Lavareda

22/11


2020

Padre Joselito cancela participação em carreata

Devido ao aumento de casos de Covid-19 em Pernambuco, o prefeito eleito de Gravatá, Padre Joselito (PSB), e o vice, Júnior Darita, informam que não irão participar da carreata organizada pela militância, hoje, para celebrar a vitória nas eleições.

"Contamos com o apoio de todos para garantir e preservar a vida e a segurança de todos", disse Joselito.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ALEPE

22/11


2020

Graves revelações de um arraesista histórico

Por Ricardo Carvalho*

Ao lado de Agamenon Magalhães e Jarbas Vasconcelos, Miguel Arraes foi um dos mais importantes políticos da nossa história. Hoje, na disputa de Marília Arraes contra João Campos, aparecem alguns áulicos para falar e dá pitacos na história de Doutor Arraes. Gente que precisou até que pessoas como eu e Eurico Andrade entrasse numa grande articulação, para demover o governador Arraes de afastar alguns dos seus auxiliares.

A verdade é que os áulicos usam suas falas e sonhos para defender seus empregos, desconhecendo a formação política e moral de Doutor Arraes: "Não quero um filho meu na política", revelação que me fez nas conversas que tivemos, logo após seu retorno ao país. Ele nunca pensou em ter um sucessor, pois sua história ficaria incólume: um parente, entrando na política e causando um pequeno deslize, poderia manchar sua maravilhosa trajetória de homem público. É o que ele mais preservou em toda sua vida.

Já falei aqui da interferência da Renata no rumo político de Eduardo Campos. Quando Jarbas Vasconcelos negou a presença de Eduardo na sua chapa a prefeitura do Recife, no pleito de 1992, Renata Campos usou de todas suas armas para criar um conflito entre Arrase e Jarbas: queria de todo jeito que Eduardo - com a recusa de Jarbas - fosse também candidato. Foi e perdeu fragorosamente. Foi o quinto mais votado.

Por causa da Renata, Arraes ficou estremecido com Jarbas até o leito da sua morte. Mas, a culpa era dela. Em 1994, Arraes volta ao poder, pela terceira vez. E se envolveu no Escândalo dos Precatórios, por obra e graça de Eduardo e sob a orientação da Renata, que sempre sonhou com o poder pelo poder. Nada mais do que isso. E Eduardo sucede Jarbas Vasconcelos. Ela ficou feliz, mas queria mais. A verdade é que Eduardo queria seguir na carreira de economista. Mas morreu querendo suceder Lula - Luiz Inácio Lula da Silva.

Antes mesmo do corpo esfriar, ela pensou: agora, vai ser a vez de João, cujo sonho era ser engenheiro. Dizem que Eduardo também não queria que os filhos seguissem a carreira política. Querendo repetir a trajetória de Eduardo, pensou em tornar o João deputado federal. Armou um esquema pra lá de ambicioso: elegê-lo como o mais votado do Estado. E conseguiu graças a atuação de um leal partidário, que, seguindo instruções da cúpula do PSB, circulou com por todos os municípios do Estado, catando votos para o João. O uso da máquina pública deu resultado: mais de 440 mil votos. 

Nunca na história de Pernambuco se gastou tanto para se eleger um deputado federal. Mais do que o falecido Ricardo Fiuza, no ano de 1970. Agora, usando das baixarias do século passado, o candidato do PSB volta com a carga toda. As máquinas da prefeitura e do governo estadual trabalham a todo vapor: todos os ocupantes dos cargos de chefia - dos secretários aos chefes de gabinetes - estão envolvidos na trama diabólica... Ocupar espaços nas redes sociais para difamar e atacar a candidata do PT e sua família. Jogo triste e nojento para um jovem que se diz preparado para administrar uma cidade complexa como o Recife. Até hoje, Marília Arraes fez críticas administrativas ao adversário, nada no campo pessoal.

Quando Marília citou que o João, se eleito, vai ser manobrado pela mãe, Geraldo Júlio ou Paulo Câmara, ela tem lá suas razões: o menino queria ser engenheiro. Formou-se mas a ambiciosa mãe não deixou. Fez ele ser um office boy, no gabinete do governador, de onde saiu para ser deputado federal. João, muita gente sabe, em Brasília, encontrou um novo amor, na figura da competente Tabata Amaral. Começou a criar gosto pela política, acompanhando os passos da jovem deputada paulista.

Aí entra mais uma vez a dona Renata para atrapalhar o amor dos dois... E a contragosto, João aceitou ser o candidato à Prefeitura do Recife, para suceder o pior prefeito da história da cidade: Geraldo Júlio. E o mais grave é que ele, entrando no jogo sujo da mãe Renata, parte para ataques suicidas contra a Marília. Ele diz que vai vencer... Vai não.

Perdendo, será carta fora do baralho de qualquer pleito majoritário, em Pernambuco. Uma morte prematura, pela ambição da própria mãe... Que mulher cruel!

*Jornalista


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Wellington Antunes

Chora bozolóide, o choro é livre, ou então aceita que dói menos.

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Eita militante descarado. Os piores prefeitos foram os dos PT. João Paulo e João da Costa. Eles só fizeram descaracterizar o famoso e histórico calçadão da Av. Boa Viagem e também o Marco Zero. Deixou como a grande obra o corredor da Conde da Boa Vista. Um mostrengo que consumiu milhões. Sim, na época que a Presidência da República era comandada pela quadrilha petralha.


O Jornal do Poder

22/11


2020

João peita TRE e confessa fazer caminhada e carreata

A resolução nº 372/2020, publicada no último dia 29 de outubro pelo Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco, é bastante clara sobre a proibição de atos de campanha que gerem aglomerações, tais como: caminhadas, bandeiraços e carreatas. Mesmo assim, há quem provoque flagrante desrespeito, ainda mais no Recife, cidade em que o TRE está sediado. Pior do que isso: o próprio candidato confessa em vídeo divulgado em suas redes sociais que cometeu as ilicitudes.

O caso envolve o candidato a prefeito pelo PSB, João Campos, e aconteceu ontem em diversas localidades da Zona Sul do Recife, como é possível ver nas imagens. "Pessoal, começamos aqui a carreata, agora de tarde. Vamos juntos", confessa o prefeiturável socialista.

Em outro momento, João diz: "Depois da nossa caminhada no Bode, chegamos aqui na Brasília Teimosa para a gente fazer uma carreatinha". A militância do candidato também foi flagrada, ontem, no calçadão da Avenida Boa Viagem, aglomerada e com diversas bandeiras.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Wellington Antunes

Chora bozoloide, o choro é livre. Ou aceita que dói menos.

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Magno, Marília está em casa vendo televisão kkkkkkkkkkkk


Abreu no Zap

22/11


2020

Camilo Santana ignora Ciro e fecha com Marília

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), declarou apoio à correligionária Marília Arraes na disputa pela Prefeitura do Recife. Em vídeo, o gestor diz que a candidatura da prefeiturável "representa a força e a esperança de dias melhores para o Recife".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Wellington Antunes

Chora bozoloide, o choro é livre. Ou aceita que dói menos.

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

kkkkkkkkkk Eles vão trazer os eleitores de Fortaleza para votar no Recife. Ridículo.



22/11


2020

Compesa irriga caixa de Geraldo Júlio

Em março deste ano, a Compesa repassou mais de R$ 1,3 milhão diretamente à Prefeitura do Recife, referente à Taxa de Limpeza Pública, conforme antecipei com exclusividade. Às vésperas da eleição de 2º turno, a mesma estatal, que o prefeito Geraldo Júlio manda e desmanda, tendo sido responsável pela degola do seu melhor e mais longevo presidente, Roberto Tavares, está na iminência de repassar cerca de R$ 10 milhões, ao apagar das luzes da gestão do incompetente Geraldo, a título de pagamento do IPTU.

Segundo o blog apurou, nas últimas semanas a direção da Compesa solicitou a um dos seus escritórios de advocacia terceirizados, que possuem contratos milionários, um parecer para antecipar, administrativamente, direto para a Prefeitura, os R$ 10 milhões, referentes a uma ação de imunidade tributária de IPTU, antes de qualquer decisão de mérito pelo Judiciário, tendo, óbvio, obtido parecer favorável do escritório contratado. A Compesa possui várias ações de imunidade tributária e não recolhe imposto para nenhum ente da federação, inclusive imposto de renda à União.

As fontes ouvidas não sabem informar se o valor de R$ 10 milhões já foi repassado à Prefeitura do Recife, tarefa que cabe ao Tribunal de Contas do Estado, que tem acesso on-line ao sistema financeiro da Compesa, e ao Ministério Público. Basta o órgão solicitar o referido parecer e investigar todos os contratos milionários de advocacia terceirizada que a Compesa possui.

Mais uma vez está na cara que a Compesa, entregue de bandeja a Geraldo Júlio, sofre desmandos e ingerências políticas, através da gestão descompromissada, irresponsável e amadora de Manuela Marinho. 

Esse é o retrato da gestão do PSB, que precisa ser extirpada. Recursos arrecadados com o pagamento das contas de água, que poderiam beneficiar milhares de pernambucanos com saneamento básico, levando mais saúde e qualidade de vida, estão sendo usados para fins escusos de uma gestão desaprovada pela maioria esmagadora dos recifenses.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Wellington Antunes

Chora, bando de bozoloides, o choro é livre. Ou aceitem que dói menos.

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Kelson, isso mesmo. O Magno, depois de se arvora juiz dos juízes querendo manda nas decisões do TRE, agora quer ser TCE, TCU, AGU, PF e MP. Acho que ele se desesperou completamente. Nunca vi escrever tanta asneira querendo defender a Marília a todo custo. Só não diz que ela tem como padrinho o maior ladrão que o Brasil já teve. O Lula ladrão chefe da maior Organização Criminosa que o País já teve.

Kelson Menezes da silva

Complicado quando um blog puxa o saco tem algo por trás , que vença a democracia

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Sair o PSB e entrar o PT que foi e é comandado pelo chefe de uma Organização Criminosa, condenado, o Lula ladrão. Aquele que a Marília aparece abraçada nas inserções do seu guia eleitoral. O seu maior padrinho político. Será que os militantes do PT que foram condenados e que estão despregados, que mesmo condenados por serem ladrão continuam filiados, não virão para a Prefeitura caso Marília vença? Espero que o recifense não vote pela volta do PT com suas administrações nefastas quando governou a Cidade.


Banco de Alimentos

21/11


2020

Prefeitura de Salgueiro decreta luto pela morte de Dr. Francisco

A Prefeitura de Salgueiro decretou luto oficial de três dias pela morte do médico Francisco de Assis Alves de Carvalho, de 72 anos. Ele estava internado na UTI de um hospital do Recife e faleceu ontem devido a complicações causadas pela Covid-19.

Doutor Francisco, como era conhecido em Salgueiro, fundou o Pronto Socorro São Francisco, que garante a diversas pessoas da cidade sertaneja e arredores atendimento médico.

Leia a nota de pesar da Prefeitura:

O prefeito Clebel Cordeiro, em nome da Prefeitura de Salgueiro, lamenta profundamente a morte do médico Francisco de Assis Alves de Carvalho (Dr. Assis), ocorrida na tarde desta sexta-feira, 20 de novembro de 2020.

Dr. Francisco de Assis foi referência na medicina e inspiração de dedicação à profissão que, mais do que um trabalho, é um ato de amor. Ele tinha 72 anos e estava na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Português em Recife, desde que começou a apresentar complicações causadas pela Covid-19.

Neste momento de dor, externamos aos familiares, parentes, amigos e toda a população, os nossos sentimentos de luto e pesar pela perda desse grande homem, médico, líder, um cidadão exemplar. Ficam, para sempre, suas lições diárias de cidadania, fraternidade, respeito e amor ao próximo.

Diante disto, fica declarado luto oficial por 03 (três) dias contados desta data.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/11


2020

Marília diz que já foi absolvida sobre fato reportado pelo MP

Diante da massificação de uma matéria publicada no site da Revista Veja, hoje, informando que o Ministério Público teria entrado com uma ação de improbidade administrativa contra a postulante à Prefeitura do Recife Marília Arraes (PT), a assessoria jurídica da candidata acaba de emitir uma nota. Na explicação dada, a prefeiturável se disse surpresa com a ação, que não foi comunicada a respeito e afirmou que já havia sido absolvida pelo mesmo fato noticiado.

Marília também declarou que pediu apuração rigorosa sobre as denúncias em 2016.

Leia a nota na íntegra:

Causa muita estranheza o fato de ter se entrado com ação de improbidade administrativa contra mim, pelo mesmo fato que fui absolvida, mesmo após várias incursões nos vários tipos de atos probatórios, que não aportaram em qualquer indício de autoria e materialidade delitiva que pudesse comprovar a denúncia anônima. Contudo, o que me deixa mais chocada é que eu pedi ao Órgão Ministerial que apurasse rigorosamente os supostos fatos contra mim em 2016, em ofício remetido no dia 22/01/2016, tendo a investigação começado apenas em 2017. Acredito que a Ilustre Promotora que assinou a ação de improbidade contra minha pessoa, não tenha tido conhecimento que os mesmos fatos a ela repassados para instruir a dita ação, foram apurados na esfera criminal (Processo n 0024651-21.2018.8.17.0001), tendo o próprio Ministério Público Estadual requerido o arquivamento do Inquérito Policial, o que foi acatado pelo MM. Juízo, nos seguintes termos: 

“Nos depoimentos de fls. 53-60, 74-76, 84-94, 99-125, 182-196, 223-226, 229- 238, 241-243 e 246-254 não constam indícios de que a investigada se apropriava de parte do salário destinado aos funcionários de seu Gabinete. Ademais, até o presente momento, também se mostram frágeis as provas relativas à existência de possíveis funcionários "fantasma" no mencionado local de trabalho. Assim, acolho o pedido de arquivamento do Ministério Público e determino o arquivamento dos presentes autos, sem prejuízo do disposto no art. 18 do C.P.P. Registre-se e intime-se. Decorrido o prazo recursal sem interposição de recurso, arquivem-se os autos. Recife, 18 de dezembro de 2018. ANA CRISTINA MOTA Juíza de Direito”. 

Essa ação criminal encontra-se arquivada desde 20/02/2019. Ademais, não posso entrar no mérito da ação, porque, como dito, ainda não fui intimada para apresentação de Defesa Preliminar, fase processual em que o Juízo, só depois de apreciá-la (Defesa Preliminar), é que se pronunciará sobre o recebimento da ação ou não. Portanto, tecnicamente, a ação contra minha pessoa não foi recebida. Como o fato é o mesmo e houve todo tipo de investigação, sabe-se que esta ação também chegará no mesmo resultado. Ou seja, que não há nenhum tipo de indício que possa macular a minha atuação política enquanto parlamentar.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Wellington Antunes

Chora bozoloide, o choro é livre. Ou aceita que dói menos.

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

O interessante é que o Magno e a Marília não mostrou decisão da Justiça inocentando a candidata. Apenas uma petição da própria Marília enviada ao MP questionando um usuário do Whatsapp.

Wellington Antunes

Chora bozolóide, o choro é livre ou aceita que dói menos.

Carlos

Mais roubalheira, não tem jeito, no PT só tem ladrão.



21/11


2020

Nova promessa de Paulo sobre PE-630 causa revolta no Araripe

Blog do Roberto Gonçalves

A promessa do governador Paulo Câmara de recuperar a principal rodovia usada para o escoamento da produção de gesso do Araripe, a PE-630, que liga o município de Ipubi a BR-316 em Trindade, já está virando motivo de revolta.

Nesse sábado (21), Daniel Torres (foto), coordenador geral da Adesa – Agência de Desenvolvimento Econômico e Social do Araripe, recém criada entidade que tem o objetivo de lutar pelos interesses da região, disse desconfiar da data que o Governo do Estado escolheu para anunciar mais uma licitação para a obra.

“Eu desconfio que essa licitação marcada para o dia 30 de dezembro, véspera de ano novo, é mais uma jogada do governo para alimentar a esperança do povo da nossa região. Nós precisamos de uma estratégia para pressionar o governo. Dizer que os empresários do gesso, os comerciantes, e os políticos do Sertão do Araripe, estão se mobilizando, pra que essa licitação realmente aconteça. Se ele pensa que vai passar a perna na gente mais uma vez está enganado, dessa vez vai ser diferente. O Araripe vai estar atento e mobilizado, porque é de se desconfiar de uma licitação marcada para o dia 30 de dezembro”, disparou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/11


2020

Ex-prefeito Ademir Cunha oficializa apoio a Padilha

Nos últimos dias, o candidato do PSB a prefeito de Paulista, Francisco Padilha, fechou importantes apoios para fortalecer seu palanque na disputa pela Prefeitura no segundo turno. Desde lideranças e ex-candidatos a vereador por outras chapas, até nomes de peso na politica municipal, como o ex-prefeito Ademir Cunha (foto).

Passado o primeiro turno, quando diversos palanques foram desarmados, o socialista foi em busca de aumentar o rol de apoiadores. Já no primeiro momento, trouxe para o seu lado 12 dos 15 vereadores eleitos.

“Estamos com a nossa candidatura bem robusta. Apoios importantes com nome e serviços prestados a Paulista. A escolha está bem mais fácil de ser feita, que agora se tratam de dois projetos bem claros. Um que representa o futuro, o outro que representa o retorno a uma Paulista que ninguém quer. O nosso projeto será tocado por filhos de Paulista, que sempre viveram na cidade, já o outro é um forasteiro que vai beneficiar outros municípios em detrimento de nossa cidade. O povo já percebeu esta diferença significativa e tenho certeza que escolherá o nosso projeto que é o melhor para Paulista", declarou Padilha.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha