisar a matéria, identificaram problemas de fundamentação na decisão judicial.

Antes, Bolsonaro abriu o evento afirmando que cada orador teria no máximo dois minutos para falar. "Fico muito feliz de retornar ao estado mais uma vez. Logicamente que as condições são adversas. Fiz uma viagem com alguns ministro e parlamentares. Quero que cada um dos que estão comigo me acompanhando agora use da palavra por não mais que dois minutos para que possam, dentro da sua área de atuação, falar para ao povo e para a imprensa aqui do Acre o que podemos e o que estamos fazendo pra esse estado depois desse período anormal de chuvas", disse.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha