Jaboatão vai conquistar você

16/01


2022

Meu fotógrafo mirim

João Pedro, meu ponta de rama, de apenas 8 anos, fez, há pouco, do meu celular, este clique do pôr-do-sol em Serrambi. Ele adora fotografar, fazer vídeos e dar uma de repórter. Dos quatro filhos, será ele meu sucessor no Jornalismo?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Caruaru - Jan 2022

16/01


2022

Anderson vai ao encerramento da Festa de Santo Amaro

Uma das mais tradicionais festas do calendário religioso católico do Brasil, a 424ª edição da Festa do Glorioso Santo Amaro, no Jaboatão dos Guararapes, teve seu encerramento, na noite de ontem (15), após 10 dias de celebrações eucarísticas e manifestações religiosas. A última missa foi celebrada pelo arcebispo metropolitano de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, ao término da procissão que percorreu ruas e avenidas da região central da cidade para levar o andor com a imagem do padroeiro do município.

Por conta da pandemia do novo coronavírus, as celebrações eucarísticas precisaram se adaptar para seguir os protocolos sanitários em vigor, com limitação do público presente, exigência do uso de máscara e respeito ao distanciamento social. As missas foram transmitidas ao vivo, por meio do canal da Paróquia de Santo Amaro no YouTube. A realização da Festa do Glorioso Santo Amaro conta com o apoio da Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes, por meio da Secretaria Executiva de Turismo e Cultura.

O prefeito Anderson Ferreira (PL) participou da missa de encerramento. O gestor aproveitou a ocasião para registrar votos por um ano melhor e ressaltou a amizade com o padre Damião Silva. “Estivemos presentes em mais uma grande e importante festividade ao lado da comunidade católica do nosso município, em Jaboatão Centro. Um evento que ressaltou a importância da fraternidade e da união entre as pessoas, e de um momento muito especial ao lado do nosso amigo padre Damião Silva, que tão bem nos acolheu quando iniciamos esse trabalho de transformação social em nosso município”, disse Anderson.

“A Festa do Glorioso Santo Amaro é um momento de grandiosidade não apenas para os católicos, mas para todos que comungam do sentimento de união e de fé entre as pessoas. O prefeito Anderson Ferreira sempre se pôs à disposição para ajudar por meio da prefeitura e esse apoio tem sido fundamental para que a gente consiga fazer uma festa melhor a cada ano”, destacou o padre Damião Silva. “Santo Amaro nos deixa a lição da fraternidade, da união entre os povos no enfrentamento às dificuldades. É realmente uma grande bênção poder realizar essa festa ano após ano”, acrescentou dom Fernando Saburido.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cabo - Pavimentação e Drenagem

16/01


2022

Washington Olivetto: “Rádio continua vanguarda”

O Globo

O rádio passa por uma profunda transformação diante do avanço do áudio digital. Apesar das mudanças sofridas, ele preserva um conjunto de características que o torna capaz de absorver e explorar uma série de inovações, na avaliação de especialistas que compuseram a mesa de discussão “30 anos da CBN: das ondas ao podcast, o futuro do áudio”, no Palco do Conhecimento, na Rio Innovation Week.

Para Washington Olivetto, publicitário e fundador da W/GGK, da W/Brasil e da WMcCann, tanto o rádio quanto o podcast - que se popularizou nos últimos anos - possuem capacidade singular de lidar com a instantaneidade e a imaginação do público se comparado aos demais meios de comunicação:

"O rádio continua vanguarda por ter duas características imbatíveis: a instantaneidade e a capacidade de mexer com a imaginação das pessoas. Esse tipo de imaginação o rádio sempre vai ter e o podcast também. E isso bem produzido tem tudo para ser cada vez mais sucesso, seja para os anunciantes que apostaram nisso, seja para as agências que precisam de prestígio para trabalho criativo."

Márcia Menezes, head de Jornalismo Digital da Globo, destaca que o formato do áudio traz “uma temperatura do que está acontecendo” e mistura, no jornalismo, a informação com a “emoção e a verdade”.

Isso permite, avalia, que o mercado teste programas em áudio com formatos de curta e longa duração, a depender do consumo. A revolução trazida pelos podcasts, inclusive, expõe o potencial do áudio digital no mercado brasileiro:

"A voz traz o componente do humano, da verdade. Fizemos uma pesquisa em 2020 no Brasil que mostra que os novos formatos de áudio entram muito nas áreas urbanas, especialmente Sudeste e capitais do Nordeste. Ele captura - seja jornalismo ou entretenimento - várias gerações, especialmente entre os jovens a partir de 15 e 16 fala muito com a população brasileira, com a classe C."

Na avaliação de Marcelo Kischinhevsky, professor e pesquisador de Rádio da UFRJ, o rádio se adaptou melhor ao ecossistema digital do que a televisão aberta no país, que “demorou a entender o novo contexto de concorrência''.

Ele avalia que o rádio está cada vez mais inserido na lógica multiplataforma ao passo em que está presente no smartphone, nas mídias sociais, na TV por assinatura e até nos smart speakers (assistentes de voz). Uma das próximas tendências para os próximos anos, diz, será o formato de “rádio híbrido”:

"A BMW, por exemplo, fechou um acordo para ter equipado nos veículos de fábrica o rádio híbrido, que inclui o rádio digital via internet e o analógico. Você clica no painel do seu carro e ele busca nos dois formatos o melhor sinal e coloca pra tocar pra você. Além disso, tem outras coisas sendo estudadas no rádio híbrido que envolve a escuta não linear, em que o usuário pode ter acesso a listas de músicas que vão tocar na rádio e pular o que não quer ouvir ou ouvir fora daquela ordem, podendo voltar ao fluxo normal à qualquer momento. São algumas das novidades a nível internacional."

Potencial publicitário

Para Washington Olivetto, uma das frentes que ainda precisam ganhar corpo no Brasil é o investimento publicitário em áudio digital. Há vasto potencial de crescimento na área, diz ele: "Historicamente, o que fez o sucesso da publicidade brasileira foi a boa relação entre agências, veículos e anunciantes. Mais do que nunca, agora com o rádio, podcasts e a possibilidade de alguns assumirem características visuais, é fundamental que agências e anunciantes de veículos estejam unidos para a gente começar a fazer coisas cada vez de maior qualidade."


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina Dezembro 2021

16/01


2022

Os maiores pintores de Pernambuco (Final)

Da coluna de João Alberto

Romero Britto: Romero Francisco da Silva Britto nasceu no Recife, em 1963, de uma família muito humilde. Começou a pintar com oito anos e seus cadernos escolares estavam sempre repletos de pinturas. Estudou no Colégio Marista, com bolsa de estudos. Aos 14 anos, realizou sua primeira exposição e vendeu um quadro para a Organização dos Estados Americanos. Começou o curso de Direito na Unicap, mas no segundo ano trancou a matrícula e viajou para a Europa, onde ficou um ano hospedado na casa de amigos. Na volta, voltou a estudar, mas acabou desistindo de vez, descobrindo que a pintura era mais importante do que seu outro sonho: ser diplomata. Viajou para Miami, onde trabalhou como ajudante de jardineiro, caixa de loja e atendente de lanchonete. enquanto procurava uma galeria para expor sua obra, passou a mostrar seus quadros nas calçadas de Coconut Grove, bairro sofisticado de Miami.

Eles chamaram a atenção de Berenice Steiner, que o convidou para expor na sua galeria de arte. Foi o ponto de partida para uma carreira de enorme sucesso. Em 1989, foi convidado para fazer a campanha publicitária da Absolut Vodca que procurava um artista menos conhecido do que a bebida, uma vez que a empresa já tinha investido em artistas famosos como Andy Warhol, Kenny Schart, entre outros. O trabalho fez tanto sucesso que chamou a atenção da mídia mundial. E Ele foi contratado para fazer trabalhos para foi convidado para fazer a campanha publicitária da Absolut Vodca que procurava um artista menos conhecido do que a bebida, uma vez que a empresa já tinha investido em artistas famosos como Andy Warhol, Kenny Schart, entre outros. A obra de Romero Britto recebeu influência da Pop Art sendo representada por cores fortes e vibrantes, marcadas por linhas pretas que demarcam seus desenhos.

As formas geométricas de seus quadros refletem o estilo do movimento cubista, onde as figuras se misturam em um só plano. Em cinco anos, seus trabalhos começaram a a aprecer em galerias ao tredor do mundo, Retratou diversas personalidades, , Michael Jackson, Shakira, Elton John, Hillary Clinton, Obama e Michelle, a princesa Diana, Lula, Dilma Rousseff, Jair Bolsonaro. Mantém uma galeria na Lincoln Road, uma das principais avenidadas de Miami Beach, onde estive com ela algumas vezes.  Sua arte está em quadros e esculturas e centenas de produtos licenciados com sua grife. Todas com a marca e o colorido do seu talento. Ele tem em São Paulo uma fundação, que arrecada fundos para diversas entidades filantrópicas. Romero Britto casou-se com a americana Cheryl Ann, com quem teve um filho, Brendan Brito, o que lhe garantiu a cidadania norte-americana. É hoje, o pintor pernambucano com maior mercado internacional.

José Patrício: Nasceu em 1960 no Recife. Frequentou a Escolinha de Arte do Recife e realizou sua primeira exposição em 1983, na Oficina Guianases. onde foi diretor artístico. Com bolsa da CNPq passou dois anos fazendo estágios em instituições de Paris. Seu trabalho se realiza na fronteira entre instalação e pintura, misturando esses gêneros. Sua prática parte do arranjo de objetos cotidianos, tais como dominós, dados e botões, a fim de criar padrões e imagens que podem ter caráter geométrico ou orgânico, ainda que não deixem de resguardar uma familiaridade enigmática com o cotidiano, tendo em vista a possibilidade de se reconhecer aqueles elementos nas composições. Realizou várias exposições no Brasil e exterior. Para assinalar os 45 anos de pintura lançou o livro Percursos de Criação, uma mescla de biografia, catálogo e diário pessoal.

Demazinho Gomes: Uma figura que brilhou muito na nossa sociedade, inclusive no período em que foi casado com a diva Helena Pessoa de Queiroz, aprendeu pintura, mostrando muito talento. Mostrado em várias exposições no Recife. Têm quadros em várias pinacotecas particulares do Recife, Rio me São Paulo. Está com uma coleção pronta e espera o fim da pandemia para expor

Romero Andrade Lima: Nasceu no Recife em 1957. Começou a pintar como autodidata, mas recebendo a orientação do seu tio e padrinho Ariano Suassuna. A partir de 1988, como contraponto à sua produção individual de artista plástico, passou a integrar-se a diversas realizações em grupo no teatro e vídeo Atualmente pinta e esculpe cotidianamente e expõe e vende seus trabalhos no Recife. Cria também roteiros e desenhos de cena do cinema que pretende realizar. Está sempre se inspirando nas obras de Ariano Suassuna e já realizou dezenas de exposições, de ilustrações de livros, de cenários de peças de teatro.

Satyro Marques: Nasceu em Alagoas e quando veio servir no Recife como dentista da Aeronáutica, quando se tornou amigo dos colunistas sociais, que apoiaram sua primeira exposição, na antiga Galeria Firenze, em 1972. Todas suas telas tinham como tema cavalos e longo se tornaram o maior sucesso, Depois, foi morar no Rio, onde fez uma carreira de sucesso.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


16/01


2022

Sudene vai oferecer apoio financeiro para startups

A Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste Sudene vai investir R$ 6 milhões para apoiar projetos de startups voltados à área de pesquisa, desenvolvimento e inovação e associados ao desenvolvimento regional. A ação inédita foi anunciada nesta quinta-feira (13) durante a assinatura de um acordo de cooperação com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal). A ideia é que a Sudene apoie 11 startups em cada um dos estados da área de atuação da autarquia.

Os projetos serão escolhidos de forma adicional ao portfólio de iniciativas já inscritas no Programa Centelha II, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). A Sudene irá participar financeiramente, na forma de subvenção econômica, diretamente nos projetos selecionados pelas entidades de amparo à pesquisa inscritas pela FINEP no Programa Centelha II.

Os recursos custodiados no Banco do Nordeste do Brasil (BNB) serão repassados por meio de termo de outorga diretamente às empresas de pesquisa, desenvolvimento e inovação selecionadas. As startups interessadas em participar do processo devem consultar os editais abertos em cada um dos estados através das suas respectivas instituições de amparo à pesquisa e desenvolvimento.

A celebração da parceria com a Fapeal consolida a estratégia da Sudene de promover a competitividade das diferentes atividades produtivas regionais através do estímulo à inovação. A autarquia planeja criar um ecossistema mais consistente de geração de produtos e serviços que consigam disseminar a cultura empreendedora e melhorar as estruturas econômica e social da região.

Além de ressaltar o ineditismo da ação da Sudene, o superintendente da autarquia, general Araújo Lima, destacou o esforço da instituição em mobilizar parceiros para viabilizar projetos. “O projeto não é só da Sudene, mas de todos que estão aqui. Temos a capacidade de colocar na mesa interlocutores que, sem a nossa participação, talvez não se encontrassem”.

Fomentar a inovação é uma das premissas do Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE), proposto pela Sudene e que se encontra em tramitação na Câmara Federal através do projeto de lei 6163/2019. A proposta reúne um conjunto de programas e ações articulados pela Sudene em parceria com os governos estaduais e instituições de fomento ao desenvolvimento regional para estimular a atração de projetos, a diversidade das atividades produtivas e a melhoria dos indicadores sociais da área de atuação da autarquia.

Orçamento inédito

A liberação dos recursos próprios para custeio de projetos em pesquisa e desenvolvimento é uma conquista histórica da Sudene, ocorrida no ano passado. Os valores correspondem à parcela de um 1,5% do montante do produto de retorno das operações de financiamentos concedidos com recursos do FDNE. A Sudene conta com aproximadamente R$ 35 milhões em recursos.

Participações

Pela Sudene, participaram do encontro o superintendente, general Araújo Lima, os diretores Raimundo Gomes de Matos (planejamento e Articulação de Políticas) e Sérgio Wanderley Silva (fundos, incentivos e atração de investimentos), além do coordenador-geral de Estudos, pesquisas, tecnologia e inovação, Marcos Falcão.

A equipe recebeu os representantes da Fapeal, Fábio Guedes Gomes (presidente) e João Vicente Ribeiro Barroso da Costa Lima (diretor executivo de ciência e tecnologia), além de Roberto Germano, presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Paraíba (Fapesq) e presidente regional do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap); José Fernando Thomé Jucá, diretor-presidente da Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (Facepe); Rubens Freire, Secretário Executivo de Ciência e Tecnologia da Paraíba e Rafaelly Fortunato, analista de fomento da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Arcoverde janeiro 2022

16/01


2022

O vergonhoso acesso aos resorts de Porto

Se nas principais e mais cobiçadas praias do litoral sul de Pernambuco, visitadas por turistas do mundo inteiro, que lotam resorts, hotéis e pousadas, as estradas estão assim, imagine nos grotões!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

16/01


2022

Gilvandro assina ordem de serviço para projeto do novo hospital

A ordem de serviço da elaboração do projeto básico do futuro hospital municipal de Belo Jardim foi assinada, na última quarta-feira (12), pelo prefeito Gilvandro Estrela (DEM). O projeto do hospital que vai garantir 100 leitos deve ser entregue em um prazo de 120 dias. A nova unidade foi compromisso de campanha de Gilvandro Estrela será um importante passo para se consolidar como mais um polo médico no Agreste de Pernambuco.  

“Os belo-jardinenses merecem um novo hospital no porte que estamos planejando e que iremos executar. Agora, vamos em busca dos recursos para entregar este projeto à população o quanto antes”, disse o prefeito.

O projeto do novo hospital de Belo Jardim prevê uma unidade com 100 leitos, sendo 90 de internamento e 10 de UTI, e deve ser referência em ortopedia. A obra vai gerar cerca de 500 empregos em sua construção e quando estiver em funcionamento serão mais de 300 oportunidades diretas para os profissionais da área de saúde.

“O novo hospital será uma realidade e a população de Belo Jardim terá uma unidade referência, com profissionais capacitados e um tratamento humanizado. Esse projeto é mais uma prova da nossa liderança para garantir ainda mais recursos para a cidade, a saúde de Belo Jardim vai continuar avançando”, disse Mendonça Filho. 

Ao lado do prefeito Gilvandro Estrela, o ex-ministro destacou que o projeto do novo hospital municipal vai garantir que Belo Jardim atenda a necessidade do município e seja o pontapé para a instalação de um polo regional de saúde na Cidade.

Mendonça reforçou que o trabalho de articulação política em Brasília rendeu, além do andamento para a construção do Novo Hospital,  somente em 2020 e 2021, quatro respiradores pulmonares e R$ 1,5 milhão para a saúde de Belo Jardim, verba foi utilizada no custeio da Atenção Básica e da média e alta complexidade. 

A nova unidade de saúde terá estrutura moderna, totalmente plana para conter os gastos com energia. Segundo a secretária de Saúde de Belo Jardim, Aline Cordeiro,  o projeto será pensado também na parte do atendimento humanizado, com quartos com varandas que possam auxiliar no tratamento e recuperação dos pacientes.

“O único hospital de referência em nossa região para ortopedia é o Hospital Regional do Agreste, em Caruaru, e a demanda é muito grande, ficando vários pacientes na fila de espera para este tipo de atendimento. Então, nosso foco é transformar o nosso futuro hospital em referência nessa especialidade”, explicou a secretária de Saúde, Aline Cordeiro.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

SESC - Férias de Janeiro

16/01


2022

Produtores de leite rebatem Governo e citam inoperância

Há meses, produtores de leite de Pernambuco solicitam apoio à Secretaria de Desenvolvimento Agrário, mas integrantes da categoria vêm apontando inoperância da pasta comandada por Claudiano Martins Filho. Existe uma nova rodada de negociação marcada para a próxima quarta-feira (19), mas esse encontro é visto com desconfiança por alguns produtores.

O setor tem amargado muitas perdas nos últimos meses. Isso porque empresas de laticínios que recebem benefícios do Estado com o compromisso de comprar o leite dos produtores locais não estão cumprindo o acordo. Em consequência, muitos produtores somam prejuízos. Sem conseguir vender o leite, jogam o produto fora.

Nas redes sociais, vídeos que documentam o descarte ajudam a denunciar o que eles definem como descaso. Conforme relatado ao Blog por um produtor, em reserva, com receio de sofrer represália, as empresas foram dispensadas de pagar o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) em até 95% graças a um decreto emitido em maio do ano passado. Como contrapartida, teriam de comprar o leite. O compromisso, como denunciado, não está sendo honrado.

O decreto gerou um efeito contrário, estimulando as empresas a comprarem leite de outros estados, preterindo a produção local. E, de acordo com estes mesmos produtores, a situação é agravada com a isenção total de impostos, uma vez que o decreto que instituía a cobrança do ICMS na entrada foi revogado em maio de 2021, a pedido das indústrias.

Deste então, a realidade dos produtores é marcada pelo acúmulo de prejuízos. Recebendo a metade do custo de produção, são levados a descartar o leite. Apesar dessa desconfiança de boa parte da categoria, o presidente do Sindicato dos Produtores de Leite de Pernambuco (Sinproleite-PE), Saulo Malta, está confiante de que um acordo será fechado na próxima semana, trazendo melhores condições para o setor.

"A crise existe, mas nós estamos confiantes de que vamos ser atendidos nas nossas demandas, trazendo ganhos para a nossa categoria", disse Malta ao Blog ontem.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bandeirantes novembro 2021

16/01


2022

Professores protestam contra prefeito de Belmonte

Em São José do Belmonte, Sertão Central, os professores espalharam diversas faixas contra o prefeito Romonilson Mariano (PSB) na manhã de ontem (15). Segundo os profissionais de educação, o gestor não pagou o dinheiro dos precatórios e o saldo do Fundeb.

Após tomar conhecimento, Romonilson mandou arrancar as faixas. As informações são do blog Fala PE.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Pousada da Paixão

16/01


2022

Justiça manda reabrir pousada interditada em Noronha

O desembargador Itabira de Brito Filho, do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), determinou ontem a reabertura do Flat Baía do Sancho, em Fernando de Noronha. O magistrado concedeu efeito suspensivo em favor da pousada, que havia sido interditada pela Vigilância Sanitária do Estado em razão dos administradores se recusarem a tomar vacina contra a Covid-19.

A pousada é administrada por uma família com quatro pessoas. Duas delas tomaram a primeira dose do imunizante e as outras duas optaram por não se vacinar. A decisão permite que o espaço volte a funcionar apenas com o atendimento dos dois integrantes da família que receberam a primeira dose.

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, comemorou a reabertura da pousada em uma vídeoconferência com um dos donos (clique no player e assista). O pousadeiro chega a agradecer ao ministro por, segundo ele, ter obtido aparato judicial.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


16/01


2022

Ipojuca inicia ações em alusão ao Janeiro Branco

A Prefeitura do Ipojuca, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, deu início, nesta última semana, a uma série de ações para promover a campanha Janeiro Branco, que visa conscientizar a população a respeito da saúde mental. Com o tema “O mundo pede saúde mental”, a programação começou com uma atividade do Centro de Referência à Saúde do Homem, em Nossa Senhora do Ó. No local, foram realizadas iniciativas como oficinas e atividades funcionais com os usuários do espaço.

“Estamos vivenciando a campanha do Janeiro Branco que busca enfatizar a importância do cuidado com a saúde mental da população. Pois, quem cuida da mente cuida da vida", destaca a psicóloga do Centro, Liliane Mercedes.

Ainda segundo a profissional, atividades lúdicas contribuem para a melhoria da autoestima, bem como podem reduzir os fatores que produzem estresse. "São ações que minimizam a ansiedade e a angústia presentes no cotidiano, pois esse tipo de atividade permite a expressão de sentimentos, a comunicação e interação social", reforça. 

Ao longo do mês, o trabalho de orientar e alertar as todos sobre a importância de estar bem consigo mesmo e com os outros, de saber lidar com as boas emoções e também com aquelas desagradáveis e reconhecer os limites e buscar ajuda quando necessário prossegue. Serão promovidas ações de panfletagem, palestras, oficinas, entre outras iniciativas para todas as idades.

As equipes da Saúde do Ipojuca estão tanto nas unidades do município como em espaços públicos, a exemplo da Feira de Ipojuca, no Centro, nas ruas e comércio de Camela e na Praia de Porto de Galinhas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


16/01


2022

De bigu com a modernidade

Inflação dos carros 0km dispara

O ano de 2021 no mercado automobilístico ficará marcado pelo movimento atípico e acentuado do aumento dos preços dos carros novos e usados. Segundo o Monitor de Variação de Preços da KBB Brasil, empresa especializada em pesquisa de preços de automóveis, a inflação do setor chegou a passar dos 18% - considerando apenas os modelos 2022. Para os carros 0km em geral, vendidos até o final de dezembro (modelos 2020 ou 2021), o índice chegou a 9%. No caso dos usados, os custos dos automóveis que têm entre 4 e 10 anos de uso subiram mais de 22% no período.

Detalhe: o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o indicador oficial de inflação do país, fechou 2021 a 10,06% - bem acima do teto da meta estabelecida, que era de 5,25% e é o maior em seis anos.

O último monitor da KBB do ano mostra que, em dezembro, a curva ascendente dos preços dos carros novos mostrou leve arrefecimento, mas ainda manteve seu viés de aumento - com registro de acréscimo médio de 0,74% no período. Os modelos 2022 tiveram alta de 1,52% em dezembro, em média. Comparando com o comportamento dos preços observado ao longo de 2020, no ano passado, os veículos novos acumularam mais do que o dobro do aumento visto há dois anos: e quando já havia crise sanitária, mas as dificuldades de produção ainda não provocavam grandes distúrbios entre a oferta e a demanda da indústria. Enquanto os modelos 2021 (que eram os mais recentes ao final de 2020) subiram 7,79% naquele ano, os 2022 fecharam os últimos 12 meses com 18,4% de inflação.  

Com relação aos carros usados, a discrepância entre o cenário de 2020 e o de 2021 é ainda mais marcante. Entre os seminovos, com até 3 anos de uso, houve aumento de 2,15%, em média, nos preços de dezembro, totalizando alta de 17,22% no acumulado do ano para este grupo. Em 2020, os veículos seminovos terminaram o ano com preços praticamente estáveis, uma vez que a variação, ainda que já tenha sido positiva, ficou limitada a mero 0,93%. Contudo, vale ressaltar que os modelos com um ano de uso já apontavam para um movimento inflacionário mais forte naquela época.  

Mas a maior diferença entre 2020 e 2021 fica para os carros usados (4 e 10 anos de uso). Em média, estes veículos subiram 22,46% entre janeiro e dezembro do ano passado, enquanto em 2020 o comportamento de preço acumulado desta categoria, por mais que tenha dado indícios de elevação atípica na época, encerrou o período com viés de queda de -0,85% em média. A KBB Brasil analisou 26.376 versões de automóveis à venda para a elaboração da edição de dezembro do Monitor de Variação de Preços.  A empresa usa análise de dados e Big Data para produzir os levantamentos de precificação de veículos novos e usados.

Novo Renegade é revelado - A Stellantis divulgou, enfim, depois de criar algum suspense, o visual do novo Jeep Renegade - que vai ganhar a segunda reestilização desde que foi lançado, em 2015. O SUV terá mudanças na grade frontal, agora com faróis com setas integradas às luzes de condução diurna de LEDs, e na traseira - com lanternas também redesenhadas. Sem falar nas alterações nos pára-choques. Mas talvez a mudança mais importante seja o fato de que a partir de agora o Renegade deixará de ter motor a diesel, sendo vendido exclusivamente com o propulsor 1.3 turbo flex T270 - aquele mesmo que está equipando a Toro (Fiat), o Compass e o Commander (Jeep) e que gera até 185cv de potência, com 27,5kgfm de torque. Mesmo assim, vale lembrar: algumas versões, como a Trailhawk, topo de linha, mantêm a tração 4x4 e o câmbio automático de nove marchas.

Toyota Yaris, já modelo 2023, é reestilizado - O modelo irmão-caçula do Corolla acaba de ganhar algumas mudanças no visual - e essencialmente na dianteira. Mas como nem tudo é beleza, destaque especial para os novos itens de série, principalmente de segurança. Por exemplo: todas as versões passam a ter sete airbags de série (joelho, frontais, laterais e de cortina). Só isso já vale o esforço. E agora até os passageiros de trás têm alertas sonoros de cinto de segurança. As versões XS e XLS têm até o sistema de pré-colisão da marca (emite alerta sonoro e ajuda na frenagem quando identifica uma possível colisão e outro para mudança de faixa. Sobre o visual: o Yaris modelo 2023 vem com para-choque em novo formato (trapezoidal, com acabamento tipo colmeia e pret na área central) e faróis com LED na versão topo de linha XLS. Ah, o design das rodas (com acabamento em dois tons na linha mais cara) também mudou. Em relação ao motor, fim do 1.3: agora, só o 1.5 flex de até 110cv e 14,9kgfm torque, com câmbio automático CVT que simula 7 marchas. Vamos, então, aos preços: a versão XL hatch fica por R$ 92.190; a sedã, por R$ 96.390; a XLS hatch sai por R$ 112.690, enquanto a sedã chega aos R$ 116.990 (nesse meio, a XS, por R$ 101.490 e R$ 104.990). 

Corolla mais seguro - E já que estamos falando sobre modelos da Toyota, vale destacar que todas as versões da linha 2023 do Corolla e do Corolla Cross virão agora, de série, com o pacote de segurança composto por sistema de pré-colisão frontal, assistência de permanência de faixa com função de alerta, faróis altos automáticos e piloto automático adaptativo. Antes, só as versões híbridas tinham esses benefícios, digamos assim. Já era mais do que esperada e bem-vinda toda essa parafernália. E mais: o Corolla traz também mimos como carregador de celular por indução (nas versões Altis Premium e Altis Premium Hybrid) e sensor de estacionamento dianteiros e traseiros nas mais básicas. Os novos preços do sedã variam de R$ 148.290 (o GLi 2.0 flex) a incríveis R$ 187.190 (o Altis 1.8 Hybrid premium). 

Compro branco, prata, preto? - A startup do segmento automotivo Mobiauto realizou uma pesquisa em sua base de dados para verificar o comportamento de preços dos modelos seminovos no país (2019 e 2020) separados por cores. Inicialmente, os pesquisadores apanharam cotações de centenas de marcas e modelos em janeiro e, posteriormente, dos mesmos veículos em dezembro de 2021. Feita a análise dos dados, o resultado surpreendeu. O levantamento considerou as 16 marcas de maior volume de vendas do país, com um total de 565 modelos e versões. Para cada uma delas, os pesquisadores da área de estatísticas da Mobiauto selecionaram a variação de preços das cinco cores mais comuns: branco, prata, cinza, preto e vermelho. Outras tonalidades mais raras, como amarelo, verde, azul ou marrom foram descartadas da pesquisa por terem uma amostragem muito restrita e nem pertencerem ao menu dos principais modelos 0km. E deu vermelho!

“Ficamos surpresos com o resultado! Esperávamos que o branco fosse liderar a pesquisa, mas o resultado mostrou equilíbrio, sinal de que o consumidor de carros seminovos está cada vez mais seletivo com outros quesitos na compra, como estado de conservação, documentação, origem do veículo… e muito menos preocupado com a cor do veículo que está sendo adquirido”, opina o consultor automotivo e CEO da Mobiauto, Sant Clair Castro Jr. “Repare na tabela que as cinco primeiras colocações são de cores aleatórias, mas todas elas de modelos 2019. Os cinco seguintes são 2020. Isso decorre por circunstâncias mercadológicas que favorecem o modelo mais velho, visto que seus preços estão mais acessíveis. E definitivamente elimina qualquer preferência por esta ou aquela cor”.

Segundo o consultor da Mobiauto, a ótima performance dos seminovos na cor vermelha também está atrelada a outros dois aspectos: a cor é mais comum em alguns nichos de mercado, o que ajudaria a valorizá-la. “Você não vê muitos sedãs ou SUV´s vermelhos. É uma cor mais comum em modelos de entrada (hatches e picapes compactas, por exemplo). E esses carros são naturalmente muito procurados, o que pode ter ajudado no aumento de preços do vermelho”, explica Castro Jr.

Na outra extremidade, o vermelho também é acalentado nas poucas opções de carros esportivos, o que levaria o comprador a pagar um pouco mais caro neste caso específico para ter seu seminovo na cor mais representativa. De uma forma geral, com a média de valorização dos modelos 2019 e 2020, o resultado aponta para 20,45%. E veja que curioso: todas as cores de modelos 2019 ficaram acima da média, bem como as mesmas cores de modelos 2020 posicionaram-se abaixo desse percentual. “Quando uma pesquisa mostra variação tão estreita nos resultados é sinal de que aquele ingrediente que está sendo pesquisado não interfere, definitivamente, na opção do comprador. E esta é uma ótima notícia! Se você era daqueles consumidores que escolhiam a cor do seu carro 0km já pensando na hora da revenda, esqueça! O comprador de seminovos não está nem aí pra isso”, recomenda o CEO da Mobiauto.

Vem aí o incrível BMW iX M60 - A marca alemã BMW até demorou, mas está entrando com força no universo dos veículos elétricos. O iX M60, com acabamento da divisão esportiva M, chega com potência de 619cv (455 kW) e torque máximo instantâneo de impressionantes 112 kgfm, desde que esteja com o controle de largada. A marca promete a junção de sustentabilidade, design ousado, espaço interno generoso e, claro, condução de alta performance. O iX M60 é o segundo elétrico a passar pela M (o primeiro foi o BMW i4 M50) e tem aumento na velocidade quase constante, limitada eletronicamente a 250 km/h, e autonomia de até 566 km.

O modelo é fabricado na fábrica do BMW Group em Dingolfing, na Alemanha. O conceito tem base elétrica com características de alto desempenho – e a própria estrutura reforça isso: para reduzir o peso, materiais de ponta foram usados abundantemente, com alumínio e a estrutura de carbono no teto e nas lateral e traseira. A distribuição de peso foi uma preocupação desde o início – e a bateria de alta tensão está localizada no assoalho ao centro da carroceria, baixando o centro de gravidade do veículo para garantir agilidade e distribuição equilibrada da carga por eixo.

A versão, para se diferenciar das mais ‘populares’, tem o emblema M60 estampado na traseira, pinças de freio em azul e rodas aero bicolores de 22’’. E mais: vem com o Live Cockpit Professional e o BMW Natural Interaction, para garantir que as funções sejam operadas por fala e gestos. Sem falar no som Bowers & Wilkins Diamond (com 30 alto falantes!!).Os bancos dianteiros são esportivos, com encosto integrado e ventilação. O volante é hexagonal e o ar-condicionado é automático de quatro zonas, O iX também é pioneiro na transmissão de dados usando o padrão de celular 5G e na integração da conta do celular pessoal no veículo com a ajuda do Personal eSIM.

Os 10 elétricos mais vendidos - E por falar em elétricos, o comércio desse tipo de veículo no Brasil no ano passado foi excelente: segundo a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE ), foram 34.990 unidades emplacadas - uma elevação de 77% sobre o registrado em 2020 levando-se em conta os 100% elétricos, híbridos e híbridos plug-in. O Nissan Leaf liderou, mas merecem destaque dois veículos caros: o Porsche Taycan e o Volvo XC40 Recharge. Confira a lista:
1 - Nissan Leaf Tekna: 439
2 - Porsche Taycan: 379
3 - Volvo XC40 Recharge: 375
4 - Mini Cooper Electric: 313
5 - Audi e-Tron: 252
6 - BMW i3 BEV 120AH: 159
7 - Fiat 500e Icon: 146
8 - Chevrolet Bolt: 132
9 - BYD ET3: 124
10 - Renault Kangoo: 120

*Renato Ferraz, ex-Correio Braziliense, tem especialidade em jornalismo automobilístico.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


15/01


2022

Blog chega a 50 mil seguidores no Instagram

Este Blog atingiu a importante marca de 50 mil seguidores na conta oficial no Instagram ontem. Os números mostram nosso crescimento e revelam confiança no trabalho iniciado há 15 anos, trazendo diariamente os bastidores e o dia a dia da política em primeira mão.

Desde já, a equipe do Blog do Magno agradece aos leitores pela parceria! Quem ainda não nos segue no Instagram pode passar a seguir no @blogdomagno.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha