Chávez promete a Dilma o dinheiro da refinaria de Suape

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, telefonou nesta sexta-feira (9) para a presidente Dilma Rousseff e disse que vai garantir o aporte de recursos necessários para a construção da Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, informou a assessoria de imprensa do Palácio do Planalto. Até o momento, a PDVSA não liberou recursos para a obra. A Petrobras já investiu R$ 7 bilhões. Ainda segundo o Planalto, Chávez disse a Dilma que dará as garantias necessárias, inclusive de sua parcela nos empréstimos do BNDES.

A refinaria é fruto de uma parceria entre a Petrobras e a estatal venezuelana de petróleo PDVSA. O acordo entre Brasil e Venezuela para a construção da refinaria foi assinado em 2005, durante o governo Lula. O custo total da obra, segundo estimativas de mercado, é de R$ 26 bilhões. Pelo acordo, Petrobras e PDVSA arcariam com R$ 16 bilhões, e o restante seria proveniente de empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Publicado em: 09/09/2011