Jaboatão

10/09


2006

Datafolha: O povo está feliz

 A Folha de S.Paulo destacou em manchete neste domingo, a pesquisa do Instituto Datafolha, realizada com 7.724 pessoas em 349 municípios do país, mostrando que 76% dos brasileiros se consideram felizes. ''A taxa está 11 pontos percentuais acima da registrada em estudo de 1996 sobre o tema'', destaca o jornal. O índice dos ''mais ou menos felizes'' caiu de 31% para 22%, e apenas 2% se descrevem como ''infelizes''. Em seu noticiário político, o jornal paulista também destaca que o Datafolha identificou que 48% dos eleitores associam o presidente Lula como defensor da população de baixa renda, e 32% vêem o candidato tucano, Geraldo Alckmin, como defensor dos ricos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Caro Luiz Queiroz, na verdade você nem merecia uma resposta, todavia quero lhe informar que o absurdo que falaste, prova o desrespeito que esse seu time tem pelo pobre, e quanto a isso se conheces a bíblia, somente DEUS poderá te responder, e te perdoar.

Drácula

É UM POVINHO DE MERDA MESMO......DEUS QUE MANDE ENCHENTE NO NORDESTE E SECA NO SUL PRA ACABAR COM ESSA PATULÉIA DESGRAMADA.....

Raimundo Eleno dos Santos

Ary,bem lembrado o PHD-FHC disse isso mesmo.É um hipócrita, na expressão maior da palavra.Já o apedeuta,como um bloguista diz,lembrou-se de tudo o quanto passou quando criança,adolescência e adulto.O povo quer comida:café almoço e jantar.Essa é a fórmula do sucesso,esquecida pelo PHDista.É lula lá.

Vocês do time dos chuchuzeiros e garupeiros de PE.(Mendonça Fº) escutem essa. Os brasileiros que se acham felizes está em 76% diz Datafolha, 11% acima da última pesquisa. Aprendam a fazer política social, porque o FHC pediu ao brasileiro que esquecesse o que escreveu. Taí o resultado.


PREF DE OLINDA DESAFIOS DA PANDEMIA 21

10/09


2006

Famílias controlam as liberações do orçamento

 Do Estado de S.Paulo na sua edição deste domingo: 

A proximidade do poder, o partido e o sobrenome ajudam um grupo de parlamentares a obter a liberação de recursos para suas emendas ao Orçamento da União. Levantamento feito pelo Estado com base nos relatórios da Comissão Mista de Orçamento do Congresso mostra que a família Sarney e os irmãos Calheiros estão no topo da lista dos mais beneficiados durante todo o governo Lula. Acima até de importantes líderes do PT.

É um capital importante para quem tem de pedir votos ou terá de fazê-lo em breve, como os senadores cujos mandatos só acabam em 2010.

Entre 2003 e 2006 cada parlamentar apresentou R$ 13 milhões em emendas individuais ao orçamento, mas poucos conseguiram que o gasto fosse efetivamente autorizado pelos ministérios. Entre os privilegiados, o campeão é o senador José Sarney (PMDB-AP), um dos principais aliados do presidente Lula. Nos últimos três anos e meio, ele apresentou 43 emendas e conseguiu liberar R$ 10,49 milhões para cidades e projetos de sua escolha, como a instalação de bibliotecas públicas em municípios do Amapá.

O 6º na lista também é do clã: o deputado Sarney Filho (PV), que, apesar de ser da oposição, se beneficiou do sobrenome para obter R$ 9,39 milhões para propostas de sua preferência. A terceira integrante da família no Congresso é a senadora Roseana Sarney (PFL-MA), aliada do Planalto mesmo filiada a uma das principais siglas da oposição. Ela está em 71ª lugar na lista, com R$ 5,69 milhões.

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) e os irmãos Olavo (PMDB-AL) e Renildo (PC do B-PE) estão entre os 14 mais beneficiados. Cabeça do clã, Renan já amealhou R$ 9,14 milhões dos R$ 13 milhões que pediu entre 2003 e 2006. Os deputados Olavo e Renildo obtiveram, respectivamente, R$ 8,75 milhões e R$ 7,51 milhões.

Um dos principais destinos das emendas de Renan e Olavo é sua cidade natal, Murici (AL). O prefeito é José Renan Vasconcelos Calheiros Filho, herdeiro de Renan. Com seus 22.132 habitantes, Murici foi beneficiada com a liberação de pelo menos R$ 2 milhões de emendas.

Aliado dos Calheiros e parte de uma das famílias mais tradicionais de Alagoas, o senador Teotônio Vilela Filho, é um dos poucos tucanos que se destacam na lista dos beneficiados. Em média, parlamentares tucanos liberaram R$ 2,83 milhões por cabeça entre 2003 e 2006, mas Teotônio obteve três vezes mais: R$ 7,89 milhões.

As verbas destinadas pelo governo a pedido de Teotônio levaram Barra de Santo Antônio, um paraíso no litoral norte de Alagoas, famoso por seus coqueiros (um dos negócios da família do senador), para o primeiro lugar no ranking das prefeituras beneficiadas por emendas. Em três anos e meio, Barra recebeu o equivalente a R$ 506,81 por habitante, enquanto a Capital paulista obteve R$ 4,03.

Outro tucano de sobrenome importante na lista é o deputado mineiro Bonifácio de Andrada, descendente do Patriarca da Independência, José Bonifácio de Andrada e Silva. O governo empenhou R$ 10,3 milhões para emendas do deputado, mas apenas R$ 645 mil foram pagos. ''O governo não paga porque sou de oposição. Isso está me prejudicando eleitoralmente, porque meus prefeitos dizem que consegui pouco dinheiro para eles'', diz Bonifácio.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Ipojuca 2021

10/09


2006

Alckmin: "É cedo para cantar vitória"

 Manchete do jornal O Estado de S.Paulo informa que o candidato tucano à Presidência, Geraldo Alckmin, reagiu ontem às declarações do presidente Luiz Inácio Lula da Silva que indicam que o petista já se considera reeleito. ''É cedo demais para ele cantar vitória'', disse Alckmin. ''É arrogância e desrespeito com o eleitor.''

O tucano afirmou, em visita a Cascavel (CE), que Lula ficou quatro anos viajando e ''agora está sentando na cadeira antes da hora''. E alfinetou: ''Se ele tivesse a mesma pressa quando o assunto é corrupção, já teria de ter vindo a público há muito tempo para explicar porque tanto mensalão, sanguessuga e escândalo no desgoverno dele''.

No interior cearense, Alckmin prometeu ampliar o Bolsa-Família e, feliz com a receptividade, disse que sentia ''o clima da grande arrancada''. O tucano fez caminhada, com cerca de 4.000 pessoas, ao lado do senador Tasso Jereissati (PSDB) e do candidato ao Senado Moroni Torgan (PFL). O governador Lúcio Alcântara (PSDB), candidato à reeleição, não estava presente. Foi excluído do roteiro.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

Alck está tentando apagar o fogo da derrota com essas lorotas, pensando que somos todos idiotas.Está perdido e não concatena mais com as palavras. Está me parecendo ou doidelo. Cada vez que fala diz palavras soltas e desconexas.Como é mesmo o nome que se dá a um padecente desse calibre?

Chuchuzeiro, isso não é desrespeito não, é confiança no povo que ele está olhando, pois foi e será o melhor presidente na área social de todos os tempos. É Lula lá e Eduardo cá.


Petrolina abril 2021

10/09


2006

PMDB leva seis estados no primeiro turno

 O jornal O Globo destaca na sua edição de domingo, que os principais institutos de pesquisa mostram que as eleições deverão terminar no primeiro turno em 17 estados, sendo que em oito deles, vencerão os atuais governadores. ''O PMDB é o favorito para vencer já  em 1º de outubro, em seis estados; o PSDB e o PFL, em três cada; o PT deve levar na primeira rodada apenas Sergipe'', informou.

Entre os governadores que já estão certos pelas pesquisas de que manterão os seus postos destacam-se Ottomar Pinto (PSDB-RR), Eduardo Braga (PPS-AM), Blairo Maggi (PPS-MT) e Ivo Cassol (PPS-RO). O jornal traz um mapa com a posição em cada estado.  


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


10/09


2006

Temer prega novo partido com a divisão do PMDB

  Se confirmada a vitória do presidente Lula no primeiro turno, esse resultado deverá mexer profundamente com o quadro partidário brasileiro. Derrotado na sua tentativa de afastar o PMDB do apoio à candidatura Lula, o atual presidente peemedebista, deputado Michel Temer (SP), fala abertamente na edição do Jornal do Brasil deste domingo, que pretende propor a criação de uma nova legenda, que abrigaria todos os descontentes com o apoio do partido ao governo petista.

''Se o PMDB fracionar-se novamente eu vou propor a divisão da legenda em duas. A opinião pública não suporta mais essa divisão dentro de um só partido.'', destacou Temer numa entrevista concedida ao JB.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Drácula

ESSE TEMER NÃO VALE O QUE O GATO ENTERRA... E ESSE PMDB MENOS AINDA...........

Na verdade o PMDB ou seja, o velho MDB está decepcionando os antigos participantes da luta pela democracia desse país, dando um tom de partido de aluguel de elite, pois está sem direção de acordo com a origem e Jarbas foi um dos que desnorteou este partido. Agora é só lamentar e tetar consertar.

Raimundo Eleno dos Santos

Se disse assim mesmo, aonde se encontra a democracia do Movimento Democratico? Quem entra num partido tem que aceitar a regra do partido. Isso é democracia. Se existe divisões dentro do partido, isso é salutar. A maioria vence e a minoria respeita.Toda unanimidade é burra, já se diz por aí.

guilherme alves

Filme requentado. A cada eleição o presidente de plantão do PMDB vem com essa estória.


ALEPE

10/09


2006

PSDB já procura os responsáveis pela derrota

 O Jornal do Brasil neste domingo traz a seguinte chamada na capa: ''PSDB caça as bruxas do fiasco de Alckmin''.

Em resumo, a matéria trata de alguns traidores da campanha presidencial tucana. E nela são citados como ''traidores'', o presidente do PSDB, Tasso Jereissati, que apoiou o candidato do PSB ao governo do Ceará, Cid Gomes, irmão do ex-ministro Ciro Gomes, e acabou enfraquecendo a posição do partido no Nordeste em favor de Geraldo Alckmin. Os outros dois nomes citados na matéria são do governador Paulo Souto (Bahia) e do prefeito José Serra (São Paulo), que também fizeram corpo-mole na campanha. Considero que a matéria foi benevolente com Aécio Neves e tantos outros que diariamente fazem campanhas isoladas ou desconectadas de Alckmin.  Na reportagem, os deputados José Carlos Aleluia (PFL) e Roberto Freire (PPS) fazem análises do quadro. O candidato a vice, senador José Jorge (PFL) também. Nenhum tucano se atreveu a colocar publicamente as acusações. Curiosamente Jorge e Freire ainda são citados na matéria, como confiantes na possibilidade de conseguir mudar o quadro eleitoral, até mesmo em Pernambuco, onde Lula ''tem 51% das intenções de voto''.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

51% só se for nas pesquisas compradas por vocês, Lulão tem em Pernambuco 71% dos votos. Não mintam tentando enganar o povo, o povo não é bôbo. É Lula lá e Eduardo cá.

guilherme alves

Pernambuco Lula só tem 51% dos votos. Onde está o erro? O problema do PSDB sempre foi o FHC - o único. Quem solapou a pretensão do Serra? Quem impõs a derrota do Serra na escolha do Geraldo? O nome é FHC - o único.

prudencio godoy de melo galvao

Peço perdão aos leitores por ter voltado, + me esqueci de perguntar aos amigos quantos votos o ROBERTO FREIRE, e o ZE JORGE, acrescentaram ao ALKIMIM?

prudencio godoy de melo galvao

a coisa ta + do q cristalina a nivel nacional se a derrota vier não precisa ir muito longe, ela tem nome e sobrenome:FERNANDO HENRIQUE CARDOSO, e aqui não vai ser diferente, SENADOR SERGIO GUERRA.


Bandeirantes 2021

10/09


2006

A degradação da Amazônia na era Lula

''De acordo com o The Independent, apesar de compromissos do governo Lula a destruição da Amazônia continua e acrescenta que quase 75% da degradação na região ocorrem ilegalmente. Pelo que se vê, pois, é triste constatar que a “vídia e óbria” do governo na Amazônia é uma “zônia”, como bem diria seu Creysson'', avalia o publicitário e jornalista Marcelo Alcoforado, em artigo que acabo de postar no menu Opinião. Boa leitura!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

O jornalista "se esqueceu-se" de noticiar que Lula também é responsável pela formação do SAARA, e também pelo surgimento do buraco na camada de ozônio, além de ter produzido o mau cheiro da urina do gambá. Isso ele não contou, mas eu conto.Favor repercutir essas notícias.

guilherme alves

Pernambuco falando para o mundo, é isso aí.Tudo de ruim que acontece no Brasil e no mundo é obra do Lula. Lá na Amazônia não é fruto, há décadas, da ação isana de empresários que só visa o lucro e que se dane o equilíbrio do ecossistema. O jornalista, simploriamente, descobriu que é obra do Lula.


Serra Talhada 2021

10/09


2006

O "abandono" de Eduardo

 Na minha passagem pelo Sertão do Pajeú, aproveitando o feriadão de 7 de setembro, constatei que foi mais do que verdadeira aquela estorinha de que o candidato do PSB a governador de Pernambuco, Eduardo Campos, desembarcou em Serra Talhada, terra de Inocêncio Oliveira, e não tinha uma alma viva para recepcioná-lo.

Quem o recebeu no aeroporto da cidade foi um assessor do candidato do PFL, Mendonça Filho. Constrangido com a situação, o mesmo assessor, que ali aguardava o pefelista em companhia do prefeito Carlos Evandro, chegou a oferecer uma condução para Eduardo se deslocar até o centro da cidade.

Tão logo noticiei, na última sexta-feira, o episódio do ''abandono'' de Eduardo no aeroporto de Serra Talhada, o seu assessor de Imprensa, Evaldo Costa, mandou uma nota desmentindo. A informação havia sido passada por um leitor do blog, naquela cidade. Em Afogados da Ingazeira, de onde atualizo o blog, várias pessoas me procuraram para contar que a versão do leitor é a verdadeira. Daí a razão de voltar ao assunto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

José Carlos-Serra Talhada

É isso ai Irmão. não esvaziou nada, isso é conversa fiada para esconder o que o Gago fez com Dudu, foi uma imensa falta de gentileza

Madison Luis Canejo da Silva

É como eu mesmo disse no post anterior, eu acredito em duende, mula-sem-cabeça, papai noel, xuxa, acredito até no assessor de dudu beleza. Ele informou ter esvaziado a inauguração do comitê de Mendonça em Serra, pelas fotos do site de Mendonça isso foi mais uma mentira.

Drácula

DUDU..... VOLTA PRA BRASILIA CARA.....TU NÃO MERECE FICAR EM PORTA DE AEROPORTO ESPERANDO UMA ANTA COMO O INOCÊNCIO OOOLILIVEIIIRA......

José Carlos-Serra Talhada

kkkkkkk.estão pegando ar...mais desculpe, vcs são meus amigos

José Carlos-Serra Talhada

amigo, não é amnésia simplismente foi um absurdo o que fizeram com Dudu, o interesse do Gago com o mesmo é minimo, enquanto Ronaldo, pelo menos trabalha para ele, vc parece que é sobrinho do homem também.


Anuncie Aqui - Blog do Magno

10/09


2006

A malandragem de Lula em Caruaru

 Da coluna de Cláudio Humberto: ''Em Caruaru (PE), onde participou de um comício, o presidente Lula mostrou como é esperto: sob pressão do PT pernambucano, ele isentou o companheiro Humberto Costa, ex-ministro da Saúde, de “envolvimento na máfia dos sanguessugas”. Poucos perceberam que o presidente disse a verdade: afinal, Costa foi indiciado em outro escândalo, o dos vampiros''.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Marcilio Paulino dos Santos

Esse bandido vai sempre dizer que seus compaças são todos inocentes.Quem já viu bandido acusar bandido.Ele também ta dizendo que a quadrilha do mensalão são inocente.

Madison Luis Canejo da Silva

Esse Lula é muito esperto, este sim, é capaz de comer o doce todinho sem abrir a lata.

LandRover

Ao isentar o companheiro Humberto, ele - o presidentezinho, incrimina as investigações da Polícia Federal, e mostra que essa é usada politicamente: quando é adversário cacete nele, quando é correligionário foi ele quem pediu a investigação. Gangster!

Drácula

E NÃO SE ESQUEÇAM: "SE O ASSUNTO É SANGUE...HUMBERTO ENCOSTA".....

Drácula

MELÔ DO MENDONÇA 2006....."...MENDONÇA É MEU AMIGO... MENDONÇA É MEU COLEGA.... VAI FAZER COM O INIMIGO.... O QUE O CAVALO FAZ COM A ÉGUA".......



10/09


2006

Alckmin: "Denúncias contra PT cabem numa lista telefônica"

 O candidato do PSDB a Presidência da República, Geraldo Alckmin, em campanha, ontem, no Ceará, disse que a denúncia divulgada pela revista Veja, que começou a circular neste sábado é mais uma ''das denúncias contra o Governo Lula que já dá para fazer uma lista telefônica''. A revista denuncia que a Secretaria de Comunicação teria gasto R$ 11 milhões com pagamento da campanha de eleição de Lula em 2002. ''Tem que ser apurado com todo rigor'', destacou Alckmin, em Senador Pompeu, no Sertão Central cearense, a 275 quilômetros de Fortaleza.

Alckmin esteve acompanhado do presidente nacional do PSDB, o senador cearense Tasso Jereissati, e chegou à cidade às 17h. Saiu em carreata até o Centro, quando parou na Igreja de Nossa Senhora das Dores. Depois seguiu a pé pelas ruas centrais e encerrou sua visita com um minicomício para cerca de 3 mil pessoas, segundo a Polícia Militar (PM).

O presidenciável tucano prometeu recriar a Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) e trazer mais indústrias para a Região ''pra diminuir as desigualdades''. No final do comício alfinetou o PT: ''Certas coisas só se faz uma vez na vida. Nascer, morrer e votar no PT'', provocou.

Tasso Jereissati em seu discurso afirmou que o programa Bolsa-Família foi criado pelo PSDB e que o PT estava desvirtuando sua ação, ''deixando o povo escravizado. O Bolsa Família está deixando o nordestino de cabeça baixa e mãos estendidas'', criticou. Tasso ressaltou que a visita de Alckmin a Senador Pompeu era simbólica, ''pois estamos no coração do Ceará para a arrancada rumo ao segundo turno''. As informações são da Agência Estado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

guilherme alves

O nobre Geraldo para dar ressonância às suas denúncias, deveria explicar ao grande público o porquê de não permitir 69 CPIs no seu governo. Aí agente ía comparar qual a agenda telefonica caberia os "causos".

prudencio godoy de melo galvao

Era bom àssessoria do Alkimim, antes dele da essas declarações, combinar primeiro com o Fernando Henrique, poís o Alkimim, faz um esforço desgraçado, ai vem o Fernando Henrique, fala, fala, faz carta, e tudo se acaba na quarta-feira.