Gravatá IPTU 2019 Prorro

11/02


2019

Petistas nas ruas: oposição ao governo e liberdade a Lula

O PT vai retomar caravanas pelo país para tentar dar força à oposição ao governo Jair Bolsonaro e ampliar a campanha pela liberdade do ex-presidente Lula. O debate da reforma da Previdência é prioridade. As viagens serão conduzidas por Fernando Haddad, que desembarca no Ceará no fim de semana.

Dirigentes petistas dizem que o partido precisa voltar a mobilizar o país. Para isso, é necessário retomar as conversas não só com sua base, mas também com os 47 milhões de eleitores que votaram em Haddad no segundo turno da disputa presidencial.

O formato das caravanas de Haddad será diferente do das conduzidas por Lula em 2017. A ideia é que, além de comandar atos públicos, o ex-prefeito de São Paulo participe de eventos fechados e dê entrevistas para a imprensa local. (Painel – Folha)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Congresso Nordestino de Educação Médica

Confira os últimos posts



01/10


2006

Preso irmão de deputado por compra de votos

Foi preso hoje pela manhã em Rio Doce, Almir Farias, irmão do deputado estadual André Luiz Farias-ALF, por distribução ilegal de propaganda eleitoral, compra de votos, e boca-de-urna,  irregularidades não permitidas pela legislação eleitoral. Almir foi algemado e conduzido para a Academia da Polícia Militar. O material distribuido estava relacionado às candidaturas de Lula, Eduardo Campos e do próprio ALF. Também foi presa no mesmo local uma mulher, Rivane Nascimento, flagrada fazendo boca-de-urna para os candidatos Eduardo Campos, Carlos Wilson e ALF.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

IVAN INÁCIO DE OLIVEIRA

O ex- vice prefeito, e atual secretário de planejamento de Serra Talhada e irmão do atual vice, foi detido ontem neste municipio, especificamente no bairro da borborema, distribuindo leite de PE, pedindo votos pro Gago.


Transporte PMR

01/10


2006

PE: 70 peças de campanha apreendidas no Recife

Cerca de 70 peças, entre bandeiras e placas de candidatos, foram apreendidas no Recife até o momento. Todo o material foi encaminhado para o Ministério Público Eleitoral. Três oficiais de justiça, juntamente com as polícias Civil, Militar e Federal, estão nas ruas fazendo a fiscalização.

A multa para os candidatos que tiverem peças com seus nomes nas ruas pode ir de R$ 5 a 16 mil. As informações são do Pe360 graus.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

IVAN INÁCIO DE OLIVEIRA

O ex- vice prefeito, e atual secretário de planejamento de Serra Talhada João Duque Filho e irmão do atual vice, foi detido ontem neste municipio, especificamente no bairro da borborema, distribuindo leite de PE, pedindo votos pro Gago.


Prefeitura de Olinda 2019

01/10


2006

Vereador e mais 20 pessoas presos em Pesqueira

Mais de vinte pessoas, entre elas o vereador Sebastião Anselmo, foram presas até o meio-dia de hoje em Pesqueira, pela prática de boca-de-urna. O juiz eleitoral André Santana mantém severa vigilância para que sejam respeitadas as determinações da lei eleitoral, contando para isso com o efetivo da Polícia Militar. 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

IVAN INÁCIO DE OLIVEIRA

O ex- vice prefeito, e atual secretário de planejamento de Serra Talhada e irmão do atual vice, foi detido ontem neste municipio, especificamente no bairro da borborema, distribuindo leite de PE, pedindo votos pro Gago.



01/10


2006

PE: Coelho vota e fala em uso de dinheiro sujo

O deputado federal e candidato à reeleição Osvaldo Coelho (PFL) votou, há pouco, na Escola Maroquinha, no bairro de Areia Branca. Coelho, que tenta seu 12º mandato, disse à Imprensa que o derramamento de santinhos que está acontecendo frequentemente nas ruas é ''uso de dinheiro sujo na campanha de Petrolina''.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

IVAN INÁCIO DE OLIVEIRA

O ex- vice prefeito, e atual secretário de planejamento de Serra Talhada e irmão do atual vice, foi detido ontem neste municipio, especificamente no bairro da borborema, distribuindo leite de PE, pedindo votos pro Gago.


ArcoVerde

01/10


2006

AL: Filho de Collor é preso com material de campanha

O vereador Fernando James (PRTB), filho do ex-presidente Fernando Collor de Mello, foi preso, no final da manhã deste domingo, na cidade de Rio Largo, na região metropolitana de Maceió. A prisão foi efetuada por soldados do Exército Brasileiro, que estão no município, onde o filho do ex-presidente Fernando Collor de Mello é vereador.

De acordo com as primeiras informações, Fernando James foi preso por tropas federais numa barreira montada pelo Exército. Ele estava numa caminhonete Ranger com propaganda do pai, o ex-presidente Fernando Collor, que é candidato ao Senado pelo PRTB.

James foi encaminhado à Polícia Federal por determinação da juíza Maísa Cesário. A expectativa é que depois de ouvido, o vereador seja liberado, mas seu material de campanha deverá ficar apreendido. A juíza encaminhou o vereador para a Polícia Federal, para esclarecer o fato. As informações são da Agência Nordeste.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

IVAN INÁCIO DE OLIVEIRA

O ex- vice prefeito, e atual secretário de planejamento de Serra Talhada e irmão do atual vice, foi detido ontem neste municipio, especificamente no bairro da borborema, distribuindo leite de PE, pedindo votos pro Gago.


Asfaltos

01/10


2006

TSE: 1.361 urnas eletrônicas substituídas no país

 De acordo com informações dos Tribunais Regionais Eleitorais, reunidas pela Diretoria Geral do Tribunal Superior Eleitoral, até às 13 horas, houve 1.361 urnas substituídas, o que corresponde a 0,38% do total de 361.431 em atividade.

O TSE trabalha com índice de substituição regular de 1%. Em 2002, foram substituídas 5.719 (1,41%) urnas e houve 652 (0,20%) seções com votação manual. Em 2004, foram substituídas 2.982 (0,74 %) urnas e houve 259 (0,07%) seções com votação manual.

Até agora, o maior número de substituições de urnas foi em São Paulo – 352. Em seguida, vem o Rio Grande do Sul, com 138 substituições. Em terceiro lugar, vem Minas Gerais, com 127 reposições. Em quarto lugar, Sergipe, com 97 reposições. O Rio de Janeiro vem em quinto, com 70 urnas. No exterior, nenhuma urna foi trocada.

Já houve votações manuais em 24 localidades. Em São Paulo, ocorreu em 8 seções. Houve votação manual, ainda, em 3 seções do RN, e em 2 seções de AL, MA, MG e PA.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


01/10


2006

CE: Tasso diz que PSDB perde o governo

Ao chegar para votar no Colégio Farias de Brito, em Fortaleza, o presidente nacional do PSDB, senador cearense Tasso Jereissati, admitiu que o PSDB vai perder o Governo do Ceará, após 20 anos. “Não deveremos sair vitoriosos aqui. Isso servirá para o PSDB cearense se purificar”, disse. Tasso destacou que fará “uma oposição light” a Cid Gomes (PSB), que pode ser eleito hoje governador em primeiro turno. Cid é irmão do ex-ministro da Integração Nacional, Ciro Gomes, candidato hoje a deputado federal pelo PSB. Tasso não fez campanha para o candidato do PSDB à reeleição, govenador Lúcio Alcântara, alegando divergências políticas. As informações são da Agência Nordeste.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

BM4 Marketing

01/10


2006

Preso vice-prefeito de Chã de Alegria por boca-de-urna

Acaba de ser preso o vice-prefeito de Chã de Alegria, Pernambuco,  Hilton Joseilton Ribeiro, da Frente Popular de Pernambuco, pela prática de boca-de-urna no município. A prisão foi dada pela juíza Kaira de Almeida, que flagrou o delito e determinou ao delegado Marcos Pereira a detenção do vice-prefeito. O vice-prefeito foi liberado após a lavratura do auto de prisão, depois de pagar fiança de R$ 530.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

IVAN INÁCIO DE OLIVEIRA

O ex- vice prefeito, e atual secretário de planejamento de Serra Talhada e irmão do atual vice, foi detido ontem neste municipio, especificamente no bairro da borborema, distribuindo leite de PE, pedindo votos pro Gago.



01/10


2006

TSE: Invasão de seções no Rio e roubo de computadores

O diretor-geral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Athayde Fontoura Filho, informou neste domingo (1º/10), após a divulgação do segundo boletim sobre o andamento da eleição em todo o país, que houve duas ocorrências de relevância em todo o país.

O primeiro episódio ocorreu no Rio de Janeiro, em Jacarepaguá, onde três zonas eleitorais foram invadidas. Foram roubados apenas computadores. O diretor-geral frisou que não se tratam de urnas, mas de computadores. E esclareceu que o fato não compromete o trabalho da Justiça Eleitoral.

A segunda ocorrência foi no estado do Amazonas, na cidade de Guajará, próxima ao Acre e a 1.120 km de Manaus. Uma equipe da Justiça Eleitoral levava uma urna, um notebook e um equipamento de contato com satélite, de barco, quando a embarcação tombou e os equipamentos foram levados pelo rio.

Imediatamente o TSE foi acionado e contatou o Ministério da Defesa. O órgão do governo federal não pode se envolver na operação porque todas as aeronaves estavam destacadas para a Infraero, diante do acidente com o avião da empresa Gol, no sul do Pará. Diante do fato, o TSE teve de acionar uma empresa particular, que levou equipamentos substitutos e uma urna do estoque de reposição até a cidade de Cruzeiro do Sul, no Acre. De lá, um helicóptero do Ibama os levou até o município de Guajará.

O secretário de Tecnologia da Informação do TSE, Giuseppe Dutra Janino, também presente na coletiva, explicou que a Justiça Eleitoral tem três procedimentos até chegar à utilização do voto manual nas eleições como já ocorreu em 21 seções eleitorais.

Em primeiro lugar, se ocorre algum problema com a urna eletrônica, o procedimento é desligar e ligar novamente o aparelho. Se o problema persistir, é feita a substituição do equipamento, quando se retira o cartão de memória e o insere em uma urna de contingência (do estoque reserva).

Caso isso não resolva, a terceira alternativa é a substituição do cartão de memória. Se nenhum desses procedimentos der certo, aí sim, segue-se para a votação manual.

O diretor-geral ainda ressaltou que a substituição de 228 urnas até 11 horas da manhã é uma quantidade normal, já que o TSE trabalha com uma margem de substituição de até 1% do total. Por enquanto, o índice está em 0,37%. A margem de 1% foi alcançada em 1998.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


01/10


2006

CE: quatro candidatos a governador já votaram

Quatro dos seis candidatos a governador do Ceará já votaram. No final da manhã votou o advogado Renato Roseno (PSol). Ele foi a sensação no Colégio Ary de Sá, em Fortaleza. Roseno avaliou sua campanha como positiva e que foi uma oportunidade para divulgar os ideais do PSol. Pela manhã votaram ainda Salete Silva (PCO), em Juazeiro do Norte (a 540 quilômetros de Fortaleza); Horácio Gondim (PSDC), em Cascavel (a 60 quilômetros de Capital); e José Maria de Melo (PL), na Universidade de Fortaleza (Unifor).

 

Lúcio Alcântara (PSDB) está na fila para votar no Palácio da Abolição, em Fortaleza. Já Cid Gomes (PSB) só votará às 15h, no Colégio Diocesano, em Sobral, a 240 quilômetros de Fortaleza. As informações são da Agência Nordeste.



Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


01/10


2006

AL: Governador diz que eleição segue tranquila

O governador Luis Abílio (PDT) votou pela manhã, na 20ª seção, na Escola Professor Afrânio Lages, no Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada (Cepa). Ele estava acompanhado dos secretários de Comunicação, Joaldo Cavalcante, da Defesa Social, coronel PM Ronaldo dosa Santos, além do diretor-geral da Polícia Civil, delegado Robervaldo Davino.

Em entrevista à imprensa, o governador disse que, apesar de Alagoas ter vivido uma campanha das mais acirradas, as eleições estavam transcorrendo num clima de tranqüilidade e paz. "Espero que permaneça assim até o final da votação", afirmou Abílio, acrescentando que o eleitor vote consciente e escolha o que for melhor para o desenvolvimento do Estado. As informações são do Estadão.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


01/10


2006

Marco Aurélio: "Será mais fácil Lula vencer no 2º turno"

O coordenador-geral da campanha à reeleição do PT, Marco Aurélio Garcia, disse que o partido está preparado para vencer tanto no primeiro quanto no segundo turno. Pesquisas Ibope e Datafolha divulgadas ontem apontavam a ampliação das chances de haver um segundo turno entre o petista Luiz Inácio Lula da Silva e o tucano Geraldo Alckmin.

''Estamos preparados para qualquer eventualidade, para primeiro ou segundo turno. Se houver segundo turno, isso não vai diminuir o ímpeto nem a confiança de que nós vamos ter Lula por mais quatro anos'', disse ele após votar neste domingo no Colégio Palmares, na zona leste de São Paulo.

Para Garcia, a campanha de 2º turno é mais fácil. ''É mais fácil de fazer campanha quando há confronto entre dois candidatos. Minha expectativa é resolver esse assunto hoje.''

O coordenador da campanha disse que o eleitorado está avaliando programas de governo e não mudou de voto por conta das últimas denúncias envolvendo integrantes do PT. ''A sociedade brasileira tem se movido em função de uma avaliação dos programas de governo. Ou melhor: de um programa de governo porque os demais candidatos apresentaram um papelucho.'' (Folha Online)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


01/10


2006

TSE: Eleições tranquilas em todo o país

O corregedor-geral da Justiça Eleitoral, ministro Cesar Asfor Rocha, manteve contato com os corregedores eleitorais de todos os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) na manhã deste domingo (1º/10) e informou que até agora, as eleições transcorrem na maior normalidade, sem nenhuma incidência de ocorrências mais graves.

Os corregedores eleitorais são os fiscais das eleições. Aos corregedores compete a inspeção e o zelo pela regularidade dos serviços eleitorais, julgar as ações contra supostas infrações à lei eleitoral, entre outras atribuições.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


01/10


2006

Eleição mudará pouco o quadro político

De Fernando Rodrigues, da Folha de S.Paulo

As disputas pelos governos estaduais e do Distrito Federal terão duas marcas principais: 1) continuísmo das forças que já estão no poder e 2) recorde de decisões no primeiro turno.

As pesquisas de intenção de voto disponíveis para as 27 eleições de governadores demonstram que em 21 Estados há candidatos favoritos que representam os atuais governos. Em 16 casos, é o próprio governador que disputa a reeleição.

Há também localidades como São Paulo e Rio, onde os candidatos à frente na disputa --José Serra (PSDB) e Sérgio Cabral (PMDB), respectivamente-- pertencem aos mesmos grupos atualmente no poder. Não há reeleição nesses dois Estados, mas mantém-se o establishment inalterado.

A reeleição foi introduzida no país pela primeira vez na eleição de 1998.

Naquele ano, 21 dos 27 governadores tentaram se reeleger. Só 14 tiveram sucesso. Em 2002, quatro anos depois, foram 14 tentativas de reeleição e apenas nove se deram bem. O recorde pode ser quebrado neste ano.

Outro aspecto inédito nos pleitos estaduais é o número de decisões possíveis no primeiro turno: até 16 casos, dizem as pesquisas.

Desde a adoção dos dois turnos em eleições de governadores --em 1990--, o máximo de disputas concluídas na primeira rodada de votação foi em 1998, com 14 vitórias.

Na divisão partidária, poucas surpresas estão à vista. O PMDB deve continuar a ser a sigla com o maior número de Estados (de sete a oito vitórias previstas). O PSDB é favorito nos dois maiores colégios eleitorais (São Paulo e Minas Gerais). O PFL mantém a Bahia como seu maior reduto. E o PT continua fraco nesse tipo de eleição: tem chance real só em três Estados (Acre, Piauí e Sergipe), cujo eleitorado representa 3% do do país.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


01/10


2006

Seguranças de Serra e Alckmin agridem jornalistas

Tumulto e desorganização marcaram a votação no Colégio Santa Cruz, no Alto de Pinheiros, causados pelo despreparo dos seguranças do PSDB.

Eles agrediram os fotógrafos e cinegrafistas, que também provocaram tumulto na chegada, no desejo de conseguir imagens e fotos da chegada dos candidatos do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, e ao governo de São Paulo, José Serra, e do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, ao local de votação de Serra.

Houve gritaria e desespero entre as pessoas que estavam chegando ou saindo do colégio. Na ocasião, uma senhora foi derrubada. (Agência Estado)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha