Nova Orla Jaboatão

30/07


2021

Geraldo comprou R$ 10 milhões sem contrato

EXCLUSIVO

Uma fonte na Polícia Federal, sob reserva, confirmou ao Blog várias irregularidades da empresa Brink Mobil, como supostos pagamentos de propinas a políticos do PSB na Paraíba. Foi com esta empresa que a gestão do ex-prefeito Geraldo Júlio (PSB) comprou, em dezembro de 2020, no apagar das luzes da gestão anterior do Recife, a bagatela de R$ 10 milhões em instrumentos musicais e suportes de partituras. A denúncia inicial contra a compra foi da deputada estadual Priscila Krause (DEM). Priscila disse que se tratava de um "contrato secreto", mas a situação é pior ainda, segundo apurou o Blog.

Agora, a fonte revela mais um detalhe nebuloso da compra. A gestão de Geraldo comprou os R$ 10 milhões da empresa sem nem mesmo formalizar um documento de contrato. Não existe contrato até hoje, segundo a fonte. Apesar disso, já foram pagos mais de R$ 4 milhões do total de mais de R$ 10 milhões. A compra foi feita às pressas, em dezembro de 2020, pela gestão de Geraldo. Não houve licitação da Prefeitura do Recife. A gestão de Geraldo para justificar a compra sem licitação pegou uma "carona" com uma ata de registro de preços de uma entidade obscura do interior de Minas Gerais. Esta entidade, um consórcio, já é investigado em Minas, por várias supostas fraudes em licitações. Só existem duas notas de empenho, que não servem para substituir os contratos, segundo o delegado, sob reserva.

A falta de contrato escandalizou também servidores da própria Prefeitura do Recife. Por essas e outras, é dito nos corredores da Prefeitura que não para procurador geral na atual gestão de João Campos. Segundo um procurador do Recife, sob reserva, não para procurador pois nenhum aceita defender os "esqueletos no armário" deixados por Geraldo. Já foram quatro procuradores gerais em menos de seis meses de gestão.

O dono da empresa Brink Mobil chegou a ser preso cautelarmente, por decisão da Justiça da Paraíba, pela suspeita de pagar propinas a agentes públicos ligados a políticos do PSB, mesma legenda de Geraldo. A Brink foi acusada, em outubro de 2019, de envolvimento em um esquema que desviou R$ 134,2 milhões de dinheiro público da saúde e da educação na Paraíba. A empresa usada pela gestão de Geraldo já foi pega, em relatório da Controladoria Geral da União (CGU), supostamente recebendo da Prefeitura de Madalena, no interior do Ceará, integralmente, mas só entregando os produtos parcialmente. A empresa também já foi alvo do Ministério Público no Rio e em São Paulo por suspeita de fraudar licitações.

A empresa já era investigada pela Polícia Federal antes da gestão de Geraldo fazer a compra dos instrumentos musicais. Agora, a Prefeitura do Recife será incluída no inquérito policial que tramita sob sigilo, por se tratar de fato conexo, mesmo "modus operandi" de outros pagamentos recebidos pela empresa.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina Julho 2

30/07


2021

Servidores de Cortês denunciam atraso salarial

Em Cortês, na Mata Sul pernambucana, servidores denunciam que ainda não receberam salários de dezembro de 2020. Além disso, aposentados com remuneração acima de R$ 1,2 mil não tiveram acesso ao 13°.

O imbróglio se arrasta da gestão anterior. De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Cortês (Sinsmuc), Enilson Quintino, a prefeita Fátima Borba (Republicanos) se comprometeu a regularizar a situação, mas isso não foi feito até o momento.

Além disso, o Sinsmuc tem se posicionado contra a aprovação na Câmara Municipal do aumento de 11% para 14% da alíquota previdenciária para servidores, aposentados e pensionistas de Cortês. 

O Blog segue aberto para que a Prefeitura de Cortês se pronuncie, caso queira.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Pousada da Paixão

30/07


2021

Hospital Promatre de Juazeiro realiza culto ecumênico

Gratidão, solidariedade e esperança. Estas foram as palavras mais ouvidas na tarde e noite de ontem, durante o culto ecumênico realizado pelo Hospital Promatre de Juazeiro (BA), em ação de graça pelas vidas salvas e em homenagem às vítimas da Covid-19.

Realizada na área externa do hospital, obedecendo todas as medidas de segurança com relação à pandemia, a celebração foi aberta pelo diretor técnico do hospital, Pedro Borges Viana Filho, que destacou e agradeceu o trabalho dos profissionais de saúde no tratamento de pacientes infectados com o novo coronavírus. "Somos gratos a Deus e a essa equipe dedicada que, mesmo enfrentando todos os riscos e dificuldades, continua firme no enfrentamento à doença e salvando vidas", ressaltou. O diretor concluiu, afirmando que o SUS (Sistema Único de Saúde) é o maior patrimônio do País e sem ele haveria morrido milhões de brasileiros ao invés de milhares.

Em seguida, o conjunto de ritos das três maiores religiões do Brasil: catolicismo, espiritismo e protestanismo, teve início com o padre José Filipe Pulpayil. Convidando todos a rezar o Pai Nosso, a oração que o Senhor nos ensinou, o religioso lembrou que esteve internado com a Covid-19 na Promatre e que a fé e a ciência deram o suporte de confiança, superação, aceitação e esperança.

Na sequência, o representante da doutrina Espírita, Gilberto Santana, falou das mudanças que a pandemia realizou na vida das pessoas, lamentou o número de vítimas e enfatizou a importância da fé para um tratamento eficaz. Encerrando o culto, o pastor Robson Vieira Pereira, evidenciou a importância da gratidão à Deus e à equipe médica multidisciplinar do Hospital Promatre, que vem garantindo até o momento a recuperação de mais de mil pacientes da doença.

Ainda durante o culto ecumênico, que foi também transmitido pelo canal do YouTube: promatrejuazeiroba, os artistas juazeirenses, Maurício Días (Mauriçola), Emerson Félix e a enfermeira da linha de frente da unidade hospitalar, Dayane de Moura Moraes, deram o toque musical e poético, emocionando o público, enquanto que no telão, imagens e depoimentos de pacientes recuperados da Covid- 19, completavam o significado da celebração.

Estiveram presentes, entre outras autoridades, o secretário de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade, Teobaldo Pedro de Jesus, que representou na oportunidade a prefeita de Juazeiro, Suzana Ramos; o coordenador Regional de Saúde da Bahia, Pedro Alcântara de Souza e a secretária de Saúde de Petrolina, Magnilde Alves Cavalcanti de Albuquerque, que também representou na celebração o prefeito do município, Miguel Coelho.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Ipojuca - Muro de Arrimo

30/07


2021

Eriberto ouve demandas da associação de cabos e soldados

O deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, Eriberto Medeiros (PP), visitou, hoje, a Associação Pernambucana dos Cabos e Soldados, onde foi recebido por Albérisson Carlos, presidente da entidade.

A ação foi considerada uma visita de cortesia, para mostrar que a Alepe reconhece o trabalho de policiais e bombeiros militares e ouvir reivindicações da categoria, como melhoria no sistema de saúde, remuneração por subsídio e taxação de inativos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


30/07


2021

Câmara do Recife retoma atividades parlamentares

Na próxima segunda-feira, a Câmara Municipal do Recife retoma suas atividades parlamentares, após o recesso, com a transmissão da reunião Ordinária, às 10h, realizada de forma remota. O presidente da Casa, vereador Romerinho Jatobá (PSB), considera que o segundo semestre deste ano reafirmará o importante papel do Poder Legislativo neste momento de pandemia, mantendo o mesmo ritmo intenso de trabalhos que caracterizou os primeiros seis meses da atual Legislatura.

Romerinho Jatobá lembrou que neste início de ano a Câmara do Recife teve um desempenho histórico. Além das reuniões de Comissões, audiências e outras reuniões públicas, os vereadores elaboraram e apresentaram 255 projetos de lei; 26 projetos de resolução;16 projetos de decreto legislativo; 6.643 requerimentos, dentre outras proposições. Também analisaram e votaram no plenário virtual 15 projetos de lei do Executivo e foi realizada a reunião Ordinária mais longa da história do Poder Legislativo Municipal, com a duração de 10 horas ininterruptas, de forma virtual.

“Agora temos a expectativa de retomar com as reuniões presenciais. Estamos há mais de um ano realizando esses trabalhos de forma on-line, mas acredito que, com o controle da pandemia, será possível retornar ao plenário em breve”, afirmou o presidente da Casa. Ele ressaltou que caberá à Comissão Executiva, planejar e conduzir o processo presencial de forma segura para servidores, parlamentares e público visitante.

“Será uma retomada marcante, respeitando todos os regulamentos de segurança, mas trazendo de volta o Legislativo ao seu lugar de origem, que é o plenário da Casa de José Mariano”, destacou Romerinho. Desde março do ano passado, a Câmara Municipal segue os protocolos de segurança impostos para a convivência com a covid-19, evitando aglomeração, dispondo de álcool em gel e determinando o uso de máscara em suas dependências.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Caruaru Novas Creches

30/07


2021

Recursos dos professores: Estado admite uso de R$ 1 bilhão

EXCLUSIVO

Novo capítulo na resolução do TCE de Pernambuco que autorizou o governo do Estado do PSB usar recursos dos 25% da educação para pagar aposentados e pensionistas. Em nota oficial ao Jornal do Commercio, o Governo do Estado admitiu que, caso a resolução não fosse editada agora em julho pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), o impacto seria de R$ 1 bilhão apenas este ano. Ou seja, o Estado de Pernambuco estaria usando, em 2021, pelo menos R$ 1 bilhão da educação para pagar aposentadorias e pensões.

"Sobre a computação dos recursos para pagamento de inativos, no montante de 25% das receitas estaduais, cabe esclarecer que essa medida estava de acordo com a legislação estadual em vigor há quase 20 anos. A emenda constitucional que modificou a utilização desses recursos foi aprovada somente em novembro de 2020, quando o orçamento estadual de 2021 já estava definido. O Governo de Pernambuco avalia como acertada a resolução do TCE-PE que modelou a alteração em três anos, em virtude do forte impacto financeiro – próximo a R$ 1 bilhão – que causaria se aplicada sobre um único exercício", diz a nota oficial.

O Governo de Pernambuco aproveitou para desmentir o SINTEPE, sindicato "tutelado" pelo PT para não desagradar o PSB. O SINTEPE, em nota, disse que o Estado de Pernambuco usava "há mais de 20 anos" os recursos do FUNDEF e FUNDEB para pagar aposentados e pensionistas. Na nota, o Governo do Estado desmente o SINTEPE e diz que "nunca" usou recursos do FUNDEB para pagar aposentados e pensionistas.

Nesta semana, o Ministério Público Federal (MPF) abriu uma investigação sobre a resolução do TCE. Já o Ministério Público de Contas (MPCO) pediu a inconstitucionalidade da resolução do TCE, que foi assinada pelo conselheiro Dirceu Rodolfo. Já o SINTEPE, segue parado, para não desagradar o PT e, por tabela, o aliado PSB.

Enquanto isso, no Maranhão, estado mais pobre que Pernambuco, o piso salarial dos professores em 2020 foi fixado em mais de seis mil reais. Em Pernambuco, segundo a nota oficial, R$ 1 bilhão da educação, que poderiam aumentar o salário dos professores da ativa, está indo para a FUNAPE pagar aposentadorias, apenas este ano, com respaldo da resolução do TCE. Paulo Cãmara (PSB) prometeu em 2014 um piso de 4 mil reais para os professores, mas até hoje não cumpriu.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

CABO

30/07


2021

Aliados de Covidão sofrem nova derrota na justiça

EXCLUSIVO

Jailson Correia (ex-secretário de Saúde de Geraldo Júlio), Felipe Soares Bittencourt (homem-forte de Geraldo Júlio nas compras da covid-19) e Mariah Bravo (ex-assessora e sobrinha de Sileno Guedes) tentaram um novo habeas corpus no TRF do Recife, desta vez para impedir o envio da investigação da Operação Apneia para a Justiça Estadual e tentar anular todas as provas colhidas pela Polícia Federal. O pedido foi considerado pelo desembargador como tão absurdo, que o magistrado extinguiu o habeas corpus, sem nem analisar o mérito do pedido da defesa.

Na Operação Apneia, a Polícia Federal investigou a compra de 500 respiradores testados em porcos, sem licitação, de uma microempresária veterinária do interior de São Paulo que não tinha licença da ANVISA.

A defesa dos denunciados, segundo a decisão do TRF, fez graves acusações contra juiz federal, delegado da Polícia Federal e procurador da República. O desembargador aproveitou para passar "um pito" no pedido de Jailson, Felipe e Mariah.

"Aliás, a defesa foi além: ao novo ver, sinalou, ao longo de toda a petição inaugural, para a possibilidade de as autoridades terem agido de má-fé, mantendo artificialmente a competência federal para o caso, mesmo sabendo que o pagamento havia sido realizado com recursos próprios do Tesouro Municipal, perpetrando, assim, omissões e resistência, bem como reiterada posição de irresponsabilidade em apurar se a competência era ou não realmente Federal (destaques nossos; palavras aspeadas oriundas da defesa). Em nosso entender, as autoridades agiram, isto sim, com a cautela merecida e esperada em face justamente da gravidade dos crimes, ainda mais nesse cenário de pandemia, consoante exposto logo no primeiro parágrafo deste fundamentado. Tanto que este e-TRF5, conforme também declinado pela própria defesa, em situações pretéritas, cuidou de arrematar no mesmo caminho do Juízo Federal, qual seja, no sentido de que a origem real das verbas era matéria que exigiria o aprofundamento das investigações, o que, inclusive, era matéria não afeta à estreita porta que serve de umbral ao presente e heroico remédio", apontou o desembargador, sobre as absurdas acusações da defesa.

O desembargador considerou as acusações contra os investigadores graves e mandou as autoridades atacadas tomarem conhecimento das alegações, para as providências cabíveis.

"Por oportuno, determino que seja dado conhecimento ao DPF, ao MPF e ao Juízo Federal da 36 Vara de Pernambuco da presente decisão, bem como da petição inicial que consagra o presente Habeas Corpus, isto em face das graves alegações nesta contidas, precisamente das que sinalam para eventual conduta dolosa por parte das aludidas autoridades federais, para que, caso entendam cabível, tomem as providências necessárias", determinou o desembargador.

Com a decisão, a turma do ex-prefeito Geraldo Júlio (PSB) sofre mais uma derrota na Justiça. As provas da Operação Apneia continuarão válidas e a denúncia feita pelo Ministério Público Federal (MPF) será analisada agora na Justiça Estadual.

Felipe Bittencourt, um dos nomes mais próximos de Geraldo Júlio, foi proibido em 2020 pela Justiça Federal, em outra operação, de entrar no prédio da Prefeitura. Mariah foi exonerada pela atual gestão municipal de um cargo em comissão, um dia antes da Polícia Federal anunciar seu indiciamento na Operação Apneia.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bandeirantes Junho 2021

30/07


2021

Três mulheres, três visões

No Frente a Frente de ontem, direto dos estúdios da rádio Cultura, em Caruaru, promovi uma mesa redonda interessante e ao mesmo tempo surpreendente envolvendo três gestoras de municípios do Agreste, mas com perfis bastante diferenciados: Raquel Lyra (PSDB), de Caruaru; Lucielle Laurentino (DEM), de Bezerros; e Juliana de Chaparral (DEM), de Casinhas.

Professora da rede pública, Juliana, do município mais pobre e pequeno, relatou sua experiência pessoal de ter superado um câncer de mama. Preparada e competente, apresentou um quadro nebuloso da herança recebida, contou como está recuperando as finanças do município e um balanço dos seis primeiros meses.

Filha de agricultores, forjada na luta do campo e na defesa dos movimentos sociais, Lucielle também contou que administra um município da velha política viciada, herdado de um ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado. "Lá, pus fim aos privilégios, não tem mais contratos estranhos nem privilégios a grupos", disse.

Advogada de carreira, tendo a experiência de delegada federal, Raquel Lyra, a mais experiente das três e, também, à frente do maior município da região, acabou surpreendida com o apoio natural e espontâneo de Juliana e Lucielle, caso venha de fato a disputar o Governo de Pernambuco em 2022.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

30/07


2021

Empresa do São Francisco conquista o primeiro selo Casa Azul + Caixa

A “Gráfico Empreendimentos” é a primeira empresa do Vale do São Francisco a receber a certificação 'Selo Casa Azul + Caixa'. Considerado hoje a mais alta outorga concedida pela Caixa Econômica Federal no segmento habitacional brasileiro, o Selo foi entregue à diretoria da construtora e incorporadora na manhã da última quarta-feira (28),em solenidade realizada na Superintendência Regional da entidade em Petrolina, no Sertão Pernambucano.

Durante o encontro, onde ficou evidenciado o reconhecimento público à Gráfico Empreendimentos pela adoção de práticas mais sustentáveis nos projetos e construções de empreendimentos habitacionais, os representantes da Caixa  enfatizaram a importância do ‘Selo Casa Azul + Caixa’, adiantando que para a concessão do certificado, os projetos são avaliados em diversos critérios, envolvendo seis categorias: 'Qualidade Urbana e Bem-Estar', 'Eficiência Energética e Conforto Ambiental', 'Gestão Eficiente da Água', 'Produção Sustentável', 'Desenvolvimento Social' e 'Inovação'.

O diretor da Gráfico Empreendimentos, Carlos Henrique de Oliveira Passos, agradeceu a distinção, inédita na região, e lembrou que a empresa está há 33 anos no mercado de construção civil e imobiliário e já entregou mais de 31.920 unidades habitacionais em 20 cidades dos estados da Bahia e Pernambuco. Em Petrolina – PE, já são 10 anos contribuindo com o desenvolvimento da região, mostrando que é possível construir casas com qualidade, conforto e preços acessíveis.

“Procuramos adotar sempre em nossos projetos soluções urbanísticas e arquitetônicas que utilizam racionalmente os recursos naturais. Receber esta certificação pela realização do empreendimento Valle Flor do Guarujá, com 346 unidades habitacionais, é uma honra para nós e um compromisso para os empreendimentos futuros”, ressaltou.

A Gráfico Empreendimentos, referência regional nos segmentos de construção e incorporação pelo alto padrão de qualidade, tem em execução também o empreendimento Condomínio Valle São Francisco com 200 unidades e o Valle dos Flamboyants, lançado recentemente com 450 unidades. A empresa ainda possui outros projetos habitacionais em fase de planejamento que serão lançados nos próximos anos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


30/07


2021

Dono da Precisa pede para adiar depoimento à CPI

O dono da Precisa Medicamentos, Francisco Maximiano, pediu o adiamento de seu depoimento na CPI da Covid-19 para o dia 10 de agosto. O empresário viajou para Índia no último domingo e só retorna ao Brasil no dia 9 de agosto. As informações são do jornal O Globo.

O depoimento de Maximiano está marcado para a próxima quarta-feira. O empresário será ouvido pela comissão sobre supostas irregularidades na compra da vacina indiana Covaxin pelo Ministério da Saúde. A Precisa era parceira do laboratório Bharat Biotech, que desenvolveu o imunizante contra a covid-19.

A defesa de Francisco Maximiano informou que ele viajou à Índia, junto com a diretora da Precisa Emanuela Medrades, para tratar da rescisão do contrato com o laboratório indiano.

Os advogados do empresário recorreram ao Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo que Max possa escolher ir ou não à CPI. A defesa alega que, na condição de investigado, Maximiano tem esse direito.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
Publicidade

TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores