Jaboatão - Nova UBS PET

22/09


2021

Isenção do IR para pessoas com sequelas da Covid

Foi aprovado, hoje, na Câmara dos Deputados, o Projeto de Lei 1100/2021 que isenta de Imposto de Renda (IR) e dispensa de carência previdenciária pessoas que ficaram com sequelas em função da Covid-19. A proposta é de autoria do deputado federal Wolney Queiroz (PDT/PE) e Dagoberto Nogueira (PDT/MS), com relatoria do deputado André de Paula (PSD/PE).

A medida prevê ainda que, para os casos em que a incapacitação para o trabalho exigir que a pessoa adoecida recorra à previdência social, ela ficará isenta do cumprimento de prazo de carência. Conforme justificativa que acompanha o PL, a OMS aponta como sendo as sequelas mais comuns entre os pacientes com manifestações clínicas graves e quadros críticos com fibrose pulmonar; lesões miocárdicas significativas, com redução da função sistólica e arritmias; declínio cognitivo de longo prazo, perda de memória, atenção, velocidade de processamento e funcionamento e perda neuronal difusa, encefalopatia aguda, alterações de humor, psicose, disfunção neuromuscular ou processos desmielinizantes. Tais complicações, conforme a justificativa do projeto, podem reduzir a capacidade laboral do paciente de forma temporária ou permanente, além da exigência de se submeter a tratamentos permanentes ou de longo prazo.

Para Wolney Queiroz, que é líder do PDT na Câmara, essa medida busca ser uma justa compensação às perdas sofridas por essas pessoas acometidas pelo vírus e com graves sequelas. “O nosso papel no Parlamento é amparar a população, principalmente nesse momento tão difícil que vivemos e que traz graves consequências para a população. Esse projeto traz justamente o apoio do Estado para as vítimas da Covid-19 que ficaram com graves sequelas que reduziram a capacidade laboral de forma temporária ou permanente, prejudicando e fragilizando a vida financeira”, disse.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cabo - Pavimentação e Drenagem

22/09


2021

Sintape denuncia precariedade no IPA

O Sindicato dos Trabalhadores Públicos da Agricultura do Meio Ambiente do Estado de Pernambuco (Sintape) lançou uma campanha nas redes sociais com denúncias sobre o Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA). De acordo com a instituição sindical, os profissionais do órgão vinculado a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Agrário estão enfrentando problemas.

"Nos 86 anos do IPA, estamos impulsionando nas nossas redes sociais três hashtags, que informam o que os trabalhadores do IPA enfrentam para garantir um serviço de qualidade à população pernambucana", diz a nota.

Entre as hashtags, estão #SucateamanetodoIPA, #DesvalorizaçãodostrabalhadoresdoIPA e #IPAcomRestriçãonoCAUC.

O Sintape fez uma lista que traz pontos considerados problemáticos:

  • Falta de investimento nas Unidades de Pesquisa do Instituto;
  • Mais de 35 escritórios municipais foram fechados no interior do Estado, deixando de atender mais de 50 mil famílias de agricultores;
  • Mais de 70% da frota de veículos sem manutenção;
  • Maquinários do setor de Recursos Hídricos nas “mãos dos municípios”;
  • Cota insuficiente de combustível para os trabalhadores realizarem as atividades de campo;
  • 07 anos sem reposição salarial;
  • Falta da implantação do PCCS;
  • Impedimento do IPA na captação de recurso no CAUC.

Segundo o Sintape, a situação poderá repercutir no atendimento dos agricultores de base familiar. "É a agricultura familiar responsável por quase 70% da produção do alimento que vai para a mesa do povo pernambucano", afirma.

Sobre o CAUC

O CAUC é um serviço que disponibiliza informações sobre a situação de cumprimento de requisitos fiscais necessários à celebração de instrumentos para transferência de recursos do governo federal, pelos entes federativos, seus órgãos e entidades, e pelas Organizações da Sociedade Civil (OSC). O objetivo é facilitar a verificação do cumprimento dos requisitos fiscais para fins de recebimento de transferência voluntária pelos gestores de entes políticos e de OSC, como também pelos gestores federais.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina setembro 2

22/09


2021

Zé Martins: “Não tenho medo de represália”

O prefeito de João Alfredo, Zé Martins, assegurou que não está preocupado com alguma punição do PSB por confirmar presença no ato de filiação do prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, ao DEM, no próximo sábado (25), no Recife. "Não tenho medo de represália. Primeiro porque sou independente. Reconheço que o partido me ajudou com a direção estadual, mas não tenho medo porque estou indo lá em sinal de agradecimento, reconhecimento pelo o que os Coelho estão fazendo por João Alfredo", disse Martins em entrevista ao Frente a Frente, há pouco (ouça acima).

Segundo o prefeito de João Alfredo, o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) e o deputado federal Fernando Coelho Filho (DEM) disponibilizaram emendas parlamentares que permitiram ao município adquirir ônibus escolar, retroescavadeira e garantir aporte para a saúde local. "Já foram depositados R$ 700 mil na conta do Fundo Municipal de Saúde, mais R$ 1,9 milhão estão empenhados para o setor e R$ 1,8 milhão em asfalto", declarou.

"O município é pobre e não pode se ater a cores partidárias", continuou Zé Martins, que fez elogios a Miguel Coelho, embora tenha se esquivado de declarar apoio no pleito ao Governo de 2022: "Ele (Miguel) reúne as qualidades que o credencia ser governador. A gente discute (a eleição) no ano que vem."

O gestor de João Alfredo também afirmou que "não recebeu nada do Governo do Estado, nem sequer um telefonema". "Tenho amigos lá, reconheço a amizade, mas do governo Paulo Câmara, não recebi nada até agora. Não é para mim, é para o município", prosseguiu.

"Ele (Paulo) não gosta de mim", completou. Zé Martins, no entanto, disse que obteve ajuda do PSB na campanha eleitoral: "O presidente [estadual do PSB] Sileno Guedes fez um gesto importante para a minha gestão. Eu sou muito grato a ele."


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Sindicontas

22/09


2021

PEC-15 de Silvio Costa filho é aprovada na CCJ

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 15/2021, de autoria do deputado federal Silvio Costa Filho (Republicanos), que trata do reparcelamento das dívidas previdenciárias dos municípios, foi aprovada na Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados (CCJ), hoje. A matéria prevê o parcelamento das dívidas previdenciárias em até 240 meses.

Mais cedo, o parlamentar se reuniu com o ministro da Previdência Social e Trabalho, Onyx Lorenzoni; com o ministro da Advocacia Geral da União (AGU), Bruno Bianco; com a presidente da CCJ, deputada Bia Kicis (PSL); e com o relator da PEC, deputado Hiran Gonçalves (PP), para receber os apoios e viabilizar a votação. “Conseguimos levar a votação e, também, aprovar a PEC na CCJ com muito trabalho. A PEC 15 é fundamental para o fortalecimento dos municípios brasileiros, pois, independentemente de posição partidária, precisamos, mais do que nunca, avançar na pauta municipalista”, frisou Silvio.

O parlamentar se mostrou confiante com o andamento das discussões e comentou a instauração de uma comissão, pelo presidente Arthur Lira, para apreciar a pauta. “Estamos aguardando a instalação da comissão especial que vai discutir o tema. Vamos debater a pauta em até dez sessões, não tenho dúvidas da sua constitucionalidade. Estamos todos mobilizados pela aprovação da matéria, deputados e senadores. Muito em breve, vamos levá-la ao Plenário da Câmara”, declarou. 

A PEC 15/2021, que tem o apoio dos prefeitos de todo o Brasil e da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), permite que as prefeituras paguem suas dívidas previdenciárias em 240 meses (20 anos). Ela pode garantir um fôlego fiscal e dar tranquilidade para que, nos próximos anos, os prefeitos tenham mais recursos para cuidar da gestão e investir em saúde, educação, programas sociais e infraestrutura, gerando, assim, emprego e renda para a população.

“Quero saudar o presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, que, desde o primeiro momento, mobilizou os prefeitos. Fizemos uma discussão coletiva nos últimos meses, dialogando com prefeitos e Governo Federal, para que pudéssemos aprovar a matéria por quase maioria nesta Comissão. E saudar, também, o meu amigo José Patriota, primeiro secretário da CNM e presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), pelo esforço e diálogo em benefício dos prefeitos do nosso estado e do Brasil”, ressaltou Silvio.

Relator da PEC 15/2021 na CCJ, o deputado Hiran Gonçalves (PP) endossou as adversidades da gestão municipal e considerou que a aprovação da matéria dará alento aos prefeitos. “Nós conseguimos discutir e construir um acordo. O governo brasileiro entende que essa PEC é fundamental para a sustentabilidade da gestão. Os municípios sofrem muito com a inadimplência. Vamos à Comissão Especial e dar a resposta, o mais rápido possível, para os municípios”, disse durante participação, por telefone, na sessão da CCJ.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


22/09


2021

Sebá comemora ritmo da obra da Adutora do Pajeú

Enquanto o Brasil vivencia uma das suas piores crises hídricas, os moradores dos municípios de Triunfo e Santa Cruz da Baixa Verde, a cada dia que passa, aproximam-se mais de realizar o sonho de ter água nas torneiras. Isto se deve ao ritmo acelerado da construção do Ramal da Adutora do Pajeú, que levará água, por meio de 17 quilômetros de tubulação, a 30 mil pernambucanos e pernambucanas que residem nas duas cidades sertanejas. O investimento total será na ordem de 37 milhões.

Um dos principais responsáveis pela viabilização da obra, o deputado federal Sebastião Oliveira comemora o avanço dos serviços: “A Adutora do Pajeú era aguardada desde 2014. Em breve, o sofrimento de milhares de famílias pernambucanas vai acabar. Quem é do Sertão sabe bem o que significa essa conquista. Destravar uma obra deste porte, num momento delicado da economia, é motivo de muita felicidade e gratidão. O desabastecimento está com os dias contados”, ressaltou o parlamentar.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Ipojuca - Microempreendedores

22/09


2021

Dudu da Fonte e prefeito garantem recursos para Timbaúba

O deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE) e o prefeito de Timbaúba, Marinaldo Rosendo (PP), se reuniram, hoje, com o presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, Marcelo Ponte, para buscar recursos para a Educação de Timbaúba e de Pernambuco. O FNDE garantiu ao parlamentar a liberação de recursos para a construção de duas escolas com 13 salas no município.

“Temos trabalhado para aproximar a educação dos cidadãos e para que a boa escola seja uma realidade para todas as crianças e jovens pernambucanos. Sabemos que a educação é o único caminho para uma vida melhor de muitas famílias e estamos empenhados em oferecer escolas equipadas, confortáveis e de máxima qualidade para todos de Timbaúba e de Pernambuco”, afirmou Eduardo da Fonte.

A reunião também abordou a liberação de recursos do Plano de Ações Articuladas (PAR), que é uma ferramenta que auxilia estados e municípios no planejamento e elaboração de políticas educacionais.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Caruaru volta as aulas 2021

22/09


2021

Feitosa questiona imposição do Estado sobre vacinas


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Joao

Próximos lambe-botas a falarem: Gilson puxa Machado e o Meira. Esse trio disputa com o presidente da Caixa Econômica Federal e o senador Hainze quem puxa mais!


Serra Talhada 2021

22/09


2021

Anderson nomeia novos concursados no Jaboatão

O prefeito do Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, empossou, hoje, os novos servidores concursados das secretarias municipais de Educação, Saúde, Assistência Social e Cidadania, Infraestrutura e Administração. Foram convocados 562 aprovados, e com esse novo grupo, passa da marca 3.200 o número de efetivos nomeados pela atual gestão por meio de concurso público, desde 2017. O ato de nomeação aconteceu na quadra da Escola Municipal José Rodovalho, e para evitar aglomerações devido à pandemia da Covid-19, os novos servidores foram divididos em grupos.

Durante a cerimônia de posse, o prefeito destacou a valorização que a atual gestão dá ao funcionalismo, preenchendo as vagas com efetivos. “Dos 562 nomeados hoje, 450 são professores que vêm reforçar nossos quadros. Dos mais de 3,7 mil professores efetivos que temos na nossa rede, quase 60% entraram na nossa gestão. Isso é possível porque temos paixão pelo que fazemos. Vocês vão fazer a diferença com empenho e dedicação. Sejam bem-vindos. O desafio é grande, mas temos a melhor equipe”, ressaltou Anderson Ferreira.

Além dos 450 professores, foram convocados 47 profissionais para a Secretaria de Assistência Social e Cidadania; 37 para a Saúde; 21 da Infraestrutura e sete preencherão vagas na Secretaria de Administração. Entre estes estão médicos, odontólogos, fonoaudiólogos, agentes comunitários de saúde, engenheiros, arquitetos e educadores sociais.

Professora de anos iniciais há oito anos, Panmela Dias tomou posse no cargo com o sentimento de poder oferecer um ensino de boa qualidade aos alunos. “Todos nós estamos chegando com a esperança de contribuir com uma boa educação. Para mim, é uma mudança de vida, principalmente, por ser num momento de pandemia, que mexe com o emocional de todo mundo. A expectativa é grande de termos a alegria de voltar à sala de aula”, disse Panmela.

Com a volta das aulas presenciais no dia 4 de outubro, todas as escolas da rede municipal passaram por adaptações a fim de garantir distanciamento social, ventilação e higienização. Os professores, incluindo os nomeados hoje, estão recebendo orientações sobre como proceder e cuidar dos estudantes, diante do cenário de pandemia. As aulas através da TV Escola Jaboatão, transmitida pela TV Nova Nordeste, canal 22.2, serão mantidas para todos os 65 mil alunos, bem como a distribuição de kits de atividades e kits de alimentos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Pousada da Paixão

22/09


2021

CCJ do Senado aprova a PEC da reforma eleitoral

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou, hoje, a proposta de emenda à Constituição (PEC) que trata da reforma eleitoral. A relatora da matéria, senadora Simone Tebet (MDB-MS), rejeitou um dos pontos mais polêmicos aprovado pelos deputados no mês passado: a volta das coligações.

O parecer dá aval a outros pontos do texto, como mudança na data da posse de governadores e presidente a partir de 2026 e o “peso dois” aos votos dados a mulheres e negros para a Câmara dos Deputados. O "peso dois" será usado para o cálculo de distribuição dos fundos partidário e eleitoral às siglas até 2030.

A expectativa é que o texto seja votado ainda nesta quarta-feira no plenário do Senado. Por se tratar de uma alteração na Constituição, a proposta precisa ser aprovada em dois turnos por, pelo menos, 49 senadores (3/5 da composição da Casa).

A formação de coligações permite a união de partidos, muitas vezes sem a mesma ideologia partidária, em um único bloco para a disputa das eleições proporcionais (deputados e vereadores). O mecanismo favorece os chamados “partidos de aluguel”, que tendem a negociar apoios na base do “toma-lá-dá-cá”.

Outro problema, segundo especialistas, são os chamados “puxadores de votos”, candidatos com votação expressiva que, pelas coligações, contribuem para a eleição de integrantes de siglas coligadas que receberam poucos votos.

A vedação das coligações, aprovada em 2017 pelo Congresso, passou a valer apenas em 2020, na eleição para vereadores - portanto, ainda não foi aplicada na escolha de deputados. Em seu relatório, Tebet afirma que ainda não foi possível analisar os resultados práticos da mudança.

“Não é possível mudarmos as regras ano após ano, fazendo das eleições verdadeiros balões de ensaio. Com mudanças assim, sem que tenha sido possível, ao menos, analisar os resultados práticos da anterior, impossível observar a segurança jurídica tão necessária ao processo eleitoral. Vale a conveniência do momento”, disse a senadora.

O papel da CCJ é verificar se as propostas legislativas estão de acordo com a Constituição. Mudanças de mérito (conteúdo da matéria) devem ser apreciadas diretamente no plenário do Senado.

As mudanças relativas às regras eleitorais precisam ser promulgadas até o início de outubro para valerem para o pleito de 2022. Clique aqui e confira a matéria do portal G1 na íntegra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

SESC Agosto 2021

22/09


2021

Buraqueira na PE-85 prejudica condutores

Condutores que passam pela PE-85 estão enfrentando dificuldades devido aos buracos que se formaram na pista. A rodovia administrada pelo Governo de Pernambuco atravessa as cidades de Cortês, na Mata Sul, e Barra de Guabiraba, no Agreste Central.

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bandeirantes Agosto 2021

22/09


2021

A jornada de Sidrack de Holanda

Por Dirac Moutinho Cordeiro*

Na data de 11 de setembro deste ano, assinalamos 14 anos do falecimento do professor Sidrack de Holanda. Há 17 anos, Sidrack iniciou o "conflito" com a sua cardiopatia, embora sempre um andarilho no calçadão da Av. Boa Viagem. Certo domingo, ao caminhar com o meu pai, verifiquei o seu profundo cansaço. Ele relatou que isso ocorria mesmo após uma simples subida de escada. No exame feito por Dra. Rosário, já havia constatado o problema e a necessidade de cirurgia para implantar, provavelmente, duas pontes de safena e uma mamária.

Embora meu pai tivesse o desejo de ser tratado em São Paulo, ele seguiu opiniões de alguns médicos – tais como o Dr. Cantarelli e Dr. M. Arruda – que lhe deram tranquilidade de permanecer em Recife (centro de referência na área). A cirurgia foi feita e a recuperação excelente. Após cinco meses, o meu pai relatou o seguinte: "sinto os mesmos problemas vivenciados no passado de seis meses atrás".

Os médicos estimam que a esperança de vida após o implante reside em torno de 18 anos. Como retorno da doença, a médica indicou o clínico Dr. Ibraim Pinto (SP) para um diagnóstico complementar. A partir de então, foram feitos vários exames. Quando da realização do da imagem do coração, o Dr. Ibraim me chamou e apontou que as safenas estavam obstruídas. Um cirurgião que por lá estava passando exclamou: "a costura da safena no segmento da artéria promoveu o entupimento”. E, naquele momento, foi isso.

Meu pai era um fervoroso adepto da liberdade. Ajudava a todos que buscavam o conhecimento. Um educador nato. O professor Sidrack marcou época na educação em Recife. Professor das disciplinas Física e Matemática, com especialização nos Estados Unidos, formou gerações de alunos nos colégios e cursinhos. Não era religioso, mas respeitava as diferenças. Letra legível. Lia tudo: desde cartas a textos de grandes filósofos. Tinha um grande orgulho de seu pai Cícero, o meu avô, o qual tive a oportunidade de participar de perto. Mesmo tendo o irmão Joel de Holanda Cordeiro, senador da República, não gostava de política partidária. Achava que para ser gestor executivo tinha que ter discernimento para decidir.

Seu lado mais visível é o de uma pessoa que escrevia regularmente em jornais sobre a realidade brasileira, e se mostrava, dentre tantos observadores, o mais lúcido e o de melhor prosa. Tinha uma inteligência fascinante que crescia em múltiplas dimensões em várias áreas do conhecimento. Ele tinha uma enorme paixão pelos livros e um grande conhecimento de física fundamental – que certamente o coloca na posição dos maiores conhecedores dessa área do Brasil.

Gostava de escrever sobre ciência e religião no Jornal do Commercio e Diário de Pernambuco de Recife e em outros jornais do País, pois dominava com maestria ambos os assuntos. Por ser um ávido leitor nas mais diversas áreas do conhecimento, explica-se o impacto dos seus artigos publicados, nas últimas décadas, nesses jornais. Escreveu vários livros didáticos, pois seu maior interesse de vida era transmitir seus conhecimentos aos alunos. Desde cedo dedicou-se ao ensino médio em diversos colégios (Americano Batista, Padre Felix e Salesiano) e cursos (Pernambucano entre outros).

Posteriormente, o meu pai veio a óbito. No dia 11 de setembro de 2007, mais precisamente, quando estava no seu carro e passou a sentir dores no seu peito. Ele desligou o carro, tirou os seus óculos e removeu a sua prótese dentária. Essas foram as suas últimas ações. Viveu intensamente seus 82 anos. Eu senti durante 10 minutos a sua presença ainda ardente. "Talvez em querer permanecer mais...", pois meu pai gostava muito da vida e de viver. Além de ser um educador, foi um grande humanista. Sempre respeitou o próximo. Não aceitava a discriminação. Esse foi meu pai, Sidrack de Holanda, pelos meus olhos.

*Doutor em Engenharia de Transporte


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Wellington Antunes

Um grande mestre.

Rafael C.Soares Quintas

Meu Deus, que lembrança maravilhosa, fui aluno do Professor Sidrack na disciplina Física I, no curso de Engenharia Civil da UFPE, 1.periodo de 1976, realmente um excelente professor e grande ser humano, inclusive me inspirei muito nele quando comecei a ensinar Física em Colégios do Recife.



22/09


2021

A arte de Ferreirinha

Dono de um famoso atelier em Campo Grande, na Zona Norte do Recife, o artista plástico José Ferreira Carvalho, carinhosamente chamado de Ferreirinha, encanta a população pernambucana há décadas. Em 1979, a convite do padre Amaral Rosa, então reitor da Unicap, ele produziu dois painéis na Reitoria da instituição de ensino (assista ao vídeo).

O Ferreira Atelier também traz uma galeria, em que o visitante pode observar ou comprar quadros, esculturas, pratos, canecas, serigrafias, entre outros. O endereço é Rua Catulo da Paixão Cearense, 263, Campo Grande - Recife (PE). Outras informações pelo e-mail [email protected] ou por telefone: (81) 9.9393-0080.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
Publicidade

Publicidade

Publicidade

TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Opinião

Publicidade
Apoiadores
Parceiros