26/02


2021

Marília visita sede do IFPE no Recife

A deputada federal e segunda secretária da Câmara dos Deputados, Marília Arraes (PT-PE), visitou, na manhã de hoje, o campi Recife do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE). A parlamentar participou de uma reunião com o reitor do instituto, professor José Carlos de Sá, com o diretor do IFPE no Recife, Marivaldo Rosas, e com o vereador Jairo Britto (PT), que também é professor da instituição.

Uma das pautas da visita de Marília ao IFPE foi o debate sobre estratégias e a importância da luta pela manutenção do piso de investimento mínimo para a área da educação, que está sendo atacada pelo Governo Federal. "Sem esses recursos, a educação pública e de qualidade no Brasil sofrerá um duro golpe que coloca em risco o desenvolvimento de toda uma geração de brasileiros e brasileiras", afirma Marília.

O reitor do IFPE, José Carlos de Sá, falou sobre a importância do piso da educação ser mantido, principalmente para investimentos futuros do Instituto. "Em média, houve uma redução de 18% do nosso custeio em relação a 2019. O MEC precisa lutar pelo orçamento da educação. Esse é um dos maiores momentos de ameaça para a rede."

O campi do Recife, por exemplo, é o maior do IFPE em Pernambuco. São mais de seis mil estudantes, além de cursos técnicos, profissionalizantes e mestrados. "Não podemos medir esforços na luta contra mais esse momento de ameaça contra a rede pública de ensino", ressalta Marília. "É fundamental que haja um esforço da bancada de Pernambuco e das demais bancadas na luta pela nossa educação", complementa o diretor do IFPE no Recife, Marivaldo Rosas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Cabo 2021

26/02


2021

Soluções para o Turismo

Por Osvaldo Matos de Melo Júnior*

No primeiro artigo, fiz alguns apontamentos sobre os entraves do Turismo Brasileiro. Neste segundo proponho algumas soluções. Fiz essas reflexões não apenas como um profissional da área, mas como um entusiasta do setor e um apaixonado pela riqueza do nosso país, que merece ter a devida visibilidade e reconhecimento nacional e internacional. Faço também um convite para que essas reflexões também impliquem em integração e ação.

Nós sonhamos com a criação de uma Zona Federal de Excelência Turística, com interface com os diversos agentes e instituições públicas que interagem com o setor, trazendo um Posto avançado da Polícia Federal (combater tráfico de drogas e exploração sexual, ainda muito presentes, realizar emissão de documentos e o combate à corrupção), uma Unidade de Saúde do Turista, como acontece em tantos outros países. A Zona Federal de Excelência Turística seria replicada gradativamente em destinos Gramado, Bonito, Jericoacoara, Pipa, Sauipe etc. Esse é o tipo de organização e profissionalização que sonhamos e que pode ajudar o país a ser mais competitivo.

Outros pleitos importantes envolvem:

  • Federalizar toda a operação aérea, algo que representaria o fim da disputa pelos impostos estaduais, o que incide diretamente no custo das passagens. Permitir relações de trabalho através das regras da OIT e não apenas da CLT. Que o combustível de aviação seja o mesmo usado na Europa e nos EUA.
  • Envolver cidadãos da terceira idade no turismo, atuando como guias e contadores de histórias, permitindo que pessoas com total capacidade e larga experiência de vida se sintam úteis e gerem renda.
  • Criar o Sistema de Prevenção e Controle à Exploração Sexual no Turismo, dando um selo de qualidade aos espaços que aderirem.
  • Trazer um EcoParque da Disney para o país (uma Disney Tropical), que seria o primeiro da América Latina e outros equipamentos internacionais para ativar mais destinos e gerar fluxo de visitantes e divisas. Ou até criar uma zona estratégica de desenvolvimento turístico na Amazônia, para atrair ainda mais americanos e canadenses, bem como nossos vizinhos na América Latina. Nesse contexto, os empresários teriam isenção de impostos durante 20 anos, e em contrapartida gerariam renda, emprego e ativariam mais de 52 segmentos que fornecem para o turismo e pagam impostos.
  • Definir linhas perenes de financiamento da promoção turística profissionalizada, para que o Brasil tenha pelos menos o que o México tem no seu marketing Turístico nacional e internacional.
  • Ordenar a orla, com controle, segurança e serviços especiais estabelecidos a partir da criação de áreas integradas de turismo em grandes destinos nacionais.

Neste planejamento, precisamos também ter no horizonte todos os desafios com os quais lidamos como setor e como país. Temos um ambiente de negócios burocrático e que ainda afasta o investimento; infraestrutura turística precária (acessos de má qualidade nas rodovias, ferrovias e hidrovias); carência de saneamento, deficiência nos equipamentos e necessidade de restauração do patrimônio turístico, além de qualificação profissional; problemas de embargo pelo Ministério Público em píeres e portos, devido à excessiva quantidade de normas e fatores burocráticos de diversos órgãos e pastas; impostos de parques temáticos, que poderiam ser reduzidos para alíquota zero, a fim de gerar uma maior capacidade de prospecção; conectividade aérea (aumentar a quantidade de voos, sobretudo regionais, e melhorar competitividade de preços).

Temos também má gestão dos recursos e dos cargos técnicos; falta de articulação com o trade; pulverização de recursos para cumprimento de Emendas Parlamentares impositivas, dissociadas dos polos de interesse turístico; desvio de foco com obras de infraestrutura (precisamos de mais transparência e adequado monitoramento do Ministério do Turismo para garantir que essas obras aconteçam em locais de interesse turístico, não político); falta de segurança jurídica; precisamos dispor de equipes qualificadas na promoção, mais investimentos e devida fiscalização; falta de linhas de financiamento permanentes para a promoção turística nacional e internacional; falta de associação da marca Brasil com grandes marcas mundiais com fazem os Estados Unidos, o Reino Unido, Japão entre outros; falta de investimentos em merchandising em produções de audiovisual com locações no Brasil; investimento em Big Datas com inteligência artificial cognitiva para tomadas de decisões, estratégicas rápidas e em tempo de solução.

Diante disso, sugerimos iniciativas como a abertura de capital estrangeiro para companhias aéreas (existe o PL 2724/2015); estudar a Política de Céus Abertos; estudar a redução do custo do querosene, unificando e reduzindo a alíquota de ICMS que incidem no combustível nos estados

Acrescidos a isso, ampliar o visto eletrônico nos consulados; isenção de Visto de forma unilateral para países com grande capacidade de emissão de turistas, ou implantação de vistos online; um Plano de Segurança Pública para  turismo; criar um Protocolo, integrado com a cadeia produtiva do setor turístico, para atendimento de Turistas que sofreram agressões ou roubos; implantar o Wi-Fi público nos pontos turísticos; declarar áreas especiais de interesse Turístico, criadas por Lei, visando atrair investimento (a exemplo, Cancun, Orlando, Las Vegas Singapura). Isso apenas para citar algumas iniciativas práticas.

O Brasil, e o mundo, devem começar em breve a transição de volta à normalidade, após um ano de uma pandemia global que afetou as vidas, a economia e impactou seriamente os setores de serviços, alimentação, viagens. Nosso turismo, mais do que nunca, precisa de mobilização e reestruturação, para retomarmos do ponto onde paramos e seguirmos com o nosso trabalho diário de posicionar o Brasil como um dos principais players mundiais.

Estamos à frente de um mercado de sonhos, de uma indústria que tem como arte a criação da felicidade, de emprego e renda e de conexão espiritual e com a natureza. Nosso país é um destino privilegiado e o turismo tem todos os meios para mostrar isso ao mundo – e aos brasileiros. Precisamos confiar mais, investir mais, nos organizar, nos unir e inovar. Isso é muito maior que política, ideologia, governo. É a alma do nosso negócio, a essência do nosso país.

*Sociólogo, publicitário, cientista político e jornalista. Tem diversas especializações em Gestão Pública, Gestão do Turismo, Marketing Digital, Inteligência competitiva e Comunicação Pública.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Yuri gagarin

Oswaldo é um grande profissional.



26/02


2021

Presidente da Abeoc-PE propõe Frente de Emergência

A presidente da Associação Brasileira de Empresas de Eventos em Pernambuco (Abeoc-PE), Tatiana Marques, se coloca à disposição para auxiliar o Governo de Pernambuco no recrudescimento da pandemia com medidas que atenuem a difícil situação do setor de promoção de eventos. Ela propõe uma Frente de Emergência com a participação de trabalhadores do segmento.

“Os profissionais de Eventos, que até antes da pandemia sempre trabalharam com foco em resultado, são craques em desafios e larga experiência em logística. Trabalhavam em equipe e por isso poderiam ser convocados pelo Governo de Pernambuco para uma Frente de Emergência. Assim, contribuirão com o combate à Covid-19 no Estado”, afirma.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner Jaboatao 2021

26/02


2021

Vitória da sociedade brasileira

Por Raul Henry*

A Câmara acaba de desistir de votar a PEC que ficou popularmente conhecida como PEC da impunidade. Tentaram atropelar todos os procedimentos de discussão, mas foram derrotados pela força da opinião pública.

Nada mais incorreto do que tratar de um tema como esse diante de tantas prioridades nacionais como as que temos: a pandemia ameaçando sair de controle, a população mais pobre desamparada pela falta do auxílio emergencial e as taxas de desemprego batendo recordes.

Mesmo com tantas adversidades, hoje podemos registrar uma vitória da sociedade brasileira!

*Deputado federal pelo MDB de Pernambuco


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

marcos

Raul votou com o STF. Nunca mais votem nesse Cagão.

Wellington Antunes

A não adesão do PT ao texto da PEC da Imunidade, apelidada de \"PEC da impunidade\", que mudava as regras e dificultava em muito a eventual prisão de parlamentares e que tramitava a toque de caixa no Legislativo, foi decisiva. Ou seja, o PT não apoiou essa proposta do Centrão, aliado do presidente bolsonaro e defendida pelo presidente da Câmara Dep. Artur Lira. Se o PT, com 52 deputados federais, a maior bancada na Câmara Federal, tivesse apoiado, o texto seria facilmente aprovado na Casa.



26/02


2021

Vitória dá início a força-tarefa contra Covid-19

Começa, neste final de semana, as ações da força-tarefa de combate ao coronavírus em Vitória de Santo Antão. O foco das ações acontece na Praça da Dom Luís de Brito, conhecida como Praça da Matriz, onde forma registradas aglomerações no último final de semana.

De acordo com o prefeito Paulo Roberto, a medida é educativa. “Vamos trabalhar ativamente para que as pessoas se conscientizem que, apesar das relações interpessoais, é indiscutível, neste momento, que as aglomerações não podem acontecer”, explicou ele. Além da vigilância sanitária fiscalizando os bares e restaurantes, a AGTRAN, a Guarda Municipal, o Conselho Tutelar, as polícias Civil e Militar, além do Corpo de Bombeiros estão em conjunto com medidas de orientação e controle.

Em Vitória, até hoje, 2.702 casos confirmados, 2.371 recuperados e 185 perderam a vida em consequências do novo coronavírus. A cidade conta com 10 leitos Covid na Apami, todos disponíveis; no Hospital Santa Maria são 5 leitos, com 1 ocupado. No Hospital João Murilo de Oliveira, da rede Estadual, são 10 leitos de enfermaria, com 6 ocupados, e 10 leitos de UTI, com 9 sendo utilizados. No total 48,5% de ocupação.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Petrolina 2021

26/02


2021

As gravações

Por José Paulo Cavalcanti Filho*

A Segunda Turma do Supremo, por maioria de 3 votos (Gilmar, Lewandowski, Nunes Marques) a 2 (Carmem Lúcia, Fachin), vai anular a condenação de Lula no caso Triplex. E o deixará, como na sentença de Millôr, “livre como um taxi”.

Com fundamento em supostas conversas gravadas, por hackers da The IntercePT Brasil, entre o procurador Deltan Dallagnol e o juiz Sérgio Moro.

Em nosso escritório, tivemos acesso ao Caso Mari Ferrer, em que perícia judicial demonstrou terem sido fraudadas transcrições feitas pela mesma IntercePT. Não tenho como saber se alguma perícia ocorreu, agora.

E é sempre possível que mais uma fraude tenha novamente acontecido. O uso do cachimbo faz a boca torta. Sendo bom lembrar que o voto decisivo, nesse julgamento, vai ser do ministro indicado, recentemente, pelo Presidente da República.

O mesmo que, quando candidato, tinha um discurso de moralização do país. E que jamais poderia ter levado, ao Supremo, alguém que é contra Prisão em Segunda Instância e contra a própria Lava-jato.

Seus eleitores foram traídos, senhor Presidente. Não esqueça disso, por favor, quando se sentir tentado a repetir a promessa em alguma eleição próxima.

Gravações valem como prova, para acusar, quando autorizadas pela Justiça. Assim diz a Lei 9.296/1996. E clandestinas (assim está no texto), como as da IntercePT, só para defesa.

Ocorre que desde 1996, com voto condutor do Ministro Carlos Velloso (AP nº 307), o Supremo já definiu que gravação clandestina “é a realizada por um dos interlocutores, sem conhecimento do outro”. Nada sequer remotamente assemelhado a essas gravações.

Não havendo, juridicamente, como beneficiar acusados (Lula, empreiteiros) a partir de gravações fora dessa regra. E, bom lembrar, o art. 10, da Lei diz assim: “Constitui crime realizar interceptações... de informática ou telefônica...”. O que ocorreu, claro, e dá cadeia. Só que o senador Renan Calheiros, em 10/2/2021, apresentou projeto para anistiar os hackers da IntercePT.

Só o nome do autor do projeto já representa uma condenação, para essa gente. E é até coerente. Os iguais se atraem, imitando um imã.

É como se estivesse em curso uma articulação para anular tudo que foi feito, até aqui. E absolver uma tropa enorme de condenados por corrupção, que vão de políticos famosos a grandes empresários.

Tanto que o ministro Gilmar fala, premonitoriamente, em “desdobramentos”. Reproduzindo o que aconteceu, antes (1993), no caso Odebrecht/Lei do Orçamento. Ou (2009) na Operação Castelo de Areia, encerrada por canetada do ministro Asfor Rocha.

Depois denunciado, por Antônio Paloci, de ter recebido alta remuneração (não declarada no I. Renda) por esta sentença. Aqueles 3 ministros da Segunda Turma preparam, na verdade, uma tese mais ampla, de que a suspeição de Moro contamina tudo. Sem nenhum receio do que possamos pensar deles.

É preciso coragem, digamos assim. Em um Carnaval fora de hora, com todos os condenados longe das grades. Sem tornozeleira. E comemorando, com uísque envelhecido e vinho caro. Que, então se verá, o crime compensa.

Mais grave é que a decisão de Moro, como Juiz de Primeira Instância, foi depois confirmada, por 3x0, no TRF 4, de Porto Alegre. E também, por 5x0, pela 5ª Turma do STJ. Esses julgadores poderiam ter alterado a decisão inicial, caso a considerassem viciada. E não o fizeram. Por ser correta.

Sem nenhuma indicação de que 3 Desembargadores Federais, mais 5 Ministros, sejam também suspeitos. Em resumo, para o indeterminado cidadão comum do povo, resta somente a indignação represada por ver, novamente, o triunfo da impunidade. E, longe, o sonho de um país limpo.

*Jurista


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Serra Talhada 2021

26/02


2021

Top Leds da Bandeirantes reforçam campanha do Blog

A campanha dos 15 anos do Blog segue a pleno vapor no Recife. A Bandeirantes Mídia, tradicional empresa líder em mídia exterior no Nordeste, com 65 anos de atuação no segmento, reforçou a ação publicitária com dois Top Leds, como é possível observar no vídeo.

Os grandes e modernos painéis de LED de altíssima qualidade da Bandeirantes estão estrategicamente posicionados em duas das principais vias do Pina, na Zona Sul recifense: no início da Avenida Herculano Bandeira, por onde passam 48 mil veículos diariamente, e ao final da Avenida Conselheiro Aguiar, com fluxo diário de 46 mil automóveis.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Anuncie Aqui - Blog do Magno

26/02


2021

Fundaj e secretaria de Ciência e Tecnologia firmam acordo

O presidente da Fundação Joaquim Nabuco, Antônio Campos, recebeu, hoje, o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI), Lucas Ramos (PSB), para uma visita de cortesia no gabinete da presidência, no campus Casa Forte da Instituição.

O encontro iniciou as tratativas para um acordo de cooperação técnica firmado entre as duas instituições para elaboração de políticas públicas de inclusão social, visando acelerar a transformação digital em Pernambuco. Estiveram em pauta a expansão da Rede Pernambucana de Pesquisa e Educação (RePEPE) – que conecta escolas públicas por meio de uma rede de fibra ótica – e questões socioambientais como economia circular, sustentabilidade, descarte de lixo eletrônico e inclusão social.

Participaram da reunião a assessora Institucional da Fundaj, Fabiana Moreira, o diretor de Pesquisas Sociais (Dipes), Luís Henrique Romani, e a pesquisadora titular da Fundaj, Luciana Távora, que retorna à casa após período de atuação na SECTI como diretora de Políticas de Ciência, Tecnologia, Inovação e Competitividade


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Jornao O Poder

26/02


2021

Medidas restritivas são cota de sacrifício

As novas medidas restritivas, anunciadas nesta sexta-feira pelo Governo do Estado de Pernambuco, foram recebidas pelo Movimento Pró-Pernambuco (MPP) como necessárias diante do avanço dos casos e ameaça de colapso na oferta de leitos de UTI na rede pública de saúde.

“É a forma que o Estado tem para controlar as aglomerações, principalmente os eventos clandestinos. Entendemos que é difícil para o poder público conter tantas concentrações de pessoas, principalmente as noturnas, que têm se acentuado nos fins de semana”, disse Avelar Loureiro Filho, presidente do MPP.

Avelar entende que as medidas não afetam tanto o comércio e a indústria, mas pesam sobre o setor de bares e restaurantes, distanciando ainda mais o retorno das atividades de outro setor bastante sofrido, que é o de eventos. “Infelizmente é a cota de sacrifício que precisa ser dada para que o problema não se agrave ao ponto de termos restrições mais pesadas lá na frente”, diz.

Avelar disse que o Movimento Pró-Pernambuco se coloca à disposição do Estado para ajudar no cumprimento das novas normas e espera que a sociedade dê sua cota de contribuição para que seja possível superar esse momento sem maiores problemas, até a efetiva imunização da população.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Blog do Magno 15 Milhões de Acessos 2

26/02


2021

Jefferson diz que Daniel é inocente e bandido é Lula

Em entrevista gravada, há pouco, para o Frente a Frente, o presidente do PTB, Roberto Jefferson, justificou o convite ao deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), preso por ataques ao STF e ameaçado de ser cassado por quebra do decoro parlamentar, para se filiar ao partido que comanda, como ato de justiça a alguém, segundo ele, que não cometeu crime algum. "Não tenho a menor vergonha de trazer o Daniel para o nosso lado, ao convívio da nossa família trabalhista. Muito pelo contrário, fico honrado por ele ter dito verdades sobre o Supremo que todo brasileiro de bom senso gostaria de dizer", afirmou.

Jefferson disse que abriu as portas do PTB para amparar Daniel Silveira pelo fato do presidente do PSL, Luciano Bivar, ter abandonado ele de forma covarde e bandoleira. Para o presidente trabalhista, a prisão de Daniel foi um dos maiores absurdos da história republicana nos últimos anos. "Prendem um inocente, mas deixam livres bandidos como Lula e José Dirceu. Isso, sim, é uma afronta ao povo brasileiro e às instituições", afirmou.

A entrevista vai ao ar ao longo do programa, das 18 às 19 horas, pela Rede Nordeste de Rádio, formada por mais de 40 emissoras em Pernambuco, Alagoas e Bahia, tendo como cabeça de rede a Hits 103,1 FM, no Grande Recife. Se você deseja ouvir a entrevista pela Internet e está navegando no blog, clique no botão rádio acima ou baixe o aplicativo da Rede Nordeste de Rádio na play store.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Todo apoio ao Walter Delgatti, o hacker que iluminou o Brasil!

marcos

Salve BobJeff o cara que tirou o Brasil das] Trevas.