FMO janeiro 2020

30/07


2020

Bate papo da manhã analisa operação da PF na Alepe

No “Bate Papo da Manhã”, programa que apresento todos os dias, às 11h, no meu canal do YouTube, o assunto hoje foi a Operação Coffee Break, deflagrada pela Polícia Federal, nesta manhã, que apura a solicitação de vantagem indevida feita por um servidor comissionado da Assembleia Legislativa de Pernambuco. Vale a pena conferir!

Para assistir ao programa diariamente, basta se inscrever no meu canal, o https://www.youtube.com/user/blogdomagno e ativar as notificações clicando no sininho.

A propósito, minha gente, preciso que meu canal no YouTube cresça e apareça! Vamos ampliar essa corrente. Quem me segue aqui ou é amigo entre os cinco mil amigos e os 17 mil seguidores e ainda não se inscreveu no canal do meu blog vai lá, dá uma forcinha. Imprensa livre e independente se faz com a ajuda e a colaboração de quem gosta e se sente representado pelo nosso trabalho. Se inscreva no link acima e indique para mais alguém.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cabo de Santo Agostinho

30/07


2020

Marília sai em defesa de Ana Arraes

A deputada federal Marília Arraes se pronunciou pelas redes sociais sobre as ofensas sofridas pela ministra do Tribunal de Contas da União (TCU), Ana Arraes, por parte de um assessor do Ministério Público durante uma sessão virtual.

Em sua conta no Twitter, Marília escreveu:

“A ministra Ana Arraes foi ofendida em plena sessão virtual do @tcuoficial por mais um homem que se acha superior às mulheres. Competente, preparada, ela é a única mulher hoje ministra do TCU. E merece respeito! À ministra Ana Arraes, minha solidariedade.”


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Serra Talhada

30/07


2020

Índice de isolamento social de PE está em 39,5%

Pernambuco registra, atualmente, uma taxa de isolamento social de 39,5%. O dado, relativo a última terça-feira, está no Ranking de Isolamento Social. O índice máximo registrado no estado foi de 62%, em 22 de março. As cidades pernambucanas com o melhor índice de isolamento, segundo o ranking, são Carnaubeira da Penha, com 52%; Parnamirim, com 51%, e Correntes, com 50,3%. Pernambuco tem uma população com mais de 9,5 milhões de pessoas. No domingo (26), a taxa de isolamento no estado foi de 49,8%.

O Recife apresentou um índice de isolamento de 40,3% nessa terça. No domingo, a taxa foi de 52,1% na capital pernambucana. Durante a quarentena mais rígida, que aconteceu entre os dias 16 e 31 de maio, o Recife chegou a registrar 66% de índice de isolamento, no topo do ranking do estado. O dado colocou a cidade ainda como a capital do país com a maior taxa de pessoas isoladas.

O Ranking de Isolamento Social é uma ferramenta desenvolvida por meio do Desafio Covid-19, ação conjunta do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Porto Digital e Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE). A plataforma é atualizada para apresentar a série histórica com os dados do isolamento nos municípios pernambucanos.

Os dados para a extração das informações são realizados a partir da geolocalização dos celulares dos cidadãos. As informações apresentadas sempre demonstração a situação do isolamento do dia anterior, conforme o campo “Data de Referência” no canto superior da página. Os dados são levantados com a tecnologia de geolocalização desenvolvida pela empresa In Loco.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu e Lima - Prefeitura - Abreunozap

30/07


2020

Caminho para o Cadafalso

Por Cássio Rizzonuto

Não se tem notícia, no planeta, de nada positivo realizado pelos chamados “regimes de esquerda” na construção de mundo melhor para as gerações viventes (se é que é possível melhorar tal cruel mundo). Mas não há, também, como evitar a eterna fricção, tese/antítese, pois é nela em que tudo se desenvolve.

O que se sabe e se tem certeza é que se fossem eliminados todos os problemas existentes, a vida não teria nenhum sentido (se é possível pressupor que algum dia tenha tido). Por isso, fica bem claro que a chamada esquerda, apesar de ser espécie de polo negativo do sistema, não tem como ser eliminada. Sua contribuição é existir.

Desde o fim do regime militar (1985), o Brasil veio sendo conduzido por governos de viés esquerdista. Em 1985, quando o oportunista Sarney assumiu, instalou-se fase única de roubalheira dos cofres públicos que veio se intensificando até a gestão vampiresca Michel Temer. Este fechou com chave de ouro a desmoralização geral.

Durante 33 anos, até a eleição de Jair Bolsonaro, os ditos esquerdistas, picaretas e oportunistas, aparelharam e roubaram o Estado brasileiro, montando máquina azeitada de corrupção, manipulação e engodo. Desmoralizaram todas as instituições, a começar pela Presidência da República, com a louvação da canalhice e da barbárie.

Só não transformaram o país numa Venezuela por conta das forças armadas nacionais, que têm raízes no nacionalismo e na defesa da pátria. Mas o desmonte é visível: sistema educacional falido, novas gerações mergulhadas no analfabetismo (não conseguem escrever nem ler), incapazes de se expressar por profundo desconhecimento.

Regredimos ao Brasil colonial português, quando se via proibida a impressão de livros e quando os aventureiros aqui chegavam para carregar riquezas e retornar às terras de origem. É só procurar, hoje, nas casas da chamada classe média, quem cultiva o hábito da leitura ou traz em casa uma estante com pelo menos dois ou três livros.

Hoje, grande parte dos insatisfeitos reclama medidas imediatas, como se fosse possível a correção de rumos da noite para o dia. Pedem, com insistência, que o presidente intervenha no STF, moldado por esquerdistas que sonhavam com a mesma submissão do Tribunal Supremo de Justiça (Venezuela).

No país vizinho, hoje destroçado e arruinado, o falecido presidente Hugo Chávez nomeou apaniguados e leguleios, desestruturando o seu arcabouço jurídico e econômico, gerando situação de total indigência e desconstrução. A Venezuela, que possui as maiores reservas de petróleo do globo terrestre, está importando gasolina do Irã.

No Brasil, os absurdos cometidos pelo STF o levam a enredar-se na própria teia do desmantelo, trilhando completa avacalhação. Nunca se tinha visto a instituição com integrantes que pudessem alcançar níveis de tão inteiro desprestígio. A anarquia é geral e cada um de seus 11 membros cria as próprias leis.

A Ação Direta de Inconstitucionalidade – ADIN -, movida pela Advocacia-Geral da União, retrata fielmente a sinuca de bico em que se meteram os integrantes da Suprema Corte, devido à decisão de um de seus ministros (Alexandre de Moraes), ao censurar a liberdade de expressão nas redes sociais.

O STF vai ter de responder. Mostrar em que parte da Constituição Federal se esconde o artigo que fala em censura. Se não for possível apontar, Alexandre de Moraes exorbitou de suas funções e terá de ser afastado pelo Senado, medida que renomados juristas têm defendido.

O fato é que o país precisa retomar o comando das ações, fazendo valer a Lei maior que é a sua Constituição Federal. Afinal, não podemos viver na dependência de interpretações e imposições de ministros do STF, sejam quais forem.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Deus liberte o Brasil dessa família Bolsonaro de todos esses bandidos milicianos, e todos vermes e vírus. Amém!

Alexandre

Bolsonaro cada vez mais forte. Candidaturas municipais ligadas ao Presidente Bolsonaro terão grandes vitórias.

Fernandes

Deus liberte o Brasil dessa família Bolsonaro de todos esses bandidos milicianos, e todos vermes e vírus. Amém!

Roberto de Lima Barros

O http://www.blogdomagno.com.br/ cada vez segue se alinhando a extrema direita no Brasil ; Pergunta que não ofende ta ganhando dinheiro para isso? E se ta quanto?



30/07


2020

Pastor Jairinho: Fui sabotado por apoiar Bolsonaro

Caro Magno,

A legitimidade da minha pré-candidatura a prefeito do Recife sofreu um duro golpe da própria legenda nesta semana.

O vice-presidente nacional do partido, Fábio Bernardino ( PTC), de maneira traiçoeira, me manteve na legenda até esgotar os prazos de mudança partidária, em 4 de abril deste ano, sob a promessa da minha candidatura.

Depois de expirado o limite eleitoral, o PTC anunciou apoio ao PT de Marília Arraes na capital pernambucana, sem comunicação prévia, honesta e leal.

Fui covardemente traído e enganado pelo PTC e por Fábio Bernardino. Eles me mantiveram na legenda e impediram que eu migrasse para outro partido. Quando terminou o prazo de filiação, eles me rifaram da disputa para apoiar o PT e Marília Arraes.

A perseguição política em Pernambuco se dá pelo fato de eu apoiar o presidente Bolsonaro.

Vivemos numa democracia, mas parece que Pernambuco é uma ilha. Não é tempo de retrocesso. O país vive um momento de renovação na política brasileira com o presidente Jair Bolsonaro. Essa tendência segue o mesmo caminho nos estados e municípios.

O PTC está ameaçando mover uma ação contra mim no Conselho de Ética do partido. A justificativa é o meu apoio ao presidente da República.

Não abrirei mão de um projeto político inovador para o Brasil, focado no povo e pela transformação social. A minha pré-candidatura está mexendo com o Recife, e querem me sufocar a todo custo. Eu não vou recuar. Precisamos deixar a velha prática política no passado e seu provincianismo

Ressalto que o staff jurídico, através do advogado Marcelo Brunner, dará resposta às ações, assim como o núcleo de comunicação está atento a veiculação de informações na grande mídia e redes sociais.

Eu confio em Deus e temos os caminhos legais para corrigir essa postura covarde do PTC.

Pastor Jairinho


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Deus liberte o Brasil dessa família Bolsonaro de todos esses bandidos milicianos, e todos vermes e vírus. Amém!

Alexandre

Pastor Jairinho não se dobre a essas manobras. Reúna seu grupo político e apoie os candidatos de Bolsonaro. Nas eleições deste ano quem apoiar Bolsonaro sairá vencedor.


Banco de Alimentos

30/07


2020

Xeque aos bispos

Por Antonio Magalhães*

Na metade da partida de xadrez, o bispo se posiciona abrindo um xeque ao rei adversário. Um lance menor, sem consequência, pois um peão avança uma casa e protege o rei. O peão protetor, por sua vez, tem à retaguarda outro peão, que ameaça colocar o bispo para fora do jogo se ele insistir em sacar o protetor.

O jogo de xadrez é uma metáfora da vida desde quando foram estabelecidas suas regras no século 15. O enxadrista, o jogador, é um estrategista, que tem estratégia e tática, como na política.

Na segunda-feira, o jornal O PODER divulgou uma carta com fortes críticas de bispos, arcebispos e bispos eméritos da Igreja Católica ao governo Bolsonaro. Com um tom semelhante aos ataques do PT, PCdoB e PSOL, bandeiras da esquerda brasileira.

O ataque ao Governo Federal e ao presidente da República teve a mesma consequência do lance de xadrez acima descrito. O rei metafórico, no caso Bolsonaro, registrou o lance sem temor ou surpresa. Uma vez que a organização que reúne os bispos católicos do Brasil, a CNBB, há muito tempo trocou o sagrado pelo ideológico, aliando críticas ferozes e contínuas ao governo.

Como no xadrez, os peões também metafóricos ou aliados resguardaram o mandatário do suposto perigo. Os bispos católicos, como peças do jogo, recuaram, indo pedir apoio a seu rei, o papa Francisco, mentor de uma Igreja à esquerda. Diferente do papado de João Paulo II, o mais admirável dos papas das últimas décadas.

Mas ainda têm muitos movimentos em jogo. A priori, o documento dos bispos foi “vazado” para a imprensa sem o aval da CNBB. Fontes da organização disseram que uma parte dos religiosos queria um documento mais ameno e por isso os dissidentes com signatários de renome se adiantaram na divulgação, entre eles o arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, e o bispo-auxiliar desta arquidiocese.

Ressaltando que o Estado é laico, os bispos não se contiveram nas críticas à gestão Bolsonaro nesta pandemia, à forma do governante agir com a população. E também colocaram na mira até a liberação de verbas pelo Ministério da Economia para conter os efeitos danosos da Covid.

Diz um trecho da carta:

“Analisando o cenário político, sem paixões, percebemos claramente a incapacidade e inabilidade do Governo Federal em enfrentar essas crises. As reformas trabalhista e previdenciária, tidas como para melhorarem a vida dos mais pobres, mostraram-se como armadilhas que precarizaram ainda mais a vida do povo”.

Mais adiante alerta:

“É verdade que o Brasil necessita de medidas e reformas sérias, mas não como as que foram feitas, cujos resultados pioraram a vida dos pobres, desprotegeram vulneráveis, liberaram o uso de agrotóxicos antes proibidos, afrouxaram o controle de desmatamentos e, por isso, não favoreceram o bem comum e a paz social. É insustentável uma economia que insiste no neoliberalismo, que privilegia o monopólio de pequenos grupos poderosos em detrimento da grande maioria da população”. 

Por trás de tanta revolta, está um segmento do clero católico que se vê impotente diante da fuga do seu rebanho para os templos evangélicos, que apesar de alguns exageros dizimistas, consegue dar conforto espiritual a quem os procura. Uma disputa religiosa que toma como alvo o presidente da República, de perfil conservador e evangélico, quando, talvez o disparo dos bispos devesse ser em direção aos pastores.

A tendência, a partir deste documento dos bispos, é uma maior radicalização à esquerda do alto clero que tem um apoio questionável dos católicos brasileiros. Para liderar fiéis é preciso que haja a concordância deles. Será que os bispos contam com isso?

*Integrante da Cooperativa de Jornalistas de Pernambuco


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

30/07


2020

Federal não divulga servidor da Alepe afastado

Conforme este blog antecipou, a Polícia Federal em Pernambuco está dando cumprimento, hoje, a 10 mandados de busca e apreensão expedidos pela 13ª Vara Federal do Recife, na denominada Operação Coffee Break, um desdobramento da Operação Casa de Papel, deflagrada no mês passado.

De acordo com os dados coletados na investigação, as empresas controladas pela organização criminosa apurada na Operação Casa de Papel vêm sendo beneficiadas há tempos com contratações milionárias efetuadas pela Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco, de quase R$ 40 milhões de reais.

Essa nova fase da investigação apura a solicitação de vantagem indevida feita por um servidor comissionado da Alepe, que atuava na comissão de pregoeiros e no setor responsável pelos pagamentos, em razão de estar favorecendo internamente essas empresas. O pedido de propina foi travestido de um convite para tomar um café, daí o nome da operação de hoje.

Quatro mandados estão sendo cumpridos na Alepe e os demais em residências de alguns envolvidos em Recife (Poço de Panela, Bongi, Graças), Gravatá e Ipojuca.

O servidor comissionado e o líder da organização criminosa estão sendo indiciados pela prática dos crimes de corrupção, advocacia administrativa e dispensa indevida de licitação.

Foi determinado pelo juiz federal, ainda, o afastamento temporário do referido servidor comissionado de suas funções de pregoeiro bem assim de qualquer atribuição que envolvesse licitações e a execução de contratos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


30/07


2020

PF levanta contratos de R$ 130 milhões na Alepe

A operação de busca e apreensão da Polícia Federal, neste momento, na Assembleia Legislativa, tem relação com contratos da Primeira-Secretaria que envolvem empresas de fachada que fraudaram 131 licitações ligadas a Sebastião Figueroa. Informações dão contam de que as fraudes superam a casa dos R$ 130 milhões. 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


30/07


2020

Federal aciona chaveiro para abrir Alepe

A operação da Policia Federal na Assembleia Legislativa, antecipada, há pouco, por este blog, está sendo realizada no terceiro andar, na sala de licitações da Primeira-Secretaria da Casa. Neste momento, os agentes chamaram um chaveiro para arrombar a porta fechada que dá acesso ao departamento de licitações. 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


30/07


2020

Polícia Federal faz operação na Assembleia

A Polícia Federal, fui informado, há pouco, deu bom dia hoje aos deputados estaduais de Pernambuco. Está, neste momento, vasculhando gabinetes de poderosos a procura de licitações suspeitas. Mais informações em instantes. 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha