FMO - Previnir é a melhor forma de lutar

21/10


2021

Miguel Coelho recebe apoios na Mata Norte

O prefeito Miguel Coelho iniciou, hoje, um giro por vários municípios de Pernambuco. Após visitar vereadores e lideranças em Camaragibe, o gestor de Petrolina foi a Paudalho para um encontro com políticos da Mata Norte. Na agenda, além de debater os problemas da região, Miguel recebeu apoio em massa para a pré-candidatura ao Governo do Estado.

O evento foi organizado pelo prefeito de Paudalho, Marcelo Gouveia. Também estiveram presente o deputado federal Ricardo Teobaldo, o estadual Gustavo Gouveia, os ex-prefeitos de Paudalho, Eufrasio Filho e Fernando Moreira; Cláudio Honório (Chã de Alegria); Túlio Vieira (Surubim); e Carlinhos do Moinho (Carpina), além de vereadores de diversos municípios da região.

No debate com as lideranças da Mata Norte, a falta de investimentos do Governo do Estado e a situação econômica dos municípios foram as principais queixas. O prefeito Marcelo Gouveia foi uma das vozes mais contundentes sobre a falta de atenção e de incentivos estaduais para a região. “A Mata Norte precisa de investimento, de emprego, de renda e de alguém como Miguel para trazer esperança para o povo da nossa região”, reforçou Marcelo Gouveia, defendendo o nome de Miguel Coelho numa possível candidatura ao Governo.

O deputado federal Ricardo Teobaldo fez coro às críticas e garantiu que irá marchar na oposição por um projeto de mudança em Pernambuco. “Estou onde sempre estive, na oposição, e Miguel Coelho é o nome que tem nosso apoio”, disse o parlamentar no evento em Paudalho.

Após as primeiras agendas, Miguel Coelho fez um balanço das primeiras visitas do ciclo de debates por Pernambuco. “Estou focado nesses encontros em ouvir e já foi possível confirmar o que nós temos dito. Pernambuco se tornou campeão da falta de investimentos e do desemprego. As cidades estão sem atenção do Governo do Estado, existe uma sensação de abandono, e é preciso recuperar a economia. Ao mesmo tempo, a gente percebe um sentimento de esperança, um desejo pela mudança. A hora é de ouvir os moradores dessas cidades para definir um plano que possa oferecer um futuro melhor”, explicou o prefeito sertanejo.

Miguel continua o giro pelas cidades nesta quinta em Santa Cruz do Capibaribe. Na sexta, o prefeito visita Tabira, Afogados da Ingazeira e Belo Jardim. No total, 11 municípios terão encontros com Miguel Coelho até domingo (25).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Jaboatão - regularizacao-fundiaria

21/10


2021

Bolsonaro faz passagem rápida por Toritama

Após sua passagem pelo município de Sertânia, no Sertão do Moxotó, onde realizou a inauguração do Ramal do Agreste, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez uma rápida passagem pelo município de Toritama, no Agreste pernambucano.

A visita do presidente a cidade não estava na agenda oficial da Presidência, porém Bolsonaro reuniu seguidores pelas ruas onde passou e causou aglomeração ao cumprimentar apoiadores.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cabo - Pavimentação e Drenagem

21/10


2021

Prefeito dançarino promete o que não tem em Lajedo

O atual prefeito de Lajedo, Erivaldo Chagas (DEM), que assumiu o mandato da cidade após o falecimento do prefeito Adelmo Duarte, em junho, tem se revelado um “primeiro-ministro” de âmbito municipal. O que se comenta na cidade é que o verdadeiro mandatário da Prefeitura é o comerciante Toinho Cosmo. É ele quem decide e governa.

Aliás, o prefeito que, na condição de candidato a vice, vivia dançando nos comícios, parece encarar a gestão na valsa. Nada faz além de gabar-se dos dotes de bailarino.

Nas articulações políticas, o “dançarino” também se mostra um “peru doido”. Vem se reunindo com deputados de diferentes matizes políticas e, como se tivesse envergadura eleitoral em todo o Agreste, garante apoio e votos a todos com quem conversa.

Promete o que não tem e ainda se mostra pouco confiável e escorregadio, uma vez que vem se distanciando do grupo político que apoiou a chapa encabeçada por Adelmo Duarte.

Tudo isso tem levado muita gente a entender que a crise de choro de Erivaldo durante o velório de Adelmo era, na verdade, carregada de lágrimas de crocodilo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina setembro 2

21/10


2021

Com o fim da safra, Agrovale suspende doação de palhada

A Agrovale divulgou uma nota, na manhã de hoje, informando que vai encerrar, no final desse mês, as doações de palhada (alimento animal volumoso decorrente da produção de cana-de-açúcar), em consequência do fim da safra 2021. Com a garantia de que será mantida a programação prevista até o final do estoque, a empresa sucroalcooleira adiantou que em maio de 2022 retoma o projeto com o início da safra e a disponibilidade do produto.

As doações de palhada fazem parte do projeto de responsabilidade social e ambiental da empresa que foi criado em 2018 e já beneficia 51 mil pequenos produtores rurais de 16 municípios com a doação de mais de 80 mil toneladas de palhada para os rebanhos bovinos, caprinos e ovinos da região.

A Agrovale vem implementando de forma progressiva a eliminação da queima controlada de cana-de-açúcar com o método de mecanização da colheita. Como parte final desse processo, a palhada resultante do corte mecanizado é enfardada e distribuída gratuitamente também para prefeituras, associações e entidades de ensino e de proteção ecológica.

Com o progressivo aumento de adesões a demanda pela palhada tem crescido e se tornado uma das principais fontes de alimentação animal na região semiárida. A Agrovale tem buscado atender a todos de forma igualitária, dentro de um cronograma baseado na capacidade diária de produção e demanda. A empresa conclui a nota assegurando que após o início da safra 2022, com a disponibilidade do produto, começa o agendamento para composição do cronograma de atendimento às doações.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/10


2021

Waldonys amanhã no Sextou

Se você deseja ouvir o programa pela internet, clique no botão Rádio acima ou baixe o aplicativo da Rede Nordeste de Rádio na play store.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Sindicontas

21/10


2021

PE diz que adutora atrasou por falta de verbas federais

Por Houldine Nascimento, enviado especial a Sertânia

O Governo de Pernambuco enviou uma resposta ao Blog sobre o posicionamento do Ministério do Desenvolvimento Regional a respeito das obras da Adutora do Agreste. Durante a inauguração do Ramal do Agreste, o ministro Rogério Marinho reiterou a nota do MDR, culpando a administração estadual pelo atraso nas obras.

Segundo o Governo de Pernambuco, em nota, "a construção das adutoras que vão levar água do Ramal do Agreste às torneiras dos pernambucanos não foi concluída porque o Governo Federal vetou, em abril deste ano, o repasse orçamentário que seria destinado às obras".

"Os R$ 161 milhões previstos e assegurados para serem empregados nas obras complementares jamais foram liberados pelo Governo Federal. Em todo o ano de 2021, nenhum único centavo foi repassado ao Governo de Pernambuco para o andamento das adutoras", continua.

Ainda de acordo com o Governo do Estado, "mesmo contemplado pela Lei Orçamentária Anual 2021, a iniciativa foi objeto de Veto Presidencial, através da Mensagem nº 156, de 22 de abril de 2021, tendo sido alegado contrariedade ao interesse público, cancelando os valores estimados para 2021 de R$ 161 milhões".

"Como consequência, mais uma vez, as obras da Adutora do Agreste diminuíram de ritmo por conta da incerteza na disponibilidade financeira por parte do Governo Federal e não por conta da ordem de execução dos trabalhos, como afirmou em nota o Ministério do Desenvolvimento Regional. Deixando bem claro: em 2021, a União não realizou nenhuma transferência de recursos", conclui.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Ipojuca - Outubro

21/10


2021

Bolsonaro acena para caminhoneiros

Por Houldine Nascimento, enviado especial a Sertânia

Durante o seu discurso na inauguração do Ramal do Agreste, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) enfatizou a criação do Auxílio Brasil, em substituição ao Bolsa Família, de R$ 400. O chefe do Executivo também acenou para caminhoneiros autônomos e prometeu ajudar a categoria.

De acordo com ele, os detalhes serão anunciados nos próximos dias. Dias atrás, parte da categoria ameaçou paralisar as atividades pelo preço do diesel e do frete.

Ainda no palco de inauguração do Ramal do Agreste, em Sertânia (PE), Bolsonaro voltou a atacar o PT: “Deixamos para trás o vermelho da corrupção, do descaso e do retrocesso”.

"O PT foi muito bom. Acabou excelentes obras fora do Brasil", disse mais adiante.

O presidente também insistiu que "não há casos de corrupção em seu governo" e criticou o relator da CPI da Pandemia, Renan Calheiros (MDB-AL). Disse que o parlamentar "pauta a imprensa".

Na sequência, o senador alagoano foi xingado por apoiadores do presidente.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Caruaru - Transparência em 1° Lugar

21/10


2021

Rogério Marinho reclama de informação sobre Adutora

Por Houldine Nascimento, enviado especial a Sertânia

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, rebateu a informação divulgada na imprensa de que faltaram recursos do Governo Federal para que fossem inaugurados simultaneamente o Ramal do Agreste e a Adutora do Agreste, obra tocada pelo Governo de Pernambuco, por meio da Compesa.

Marinho disse que a administração estadual "começou a obras de trás para a frente", inviabilizando que a água passasse pelo trecho da Adutora ligado ao Ramal. Segundo Marinho, o Governo do Estado não acreditou que a gestão Bolsonaro concluiria o projeto.

O Blog procurou a Compesa para falar sobre o assunto, mas não obteve resposta até o momento.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

21/10


2021

Gilson é saudado como “governador”

Por Houldine Nascimento, enviado especial a Sertânia

Ao ser anunciado para discursar na entrega do Ramal do Agreste, em Sertânia, o ministro Gilson Machado Neto (Turismo) foi saudado por apoiadores como "governador". Quando falou sobre o assunto, Gilson disse que a candidatura depende do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

O ministro do Turismo também fez duras críticas à imprensa, além de elogiar ações do Governo Federal.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

Os bozolóides e as mesmas desculpas: Venezuela, Cuba, Bolívia, Lula, gato, cachorro, periquito......blá blá blá blá....não falam do preço da carne, gasolina, gás, arroz, feijão.....das rachadinhas, das mansões dos zeros.....isso nada, e a boiada a seguir

Rafael C.Soares Quintas

Parabéns presidente, o PT do Lulaladrão e da Bandilma fizeram obras em Cuba, Porto de Mariel, Venezuela e Bolívia, a falta d\'água no nordeste dava voto pra Ptzada, pois o povo fica sempre dependente.

Joao

Deus nos livre dessa coisa!

Joao

O puxa saquismo começou em Sertânia. No blog será todo o fim desta semana. E sanfoneiro não perde a oportunidade


Pousada da Paixão

21/10


2021

FBC diz que Bolsonaro foi vítima de injustiça na CPI

Por Houldine Nascimento, enviado especial a Sertânia

O líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), fez uma defesa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ao falar sobre a CPI da Pandemia, que indiciou o chefe do Executivo. O parlamentar disse que Bolsonaro foi "vítima de injustiça". A declaração foi dada durante a entrega do Ramal do Agreste, em Sertânia (PE).

FBC também criticou o colegiado por deixar em segundo plano estados e municípios nas investigações. Falou em "respiradores de porcos", alfinetando de forma indireta a Prefeitura do Recife pelo caso envolvendo a compra de equipamentos que foram devolvidos em 2020.

O senador também destacou que o atual governo pegou a obra do Ramal do Agreste com R$ 300 milhões investidos. FBC foi recebido com algumas vaias.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

Fernando sua vez chegará. O mais novo lambe-botas, agora não é mais o trio, agora é o quarteto!


SESC Outubro 2021

21/10


2021

Bolsonaro atende apoiadores em Sertânia

Por Houldine Nascimento, da equipe do blog.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

O blogueiro está quase superando o quarteto!


Bandeirantes outubro 2021

21/10


2021

No Ceará, Bolsonaro usou cola escrita na mão

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) apareceu com uma “cola” escrita em sua mão esquerda durante visita ao município de Russas, na região do Vale do Jaguaribe, no Ceará. Em foto tirada pelo jornal O POVO, é possível ler a palavra “Banabuiú” sublinhada na mão de Bolsonaro e também a sigla MP.  A cola seria uma referência ao açude de mesmo nome para o qual Bolsonaro assinou contrato e ordem de serviço para a recuperação de uma barragem.

No punho esquerdo do presidente é possível ver ainda uma pulseira onde está escrito “Apocalipse”. O objeto retrataria o versículo da Bíblia Apocalipse 12:11 ("E eles o venceram pelo sangue do cordeiro e pela palavra do seu testemunho; e não amaram as suas vidas até a morte").

Pulseira similar já foi utilizada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, e pelo próprio Bolsonaro durante cerimônia de posse presidencial em janeiro de 2019. Passagens anteriores do capítulo 12 do livro de Apocalipse versam sobre a luta do Arcanjo Miguel, enviado de Deus, contra Satanás, o demônio.

Em discurso no município cearense, Bolsonaro afirmou que o Brasil paga uma conta devido à “política do fique em casa e a economia a gente vê depois”, em tom de crítica a governadores e prefeitos e afirmou que gestões federais anteriores deixaram marcas de “descaso e corrupção” com obras inacabadas. O gestor também criticou a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid no Senado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

Claro, só com cola, é burro!