20/04


2021

Amigos do rei e artistas aplaudem homenagem

Estou ancho da vida, como diz o jornalista José Adalberto Ribeiro. Recebi centenas de mensagens de parabéns pelo especial de ontem no Frente a Frente em homenagem aos 80 anos do rei Roberto Carlos.

A cantora Wanderléa se emocionou. E me mandou uma mensagem, há pouco, chorando. "Obrigada, Magno foi uma linda homenagem". O cantor Silvio Brito mandou a seguinte mensagem: "Espetacular, Magno. Parabéns. Helô Pinheiro, a garota de Ipanema, amiga do rei, escreveu: "Que coisa linda, Magno. Nosso rei merece".

Se você não ouviu o programa, clique no link e ouça agora.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Ipojuca 2021

20/04


2021

Repercute lançamento de Zé Neto

O deputado federal Sebastião Oliveira (Avante), herdeiro político do ex-deputado federal Inocêncio Oliveira (PL), é considerado uma grande liderança numa vasta área do Sertão pernambucano. Tratado como Sebá, pelos amigos da capital, Sebastião foi secretário de Paulo Câmara e conhece como poucos os bastidores da política pernambucana.

Neste último fim de semana, em depoimento exclusivo ao blog do Magno Martins, ele revolucionou a modorrenta sucessão pernambucana. Lançou o discreto e eficiente Zé Neto à sucessão de Paulo Câmara.

Nesta entrevista exclusiva ao jornal O Poder, o deputado detalha os porquês do seu ousado gesto.

O PODER – Qual a sua visão do quadro nacional neste grave momento de pandemia?

Sebastião Oliveira – O Brasil atravessa graves crises: A sanitária repercute profundamente na nossa economia. A institucional e a política são de extrema virulência. Os Poderes nunca estiveram tão desarmônicos. Cito o Judiciário, que legisla, e ninguém se entende. Vejo um cenário de muitas incertezas.

O seu partido é da base de Paulo Câmara, no plano local, e da base de Bolsonaro a nível nacional. Como essa contradição será resolvida em 2022?

O partido discute a candidatura própria nas eleições de 2022: o deputado federal André Janones (Avante/MG)

No último fim de semana, o senhor lançou a pré-candidatura de Zé Neto a governador, pela aliança que apoia Paulo Câmara. Foi uma iniciativa individual, partidária ou reflete uma articulação em curso?

Posicionei-me como porta-voz voz do meu partido, de aliados, de prefeitos, de ex-prefeitos, de vereadores, de deputados estaduais e de diversas lideranças políticas. Não sei se há uma articulação em curso, pois não dialoguei com ninguém do Palácio do Campos das Princesas sobre esse tema.

Quais as qualidades que o senhor vê em Zé Neto para encabeçar de forma viável uma campanha para o Governo?

Zé Neto é detentor de várias qualidades. Assumiu a espinhosa missão de ser o interlocutor político do Governo do Estado com a Assembleia Legislativa, prefeitos, lideranças políticas e secretarias estaduais. O desempenho dele tem sido espetacular e bastante elogiado. É praticamente uma unanimidade no meio político. Preparado, competente, atencioso e suave. Sabe dizer não com ternura. Cumpre o prometido e circula bem, além das fronteiras do PSB e da Frente Popular.

É sabido no mundo político que deputados e prefeitos da base do governo não têm simpatia pela candidatura de Geraldo Júlio. O senhor tem ouvido essas queixas? Levou isso em consideração para optar por Zé Neto?

Considero que Geraldo Júlio foi um bom prefeito. Possui vários predicados. Porém, não conhece os prefeitos, ex-prefeitos e lideranças políticas de Pernambuco. Está à frente da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico há quatro meses, e não observo nenhum movimento em direção aos municípios pernambucanos. Onde estão as obras? Não existe diálogo com os prefeitos e com as lideranças políticas estaduais.

Provavelmente, não há convicção do seu próprio futuro político. Em contrapartida, Zé Neto atende diariamente e dialoga com todos que integram o cenário político do Estado. Essa conduta atenciosa tem sido elogiada por vários prefeitos e lideranças políticas. Todos acreditam se tratar de um grande nome para a sucessão do governador Paulo Câmara.

Algo mais que deseje acrescentar?

Tenho a convicção de que, nos momentos de crise, os grandes líderes se forjam. Não é hora de se esconder. É momento de diálogo e ação. Os pernambucanos querem saber o que cada um de nós estamos fazendo no combate à essa crise sanitária, sem precedentes.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina abril 2021

20/04


2021

Um grito em favor dos restaurantes

Brasília, que teve um lockdown muito mais amplo em tempo e radical nas medidas, reabriu os restaurantes permitindo o funcionamento até às 22 horas. Pernambuco, entretanto, continua maltratando, gerando prejuízo e desemprego a quem vive da gastronomia.

Impôs o toque de recolher às 20 horas, medida absurda e irracional. Afinal, quem vai a um restaurante jantar entre 18 e 20 horas? Ninguém em absoluto. Reza a tradição, e a cultura confirma, que o hábito do jantar fora de casa começa de 21 horas e se estende em média até meia noite.

Em função disso, os bons, refinados e demandados restaurantes do Recife passaram a ficar entregues às moscas no horário noturno. Muitos já quebraram, outros resistem demitindo, sem saber se conseguirão sobreviver.

Sinceramente, para quem vai a um restaurante jantar, qual a diferença de permanecer em seu ambiente até à meia noite em relação às 20 horas, levando-se em conta que todos estão funcionando sob o cumprimento rigoroso de todos os protocolos do Governo, obrigando o uso de álcool gel, máscaras e distanciamento de mesas?

Bares, compreendo, muitas vezes não obedecem aos protocolos e acabam sendo um risco para a disseminação do vírus, mas os restaurantes não. O Governo, portanto, não pode ou não deve tomar uma medida igual se, racionalmente, se propuser a ajudar a economia, preservar e gerar mais empregos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ALEPE

20/04


2021

Vitória abre mais um drive-thru de vacinação

A partir da próxima quinta-feira, mais um drive-thru de vacinação contra a Covid-19 começa a funcionar em Vitória de Santo Antão. O novo polo funcionará no Pátio de Eventos Otoni Rodrigues, no Centro da Cidade, de quinta a sábado, das 8h às 17h.

O novo drive-thru é uma parceria da Prefeitura com a rede de farmácias Drogasil, que ficará responsável por disponibilizar parte da infraestrutura instalada no local e funcionários da farmácia para organizar o fluxo e, assim, dar suporte ao atendimento ao público realizado pela secretaria de Saúde. Balconistas e farmacêuticos já entraram no grupo de profissionais vacinados.

De acordo com o presidente da rede de farmácia Drogasil, o grupo se sente honrado em colaborar com a prefeitura, com o intuito de acelerar e ajudar a organizar a imunização da população contra o COVID-19. “Esta parceria se insere no nosso propósito de cuidar de perto da saúde e do bem-estar das pessoas, em todos os momentos da vida. Não estamos medindo esforços para apoiar a cidade e o País em tudo o que estiver ao nosso alcance neste momento tão crítico da pandemia”, afirma Marcílio Pousada, presidente da RaiaDrogasil.

Pousada disse ainda que a rede de farmácias está à disposição das demais prefeituras dos mais de 400 municípios onde atuam, para contribuir gratuitamente para a vacinação contra a Covid-19, replicando a ação que já inicia exitosa em Vitória.

A parceira também foi comemorada pelo secretário de Saúde do município, Eudes Lorena, “Vacinar a população com o máximo de rapidez e segurança é nosso objetivo. Então, toda colaboração que venha nos ajudar nesse sentido é bem-vinda. Agradecemos à Drogasil por essa colaboração”, pontua.

Para receber a vacina, é preciso que a população faça o cadastro através do site www.vacina.prefeituradavitoria.pe.gov.br ou, no caso dos idosos que tiverem dificuldade com a internet, pelo número 9.8491-3633. O cadastro também pode ser realizado presencialmente no Colégio 03 de Agosto, na Praça Leão Coroado, no Livramento, ou no Vitória Park Shopping, na Avenida Henrique de Holanda.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/04


2021

Palácio é descortês com deputado e escanteia Geraldo

Ainda repercute nos bastidores da política a “reservada” assinatura do protocolo de intenções para a construção do anel viário que dará acesso ao frigorífico da Masterboi, no município de Canhotinho. Ocorrido na última sexta-feira, no Palácio do Campo das Princesas, o evento, que deveria se constituir numa simples agenda do governador Paulo Câmara (PSB), acabou ganhando contornos político-partidários.

Ao não convidar o deputado estadual Álvaro Porto (PTB) e o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado Carlos Porto, principais articuladores da ida da Masterboi para o Agreste Meridional, o governo imprimiu a indevida marca da partidarização à cerimônia.

Álvaro é parlamentar de oposição e, como tal, fiscaliza e faz críticas e cobranças à gestão. Talvez por conta disso, seu “cancelamento”, vá lá, possa ter alguma explicação do Palácio. Agora, ao excluir Carlos Porto, o Governo revelou falta de consideração, de cortesia e de respeito à figura e ao papel desempenhado pelo conselheiro. Carlos atuou fortemente para viabilizar o projeto, sendo, inclusive, construtor de canais de diálogo entre a direção da Masterboi e o Governo do Estado. Por isso soou como mesquinharia o fato dele não ter recebido nem mesmo um único telefonema de algum representante do Executivo.

Eleições e desafetos – Mas, para além da descortesia, o evento expôs o distanciamento que a disputa eleitoral de 2022 já provoca entre o governador e o ex-prefeito do Recife e atual secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Geraldo Júlio, desde já pré-candidato à sucessão de Paulo Câmara.

O que se fala pelos corredores palacianos é que a ausência de Geraldo na cerimônia evidenciou, mais uma vez, a preferência do governador pelo secretário da Casa Civil, José Neto, para encabeçar a chapa. Geraldo não teria sido chamado porque o anel viário a ser licitado será erguido num território político em que Zé Neto tem forte inserção.

Já há quem comente, em tom de ironia, que o secretário de Desenvolvimento, mesmo que queira, não poderá incluir a obra já relação das que “foi Geraldo que fez”, numa alusão a mote da primeira campanha pela prefeitura do Recife, em 2012.

Brincadeiras à parte, a cada dia que passa surgem novos sinais de que Paulo e Geraldo, dois técnicos convertidos em políticos pelas mãos do ex-governador Eduardo Campos, brigam protagonismo dentro do PSB. Nesta disputa, já subiram no ringue de 2022.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bandeirantes 2021

20/04


2021

Deputados acionam Justiça e PGR contra Renan

Os deputados Daniel Silveira (PTB-RJ) e Carla Zambelli (PSL-SP) pediram para a Justiça impedir que o senador Renan Calheiros (MDB-AL) seja o relator da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid-19 no Senado. As informações são do Poder360.

Os pedidos foram enviados ontem à PGR (Procuradoria Geral da República) e à 2ª Vara Federal de Brasília. Os deputados argumentam que o senador deve ser considerado suspeito e impedido de assumir a relatoria.

Silveira utiliza um trecho do Código de Processo Civil que diz que agentes públicos não podem fazer parte de processos em que parentes estejam envolvidos. Renan é pai do governador de Alagoas, Renan Filho (MDB-AL), que pode ser investigado por causa do uso de verbas federais no combate à pandemia.

Já Zambelli afirma que, como Renan responde por processos na Justiça, “o princípio da moralidade administrativa” estaria prejudicado. “A presença de alguém com 43 processos e 6 inquéritos no STF [Supremo Tribunal Federal] evidentemente fere o princípio da moralidade administrativa“, disse ela em publicação em seu perfil no Twitter.

O relator é quem prepara o parecer final após os trabalhos serem realizados pelos 11 membros da comissão. É nessa peça que são sugeridos indiciamentos ou não. É um cargo chave para garantir que as investigações atinjam aqueles que eventualmente tenham cometido irregularidades ao longo da pandemia.

Silveira foi preso em 16 de fevereiro, por ordem do ministro do STF Alexandre de Moraes, depois de ter publicado vídeo com xingamentos e acusações contra integrantes da Suprema Corte. Em 14 de março, o deputado passou para a prisão domiciliar, também por ordem de Moraes.

Desde então, Silveira passou a trabalhar de casa, de onde pode fazer despachos. O deputado usa uma tornozeleira eletrônica e não pode dar entrevistas para jornalistas ou usar redes sociais.

O argumento de Silveira contra Renan é o mesmo utilizado por outros apoiadores do presidente Bolsonaro. No domingo (18.abr.), deputados bolsonaristas, como Zambelli e Alê Silva (PSL-MG), fizeram uma campanha no Twitter contra Renan. A hashtag #RenanSuspeito chegou a ser um dos assuntos mais comentados da rede social.

Apoiadores de Bolsonaro têm dito que o governo federal fez sua parte no combate à pandemia transferindo recursos para os Estados. E que é preciso apurar o que é feito com essas verbas.

O governo tenta emplacar Marcos Rogério (DEM-RO) na relatoria da CPI em vez de Renan. Deve haver disputa até o último minuto. A 1ª reunião da comissão está marcada para a próxima terça-feira.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

20/04


2021

É proibido ir para o inferno...

Por Aldo Paes Barreto*

Nunca fui fã de carteirinha de Roberto Carlos, mas curti suas músicas e, claro, acompanhei sua vitoriosa trajetória a exemplo dos consagrados oitentões de hoje. Quem pode ficar indiferente a “Detalhes”, “Jesus Cristo eu estou aqui”?

Sobre essa "relação" dele com o Recife, publicado no Jornal do Commercio virtual, parece fruto de um livro sem pesquisas, de matéria apressada, sem copidescagem. Fala de uma estória que a censura teria proibido em carnaval recifense abadás com versos da canção “Jesus Cristo”..., de 1970... Abadá no carnaval do Recife? Nunca. Censura? A censura sempre poupou Roberto Carlos. Ele não se envolvia com politicagem e era queridinho dos milicos.

Newton Carneiro, então vereador, e citado como “autor” da censura? Como? Newton Carneiro era cheios de jogadas de marketing sem dentadura, mas não tinha poder para censurar ninguém. Abadá no nosso carnaval? Acho que o autor do livro confundiu Recife com Salvador. Para contar as vindas de Roberto Carlos ao Recife, o autor teria que ouvir e entrevistar algumas pessoas que, estas, sim, tiveram alguma convivência com o Rei do Ié-Ié-Ié...

Primeiro "Pinga", empresário que acompanhou o cantor na grande maioria das excursões ao Nordeste. Depois um motorista – não lembro o nome dele, parece que era Reginaldo – que fazia ponto no Hotel Miramar, atendendo hóspedes VIPs. E ainda Samir Abou Hana, Geraldo Freire. O motorista tinha um Landau e quando RC estava aqui, ele não desgrudava.

Certa vez, Roberto Carlos embarcou no carro saindo da porta do Hotel, cujo acesso era uma rampa. Na ocasião, havia outro carro parado na frente. O motorista manobrou para ultrapassar o veículo estacionado, dando ré. RC quase teve um enfarte. Reclamou em dó maior e saiu do carro. Ele, o cantor, sempre se hospedava no Miramar, ocupando andares pares, apartamentos idem.

O maior sucesso de Roberto, que ele abominou depois, certamente foi "Que tudo vá para o Inferno...", lançada em 1965. As emissoras só tocavam isso e todo mundo cantava. A tal ponto, que o JC publicou um anúncio – deve estar na coleção do Jornal: "Precisa-se de uma empregada doméstica que durma no serviço que não cante ‘Que tudo vá para o inferno’...".

*Jornalista


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Anuncie Aqui - Blog do Magno

20/04


2021

José Maria destaca meu livro na Jovem Pan

Meu amigo José Maria Trindade, um dos jornalistas mais notáveis de Brasília, âncora dos Pingos nos Is, programa de fenomenal audiência no Brasil pela Jovem Pan, registrou, ontem, o lançamento do meu livro A dor da pandemia e ainda enviou o áudio divulgado. Amigos são para sempre!

Aproveitando, na live de lançamento ontem, com José Nêumanne, do Estadão, em São Paulo, e Paulo André, ex-Globo Recife, acabei não divulgando a forma de adquirir o livro. Você pode comprar usando o seu pix. O valor é simbólico, apenas R$ 10, mas tem gente colaborando com o blog e transferindo valores do tamanho do seu bolso.

Fique à vontade. O número do meu pix é: 187870704-30. Caso não use pix, entre em contato comigo pelo (81) 9.8222-4888. Tão logo a compra seja confirmada, o livro é remetido em PDF.

Muito obrigado!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Blog do Magno 15 Milhões de Acessos 2

20/04


2021

Governo oficializa troca na PF no Amazonas

O governo federal oficializou, hoje, a troca na Superintendência da Polícia Federal no Amazonas. O delegado Leandro Almada da Costa assume o cargo no lugar de Alexandre Saraiva. A troca foi assinada pelo secretário-executivo do Ministério da Justiça, Tercio Issami Tokano, e publicada no "Diário Oficial da União".

A mudança no comando da PF no Amazonas foi anunciada no último dia 15, um dia após Saraiva ter pedido ao Supremo Tribunal Federal (STF) que investigue o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

Na notícia-crime, Saraiva argumentou que ações de Salles podem "obstar ou dificultar a ação fiscalizadora do Poder Público no trato de questões ambientais".

Na nota em que anunciou a troca, a PF afirmou que Saraiva foi comunicado da substituição "no decorrer da tarde" do dia 14, mesmo dia em que a notícia-crime foi apresentada.

A notícia-crime é um instrumento usado para alertar uma autoridade – a polícia ou o Ministério Público – da ocorrência de um ilícito. Na ocasião, a assessoria de Salles informou que o ministro se manifestaria somente "em juízo". Em entrevista à GloboNews após ter apresentado notícia-crime, Saraiva disse que o ministro defende "infratores ambientais".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


20/04


2021

Centro Clínico Clara Florêncio se consolida em Arcoverde

Há nove anos, o Centro Clínico Clara Florêncio era inaugurado no município de Arcoverde e, contrariando as expectativas de um empreendimento no Sertão, onde não há muitos recursos para manutenção, se consolidou como uma das mais conceituadas clínicas de Pernambuco

“Hoje a Clínica faz 9 anos. Quero agradecer a vocês pela parceria e dedicação de tantos anos. Que nossa equipe se torne cada vez mais unida trabalhando sempre em prol do bem-estar do próximo. Um grande abraço a todo e comemoraremos ano que vem os 10 anos em grande estilo, se Deus quiser”, disse a idealizadora do centro clinico, Dra. Clara Florêncio.

Dotado de uma infraestrutura moderna, totalmente climatizado, com ampla recepção e consultórios com as mais variadas especialidades médicas, o Clara Florêncio Centro Médico atua através de um olhar humanizado do outro que o permite atender com excelência.

Passados esses nove anos de sucesso, o centro que se iniciou apenas com o consultório de dermatologia, conta hoje com as seguintes especialidades: Cardiologia, Cirurgia Geral, Clínica Médica, Dermatologia Clínica e Cirúrgica, Endocrinologia, Nutrição, Nutrologia, Oftalmologia e Radiologia.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha