Lavareda

01/03


2013

IPA beneficia famílias da Zona Rural de Salgueiro

Comunidades da Zona Rural de Salgueiro, no Sertão do Estado, foram beneficiadas, na tarde de ontem (28), com uma série de ações que inclui a conclusão da barragem do Urubu, que atenderá 160 famílias com água para consumo humano, animal e produção agrícola.

Na ocasião, foram assinados dois convênios pelo secretário estadual de Agricultura e Reforma Agrária, Ranilson Ramos, e pelo prefeito Marcones Libório de Sá (PSB). Um para a conclusão da barragem, orçado em R$ 860 mil, com contrapartida municipal de R$ 85,8 mil, e outro para a perfuração e instalação de cinco poços artesianos, que terão investimentos de R$ 84,7 mil, sendo R$ 4 mil de contrapartida municipal.

As obras serão executadas pelo Instituto Agronômico de Pernambuco e a meta é de que pelo menos 100 famílias possam ser beneficiadas com o projeto.

Por fim, Ranilson ouviu as demandas da comunidade quilombola de Conceição das Crioulas e autorizou a perfuração de mais dez poços, destinou 180 caixas d’água para armazenamento e autorizou a recuperação da barragem de Pedra, entre outras ações. “Esse é o nosso caminho - a aproximação com as famílias que moram no meio rural. É ouvindo as lideranças que acertamos mais em nossas ações”, afirmou o secretário.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

arnaldo luciano da luz alencar ferreira

Tomara que estas obras sejam feitas pelo estado,pois se o prefeito entrar pelo meio,elas não serão concluidas em menos de dez anos,digo isso pela pequena reforma que a prefeitura faz no mercado público da cidade,já está a tanto tempo em reforma que a parte que foi reformado já está quebrado de novo


ALEPE

01/03


2013

Jungmann denuncia "velhos vícios" na gestão Geraldo Julio

Em entrevista coletiva concedida na tarde de ontem (28) em seu gabinete, na Câmara Municipal do Recife, o vereador Raul Jungmann (PPS) denunciou que a nova gestão do Recife estaria usando dinheiro público para financiar casa de patrocinador privado, que, na verdade, é quem deveria repassar dinheiro para a os cofres municipais.

Segundo Jungmann, durante o Carnaval deste ano, a Casa da Skol, empresa patrocinadora do evento, recebeu R$ 360 mil de verbas públicas para montar a casa. Em outras palavras, a Casa da Skol – espécie de área VIP no bairro do Recife no Carnaval - foi bancada por recursos públicos.

O parlamentar disse que obteve a informação no Diário Oficial da Prefeitura do Recife. A empresa Lead Assessoria, organizadora da Casa da Skol, recebeu no primeiro ano da iniciativa, em 2011, o valor de R$ 350 mil da PCR para montar a casa. No ano seguinte, esse número aumentou, chegando à ordem dos R$ 435 mil. “Em resumo, nos últimos dois anos da gestão João da Costa (PT), os cofres públicos bancaram a festa privada com R$ 765 mil”, denunciou Jungmann.

Além, de deixar claro sua indignação com a falta de administração com o dinheiro público, o vereador afirmou que a gestão atual precisa explicar o fato. “Nova gestão, mas velhos vícios? Nós identificamos com clareza esse processo de direcionamento que era no governo de João da Costa. A novidade é que esse direcionamento se reproduz na nova gestão”, alfinetou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Geraldo Cisneiros

Prezado Magno e Vereador Jungmman. Lembro e seu lema, PENSE GRANDE, em diversas eleições. Já imaginou o retorno para o Recife da pulicidade gratuita que tivemos na midia nacional com os convidados formadores de opinião? Pense grande!!!

romildo s. barros

esse jungmam so sabe criticar , qd foi ministro da reforma agraria nao fez p.... de nada

José Cláudio Soares de Oliveira

Calma Raul Jungmann! O prefeito começou bem. Agora, o povo recifense quer saber quando o prefeito vai botar em prática o projeto que acabe com os flanelinhas no Recife... Pelo amor de Deus


O Jornal do Poder

01/03


2013

Monte Carlo completa 1 ano com todos os condenados livres

A Operação Monte Carlo, que revelou um esquema de exploração de jogos ilegais e corrupção em Goiás e no Distrito Federal, completou um ano. Deflagrada pela Polícia Federal (PF) e Ministério Público Federal (MPF) em 29 de fevereiro do ano passado, ela trouxe à tona gravações telefônicas que derrubaram um senador da República, abasteceram duas CPIs - uma no A Operação Monte Carlo, que revelou um esquema de exploração de jogos ilegais e corrupção em Goiás e no Distrito Federal, completou um ano.No entanto, todos os envolvidos recorreram da sentença e aguardam em liberdade.

Autores da denúncia que resultou na condenação do que chamam de “cúpula da quadrilha”, os procuradores da República Daniel de Resende Salgado e Lea Batista de Oliveira fizeram um balanço positivo do trabalho que, segundo a dupla, desarticulou o esquema comandado pelo empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira.

No entanto, admitem que o contraventor dificilmente voltará à prisão e lamentam não terem atingido a parte financeira do grupo e a tolerância de setores da Justiça com o crime de colarinho branco.

Os procuradores sustentam que o grupo de Cachoeira foi desmantelado, mas não totalmente desarticulado e não descartam a possibilidade da atividade ilegal se encontrar em plena ação, mas com novas formas de atuação. ''O mercado espúrio dos jogos é rentável e não temos notícias de redistribuição ou tomadas de pontos de exploração'', afirma a dupla.

No início da Operação Monte Carlo, 31 pessoas foram presas, em quatro Estados e no Distrito Federal, suspeitas de ligação com o esquema de Carlinhos Cachoeira, entre elas, o próprio contraventor, que chegou a ficar encarcerado por quase noves meses.

Dos 80 denunciados, somente Cachoeira e mais sete foram condenados, por crimes de quadrilha, corrupção ativa, violação de sigilo funcional, advocacia administrativa, peculato e furto. Contudo, todos ganharam o direito de recorrer da sentença em liberdade.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Abreu no Zap

01/03


2013

Agrestina: barragens serão limpas e ampliadas

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento da Prefeitura de Agrestina conquistou, junto à Secretaria de Agricultura do Governo do Estado, 700 horas/máquina para a limpeza e ampliação das barragens dos sítios de Água Branca e Saquinho, projeto que irá beneficiar, de acordo com a assessoria de imprensa da pasta, cerca de 580 beneficiadas.

Ainda segundo os responsáveis pela comunicação da prefeitura, o processo de licitação está em andamento para que esses serviços nas barragens sejam iniciados na Zona Rural o mais breve possível.

Os valores das obras não foram informados.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

WILLYBERG BRAGA NASCIMENTO

580 famílias beneficiadas.



01/03


2013

Lula quer conter insatisfação do PMDB nos Estados

















O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu ao PT que intensifique os esforços para conter a insatisfação do PMDB nos Estados. De acordo com alguns membros do Partido dos Trabalhadores, Lula estaria declarando que a presidente Dilma Rousseff não pode correr o risco de acabar com um quadro semelhante ao da campanha de reeleição de Fernando Henrique Cardoso (PSDB): ter o PMDB aliado na esfera nacional, porém trabalhando contra em Estados estratégicos.

Assim, a prioridade nas próximas semanas será acalmar os ânimos do PMDB no Rio de Janeiro, que se rebelou contra a candidatura de Lindbergh Farias ao Governo do Estado.

Lula também tem manifestado preocupação com o PMDB de São Paulo. Embora avalie que o diálogo ocorre sem sobressaltos junto à ala comandada por Michel Temer, a avaliação é a de que é preciso assegurar que não orbitam em torno do vice-presidente também sejam contemplados.

De acordo com o Poder Online, haá quem fale em incluir nomes como Baleia Rossi ou Rubens Furlan na composição de uma chapa liderada pelo PT para o Governo do Estado. Na vice, eventualmente.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

S. C. B. M.

DEVES SER COMISSIONADO OU PG PARA DEFENDER UM MALVADO DESTE TIPO ASQUEROSO.

romildo s. barros

esse e o cara que hj nos orgulha de sermos brasileiros igual a lula ta pra nascer


Banco de Alimentos

01/03


2013

PCR inicia obras de saneamento e mobilidade no Ibura

O prefeito Geraldo Julio (PSB) assinou, na noite de ontem (28), duas ordens de serviço para intervenções da Prefeitura do Recife no Ibura. A primeira autoriza, a partir de hoje (1), a revitalização do canal Rio da Prata, projeto que será executado pela Empresa de Urbanização do Recife (URB) em 36 meses e prevê o revestimento do canal, além da terraplanagem, drenagem, iluminação e pavimentação de vias no seu entorno. A segunda Ordem de Serviço autoriza a contratação de um projeto executivo para o alargamento da Avenida Dois Rios.

O investimento na revitalização do canal Rio da Prata será superior a R$ 34 milhões, dos quais R$ 22,9 milhões serão custeados pela PCR. O Ministério das Cidades, através do Programa de Aceleração do Crescimento Drenagem, fará um aporte de 11,2 milhões na obra, que beneficiará diretamente mais de seis mil moradores da localidade.

Geraldo afirmou que a intervenção vai dotar o Ibura de uma melhor infraestrutura. “Essa obra é importante em diversos aspectos. Através dela, vamos cuidar melhor do meio ambiente onde a gente vive e onde as crianças que estão aqui viverão no futuro”, destacou o prefeito.

O projeto prevê ainda a instalação de rampas de acessibilidade no passeio público, de 56 postes de iluminação e o plantio de 166 mudas de árvores. Para a execução da iniciativa, deverão ser desapropriados cerca de 250 imóveis.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

maria do carmo de holanda cavcalcanti23586290497

Esta obra foi votada no Orçamento Participativo,a licitação foi feita na gestão do ex-prefeito João da Costa.Fico feliz vendo a vontade do povo ser respeitada.

José Cláudio Soares de Oliveira

O prefeito começou bem. Agora, o povo recifense quer saber quando o prefeito vai botar em prática o projeto que acabe com os flanelinhas no cidade... Pelo amor de Deus



01/03


2013

PIB nacional tem seu pior desempenho desde 2009

Nem as medidas de estímulo do Governo Federal à economia, como as desonerações bilionárias de tributos, livraram o país de registrar um crescimento econômico de apenas 0,9% em 2012 - inferior aos 2,7% de 2011 e o menor desde 2009, quando houve queda de 0,3%.

Em valores, o Produto Interno Bruto (PIB), soma das riquezas produzidas no país, somou R$ 4,4 trilhões no ano passado.

No último trimestre do ano, a economia esboçou, porém, uma reação e avançou 0,6% em relação ao terceiro trimestre, acima da taxa de 0,4% do período de junho a setembro na comparação com ajuste sazonal (livre dos efeitos típicos de cada período). Em relação ao mesmo período de 2011, o PIB subiu 1,4%, segundo dados divulgados pelo IBGE nesta sexta-feira (1).

Sob impacto da crise externa e da menor confiança de empresários diante de um cenário de incertezas, a indústria foi castigada. Seu PIB caiu 0,8% em 2012. Houve crescimento de 0,4% do terceiro para o quarto trimestre. Já em relação ao mesmo período de 2011, a taxa foi positiva em 0,1%.

De acordo com a Folha de S. Paulo, tal cenário rebateu, do lado da demanda, os investimentos, medidos pela chamada formação bruta de capital fixo (investimentos em construção civil, máquinas e equipamentos e louvaras e matrizes de rebanhos). O tombo foi de 4% no ano e de 4,5% na comparação com o mesmo período de 2011. Do terceiro para o quarto trimestre, houve alta de 0,5%.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

S. C. B. M.

ISTO PROVA A MA ADMINISTRAÇÃO DESTE GOVERNO.NUNCA NA HISTÓRIA DESTA NAÇÃO TIVEMOS UM DESGOVERNO DESTE TAMANHO.



01/03


2013

"Do que eles (o PT) têm tando medo?", diz líder do PSB

 Em política, como se sabe, não há inimizade que sempre dure nem amizade que nunca se acabe. Vem daí que, com a amizade já extremamente cansada, PSB se encaminha na direção da porta de saída do condomínio governista (veja aqui e aqui). Como que pressentindo o movimento, o PT e Lula empurram o quase-ex-aliado para uma decisão. Líder do PSB na Câmara e porta-voz informal do silêncio do neopresidenciável Eduardo Campos, o deputado Beto Albuquerque estranha:

“Nós temos um pré-candidato que apareceu nas últimas pesquisas com 5%. A presidente Dilma Rousseff tem uma taxa de aprovação de 70%. Por que essa guerra? Por que tanto pavor? Do que eles têm tanto medo?”  (Do blog de Josias de Souza)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernando Moreira de Líma (Gordinho)

De quem está fazendo a politica do bem,A POLITICA DA VALORIZAÇÃO DAS PESSOAS E DAS LIDERANÇAS LOCAIS,DE QUE ESTA FAZENDO UM GRANDE GOVERNO. COM TODOS E PARA TODOS.EDUARDO CAMPOS.



01/03


2013

A charge do dia

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores