PSDB repudia agressão a Serra

 A liderança do PSDB no Senado divulgou nota em que se solidariza com o candidato à Presidência, José Serra, e repudia, com veemência, a agressão física cometida contra ele nesta quarta, por petistas no Rio, informa o site Claudio Humberto.

Segundo a nota, “o desrespeito à Constituição Federal e às leis, que começa com a atuação do Presidente da República como cabo eleitoral, estimula atos como esses: agressão física a José Serra e agressão verbal, por parte do próprio Presidente da República, ao candidato do PSDB ao Governo de Goiás, Marconi Perillo”.

Ainda segundo o texto, “o País não pode tolerar que o processo eleitoral seja tumultuado por práticas nazo-fascistas contra quem quer que seja, e mais ainda contra um homem que, dentro de poucos dias, poderá ser eleito Presidente da República”

Publicado em: 20/10/2010