ArcoVerde

11/01


2019

Surpreendido pelo PSB, Maia e traições no MDB e esquerda

Tenta levar eleição da Câmara dos Deputados

Folha de S.Paulo – Painel - Daniela Lima

Surpreendidos pelo PSB, que por ampla maioria decidiu não integrar o bloco que vai apoiar a reeleição de Rodrigo Maia (DEM-RJ) à presidência da Câmara, dirigentes de siglas que estão com o democrata dizem que ele já costura acordos de bastidor para estimular traições na esquerda e no MDB. Como a votação será secreta, Maia espera ter ao menos um terço dos votos do PT e do PDT, independentemente dos acordos de cúpula. Para rachar o MDB, conta com a ajuda de senadores da legenda.

No PSB, a expectativa é a de que o PDT ingresse no bloco anti-Maia, encabeçado por PP e MDB. O PC do B está dividido, mas, se todas as siglas de esquerda se unirem à ala do centrão que tenta rivalizar com o democrata, o grupo pode chegar a 216 deputados.

PT discutiria o rumo a tomar na disputa na segunda (14), mas deve antecipar a conversa para o fim de semana. Dono da maior bancada da Casa, com 56 deputados, o partido pode dar fôlego ao bloco anti-Maia.

Dos 22 deputados que foram à reunião do PSB, 16 pregaram um acordo com o bloco de oposição ao democrata. Cinco ficaram calados e um foi contra


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Asfaltos

Confira os últimos posts



02/09


2006

Novas pesquisas vão bater com a do Ibope?

 Daqui a pouco, nos jornais Diário de Pernambuco e Jornal do Commercio, duas novas pesquisas sobre a sucessão estadual vão agitar a campanha no Estado. Elas são aguardadas com expectativa, porque sucedem a do Ibope, divulgada pela Globo, quinta-feira passada, mostrando que o indiciamento do petista Humberto Costa na máfia dos vampiros não afetou a sua imagem.

Pelos números do Ibope, Humberto até cresceu, passando de 22% para 25%. Eduardo Campos, do PSB, também avançou, de 19% para 21%. Quem mais cresceu com o guia eleitoral na TV, entretanto, foi o candidato do PFL, governador Mendonça Filho, que disputa a reeleição. Foi de 34% para 38%, consolidando a dianteira nas pesquisas.

Mais tarde, já teremos nas ruas as edições dos dois jornais. Já tenho informações de que na pesquisa do Vox Populi, contratada pelo Jornal do Commercio, Humberto não consegue repetir a façanha do Ibope, ou seja, apresentar crescimento, mesmo diante do bombardeio a que foi submetido nos últimos dias na mídia em razão do seu indiciamento no processo final da máfia dos vampiros.

Na do Diário de Pernambuco, que trabalha com um instituto da própria rede dos Diários Associados, não consegui nenhuma informação. É possível que o faça agora pela manhã, antes que o jornal chegue às ruas. O fato, no entanto, é que essas duas pesquisas podem atestar se os números do Ibope realmente estão batendo com a realidade ou não. Vamos aguardar!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Pelo que o prezado amigo Magno está comentando, ou seja; ele afirmar que na pesquisa do Jc, ele não conssegue crescer, mas o que temos que levar em conta nesse momento é que;apesar de tdo esse bombarbeio ele ñ caiu, então é pq, essa candidatura tem consistência, é mais forte do q so fatos difamatóri



02/09


2006

A eleição de Alagoas

''O industrial e deputado federal João Lyra (PTB) tem amplas chances de ganhar as eleições em Alagoas logo no primeiro turno. Porém, como diziam os mineiros, ''eleição e mineração, só depois da apuração''. É que Teotônio Vilela Filho, segundo colocado nas pesquisas de intenção de votos, também é um qualificadíssimo candidato para o cargo, sendo inoportuna a antecipação do resultado final do pleito'', avalia Severino Luiz de Araújo, colaborador deste blog, em artigo que acabo de postar em Opinião. Boa leitura!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

como o amigo bem diz, de vez em quando, sanduiche de pão com pão, ou seja João LyraXteotônio Vilela, UsineiroXusineiro, desde q Alagoas é Alagoas.



02/09


2006

TRE: imagens de Arraes e Humberto podem ser usadas

 O pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco decidiu que a imagem do ex-governador e avô do candidato socialista Eduardo Campos,  Miguel Arraes, poderá ser usada durante o período eleitoral sem restrição no tocante a coligação. A Frente Popular de Pernambuco requereu, por meio de representação, exclusividade de veiculação. O processo deveria ter sido julgado no início da semana, mas o desembargador Gustavo Paes de Andrade pediu vistas à peça.

Apesar de o desembargador-relator Bartolomeu Bueno ter votado pela concessão da exclusividade, a maioria dos magistrados julgou que o uso indevido de imagem deve ser julgado caso a caso. “O risco de se fazer uma censura prévia é grande, não podemos fazer um julgamento antecipado”, avaliou o presidente do TRE, Eloy D’Almeida Lins.

O candidato Humberto Costa (PT) também impetrou uma ação relativa a uso de imagem. O petista conseguiu uma liminar, proibindo que a coligação do governador-candidato, Mendonça Filho (PFL), use a imagem dele quando citarem o indiciamento da operação vampiro. Porém, durante o pleno, os desembargadores entenderam que a operação pode ser citada livremente e que não há problema no uso da imagem desde que não haja ofensas à honra.

Assim sendo, a liminar deixa de ter validade. Para a advogada petista, Virgínia Pimentel, os danos já causados à imagem do seu cliente precisam ser compensados. “Vamos recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral porque entendemos que deve haver aplicação de penalidade”, explicou. Edílson Silva (P-Sol) também conseguiu tirar sua imagem do horário gratuito da Frente Popular. O desembargador Alfredo Jambo determinou a suspensão do trecho em que Silva aparece denunciando o pai do governador pefelista, José Mendonça, durante debate na TV Clube.As informações são da Folha de Pernambuco.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Lembrando da história politíca do Dr Arraes, tem gente em Pernambuco q ñ se cansa de o inveja-lo, mas q até o momento seu lugar ta reservado apenas na "estória dos traidores", quando ñ se tem capacidade as armas, são:DIFAMAÇÃO, ÓDIO,INVEJA E VINGANÇA.

Como faz falta a Sapiência do Dr Arraes, aquilo é o q se pode chamar de Dignidade, lembro em 1986, a Pefelândia toda o difamando, dizendo que se ele fosse eleito o mundo ia se acabar, e ele na cadeira de balanço, com sua costumeira serenidade, apenas resp. TENHO DUAS MÃOS E O SENTIMENTO DO MUNDO.

josé arnaldo amaral

Os múltiplos processos contra a vampiragem não tramitam em segredo de justiça. Portanto são plenamente públicos. Nada mais oportuno que os mesmos recebam divulgação pelos meios competentes. Abaixo as máscaras !!! Vampiros ao vivo e em cores, JÁ!! 45 nelles !!!



02/09


2006

Cassado prefeito de Carnaubeira da Penha

O prefeito de Carnaubeira da Penha,  a 494 km do Recife, Manoel José da Silva (PL), teve, ontem, seu mandato cassado por  uso da máquina pública. Ele foi denunciado depois que realizou, no mês de agosto de 2004, um show em comemoração a padroeira da cidade, com a banda Cheiro de Menina.

O vocalista do grupo pediu votos para ele, que na ocasião disputava à reeleição, e teceu diversos elogios à administração do político, que contava com o apoio do ex-prefeito da cidade, Tadeu Novaes. A determinação é que novas eleições sejam realizadas no município.

Os acusados de improbidade administrativa estiveram presentes na inauguração do comitê eleitoral do deputado federal e candidato à reeleição Inocêncio Oliveira (PL),  no mês passado, em Serra Talhada.

De acordo com o juiz eleitoral, José Roberto Sena, que determinou o afastamento, o prefeito foi claramente beneficiado. “O vocalista aproveitou que estava tendo a atenção do eleitorado e elogiou o prefeito, que acabou se beneficiando, sendo privilegiado”, avaliou o magistrado.

Manoel José e o vice, Afonso Bastos, ficam nos cargos até que o Tribunal Regional Eleitoral julgue o recurso impetrado pelos acusados. Porém, Sena determinou a inelegibilidade dos candidatos até 2007, que também foram obrigados a pagar uma multa individual de R$ 15 mil. A denúncia foi apresentada pelo candidato que ficou em segundo lugar nas últimas eleições para a prefeitura, Humberto Nunes.

“A ação estava nas mãos do juiz de Floresta, Edilson Rodrigues de Moura, mas a decisão demorou muito, então tivemos que entrar com uma ação de suspensão. Só então o processo passou para o juiz substituto, que resolveu pela cassação”, disse Nunes. As informações são da Folha de Pernambuco.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

Certamente Pernambuco não é uma ilha.Se procurarem vão encontrar. É aquela máxima: "QUEM PROCURA ACHA."Tá danado! A prosperidade repentina de alguns prefeitos é sinal evidente.É só escarafunchar-lhe a vida e...pimba!Tem políticos do interior que são capazes de tirar até as telhas das repartições.



02/09


2006

Lyra abre 17 pontos de vantagem sobre tucano em AL

Da coluna de Cláudio Humberto: ''Diz o Vox Populi: João Lyra (PTB), com 47%, abriu 17 pontos de vantagem sobre o tucano Teotônio Vilela (30%), na disputa pelo governo de Alagoas.''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


02/09


2006

Candidato do PT dá calotote em produtora no Rio

 A produtora que faz os programas do candidato petista ao governo do Rio de Janeiro, Vladimir Palmeira (foto),  resolveu retirar ontem os equipamentos alugados ao partido. A produtora Patto Rocco foi contratada para produzir os vídeos, mas, após duas semanas, não conseguiu receber um só centavo pelos serviços. Após exigir pagamento, a produtora ouviu da assessoria de imprensa do PT do Rio que não havia “a mínima chance” de serem pagos. As informações são da coluna de Claúdio Humberto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


02/09


2006

Prefeito é obrigado a suspender contratos temporários

Contratações irregulares em duas gestões da Prefeitura de Palmeirina, no Agreste pernambucano, motivaram o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) a entrar, na última terça-feira, com duas ações civis por improbidade administrativa.

Em uma das ações a promotora de Justiça Alice de Oliveira Morais está questionando contratos temporários realizados durante a administração do atual prefeito, Severino Eudson Catão Ferreira. Na outra, o problema foi a contratação de uma falsa cooperativa de prestação de serviços que nunca comprovou o trabalho realizado, na gestão do ex-prefeito Carlos Alberto Timóteo da Silva. O prejuízo desta fraude aos cofres do município chega a R$ 87,6 mil.

Durante procedimentos de investigação preliminares, o MPPE comprovou um número excessivo de contratos temporários em Palmeirina. Em junho de 2005, os temporários eram 291 dentro do quadro de funcionários municipais, número muito próximo ao de efetivos, que totalizavam 392.

Por conta desta situação, a promotora pede liminarmente que o município suspenda os contratos temporários irregulares. Além disso, a prefeitura deverá realizar um levantamento dos cargos necessários para manter a administração municipal funcionando e, com base nisso, realizar concurso público dentro de 180 dias. As informações são do MPPE.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

Certamente Pernambuco não é uma ilha.Se procurarem vão encontrar. É aquela máxima: "QUEM PROCURA ACHA."Tá danado! A prosperidade repentina de alguns prefeitos é sinal evidente.É só escarafunchar-lhe a vida e...pimba!Tem políticos do interior que são capazes de tirar até as telhas das repartições.

e na secretária de educação de pernambuco, quantos professores temporários tem?tudo na base do cabide de emprego, se tem grana pra pagar os temporários, pq ñ fazer concurso público?e a frota de carros alugados, quem ta ganhando com isso?até os motoristas são tempotários, isso se chama transparência.


Bm4 Marketing 7

02/09


2006

Prefeito terá que devolver dinheiro usado em propaganda

 O  prefeito de Buíque, no Sertão de Pernambuco, Arquimedes Guedes Valença, terá que devolver aos cofres do município R$ 43.223,07 utilizados em promoção pessoal. A irregularidade aconteceu em uma gestão anterior do prefeito, em 1991.

A ação de execução foi ingressada na última quinta-feira pelo Promotor de Justiça da cidade, Paulo Augusto de Freitas Oliveira, com base em processo administrativo instaurado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Na época da irregularidade, o prefeito pagou com dinheiro da Prefeitura a veiculação de propagandas de cunho pessoal em um jornal de circulação municipal. ''Não havia informações sobre obras ou ações da prefeitura, nada. Apenas fotos e dados sobre o próprio prefeito'', informou o Promotor. Se a ação for acatada pela Justiça, a execução da dívida deverá ser feita num prazo de 24 horas.   


 
 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

Certamente Pernambuco não é uma ilha.Se procurarem vão encontrar. É aquela máxima: "QUEM PROCURA ACHA."Tá danado! A prosperidade repentina de alguns prefeitos é sinal evidente.É só escarafunchar-lhe a vida e...pimba!Tem políticos do interior que são capazes de tirar até as telhas das repartições.



02/09


2006

Charge do dia - Lailson

 














Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


02/09


2006

PT aciona Alckmin por invadir horário dos proporcionais

 A coligação que apóia a reeleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) entrou, ontem, com ação no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), para evitar a reapresentação de programa eleitoral em que houve suposta invasão de Geraldo Alckmin, candidato do PSDB à Presidência, no tempo destinado a deputados de seu partido.

Segundo a coligação, na última quinta-feira, o candidato tucano invadiu por um minuto o horário de deputados com a veiculação de mensagens e imagens a favor de sua campanha.

A legislação eleitoral proíbe a utilização, durante programa eleitoral gratuito, de legendas e acessórios com referência a candidatos majoritários, ou, ao fundo, com cartazes ou fotografias. As informações são da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


02/09


2006

Sarney perde seis minutos de propaganda eleitoral

 O senador José Sarney (PMDB), que concorre à reeleição no Amapá, irá perder 6 minutos e 23 segundos de seu tempo no horário destinado à propaganda eleitoral na TV. A determinação do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Amapá atende a pedido de liminar feito pelo PSB, da candidata ao Senado Cristina Almeida, principal concorrente de Sarney na disputa.

No pedido, o PSB afirma que, durante o horário eleitoral do último dia 15, os deputados federais da coligação ''Amapá Desenvolvimento com Dignidade'', que lançou ao Senado um candidato próprio, exibiram a logomarca de Sarney. Segundo o PSB, o ato beneficiou o candidato, já que lhe deu um tempo superior ao que teria direito na TV. A coligação ''União pelo Amapá'', da qual Sarney faz parte, alegou, em sua defesa, que não autorizou a utilização da legenda.

O juiz Anselmo Gonçalves entendeu, no entanto, que, ''se não há compromisso da coligação em apoiar seu candidato, ela deveria ao menos se abster de promover propaganda favorável a candidato de outra coligação, para preservar a lógica do sistema''. A proibição consta do artigo 23, parágrafo 8, da instrução 46 da resolução 22.261 do TSE. As informações são da Folha Online
.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Eduquem o povo do Acre e mandem para o Maranhão o cadavér nocrosado deste câncer com metastase da politíca brasileira, chamado SARNEY.



02/09


2006

Deputado alagoado acusado de fazer sequestro

O deputado estadual de Alagoas Luiz Pedro da Silva (PMN), 47, que é candidato à reeleição, foi denunciado pelo Ministério Público do Estado pelos crimes de seqüestro, cárcere privado e formação de quadrilha. O procurador-geral de Justiça, Coaracy Fonseca, autor da denúncia contra o deputado, disse que há a suspeita que ele esteja por trás de um grupo de extermínio.

O deputado é suspeito de ser o mandante do seqüestro do jovem Carlos Roberto Rocha dos Santos, em agosto de 2004, em um conjunto residencial de baixa renda, em Maceió. Até hoje, Santos está desaparecido. Outras seis pessoas estão sendo processadas pelo seqüestro e já foram presas. A denúncia contra Luiz Pedro foi feita com base no depoimentos delas, segundo o procurador-geral.

Para o advogado José Fragoso, que defende o deputado, a apresentação da denúncia a um mês da eleição tem como objetivo prejudicar a candidatura de Pedro Luiz. Ele negou envolvimento de seu cliente no desaparecimento de Santos. O deputado Cabo Luiz Pedro, nome usado na campanha, é agente da Polícia Civil e, segundo seu advogado, continua na campanha.

Em dezembro de 2005, Luiz Pedro foi denunciado por agressão após ter dado um soco em um árbitro de futebol e por ter feito ameaça ao juiz auxiliar durante uma partida de futebol em Santana do Ipanema (AL). O secretário-geral do PMN-AL, Ildo Rafael, disse que o partido deverá aguardar a manifestação do Tribunal de Justiça para se manifestar sobre o caso.As informações são da Folha Online.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


02/09


2006

PCC: Operação bem-sucedida com celular pré-pago

A operação Toupeira, da Polícia Federal, que resultou em 39 prisões de suspeitos que seriam vinculados ao Primeiro Comando da Capital (PCC) e também frustrou plano de assalto a duas agências bancárias de Porto Alegre (RS), foi viabilizada por um cartão de recarga de celulares pré-pagos. Foram detidas pessoas nos estados do Rio Grande do Sul, Alagoas, Piauí e Paraíba. Na capital gaúcha, 26 foram presos.

O cartão foi encontrado por agentes na casa usada pela quadrilha que furtou R$ 164,7 milhões da sede do Banco Central (BC) em Fortaleza, com o código raspado. Apesar disso, a PF conseguiu identificá-lo e, por meio dos números, descobriu o telefone que tinha recebido os créditos e passou a monitorá-lo.

O celular continou sendo usado e permitiu à polícia prender, no Ceará, em agosto, Edmar Bezerra, suspeito de participar do furto milionário. Com ele, apreenderam celular com os números de outros 12 telefones suspeitos, todos funcionando no Rio Grande do Sul. Escutas realizadas nesses aparelhos possibilitaram à PF descobrir o plano de assalto em curso na capital gaúcha, por meio de túnel escavado em um prédio na esquina da avenida Mauá com a rua Caldas Júnior, no centro financeiro da cidade - método idêntico ao adotado em Fortaleza. O túnel, com cerca de 80 metros de extensão, ia direto para agências da Caixa Econômica Federal e do Banrisul.

Com a informação, a polícia esperou que a escavação do túnel se aproximasse do fim, pois tinha a informação de que os chefes do bando chegariam apenas na estapa final do plano, para acompanharem o furto.

Foi preso na saída do túnel em Porto Alegre um dos líderes do PCC, Carlos Alberto da Silva, o Balengo (suspeito de envolvimento no seqüestro do repórter Guilherme Portanova, da Globo). Também foi detido Lucivaldo Laurindo, o Torturado ou Tatuzão - apontado como ''mentor'' do furto milionário ao BC em Fortaleza e flagrado em uma casa alugada pelo PCC no bairro do Partenon, em Porto Alegre. Com ele, estava também Jean Ricardo Galean, o Jean Gordo - suspeito de envolvimento no furto das jóias da família Kubitschek, em Brasília. As informações são do portal Terra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Raimundo Eleno dos Santos

É aí que funciona o segredo de justiça, segredo na investigação. Se não fosse esse lance mínimo, a PF ou qualquer organização investigativa perderia a caçada. Uma obra silenciosa. Parabéns à PF e seus ajudadores. Parabéns!



01/09


2006

Diminui a diferença, mas Lula vence no primeiro turno

 Pesquisa Ibope sobre a corrida presidencial divulgada hoje pelo Jornal Nacional mostra que diminuiu a diferença entre os dois primeiros colocados, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Geraldo Alckmin (PSDB).

Mas Lula ainda venceria no primeiro turno, com 48% das intenções de voto. Alckmin aparece em segundo lugar com 25%. No levantamento anterior Lula marcou 49% contra 22% de Alckmin. Ainda na pesquisa de hoje, Heloísa Helena (Psol) tem 9%; Cristovam Buarque (PDT) e Rui Costa Pimenta (PCO), 1%; Luciano Bivar (PSL), José Maria Eymael (PSDC) e Ana Maria Rangel (PRP) não alcançaram 1%. Votos brancos e nulos somam 8%.

Não sabem ou não opinaram são 8%. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O levantamento, encomendado pelo Rede Globo, ouviu 2.002 eleitores em 142 municípios entre os dias 29 de agosto e primeiro de setembro. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 14820/2006. As informações são do portal Terra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

guilherme alves

O problema é quantitativo, essas faixas, infelizmente para o país, é minoria. Gostaria que fossem maioria, porém, nossos governantes de todas as épocas nunca tiveram vontade politica para mudar esse quadro. Sempre governaram para a minoria, ou seja, para o mercado.

oi um ponto pra menos ñ ta na margem de erro ñ?, quando MENDONÇA MEIO BI, sob 2% é crescimento, quando LULA diminiu 1% é cair, que analíse IMPARCIAL é esta? A CÉSAR O QUE É DE CÉSAR, ouviu caro MAGNO.

Paulin de Caruaru.

Ainda sobre o Ibope: Alckmin subiu 14 pontos entre os que ganham entre 5 e 10 mínimos,e 11 pontos entre os que ganham mais de 10 mínimos.Subiu 7 pontos entre os que têm curso supeiror e 5 pontos entre os que têm ensino médio.Lula caiu 10 pontos entre os que têm curso superior.

Vamos lá nordestinos eleger Lula no primeiro turno, para levar Eduardo para o segundo turno com garupeiro, e no segundo turno Lula irá nos apoiar para vercer as eleições e levar Pernambuco para o primeiro lugar no nordeste.

guilherme alves

Como não tinha na nota, fui pesquisar a margem de erro. Como foi de 2% tá estável a evolução dos candidatos(Geraldo 1% além da margem). Um semana de pancadaria rendeu 1%. Convenhamos é muito pouco.



01/09


2006

Depois da bonança, a tempestade

 Uma péssima notícia para o ex-ministro e candidato do PT a governador de Pernambuco, Humberto Costa: na pesquisa do Vox Populi, que o Jornal do Commercio pública neste domingo, ele não repete a performance do Ibope/Rede Globo, caindo uns pontinhos. Eduardo Campos, do PSB, se mantém estável e Mendonça Filho tem percentuais também estáveis, com um leve crescimento, beirando os números do Ibope.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Nós sabemos que o mais competente e leal ecudeiro do povo pernambucano é Eduardo Campos, Neto de Arraes, pois já foi sabatinado em todos os assuntos polêmicos e com muita prudência e conhecimento responde todas as indagações, e vai dar a Pernambuco todos os traçados sócio econômico desejável.

José Rodrigues da Silva

Tenho sentimento de não guardar o senhor Humberto os melhores atributos que cobra existir, naquele que pretenda nosso estado governar. Após João Paulo prefeito, creio nociva a pedagogia atrevidamente instalada. Eduardo ou Mendonça, Betinho Vampirado não!!!

Isso ñ é falta de etica, da vivulgando antecipadamente o resultado de uma pesquisa, q uma outra empresa pagou pra ter exclusividade?será q se o amigo fosse o proprietário desta empresa iria gostar?Não devemos fazer com os outros aquilo que não gostaríamos q fizessem conosco.MOROU?


Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores