FMO janeiro 2020

17/09


2006

Enquete: Eduardo lidera, seguido de Mendonça

Neste momento, o candidato do PSB ao governo de Pernambuco, Eduardo Campos, conseguiu livrar 10 pontos percentuais de vantagem sobre o candidato e governador, Mendonça Filho (PFL). Vejam os resultados de mais uma parcial do Blog:

Dos nomes abaixo, em quem você votaria para governador de Pernambuco se as eleições fossem hoje?
948 votos

Clóvis Corrêa
0,32% - 3 votos
Edilson Silva
0,42% - 4 votos
Eduardo Campos
46,84% - 444 votos
Humberto Costa
14,77% - 140 votos
Kátia Teles
0,32% - 3 votos
Luiz Vidal
0,11% - 1 votos
Mendonça Filho
36,81% - 349 votos
Rivaldo Soares
0,42% - 4 votos

Continuem Votando!!!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Soraya da Cruz Plácido

Olá Magno, sou Soraya, irmã de Aristeu e estou aqui para perguntar que pesquisa é essa que Eduardo Precátorio ultrapassa o Governador Mendonça Filho? Para mim UM FATO INÉDITO mesmo, pois, em todo essa processo de campanha, NUNCA tinha visto algum candidato ultrapassar o Governador Mendonça Filho..


IPTU Cabo

17/09


2006

Dossiê: Mercadante nega conhecer suspeitos

 O candidato ao governo de São Paulo do PT, Aloizio Mercadante, negou neste domingo conhecer os suspeitos de negociar a compra de um dossiê --uma fita de vídeo, um DVD e seis fotos-- contra os tucanos José Serra e Geraldo Alckmin, candidatos a governador e presidente, respectivamente. O advogado Gedimar Pereira Passos --que foi preso anteontem em São Paulo junto com Valdebran Padilha-- disse à Polícia Federal que recebeu de um membro do PT em São Paulo, cujo nome ele disse não saber, o dinheiro para comprar o material.

''Eu não conheço o depoimento dessas pessoas. Sequer os conheço. Nunca falei, nunca vi, não sei quem são'', disse Mercadante hoje em São Paulo se referindo ao depoimento de Passos e de Padilha --filiado ao PT e ex-tesoureiro da campanha do PT de 2004 para a prefeitura de Cuiabá.

Ele afirmou que espera pela apuração dos fatos. ''Eu espero que tudo seja apurado, porque a minha campanha estava em seu melhor momento, com um pé no segundo turno. E agora eu tenho que explicar uma situação como essa, que é totalmente incompatível com os meus valores e com a história que nós construímos nesse país.'' (Folha Online)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Mercadante, não abra muito, para esses escrotos não , é pau mesmo, inclusive nos seus aliados petistas que estão envolvidos, só assim vencerá as eleições, a justiça para ser boa começa em casa.

Maria F

Magno, chama o Papa e pede para ele canonizar o Mercadante. Ele é sempre tão "santinho". Quem sabe ele não exorciza o Demônio Golpista do Chefe dele?



17/09


2006

As futuras bancadas na Câmara e na AL, segundo Liberato

 O vereador Liberato Costa Júnior, da bancada do PMDB na Câmara do Recife,  pode ter perdido o cargo na Mesa da câmara, mas mantém a posição de grande avaliador da cena eleitoral de Pernambuco. Para o pleito deste ano, ele volta em grande estilo. Numa  entrevista ao jornalista Inaldo Sampaio, no Jornal do Commercio, ele volta a reeditar o seu “Dataliba” e antecipa, com oscilações “para mais ou para menos”, as projeções das bancadas  na Câmara Federal e na Assembléia Legislativa. Veja seus palpites:

 

DEPUTADOS FEDERAIS

 

 A coligação de Humberto Costa, segundo Liberato, deverá ficar com oito ou nove das 25 vagas para deputado federal, com sete favoritos: Armando Monteiro Neto (PTB), Carlos Wilson (PT), Fernando Ferro (PT), José Múcio (PTB), José Chaves (PTB), Maurício Rands (PT), Renildo Calheiros (PCdoB). Para uma ou duas vagas mais estariam no páreo Silvio Costa (PMN), Paulo Rubem (PT), Pedro Eugênio (PT), e Charles Lucena (PSDC).

 

Mendonça Filho levará dez ou onze deputados, com nove favoritos: André de Paula (PFL), Bruno Araújo (PSDB), Bruno Rodrigues (PSDB), Cadoca (PMDB), Edgar Moury (PMDB), Joaquim Francisco (PFL), José Mendonça (PFL), Raul Henry(PMDB) e Roberto Magalhães (PFL). Mais duas vagas seriam disputadas por Elias Gomes (PPS), Osvaldo Coelho (PFL), pastor Evandro Garla (PFL), Raul Jungman (PPS) e Roberto Liberato (PFL).

 

A coligação de Eduardo Campos (PSB) faria cinco ou seis deputados, com cinco favoritos: Ana Arraes (PSB), Fernando Bezerra Filho (PSB), Gonzaga Patriota (PSB), Inocêncio Oliveira (PL) e o pastor Francisco Olímpio (PSB). Mais uma vaga poderia ficar entre Eduardo da Fonte (PP), Wolney Queiroz (PDT) e Fábio Correia Neto (PP).

 

DEPUTADOS ESTADUAIS

 

A coligação que apóia Mendonça Filho, antecipa ainda Liberato, ficaria com 11 ou 12 vagas na Assembléia Legislativa de Pernambuco. Os dez favoritos são: Augusto Coutinho(PFL), Claudiano Martins (PMDB), Dilma Lins (PFL), Elias Lira (PFL), João Negromonte (PMDB), Manoel Ferreira (PFL), Miriam Lacerda (PFL), Ricardo Teobaldo (PMDB) e Romário Dias(PFL) e Sebastião Rufino(PFL).

 

Uma ou duas vagas seriam disputadas por Adelmo Duarte (PFL), Ciro Coelho (PFL), Geraldo Coelho (PFL), Jacilda Urquisa (PMDB), Maviael Cavalcanti (PFL) e Sérgio Miranda (PFL). A coligação PV/PRTB, pró Mendonça, elegeria  o deputado Lourival Simões (PV) e uma possível outra vaga seria disputada por  João Braga (PV) e Carlos Gueiros (PRTB).

 

A coligação  PT/PTB/PcdoB/PRB, que apóia Humberto Costa, ficaria com 12 ou 13 cadeiras, tendo como favoritos André Luís Farias (PTB), André Campos (PT), Augusto César filho (PTB), Dílson Peixoto (PT), Izaías Regis (PTB), Isaltino Nascimento (PT), João da Costa(PT), Luciano Moura (PCdoB), Marco Antônio Dourado (PTB), Sergio Leite(PT) e Teresa Leitão(PT).

 

Uma ou duas vagas mais seriam disputadas por Everaldo Cabral (PTB), Jurandir Liberal (PT), Mozar Sales (PT), Malba Lucena(PTB), Oscar Barreto (PT), Sargento Quirino (PCdoB) e Vicente André Gomes (PCdoB).

 

A coligação PSB/PL/PDT, de apoio a Eduardo Campos, elegeria seis ou sete deputados, com os seguintes cinco favoritos: Ceça Ribeiro(PSB),  Guilherme Uchoa(PDT), Aglailson Junior (PSB), José Queiroz (PDT) e Sebastião Oliveira(PL).  Uma ou duas vagas mais seriam disputadas por Alberto Feitosa (PL), Amaury Pinto (PL), Ângelo Ferreira (PSB), Ayrinho (PSB), Carla Lapa (PSB), Elina Carneiro (PSB), João Fernando Coutinho(PSB) e Soldado Moisés(PSB).

 

 A coligação PSDB/PPS, que também apóia Mendonça Filho, deverá, ainda segundo Liberato, eleger seis ou sete deputados, tendo como os cinco favoritos Antônio Moraes (PSDB), Betinho Gomes (PPS), Pedro Eurico (PSDB), Raimundo Pimentel (PSDB), Terezinha Nunes(PSDB)  e mais uma ou duas vagas disputadas por Carlos Santana (PSDB), Emanuel Bringel(PSDB) e Fernando Lupa(PSDB).

 

O PMN teria duas vagas: Sílvio Costa Filho ocupando uma e a outra disputada por Ettore Labanca, Marco Aurélio, o prefeito Marcos Barreto (Joaquim Nabuco) e o vereador Severino Ramos(Recife). A coligação PTdoB/PSL/PTC/PTP ficaria com uma ou duas vagas. O vereador Heriberto Gueiros estaria eleito e uma e outra seriam disputadas por Eduardo Porto, Rogério de Lucca e Ruy Wanderley.

 

A coligação PP/`PSC, no seu entender, elegeria dois deputados - Henrique Queiroz(PP) teria vaga certa - e a outra seria disputada  entre  Ana Cavalcanti, Cleiton Collins(PSC) e Clodoaldo Magalhães(PSC).

 

O PSDC elegeria um ou dois deputados, tendo como favorito Edson Vieira. Nena Cabral e Ricardo Costa disputariam  a outra vaga.  O PAN, por sua vez, deverá, segundo ainda Liberato, eleger um deputado, tendo José Alves como favorito, No caso de fazer outro parlamentar, a disputa seria entre Adherval Barros, Iranildo e Rodrigo Novaes.

          


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

pela minha pouca experiência que estamos divergindo quanto a Miltom Coelho e Jair Pereira, pois são dois homens de influência e combatedores e defensores do desenvolvimento de Pernambuco. Acho também que o PMN fará três Deputados Estaduais e Silvio Costa será o último Dep. Fed. eleito da coligação.

Caro Liba, diretor do dataliba, é com prazer que podemos tê-lo em seu permanente juízo político, a satisfação de em 15 dias antes das eleições, demonstrar tanto conhecimento, a experiência vale muito, é possível que não acerte tudo, pois estas pesquisas focadas somente para esse fim erram. Entendo

Renato Cruz

Aposto o que o velho liba quizer que Evandro Garla ficará entre os cinco mais votados desta coligação que apoia Mendonça. E mais... levando em consideração que o quoeficiente para Federal ficará entre 170 e 180 mil votos, essa coligação deverá eleger 10 deputados diretos e 2 na sobra de votos.

Mariana

Ele está gaga pode acreditar.

alan

Por acaso Liberato conhece os votos do Policiais Militares pra saber em quem eles e seus adeptos vão votar, deixando no final da lista o Deputado Soldado Moisés, Lembro que na ultima eleição o Deputado Soldado Moisés não aparecia em nenhuma lista e chegou em 2º, te orienta Liba! mal intencionado


acolher

17/09


2006

Curiosidades da pesquisa do DP para governador

 Alguns detalhes da pesquisa do Diário de Pernambuco sobre a sucessão estadual que merecem destacar: 1) Mendonça Filho (PFL), que lidera com 38%, está na frente dos seus dois adversários - Eduardo Campos (PSB) e Humberto Costa (PT) - em todas as regiões do Estado, inclusive no Grande Recife, onde tem 40% contra 21% de Humberto e 20% de Eduardo.

2) O pefelista bate, ainda, seus concorrentes em todas as faixas de renda. Entre os mais pobres, tem 38% contra 22% de Eduardo  e 17% de Humberto.

3) Na pergunta sobre grau de conhecimento e rejeição, 54% disseram que não mudariam o voto em Mendonça, enquanto os percentuais de Eduardo e Humberto são, respectivamente, 32% e 29%.

4) Mendonça é, também, o menos rejeitado: 21% disseram que não votariam nele de jeito nenhum, enquanto Eduardo aparece 24% e Humberto com 25%.

5) Na briga Eduardo x Humberto pela vaga do candidato da oposição no segundo turno, Eduardo só perde para Humberto no Grande Recife, mesmo assim por apenas 1 ponto percentual. O socialista ganha no Agreste ( 20% a 17%), na Mata ( 21% a 18%), no Sertão do São Francisco ( 21% a 17%)  e no Alto Sertão ( 25% a 10%).

6) Na eleição para o Senado, Jarbas Vasconcelos, que aparece com 66%, teria, hoje, 85% dos votos válidos.

7) Mais da metade do eleitorado não sabe, ainda, em quem votar para deputado estadual - 54% - e para federal essa indefinição ainda é maior - 57%.

8) No cenário de segundo turno, Mendonça tem 58% dos votos válidos frente a Humberto Costa, que aparece com 42%. Contra Eduardo, o placar seria 56% a 44%.

9) O Governo Mendonça Filho tem aprovação de 57%, enquanto 19% desaprovam.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

cerete, mudarmos a história triste e incompetente deste estado. Pernambuco não aguenta mais tanta incompetência como: desatenção à venda da CELPE, perda de R$ 54.800.000,00 para a saúde do estado, por não utilizar 12% do orçamento, conforme MP. O excesso de dinheiro para mídia, 60 milhões.

Os números estão razoáveis, para com muito trabalho e mostrando a competência de Eduardo vencermos estas eleições, pois o segundo turno já se consolidou, agora é manter a pegada, para no dia 01/10/2006 ratificar nas urnas. E no segundo turno, o candidato de Lula e Humberto e mais coligações com

Fabiano Brennand

Esse Blog devia se chamar "BLOG do MENDONÇA"

prudencio godoy de melo galvao

Lendo bem direitinho essas curiosidade, são todas favoravíes ao Mendonça e a Jarbas, incrivel, parace, que foram escolhidas a dedo, nem o crescimento do Eduardo Campos, mereceu umazinha linha sequer, assim fica difícil, acreditar na imparcialidade, tão decantada aqui nesse blog.

Drácula

SINAL AÍ ... É QUE MENDONÇA É A RENOVAÇÃO... NO ESTADO.. CHEGA DESSA TUMA DE VAMPIROS QUE HÁ ANOS .. TENTAM.. TENTAM... MAS NÃO CONSEGUEM ASSALTAR O GOVERNO DO ESTADO...LUGAR DE VAMPIRO É NO XILINDRÓ...POR FALSIFICAÇÃO BARATA....EU SOU O LEGÍTIMO VAMPIRO...HAHAHA



17/09


2006

Lula, se pudesse, gostaria de fechar o Congresso Nacional

Da coluna de Elio Gaspari hoje, na Folha de S.Paulo: 

Demônio golpista

Durante jantar de plutocratas a que Lula compareceu na quinta-feira, o empresário Eugenio Staub perguntou-lhe como pretendia fazer, durante um segundo mandato, as reformas que julga necessárias. "Nosso guia" respondeu: "Staub, não acorde o demônio que tem em mim, porque a vontade que dá é de fechar esse Congresso e fazer o que é preciso". Segundo Lula, o próximo Congresso será pior do que "esse que está aí", pois virá com Paulo Maluf e Clodovil.
Expressando-se na sua língua franca, deixou mal a mãe de pelo menos 20 notáveis nacionais. A proposta golpista do demônio que Lula carrega consigo foi contestada pelos inúmeros convidados que a ouviram.
Lula vê outro empecilho para o êxito do seu projeto: a imprensa.
Nos últimos 50 anos, o coisa-ruim rondou três presidentes: Jânio Quadros, João Goulart e Costa e Silva. Nenhum deles concluiu o mandato. (Castello Branco e Ernesto Geisel fecharam o Congresso por poucas semanas.) Seja o que Deus quiser.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Lula já tentou calar a Imprensa, depois expulsar um jornalista americano. Reeleito, vai implantar o regime de Chávez e Fidel no Brasil. Quem viver, verá.

Drácula

É OU NÃO É UMA CÓPIA MAL FEITA DO HUGO CHAVES?????????

Francisco Filho

ACHO QUE O DEMONIO JÁ ESTÁ MUITISSIMO ACORDADO E ATUANTE TAMBÉM. OS SINAIS SÃO CLAROS E EVIDENTES. ESSE É UM DOS MUITOS "PREÇOS" QUE O BRASILEIRO PAGARÁ PELA REELEIÇÃO DE LULA, EM 1º TURNO SEM MUITO ESFORÇO. ESPERO QUE NÃO, MAS INDICIOS "VENEZUELANOS" JÁ COMEÇAM A APARECER. QUEM VIVER VERÁ.

Raimundo Eleno dos Santos

Tem pessoas que gostam a atiçar, colocar lenha em fogueira, jogar gasolina em fogaréu, quando se quer a pacificação da política nacional. É um horro! Tem pessoas que são um poço de malícia, de maldade. O Brasil não precisa dessa gente. Chega de maldade.A imprensa marronzista se encontra de plantão.


Cúpula Hemisférica

17/09


2006

DVD que incrimina Serra está na Internet

 O DVD que prometia incriminar o candidato do PSDB ao governo do Estado de São Paulo, José Serra, e que seria vendido ao petista Valdebran Padilha Silva por Luiz Antonio Vedoin, chefe da máfia dos sanguessugas, foi posto na íntegra no site Olhar Direto .

O vídeo seria parte de um pacote que o tio de Vedoin, Paulo Dalcol Trevisan, entregaria ao advogado Gedimar Pereira Passos e a Padilha, em São Paulo. Segundo a apuração da Polícia Federal, Vedoin receberia R$ 1,8 milhão pelas ''provas''.

A gravação é a apresentação de 41 ambulâncias e ônibus transformados em unidades básicas de saúde doadas a municípios do Mato Grosso.

Além de Serra, vários políticos na época ligados ao PSDB aparecem no vídeo.

Em um trecho, um representante do município agradece Serra, então ministro da saúde, e o deputado Pedro Henry, um dos acusados de pertencer à máfia dos sanguessugas, pelo empenho das verbas para a compra dos veículos.

Vedoin é o dono da Planam, principal empresa envolvida no escândalo da máfia dos sanguessugas, em que parlamentares apresentavam emendas para compra de ambulâncias superfaturadas com verba da União. (Agência Estado)

Problema: o site não está sendo acessado com muita facilidade. Provavelmente pela quantidade de acessos que deve estar recebendo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Drácula

É... ERRO DE DNS....REALMENTE DEVEM TER TIRADO..

IVAN INÁCIO DE OLIVEIRA

tiraram a pagina do ar


Prefeitura de Serra Talhada

17/09


2006

Mensaleiro do PT já arrecadou R$ 635 mil

 O slogan é humilde, João Paulo Cunha (PT-SP) pede ''um voto de confiança'' para permanecer na Câmara, mas sua campanha não é modesta.
Acusado de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e peculato pelo Ministério Público Federal por ter recebido R$ 50 mil do esquema operado pelo publicitário Marcos Valério, o ex-presidente da Câmara acumula nessas eleições mais contribuições financeiras do que em 2002, 50 ''dobradinhas'' com candidatos a deputados estaduais, uma centena de pessoas trabalhando em sua campanha, segundo seus dados.

À Justiça João Paulo declarou ter recebido, até agosto, R$ 635.967,50 em contribuições. Na eleição anterior, foram R$ 270.726.

''Atribuo o apoio à opção de não errar mais'', disse João Paulo à Folha na sexta-feira, após café da manhã com ambulantes de Osasco, cidade da Grande São Paulo que é sua base eleitoral. Segundo ele, os R$ 50 mil eram para fazer pesquisas eleitorais em Osasco.

Ao falar aos camelôs, o deputado destacou promessas de Lula à cidade, fez brincadeiras e rebateu acusações. ''A imprensa separa o joio do trigo e publica o joio''.

A publicidade de João Paulo toma as ruas da cidade. Dezenas de kombis com sua propaganda e cabos eleitorais circulam com propaganda. Toda a avenida Visconde de Nova Granada, na entrada de Osasco, tinha cavaletes do candidato na terça-feira. Na avenida Sarah Velloso, centenas de cavaletes eram preparados em um galpão, com material do candidato a deputado estadual Marcos Martins (PT), principal ''dobradinha'' de João Paulo. (Folha Online)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Prá ser sincero, o correto era ficar uns 08 anos de fora, para aprender a fazer política com responsabilidade e honestidade, que aliás teriam muitos a serem enelegíveis, Mais a reforma Política vem aí, vamos cobrar eleitores, não esqueçam.

Drácula

Magno.. gostaria de saber como andam as finanças dos nossos representantes de Pernambuco....jantar e almoço de adesão é o que não falta....agora queria ver essas contas..


Prefeitura de Limoeiro

17/09


2006

Lula se queixa do rigor do TSE na campanha

 Do jornalista Kennedy Alencar, colunista da Folha Online: 

"O presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu ao Conselho Político de sua campanha que se reúna nesta segunda (19/09) e envie uma comissão ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para se queixar do que julga "rigor excessivo" das punições à sua propaganda de TV, segundo relato de auxiliares diretos.

A cúpula da campanha petista tem duas preocupações principais. Evitar que novas punições da Justiça Eleitoral deixem Lula com pouco tempo de TV na última semana da campanha. E atuar preventivamente contra eventuais decisões que venham a questionar a lisura da reeleição de Lula se ela se confirmar no primeiro ou no segundo turno.

Por motivos de agenda, Lula não deverá participar da reunião do Conselho Político. No entanto, conversou por telefone na sexta-feira com o presidente da Câmara, Aldo Rebelo (PC do B-SP), e outros integrantes do conselho. Pediu que a reunião de segunda discuta os julgamentos em curso na Justiça Eleitoral, crie uma comissão de representantes da campanha e peça audiência ainda nesta semana com o presidente do TSE, Marco Aurélio de Mello _também ministro do Supremo Tribunal Federal.

Lula e auxiliares consideram que o TSE julga com mais rigor atos da campanha petista do que da propaganda do tucano Geraldo Alckmin. Na campanha do tucano, a queixa é que os petistas seriam beneficiados.

A cúpula do governo e do PT se queixa de que todas as punições recebidas aconteceram por propagandas de candidatos a governador, a senador e a deputados que queriam associar a sua imagem ao favorito Lula. Até sexta, a propaganda nacional não motivara queixas do PSDB que resultaram em punição.

A aliança de Lula já perdeu mais de 10 minutos entre comerciais e os programas do meio-dia e da noite"...


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

Lamentavelmente os juízes em qualquer canto do mundo ñ são sacerdotes e ñ são templários.São em s/maioria,políticos e atendem a políticos. Ñ recorrem sempre à lei, ñ julgam sempre 2ºà lei.Julgam 2º conveniências de momentos ou ocasiões.Muitos são sugestionados e atendem aos caprichos de quem "pede".

Drácula

"É Lula de novo... com a bolsa do povo....É Lula de novo... com a bolsa do povo....."


Banner de Arcoverde

17/09


2006

Alckmin foca a corrupção nos seus ataques ao PT

 O candidato do PSDB à presidência da República, Geraldo Alckmin, disse neste sábado, em entrevista no aeroporto de Passo Fundo (RS), que "aonde se vai nesse submundo do crime na política está o PT". Demonstrando estar disposto a insistir no tema corrupção na reta final da campanha, o ex-governador de São Paulo acusou o partido de seu adversário na corrida eleitoral, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de fazer um vale-tudo para manter o poder a qualquer custo.

"É um desapreço pelos valores que o povo brasileiro alimenta", reiterou, já em discurso para cerca de 700 pessoas que comemoravam o aniversário do candidato do PP ao governo do Rio Grande do Sul, Francisco Turra, no Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Lalau Miranda. "Aos nossos filhos nós ensinamos a não roubar e não mentir, mas o exemplo que vem de Brasília é o pior possível".

Em seus comentários, o candidato tucano fez referências a dois episódios recentes para dizer que o envolvimento de seus adversários com a corrupção é "sistêmico, endêmico e autoritário" Um deles é a contratação, por R$ 11,6 milhões, da edição e distribuição de revistas com conteúdo favorável ao governo que o TCU investiga. O outro, é a prisão do empresário Luiz Antônio Vedoin, acusado de chefiar a máfia das sanguessugas, e de seu tio, Paulo Roberto Trevisan. Eles estariam tentando vender material que vincularia políticos do PSDB com a compra superfaturada de ambulâncias. (Agência Estado)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

guilherme alves

Paulin, ele aprendeu tudo com um tal de PH. O Sr. Paulo Henrique foi o grande lobista do período FHC. Sabe quem era ele? Digo não, porque tu sabes.

guilherme alves

O Geraldo tem de explicar o que tá fazendo lá. Foi fotografado ou era um clone.

Drácula

Faz-me rir esses petistas.....os caras se dizem endividados...que tiveram de usar caixa dois na última campanha.. etc e tal... e agora aparecem com 1,5 milhão para cmprar dossiê......e falam da ética e da moral alheia... faz-me rir.... faz-me rir..

Paulin de Caruaru.

E o filho do presidente enricou fazendo um 31e nehum simpatizante petista diz um piu sobre isso.

Raimundo Eleno dos Santos

Diz Alckmin: "Aos nossos filhos nós ensinamos a não roubar e não mentir, mas o exemplo que vem de Brasília é o pior possível". Coisa que, segundo sua fala,ensina a seus filhos, mas não aplicou quando governou São Paulo.Não deixou que as CPIs prosperassem. Inclusive as da NOSSA CAIXA.



17/09


2006

O rebelde Joaquim

 O que está havendo com o deputado federal Joaquim Francisco (PFL), candidato à reeleição? De volta ao PFL, depois de um estágio no PTB, partido pelo qual disputou a Prefeitura do Recife em 2004, o ex-governador, segundo uma fonte do blog, faz uma campanha individual, solitária, sem pedir voto para os candidatos majoritários da sua coligação - Mendonça Filho, governador, e Jarbas Vasconcelos, senador.

Nos seus últimos programas no guia eleitoral, ele sequer faz menção a Mendonça e Jarbas. É impossível, igualmente, encontrar um carro com adesivo de Joaquim junto com Mendonça e Jarbas. Será vingança pelo fato de não vir recebendo apoio da majoritária? Mas, pelo que fui informado, Joaquim ganhou dois municípios dos Mendonça, o que, teoricamente, teria garantido sua reeleição.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Apesar de reconhecidamente não se darem bem, Jarbas e Joaquim, desde a época em que o fazedor de estradas era democrático, tenho certeza que Joaquim não concorda com muitas coisas que vem ocorrendo nesse governo.

Drácula

Tá explicado Raimundo Heleno...

Raimundo Eleno dos Santos

Jarbas o chamou de "Filhote da Ditadura". "Dedo Duro" tambem é uma alcunha que o persegue. Joaquim Francisco de Freitas Cavalcanti não pode estar no mesmo palanque, pelo menos fisicamente. Seria um acontecimento político importante.Munição para HC e EC, sobretudo para os nanicos.

Drácula

Para quem anda embolsando grana na Câmara de 16 mil, fora salário e aquelas bondades que só eles recebem, como diz o seu levantamento Magno, dá para Joaquim fazer campanha sozinho mesmo, sem precisar de ninguém, não é?

guilherme alves

Na prática, o que tá valendo é a teoria: '' farinha pouca meu pirão primeiro", como tá difícil conseguir votos,e lá na base, como lemos nos jornais deste domingo, o vereador não tem o mesmo candidato do prefeito, ficou vulnerável a teoria da " porteira fechada",e,também, o JV e MF tem seus preferidos



17/09


2006

Para Lula, mandato de presidente deve ser de 5 anos

 Durante o comício na Bahia, em que atacou o senador Antonio Carlos Magalhães, o presidente defendeu o fim da reeleição e se disse favorável a um mandato de cinco anos para a presidência.

Esse será o principal tema a ser debatido após as eleições, numa eventual reforma política.

Lula explicou que está concorrendo à reeleição, porque "descobriu que a elite não queria a continuidade do seu governo, mas que o povo queria". E decidiu disputar para terminar o que começou a fazer nos primeiros quatro anos. Segundo ele, durante dois anos, seu governo foi infernizado e caluniado por adversários. (Com informações do Globo Online)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

Eu penso q/ para completar um período de governo estaria bem posto se fosse de sete anos.Sete é o número da perfeição.No sétimo ano haveria os preparativos para a nova eleição,sem reeleição.Isso para todos os mandatos,sem reeleição para ninguém.Nem o próprio legislativo.Político profissional, não.

Francisco Filho

CHAMO A ATENÇÃO PARA A COLUNA DE ELIO GASPARI NO JC DE HOJE. SOB O TITULO "DEMONIO GOLPISTA". A MATÉRIA É POR DEMAIS INTERESSANTE E SUGIRO A MAGNO QUE TRANSCREVA A MESMA NESTE BLOG. É UM EPISÓDIO CURIOSO E NOS DÁ A DIMENSÃO DO CUSTO DA REELEIÇÃO DE LULA SEM MUITA DIFICULDADE.

Drácula

"É Lula de novo... com a bolsa do povo....É Lula de novo... com a bolsa do povo....."



17/09


2006

Manchetes dos demais jornais foram direcionadas ao PT

  O Estado de S.Paulo (na imagem), a Folha de S.Paulo e o Jornal do Brasil, mantiveram o escândalo do dossiê contra o candidato do PSDB ao governo paulista, José Serra, circunscrito ao PT, em suas manchetes. Lula aparece nas reportagens, mas nenhum dos três jornais trabalhou a sua primeira página, para atingir a candidatura à reeleição do presidente, em mais um novo escândalo que envolve o seu partido. Isso não significa que o presidente Lula não amargou críticas nas páginas internas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha