Lavareda

21/02


2013

Segurança pública no País chega ao fundo do poço

 Uma série de pesquisas divulgada anteontem pelo Ministério da Justiça comprovou em números e dados científicos que a segurança pública do País "sofre de graves problemas de gestão" e é aplicada "de forma empírica" e muitas vezes caótica nos Estados. As pesquisas, divulgadas pela primeira vez em conjunto, fazem parte do Sistema Nacional de Estatísticas em Segurança Pública e Justiça Criminal (Sinesp), que vai balizar a definição de políticas públicas no País de agora em diante.

Os Estados que não preencherem corretamente as informações sobre criminalidade vão ser punidos com a suspensão dos repasses de recursos federais, que somam mais de R$ 600 milhões ao ano. Para o ministro José Eduardo Cardozo, o dinheiro federal "não vai mais sair pelo ladrão", mas só com base em planejamento e em situações demonstráveis com toda transparência.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ALEPE

21/02


2013

Ação de Eliana e Barbosa para limpar imagem do Judiciário

DO BLOG DE HERÓDOTO BARBEIRO

O Conselho Nacional de Justiça ficou mais conhecido de nós todos depois da atuação da doutora Eliane Calmon. Hoje o presidente é o
ministro Joaquim Barbosa. Agora o CNJ deu mais um passo para o controle do judiciário. Decidiu que as entidades de juízes não podem receber patrocínio para promover encontros, seminários, competições esportivas, finais de semana em resorts, etc. É um evidente conflito de interesse que as associações de juízes ANAMATRA, AJUFE e AMB não aceitavam.

Agora só os Tribunais de Justiça podem receber patrocínios para encontros de juízes e desembargadores limitados a 30 por cento do evento. Nada contra o aprimoramento dos magistrados, que é necessário, mas o CNJ com essa resolução separou uma coisa de outra. É um exemplo para outras categorias que representam o Estado.

É uma vitória da cidadania. O próximo passo é o fim das férias de 60
dias para o ministério público e magistrados.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

josival Coelho de Amorim

Entendo que se um não pode o outro tambem não. O patrocínio cria um vínculo de dependência, mesmo que somente de atenção. E aí, por que a graduação de 30%?


O Jornal do Poder

21/02


2013

Ministro desconhecido quis aparecer e cria saia justa

 O desconhecido ministro dos Portos, José Leônidas Cristino, resolveu protagonizar, no pior sentido da palavra, durante a reunião com Gleisi Hoffmann, Ideli Salvatti e líderes da base aliada, ontem, no Palácio
do Planalto, segundo o colunista Lauro Jardim.

''''No encontro, onde foi debatida a MP dos Portos, Cristino confrontou números apresentados por Ideli Salvatti mais de uma vez. Lá pelas tantas, incomodada, Ideli foi obrigada a sacar o Ipad para provar que
seus dados estavam corretos.

Não parou por aí. Em outro momento, Eduardo Cunha cobrou transparência e perguntou sobre pontos considerados polêmicos do texto da MP. Sem nenhum constrangimento, e na frente dos líderes convocados à reunião para discutir a tramitação do projeto no Congresso, Cristino disparou:

- Os pontos em que há problemas eu resolvo com decretos.

Atônitos, os parlamentares preferiram o silêncio a responder o que
lhes passava pela cabeça, cujo teor é impublicável.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

21/02


2013

Petistas vaiam Kassab três vezes na festa do partido

 Segundo Juliana Granjeia, no blog Poder Online, o ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab (PSD) foi vaiado ao ser anunciado, antes e depois de discursar no evento de comemoração dos 10 anos do PT no governo federal, que aconteceu nesta terça-feira em um hotel na zona norte de São Paulo, com a presença da presidente Dilma Rousseff, do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do atual prefeito Fernando Haddad.

Kassab afirmou que se sente à vontade em apoiar o PT. No entanto, os militantes não demonstraram a mesma simpatia e gritaram “fora, Kassab” ao final do discurso do ex-prefeito.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

enoque viana de oliveira filho

Bonito prá tua cara Kassab, bem feito.



21/02


2013

Aécio diz que PT liquida a herança bendita de FHC


O senador Aécio Neves (PSDB-MG) atacou o PT nesta quarta-feira no Senado
Foto: Ailton de Freitas / Agência O Globo
O senador Aécio Neves (PSDB-MG) atacou o PT nesta quarta-feira no SenadoAilton de Freitas / Agência O Globo

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) aproveitou o aniversário de dez anos do PT na presidência da república, celebrados nesta quarta-feira, para atacar o partido. Ele usou a tribuna do Senado para listar 13 pontos que ele afirma serem ineficiências do governo petista e ressaltou - ao final do discurso - que quem governa hoje o Brasil não é mais a presidente e, sim, a “lógica da reeleição”. E defendeu, ainda, os dois governos Fernando Henrique Cardoso. Clique aí e Leia a íntegra do discurso


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Sérgio de Castro Marques Jr

Não seria muito difícil listar 45 fracassos do PSDB em 8 anos de poder. Só criticar, sem apresentar soluções é a arma de quem não tem projeto ou propostas, e, consequentemente, não tem cacife para ser presidente. Bravata e sobrenome não vencem eleição.


Banco de Alimentos

21/02


2013

E sobrou para Genoino

 Quando os grupos de estudantes e jovens manifestantes pró e contra Yoani Sánchez estavam abandonando a Câmara após evento com a
blogueira, um José Genoino desavisado resolveu, na mesma hora, deixar o Congresso. Avistado pela turma pró-ditadura dos irmãos Castro, conversou com alguns estudantes que insistem em criticar o mensalão e não só lhe apoiam, como aos demais mensaleiros condenados. Tudo ia bem até que o grupo pró-Yoani também avistou Genoino.

Correram em direção ao petista que levou um tremendo susto ao ouvir os gritos:

- Uh, é mensaleiro, uh, é mensaleiro…

Não deu outra, Genoino apertou o passo e seguiu ligeiro rumo a um dos anexos da Câmara para escapar dos manifestantes. (Coluna Radar - Lauro Jardim)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JOSE PINTO DA SILVA

bartolomeu eu ja vi que voces sao verdadeiros babacas mesmo quanto e que voces ganham para falar tanta besteira ve o que tu escrevese nem eu com o meu misero quarto ano primario escreveria a palavra asilo politico e nao esilio

JOSE PINTO DA SILVA

ou bartolomeu babaca o nome e asilo politico e nao esilo quem paga a voces a babaquice que voces escreve e tao burro quanto voces e povinho idiota.

BARTOLOMEU BUENO JOSE DE ALBUQUERQUE LINS

O maior medo de Genoino é ter que ir morar em Cuba, quando for condenado a prisão pelo mensalão em regime fechado. Pedir exilo aquele país é um horror, é preferível a morte. Genoino não revela, mas sente isso.



21/02


2013

Lula: "Respsta ao PSDB será a reeleição de Dilma"

Ao lado de aliados, Lula e Dilma participam de evento que comemora os dez anos do PT no poder

Em discurso na festa de comemoração dos dez anos do PT no governo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta quarta-feira (20) que a resposta aos ataques do PSDB é a reeleição da presidente Dilma Rousseff em 2014. Com a presença de três condenados no processo do mensação, José Dirceu, ex-ministro chefe da Casa Civil o ex-presidente do PT José Genoino, e o deputado federal João Paulo Cunha, Lula também disse não temer o debate sobre corrupção.

Lula também afirmou que o PT não tem medo de comparar o governo petista com o governo tucano. ''Não temos medo de comparação, inclusive comparação e debate sobre a corrupção. Todo mundo sabe que tem duas formas de a sujeira aparecer: uma é mostrar, a outra é esconder. E eu duvido que tenha um governo na história desse país que criou mais transparência e mais instrumentos de combate à corrupção do que o nosso governo'', disse o ex-presidente

“Eu não vou responder a eles, vou dizer que nesses dez anos do PT, que a resposta que o PT deve dar a eles é a gente dizer que eles podem se preparar, eles podem juntar quem eles quiserem, porque nós vamos dar como resposta a eles a reeleição de Dilma como presidente em 2014. É essa a consagração da política dos trabalhadores”, disse Lula. Para Lula, outra resposta ao PSDB foi a vitória do prefeito Fernando Haddad em São Paulo. (Do portal G1)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/02


2013

Cuba precisa mesmo mudar

DO BLOG DE RENATO RIELLA

 Fidel Castro é o dono de Cuba desde 1959. Trata-se de uma ditadura sangrenta, castradora de valores, que resultou na morte de milhares de pessoas e na fuga de milhões de jovens.

A vinda da blogueira Yoani Sanchez ao Brasil marca uma gradual (lenta) democratização da ilha e revela que existe na gente jovem esperança de melhores dias. Ela exprimiu isso com uma frase genial:

-Se não deixarem que eu volte, serei a primeira pessoa a fazer o sentido inverso, entrando em Cuba clandestinamente, numa lancha.

Interessante e sintomático. Yoani sabe que a família Castro não conseguirá segurar o regime de ditadura durante muito tempo, até mesmo por uma questão de idade e de morte.

Sei pouco sobre Cuba e reconheço que pode haver grande carga de preconceito e de manipulação de informações ruins, numa ação de marketing dos Estados Unidos. Porém não esqueço, na década de 60, como meus professores no Colégio Maristas em Salvador informavam sobre o fuzilamento de padres por Fides Castro e seus asseclas.

Ao longo dos anos, confirmei que a pena de morte era aplicada por eles na vida civil com a mesma facilidade (e barbaridade) dos tempos de guerrilha. Isso é imperdoável.

Com o tempo, soubemos que Guevara não era o heroi que pensávamos, mas um assassino frio, que disparava balas à queima-roupa na cabeça de adversários. O mundo quer ver uma Cuba normalizada.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/02


2013

Limites da democracia

HÉLIO SCHWARTSMAN *

 Os protestos de grupos esquerdistas contra a blogueira cubana Yoani Sánchez em sua passagem pelo Brasil configuram uma tremenda falta de educação e, talvez, revelam falhas na organização da visita, mas acho complicado afirmar que representam um veto à liberdade de expressão da jornalista e, portanto, constituem uma atitude antidemocrática.

Quem melhor demarcou a natureza do problema foi a própria blogueira, quando, de forma bastante elegante, por sinal, disse que gostaria de ver a mesma liberdade de manifestação em seu país. De fato, estaríamos diante de uma inequívoca agressão aos primados da sociedade aberta se autoridades brasileiras tivessem dado um jeito de impedir os jovens revolucionários de expressar suas opiniões, por mais absurdas e anacrônicas que as julguemos.

Por falar nisso, é preciso habitar um museu contíguo ao Vaticano para acreditar que o regime cubano deva ser imitado. Se viver ali fosse bom ou mesmo tolerável, o governo de Havana não teria passado mais de 50 anos impedindo viagens de cidadãos ao exterior. E não há sucessos na saúde e na educação que compensem a ausência de liberdades tão fundamentais como a de dizer o que pensa ou a de viver num outro país.

Uma vez que não dá para proibir manifestações nem incutir juízo e urbanidade na cabeça de jovens comunistas, a alternativa para garantir que Yoani possa tranquilamente passar seu recado aos que queiram ouvi-la é organizar melhor os próximos eventos, ainda que ao preço de restringi-los apenas para convidados.

Eu até gostaria que as disputas políticas fossem uma justa cavalheiresca, na qual cada lado ouviria galantemente os argumentos do adversário e os retrucaria só com raciocínios lógicos. Infelizmente, a democracia é um processo algo mais conturbado e que não tem o dom de eliminar o conflito da sociedade. Ela tenta apenas e muito imperfeitamente discipliná-lo. (* Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha