FMO

14/11


2019

Bolsonaro faz acenos a China e Índia no 1º dia dos Brics

Esta é a 11ª vez que os líderes do bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul se reúnem. Reunião de Jair Bolsonaro e integrantes do governo com do presidente da China, Xi Jiping
Foto: Alan Santos/PR Foto: Alan Santos/Presidência.

O Globo - Eliane Oliveira e Jussara Soares 


BRASÍLIA - No primeiro dia da reunião dos Brics , em Brasília, o presidente Jair Bolsonaro manteve encontros bilaterais com os chefes de governo da China, Xi Jinping, e da Índia,  Narendra Modi , acenando para acordos com os dois países. Na quinta-feira ocorrerão outros dois encontros com os presidentes da África do Sul, Cyril Ramaphosa, e da Rússia, Vladimir Putin.  Ao final desta quarta-feira, os cinco líderes vão participar do encerramento do fórum empresarial dos Brics, que reúne empresários dos países membros.

Na reunião com os chineses, que durou cerca de 40 minutos, Bolsonaro e Xi Jiping assinaram nove atos , entre acordos e memorandos de intenções, e fizeram promessas mútuas de ampliação e fortalecimento das relações bilaterais. Bolsonaro, que antes de assumir a Presidência da República, no início do ano, via a China com ressalvas, afirmou que o país asiático faz parte do futuro do Brasil.

Durante um seminário sobre o Novo Banco de Desenvolvimento do Brics, o ministro da Economia,  Paulo Guedes , disse que o Brasil está negociando a criação de uma área de livre comércio com a China . Segundo uma fonte a par da negociação, as conversas partiram da China e estão ainda em estágio inicial. O Brasil tem hoje um fluxo de comércio com o gigante asiático de cerca de US$ 100 bilhões por ano.

Bolsonaro confirmou que irá às comemorações do Dia da República, na Índia, em 26 de janeiro de 2020. Ele disse que quer aproveitar a visita para avançar nas conversas sobre acordos comerciais e melhorar a cooperação em áreas como biocombustíveis e ciência e tecnologia. Modi salientou o quanto a data é importante para os indianos, ressaltando que tem interesse em aprimorar a cooperação com o Brasil, sobretudo nos setores de processamento de alimentos e na agropecuária. O primeiro-ministro disse ainda que, paralelamente aos encontros governamentais, quer aproximar  os setores privados dos dois países.

Entenda a importância da Reunião do BRICS:

Esta é a 11ª vez que os líderes do Brics (bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) se reúnem. A sigla, que originalmente não tinha os sul-africanos, foi criada pelo economista britânico Jim O'Neil em 2001 para designar grandes economias emergentes. Quando o bloco foi criado, em 2006, também ganhou um objetivo de defesa da multipolaridade e de aumento da influência dos emergentes nas instituições multilaterais, como o Fundo Monetário Internacional. Essa ênfase política perdeu peso com Bolsonaro, devido ao alinhamento do seu governo com os Estados Unidos.

Os líderes -  Estão em Brasília para a reunião de cúpula os presidentes da China (Xi Jinping), da Rússia (Vladimir Putin) e da África do Sul (Cybil Raphamosa), além do primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi. Junto com o Brasil, esses países representam algo como US$ 3,6 trilhões em exportações, US$ 3,2 trilhões em importações e um Produto Interno Bruto (PIB) que, somado, chega a US$ 40,5 trilhões, dos quais US$ 23,5 trilhões da China.

Embaixada - O governo brasileiro passa pelo constrangimento de ter de administrar, justamente no primeiro dia do evento, uma crise causada pela ocupação do prédio da Embaixada da Venezuela por partidários de Juan Guaidó, líder da oposição ao chavista Nicolás Maduro e autoproclamado presidente do país no início deste ano. Mais cedo, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente da República, chegou a defender o movimento, causando irritação em setores do Palácio do Planalto e do Itamaraty.

Latinos de fora - Ao contrário de encontros de cúpula anteriores, quando os presidentes da América do Sul eram convidados para conversarem em reuniões paralelas com o Brics, o Brasil — que passará a presidência do bloco na quinta-feira à Rússia — não concordou em trazer os líderes da região a Brasília.

Bolívia e Venezuela - A ideia de centralizar os debates em temas econômicos não deu certo. A situação da Venezuela e a renúncia de Evo Morales à Presidência da Bolívia deverão entrar nas discussões. No caso venezuelano, o Brasil está isolado. Reconhece como presidente daquele país Juan Guaidó, enquanto os demais membros apoiam Nicolas Maduro. Além disso, o russo Vladimir Putin já deixou claro que considera a queda de Morales um golpe de Estado — posição divergente da do governo brasileiro.

Encontros bilaterais - O presidente Jair Bolsonaro dá grande importância aos encontros bilaterais que estão acontecendo nesta quarta-feira com os membros do Brics. Com o chinês Xi Jinping, foram assinados nove atos e discutidas formas de ampliar comércio e investimentos em projetos de infraestrutura. Com Narendra Mori, a ideia é negociar um amplo acordo de livre comércio com a Índia. Com  Raphamosa, Bolsonaro pretende relançar as relações do Brasil com a África. Com Putin, uma das metas é conseguir a abertura do mercado do país do Leste Europeu para carnes brasileiras.

Empresários - O principal evento do Brics, nesta quarta-feira, será a participação dos líderes no encerramento de um fórum empresarial, no fim da tarde, com a presença de cerca de 500 homens de negócios dos cinco países.

Declaração - Os líderes do Brics fecharão, na quinta-feira, o texto final da declaração conjunta. Temas como comércio, combate ao terrorismo e tecnologia e inovação farão parte da agenda. O documento será concluído nos últimos minutos da reunião que acontecerá no fim da manhã, momentos antes de um almoço oferecido no Palácio do Itamaraty.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Governo de PE

Confira os últimos posts



06/12


2019

André elogia Sebastião e congresso do Avante

Três dias depois de ser paparicado em Brasília pelo governador Paulo Câmara e sinalizar que não desistirá da sua pré-candidatura a prefeito do Recife, o líder do PSD, André de Paula, foi o único presidente de partido no Estado a prestigiar o congresso estadual do Avante, partido que será comandado, oficialmente, no futuro, pelo deputado Sebastião Oliveira, hoje em fase de despedidas do PL.

Como André, Sebastião está distanciado do Palácio das Princesas, construindo uma espécie de terceira via no Estado em oposição ao Governo. Articulado e bom de voto – foi o quarto deputado federal mais votado em 2018 – Sebá, como é mais conhecido, mostrou força ao fazer um evento de peso, gigantesco, atraindo um número de lideranças expressivas dos mais diversos municípios e regiões do Estado.

"Eu não tenho a menor dúvida de que o Avante está em boas mãos, com a cara de uma liderança de expressão como Sebastião", disse André de Paula.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Paulista

06/12


2019

Avante faz congresso de partido majoritário

O congresso estadual do Avante, que ocorre neste momento em Gravatá, atraiu uma penca de lideranças dos mais diversos municípios e regiões do Estado. Lotou o auditório do Hotel Canariu’s e contou com a presença do presidente nacional da legenda, Luís Tibet, deputado federal por Minas.

Além do deputado federal Sebastião Oliveira e do seu irmão Waldemar Oliveira, presidente estadual da legenda, o evento contou também com a presença do presidente estadual do PSD, André de Paula, líder da Câmara dos Deputados.

Após a minha palestra sobre o político e as redes sociais, o evento contou também com a explanação do advogado Eraldo Inácio, sobre regras eleitorais e a condução dos debates foi feita por Alan Pereira, presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, em Serra Talhada.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Ipojuca

06/12


2019

Candangos de Lança promovem festa em Brasília

A Associação Cultural Candangos de Lança realizará, amanhã, um evento onde os apreciadores da autêntica cultura popular nordestina poderão desfrutar de muito frevo, forró, maracatu e outros gêneros musicais típicos da região. O nome do evento, “Me Segura no Cerrado”, remete ao mais tradicional ritmo pernambucano tomando como palco o cerrado, numa referência ao clássico frevo “Me segura senão eu caio”, imortalizado na interpretação de Alceu Valença. A ideia é celebrar essa conexão entre Brasília e Nordeste e ressaltar o rico e democrático mosaico de influências que tornam a identidade cultural brasilense única.

Virão, especialmente de Recife para a festa, artistas consagrados no cenário musical, como Benil, expoente da nova geração de músicos pernambucanos, Gustavo Travassos, puxador oficial do maior bloco carnavalesco do mundo, o Galo da Madrugada, e Ed Carlos, que em 2019 completou 30 anos de uma sólida carreira dedicada ao frevo e ao forró. Radicados em Brasília, completam o time de atrações a Orquestra Popular Marafreboi, regida pelo maestro Fabiano Medeiros, e o Maracatu Baque Mulher, grupo feminino símbolo do ritmo afro-brasileiro.

Apoiam o evento os tradicionais blocos carnavalescos brasilienses Suvaco da Asa, Galinho de Brasília e Virgens da Asa Norte, que erguerão seus estandartes e desfilarão juntos em um encontro histórico. Na ocasião, também serão prestadas homenagens a personalidades que se destacaram pela atuação em prol da cultura pernambucana.

A festa acontecerá no Galpão 17, no SIA. A Associação Cultural Candangos de Lança, ou simplesmente Candangos de Lança, é uma associação civil sem fins lucrativos fundada em setembro de 2019 em Brasília com o objetivo de congregar a comunidade pernambucana do Distrito Federal e promover a cultura, a identidade e as tradições do Estado de Pernambuco por meio de eventos artísticos, sociais e filantrópicos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


06/12


2019

DNOCS libera R$ 15 milhões para Sertânia

O coordenador estadual do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas – DNOCS, Marcos Rueda, assinou, hoje, uma ordem de serviço no valor de R$ 15 milhões para que a empresa MRM inicie, de imediato, as obras que consistem na construção da captação definitiva em Sertânia. A obra visa melhorar de forma definitiva o abastecimento de água para a região.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Abreu e lima

06/12


2019

Justiça inocenta ex-prefeito de Buíque

A Justiça Federal julgou improcedente a ação civil-pública de improbidade administrativa que o Ministério Público Federal ajuizou contra o ex-prefeito de Buíque Jonas Camelo, alegando a prática de conduta improba em prejuízo à União Federal.

A decisão foi proferida hoje, pelo juiz Allan Veras, por entender que o ex-prefeito não praticou os atos de improbidade administrativa apontados pelo MPF e, assim, o inocentou de qualquer cometimento de ato ímprobo em detrimento daquele município e da União Federal. Atuaram na defesa do ex-prefeito os advogados Edilson Xavier, de Arcoverde, e Fábio Bezerra, de Buíque.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Serra Talhada

06/12


2019

Senado pode votar pacote anticrime na semana que vem

Líderes no Senado costuram um acordo para acabar com o clima de embate na Casa e votar na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), na semana que vem, tanto o pacote anticrime como o projeto de lei que altera o Código de Processo Penal, que pode garantir a volta da prisão após a condenação em segunda instância.

Consultado pelos negociadores do armistício, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), deu sinal verde. Segundo líderes ouvidos pelo blog do Valdo Cruz, as negociações “estão evoluindo”, mas um acordo de fato seria fechado apenas na semana que vem.

Atualmente, há uma disputa dentro do Senado entre o grupo que quer votar o projeto de lei sobre prisão em segunda instância e o que prefere apoiar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da Câmara sobre o assunto. Do lado do segundo grupo está Alcolumbre, apoiado por alguns líderes. Do outro, a presidente da CCJ, senadora Simone Tebet, junto com um grupo de mais de 40 senadores.

O acordo garantiria a votação do projeto anticrime, que endurece a legislação penal e foi aprovado nesta semana pela Câmara. Já o projeto de lei que muda o Código de Processo Penal e trata da prisão em segunda instância seria votado na CCJ pela manhã, mas num primeiro momento não seria apreciado pelo plenário.

“Ele [o projeto] ficaria aprovado na comissão, e pronto para ser votado no plenário da Casa. Se a PEC da Câmara não evoluir no ritmo que vem sendo prometido pelos deputados, aí o projeto de lei que altera o Código de Processo Penal seria colocado em votação no plenário”, disse um líder ao blog reservadamente.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Limoeiro

06/12


2019

De Brasília para Gravatá

Já estou no auditório do hotel Canariu’s, em Gravatá, a 82 km do Recife, para uma palestra no I Encontro Estadual do Avante. O ambiente parece mais convenção partidária. Falo sobre o político e as redes sociais. O evento será aberto em instantes pelo presidente nacional do Avante, Luis Tibet (MG), ao lado do presidente estadual Waldemar Oliveira e o deputado federal Sebastião Oliveira.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner de Arcoverde

06/12


2019

Detran alerta que informar blitz nas redes sociais é crime

O Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, por meio das Diretorias de Fiscalização, Operações e Atendimento, deu início, ontem, a operação “Segundos que salvam vidas”, sob o título “Alertar sobre blitz nas redes sociais é crime”.

Segundo o gerente de fiscalização do Detran, Paulo Paz, com a chegada das festividades de final de ano, começam as confraternizações, quando as blitzes do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, e Autarquia de Trânsito e Transporte do Recife – CTTU, são intensificadas e a população tende a avisar aos motoristas os pontos onde estão acontecendo as blitzes por aplicativos. Mas o que as pessoas desconhecem é que esse ato é considerado crime, previsto no Código Penal, e existe punição.

A ação contou com 10 agentes de trânsito, 3 PK’s, 10 viaturas, entre carros e motos, que trabalharam em conjunto com o Batalhão de Policiamento de Trânsito, e a parceria da empresa Bandeirantes Outdoor. No local, agentes de trânsito abordaram os motoristas, alertando sobre os perigos dos avisos nas redes sociais.

Na oportunidade, Emanoel Plácido da Silva, observador certificado pelo Observatório Nacional de Segurança Viária- ONSV e professor de Gestão e Direito de Trânsito, e o agente/instrutor de trânsito do DETRAN-PE, Stephan Araújo, proferiram mini palestra para grupos de motoristas que foram abordados, com foco no Artigo 265 do CP, que prevê pena de reclusão de um a cinco anos mais multa para o condenado, além de quatro pontos na carteira.

Além disso, foi colocado à disposição dos condutores o Detran Itinerante, caminhão equipado com guichês com computadores, onde foi oferecido os serviços de consulta de pontuação e 2ª via da CNH, agendamento de serviço, emissão de multas, nada consta e taxas. 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Shopping Aragão

06/12


2019

Armando fortalece PTB para disputa municipal de 2020

Manter a presença em municípios estratégicos do Estado, a exemplo de Igarassu, Ipojuca e Garanhuns, e ampliar a força do partido por todas as regiões, elegendo um número significativo de prefeitos e vereadores. É este o projeto do PTB de Pernambuco para as próximas eleições municipais, e que tem sido construído sob a liderança do presidente de honra do partido, o ex-senador Armando Monteiro Neto.

Nas últimas semanas, Armando tem conduzido um processo intenso de reuniões e filiações, realizando também encontros ampliados com lideranças regionais e representantes de segmentos da sociedade.

Nos últimos meses foram realizados encontros com mais de 130 lideranças de 45 municípios. Os novos petebistas se somam às 50 pré-candidaturas majoritárias já definidas pela sigla, das quais 09 tentam a reeleição e 04 a sucessão.

O presidente estadual do PTB, José Humberto, destaca que o partido tem sido procurado e também está em contato permanente com lideranças alinhadas com bandeiras do partido já aprovadas nos municípios comandados por prefeitos petebistas.

“O PTB tem compromisso com o desenvolvimento econômico dos municípios, com o crescimento regionalmente equilibrado do Estado, onde as oportunidades de geração de emprego e renda sejam proporcionadas para a população dentro de suas próprias cidades. Aliado a isto, temos gestões que são referência em qualidade na prestação de serviços públicos”, afirma José Humberto.

O presidente de honra do partido, Armando Monteiro, reforça que irá dar continuidade aos encontros com lideranças para fortalecer o partido e para discutir as melhores opções de projeto para os municípios pernambucanos. “Em 2020, o PTB terá os melhores nomes e projetos para os novos desafios que se apresentam para o desenvolvimento dos municípios”, conclui.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


06/12


2019

As chibatas dos capitães do mato

Por Maciel Melo*

Brasil, onde estás?

Não vês que o teu povo clama? Não ouves a voz dos que proclamam o direito de ir e vir? A cor púrpura te sangra, te cega, te entontece, te mata e não vês as veias abertas da América, te sugando todo o sangue.

Enquanto isso, a vida se adianta, o país se atrasa, e o povo segue sua sina cigana, tirando as pedras do caminho, sem direito a se deitar em berço esplêndido, nem acordar ao som do mar, à luz de um céu profundo. Segue desafiando em seu peito a própria morte; vendo a fome bater à sua porta, esmolando migalhas de respeito, lealdade e cidadania.

O Brasil que sonhamos não está na gulodice dos meliantes de gravatas que se esbaldam no sarcasmo de sua prepotência. Não está na arrogância dos patrões escravocratas, que continuam discriminando e agindo como se não tivesse havido a abolição. Não está nas vidas severinas afogadas nas águas do açude de Cocorobó, nem no açoite das chibatas dos Capitães do Mato. Não está nas lápides geladas da tortura, no descaso, nas agruras, na falsa cegueira de quem não quer ver.

O Brasil que sonhamos está onde o verde louro de sua flâmula aflora o fruto posto à mesa, e a fauna engorda nos pastos sobre a terra dividida. Está no direito de ir e vir, está nos versos de Joaquim Osório Duque Estrada; está em O Guarani de Antônio Carlos Gomes, nos folhetos de cordel, na sanfona de Luiz Gonzaga, nas violas encantadas dos menestréis, dos cantadores violeiros. Está no sabor do extrato do grão do café torrado no caco e coado de manhã cedinho, alimentando os filhos pretos, de mães pretas, de pais pretos, para irem à labuta do dia a dia.

O Brasil que sonhamos está na cabeça de Paulo Freire, no Auto da Compadecida, está entre Deus e o Diabo Na Terra do Sol, está nos livros de Guimaraes Rosa, nos grandes sertões, nas orações de Dom Helder Câmara. Não está no presente, nem no futuro próximo.

O Brasil que sonhamos está em todos nós, mas, hoje, à mercê dos deuses, que na realidade é apenas um.

*Cantor e compositor


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


06/12


2019

Clebel: Ações na Justiça afastam investimentos

A geração de empregos foi um dos assuntos abordados pelo prefeito de Salgueiro, Clebel Cordeiro, durante entrevista concedida ao comunicador Maurício Ribeiro, ontem, no programa Política em Foco, na Salgueiro FM.

Na ocasião, o gestor municipal avaliou que as milhares de ações movidas na Justiça do Trabalho nos últimos anos, sobretudo contra empreiteiras das obras federais, deixaram Salgueiro com má fama no meio empresarial.

“Grandes empresas passaram por aqui. Nós oferecemos propostas, sentamos e conversamos com eles, mas eles disseram: Prefeito, como? Sua cidade tem o maior índice [de processos] trabalhistas do Brasil. Como é que vamos gerar emprego dentro de uma cidade dessa? Só para se ter uma ideia, uma empresa chegou a ter, dentro de Salgueiro, cinco mil ações trabalhistas”, disse.

De forma empírica, já que também é empresário, Clebel lembrou que os donos de empresas quando decidem investir numa cidade procuram todos os parâmetros para poder abrir uma filial e levam em consideração a segurança jurídica. “Não é fácil a gente reverter isso. Nós batemos em portas para tentar abrir, mas encontramos uma barreira muito grande: Justiça do Trabalho”, complementou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


06/12


2019

Adelmo Moura sai na frente com 73% em Itapetim

Em Itapetim, o prefeito Adelmo Moura (PSB) só não será reeleito se houver uma hecatombe. Pesquisa do Instituto Opinião aponta que o socialista lidera com folga nos dois cenários confrontados com adversários, ambos do PTB. Frente a Olavo Batista, teria, hoje, 73,4% das intenções de voto contra 10,9%. Neste cenário, brancos e nulos somam 7,1% e indecisos são apenas 8,6%. Quando Olavo é substituído por Anderson Lopes, Moura aparece com 63,1% e o concorrente com 22%. Brancos e nulos somam 4,6% e 10,3% se apresentam indecisos.

Na espontânea, modelo pelo qual o eleitor entrevistado é obrigado a lembrar o nome do candidato sem o auxílio da cartela com os respectivos postulantes, o prefeito se situa, igualmente, numa faixa bastante confortável. Tem 52% das intenções de voto, enquanto Anderson aparece com 6%, Arquimedes com 0,3% e Zé Lopes com 0,3%. Neste cenário, brancos e nulos somam 4,3% e 37,1% não souberam responder.

No item rejeição, Olavo Batista aparece no topo. Entre os entrevistados, 32,2% disseram que não votariam nele de jeito nenhum. Anderson é o segundo, com 12,6% e Adelmo é o menos rejeitado, com apenas 10,9%. Neste cenário, 3,7% disseram que rejeitam todos e 40,6% afirmaram que não rejeitam nenhum dos nomes postos para estimulação no levantamento pré-eleitoral.

A pesquisa foi a campo entre os dias 2 e 3 passados, sendo aplicados 350 questionários, com margem de erro de 5,2 pontos percentuais para mais ou para menos e intervalo de confiança de 95%. A modalidade de pesquisa adotada envolveu a técnica de Survey, que consiste na aplicação de questionários estruturados e padronizados a uma amostra representativa do universo de investigação. Foram realizadas entrevistas pessoais e domiciliares.

Estratificando a primeira sondagem eleitoral em Itapetim, berço da poesia do repente no Sertão do Pajeú, o prefeito aparece melhor situado entre os eleitores com renda familiar acima de cinco salários (81,8%), entre os eleitores na faixa etária entre 35 a 44 anos (78,5%) e entre os eleitores com grau de instrução até o 9º ano escolar (72%). Por sexo, 75,4% dos seus eleitores são mulheres e 72,3% são homens.

Já Anderson Lopes, que aparece melhor situado do que Olavo, tem a maior taxa de intenção de voto entre os eleitores na faixa etária de 35 a 44 anos (26,8%), entre os eleitores com grau de instrução superior (22,8%) e entre os eleitores com renda familiar até dois salários mínimos (20%). Por sexo, 22,7% dos seus eleitores são masculinos e 20,9% são femininos.

AVALIAÇÃO DE GESTÃO

No quesito gestão administrativa, o prefeito Adelmo Moura se situa numa faixa de excelência, com índices, provavelmente, que o apontam como o melhor gestor avaliado no Estado. Ele aparece com 35,7% de ótimo e 42% de bom, enquanto 14,9% o julgam regular. Entre os que desaprovam apenas 3,1% consideram seu Governo péssimo e 3,4% ruim. Enquanto a soma da aprovação beira os 80%, a de desaprovação é de menos de 7%, algo inédito na história de Itapetim.

Já o Governo Paulo Câmara, tem mais aprovação do que desaprovação. É julgado ótimo por 6% e bom por 24,9%, enquanto 32% acham regular. Entre os que desaprovam 12,3% são de péssimo e 7,7% de ruim. 17% não souberam ou não quiseram responder. Dos três níveis de poder, o federal é o que detém as maiores taxas de desaprovação. O Governo Bolsonaro aparece com 46% de péssimo e 16% de ruim, ou seja, mais de 60%. Já os que o aprovam, 9,1% consideram bom e 1,4% de ótimo, enquanto 20,9% julgam regular. 0,9% não sabem ou não quiseram responder.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


06/12


2019

MP retoma investigação sobre Flávio Bolsonaro

O Ministério Público do Rio de Janeiro vai retomar, após quatro meses sob suspensão, as investigação contra o senador Flávio Bolsonaro e seu ex-assessor Fabrício Queiroz. O filho do presidente Jair Bolsonaro e seu ex-auxiliar são suspeitos de cometer os crimes de lavagem de dinheiro e peculato (desvio de dinheiro público) no período em que Flávio era deputado estadual na Alerj. O caso Queiroz foi uma das mais de 900 investigações que ficaram paralisadas após decisão do presidente do Supremo, Dias Toffoli.

Há um ano, o Estadão revelou que o PM Fabrício Queiroz tivera em conta movimentações financeiras de R$ 1,2 milhão, atípicas e incompatíveis com seus ganhos. A investigação pôde ser restartada após o STF decidir pela legalidade do compartilhamento de informações fiscais e bancárias por órgãos de controle com o MP. O parlamentar alegava ilegalidade e perseguição política na ação.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


06/12


2019

Bolsonaro revoga veto a Folha

Após críticas de entidades que defendem a liberdade de expressão, o presidente Jair Bolsonaro voltou atrás em sua decisão e revogou o edital que excluiu a Folha de licitação para a assinatura eletrônica de jornais em órgãos do governo.

A decisão foi publicada hoje, no Diário Oficial da União. No dia 31 de outubro, Bolsonaro anunciou que havia determinado o cancelamento de todas as assinaturas da Folha no governo federal. Após ser oficializada, a medida durou pouco mais de uma semana. O edital agora revogado previa a contratação pela Presidência da República por um ano, prorrogável por mais cinco, de uma empresa especializada em oferecer a assinatura dos veículos à Presidência.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


06/12


2019

TCE aprova voto de aplauso para João Alberto

Foi aprovado, na sessão do Pleno da última quarta-feira, um voto de aplauso ao jornalista João Alberto pela passagem dos seus 50 anos de colunismo social, ocorrida na última terça-feira. A proposição foi do conselheiro Valdecir Pascoal.

“João Alberto é reconhecido aqui e nacionalmente pelo jornalismo sério, sendo uma referência que tanto orgulha a imprensa local e nacional”, disse o conselheiro, que também destacou o temperamento afável, respeitoso e plural com o qual o jornalista trata as questões sociais e políticas.

O presidente Marcos Loreto, que esteve presente ontem à festa de comemoração dos 50 anos e, paralelamente, ao lançamento da 37ª edição de seu livro a Sociedade Pernambucana, também ressaltou a importância do trabalho de João Alberto, destacando a inovação e um lado que “transcende o colunismo tradicional” ao trazer variados temas para sua coluna.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores