ArcoVerde

06/12


2018

São Francisco: transposição concluída neste mês

Trecho será inaugurado em Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, com presença do presidente Temer

Diario de Pernambuco – Rosália Rangel

O ministro da Integração Nacional, Pádua Andrade, anunciou ontem a data para inauguração do último trecho da Transposição do Rio São Francisco, que fica localizado no município de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. Segundo ele, a entrega da obra deverá ocorrer entre os dias 26, 27 e 28 de dezembro.

Além do ministro, está prevista a presença do presidente Michel Temer (MDB), devendo ser uma de suas últimas agendas oficiais no exercício do cargo. O trecho a ser inaugurado faz parte do Eixo Norte da transposição e passa ainda pelos municípios de Penaforte, Jati, Brejo Santo e Barro, situados no Ceará.

Ao ser informado da notícia, o governador Paulo Câmara (PSB) disse que o governo de Pernambuco vê com bons olhos todo avanço na transposição. “Nossa expectativa é que o novo governo priorize a liberação de recursos para as obras hídricas complementares, como a Adutora do Agreste, e acelere o Ramal do Agreste, essenciais para o nosso estado. Só assim poderemos ampliar a chegada da água do São Francisco para milhares de pernambucanas e pernambucanos”, ressaltou o governador.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Asfaltos

Confira os últimos posts



11/12


2018

Alvo de operação, Aécio se recusou a prestar depoimento à PF

Senador foi localizado pelos investigadores em seu imóvel funcional em Brasília

Alvo de operação da Polícia Federal nesta terça-feirasob suspeita de corrupção , o senador tucano Aécio Neves(MG) se recusou a prestar depoimento aos investigadores. Ele foi intimado por policiais federais em seu imóvel funcional em Brasília e afirmou que, por orientação da sua defesa, não iria depor hoje.

As residências de Aécio em Minas Gerais e no Rio de Janeiro foram alvos de busca e apreensão pela PF, incluindo sua fazenda no município de Cláudio (MG) .

O imóvel funcional, porém, não foi vasculhado pelos investigadores porque não houve autorização do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello. Mello, em um primeiro momento, havia permitido buscas no imóvel funcional e no gabinete de Aécio no Senado, mas, em um despacho posterior do dia 6 de dezembro, decidiu reconsiderar essa decisão, sob argumento de “respeito às Casas Legislativas”. (O Globo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

Denúncia contra FBC é rejeitada por Segunda Turma do STF

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou, hoje, denúncia contra o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) referente ao Inquérito 4005, no âmbito da Operação Lava Jato. Durante o julgamento retomado hoje (adiado no ano passado), o ministro Ricardo Lewandowski concluiu que “os elementos trazidos são insuficientes para o recebimento da denúncia". Em 2017, os ministros Antonio Dias Toffoli e Gilmar Mendes já haviam se posicionado contrários ao prosseguimento deste inquérito.

“Prevaleceu a justiça com base na verdade dos fatos”, ressalta Fernando Bezerra. Conforme observa a defesa do senador – representada pelo advogado André Callegari – ficou "evidente a total contradição dos colaboradores, que não tiveram as suas versões corroboradas em nenhum momento. Assim, diante da ausência de um suporte mínimo de autoria e materialidade, a consequência natural era a rejeição da denúncia".

"Com mais esta decisão da Suprema Corte favorável a mim, renovo minha confiança nas instituições e na atuação correta do Judiciário”, acrescenta Fernando Bezerra Coelho que, no último mês de setembro, teve o Inquérito 4458 arquivado, de forma unânime, pela Segunda Turma do STF.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

Presidente da Amupe recebe a missão de Cabo Verde

O presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), José Patriota, recebeu, na manhã de hoje, a delegação de Cabo Verde, composta pelo presidente da Associação Nacional dos Municípios de Cabo Verde, Manuel Monteiro de Pina, a conselheira do 1º Ministro de Cabo Verde, Francisca dos Santos, o secretário Geral da Associação Nacional dos Municípios, Fernando Jorge Borges, e a assessora da Associação Nacional dos Municípios de Cabo Verde, Helena Rodrigues. A delegação fará visita de cinco dias ao interior do Estado.

Em Recife, a missão já conheceu as Secretarias de Relações Internacionais e de Ciência e Tecnologia do Governo do Estado, o Porto Digital e a AD-Diper.

Hoje, a missão viaja para os municípios de Toritama onde conhecerão o Polo de Confecções; São Bento do Una, a Agroindústria, os Programas educacionais e o Centro de Processamento de Ovos da Granja Almeida; em Afogados da Ingazeira, faz vista de campo para conhecer como é feito o Reuso da água e Cisternas, além do Polo de Móveis. Já em Triunfo visita a Agroindústria de Cachaça.

A missão de Cabo Verde também foi apresentada aos prefeitos durante a Assembleia Extraordinária da Amupe e na ocasião assinou um Protocolo de Intenções entre ANMCV – Associação Nacional dos Municípios de Cabo Verde e Amupe, firmado no mês de outubro no II Evento CIMEIRA Internacional dos Líderes Locais.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

Polícia identifica atirador que matou 4 durante missa em Campinas

A Polícia Civil confirmou, no fim da tarde de hoje, que o atirador que matou quatro pessoas durante uma missa na Catedral Metropolitana de Campinas (SP) é Euler Fernando Grandolpho, de 49 anos, que tem Carteira Nacional de Habilitação (CNH) registrada em Valinhos (SP). Ele cometeu suicídio após o crime e outras quatro pessoas ficaram feridas após serem atingidas por disparos.

O delegado José Henrique Ventura disse que já foi apurado pela Polícia Civil que Euler chegou a fazer tratamento de depressão. O atirador morava com os pais, não trabalhava desde 2015 e tinha, de acordo com ele, um "perfil estranho".

Segundo a Polícia Civil, a profissão do atirador era analista de sistemas, mas na ficha de identificação civil dele consta que ele era publicitário. O atirador não tinha antecedentes criminais.

O que já se sabe sobre o ocorrido:

  • Uma missa havia começado às 12h15;
  • Um homem entrou armado na Catedral, por volta das 13h;
  • Ele sentou em um dos bancos da igreja e, ao final da celebração, disparou cerca de 20 tiros;
  • Ele matou quatro homens: Sidnei Vitor Monteiro, José Eudes Gonzaga, Cristofer Gonçalves dos Santos e Elpídio Alves Coutinho; e cometeu suicídio na sequência;
  • Quatro pessoas foram atingidas pelos disparos e ficaram feridas;
  • A motivação do crime é investigada pela polícia;
  • Os feridos foram levados ao Mário Gatti, Beneficência Portuguesa e Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp - veja, abaixo, o estado de saúde de cada um deles;
  • Para a polícia, o atirador "executou um plano que tinha na cabeça";
  • O atirador foi identificado como Euler Fernando Grandolpho, de 49 anos – ele chegou a trabalhar no Ministério Público como auxiliar de promotoria, mas saiu do órgão em 2014
  • Segundo a Polícia Civil, o atirador fez tratamento de depressão, era recluso, morava com os pais e tinha um "perfil estranho".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Auxiliar de Bolsonaro fez 176 saques. E entra pra Seleção Brasileira de Vôlei!

Fernandes

Um homem invadiu uma igreja e matou cinco pessoas em Campinas, interior de São Paulo. Após o crime, o assassino se matou. A matança de pessoas que estavam orando no momento serve como alerta para a proposta de Jair Bolsonaro de liberar o porte de arma no país. O Brasil possui uma legislação dura para quem transporta arma de fogo, mas se liberar o (porte) tragédias como essa se multiplicarão. A pergunta que não quer calar: é bom Jair acostumando com chacinas como a de hoje?



11/12


2018

Danilo: Arquivamento da “Escola sem Partido” deve servir de reflexão

Presidente da Comissão de Educação da Câmara Federal, deputado Danilo Cabral (PSB-PE), comemorou o arquivamento do projeto da chamada Escola sem Partido na comissão especial que analisava a proposta. “É uma vitória dos que acreditam na organização da luta do povo. Foi a mobilização da sociedade, especialmente daqueles que fazem a educação pública do país, que levou essa Casa a tomar essa acertada decisão, de arquivar um projeto que era uma verdadeira ‘lei da mordaça’ na educação brasileira”, celebrou o parlamentar.

Após seis semanas seguidas de tentativas de colocar a Escola sem Partido em votação, a matéria foi arquivada por causa do encerramento das atividades da comissão especial nesta legislatura. Em todas as reuniões convocadas pelo colegiado, a oposição atuou fortemente, obstruindo os trabalhos. “Esperamos que essa derrota possa fazer como que o novo governo possa refletir e retire esse projeto de sua pauta”, afirmou Danilo Cabral.

As discussões relacionadas ao Escola sem Partido serviram para alavancar o nome do então deputado Jair Bolsonaro (PSL), presidente eleito, no cenário nacional bem antes do lançamento de sua pré-candidatura à Presidência da República. Em declarações à imprensa, o futuro ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodriguez, indicado por Bolsonaro, chegou a dizer que o Escola sem Partido deveria ser aprovado pelo Congresso Nacional com um texto mais moderado.

Por causa disso, explicou Danilo Cabral, espera-se que o tema volte à Câmara dos Deputados no próximo ano. “Então, precisamos celebrar a vitória para mostrar, de forma objetiva que, quando há uma mobilização da sociedade, nós podemos barrar os atrasos que estão sendo impostos pela nova agenda. Mas, ao mesmo tempo, essa vitória tem que servir para que a gente permaneça vigilante e não permita o retorno dessa pauta”, ressaltou.

Danilo Cabral, que também integrou a comissão especial, destacou que, como preconiza a Constituição, a educação deve construir cidadania na vida das pessoas. “Não se faz educação sem liberdade de expressão, de pensamento e pluralismo de ideias. Por isso, não queremos escola sem partido. Queremos escolas com professor valorizado, escola integral, com merenda, livros e resultados positivos. Essa é a escola que merecemos”, finalizou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

Ministro anuncia construção de passarelas em Caruaru e Garanhuns

O ministro dos Transportes, Valter Casimiro, anunciou, hoje, a construção de seis passarelas para pedestres nos municípios de Caruaru e Garanhuns, no Agreste de Pernambuco. A previsão é de que as obras, orçadas em R$ 15 milhões, sejam iniciadas e concluídas em 2019. Serão construídas quatro passarelas nos trechos urbanos da BR-104 e outras duas na BR-424. O objetivo da intervenção é garantir a segurança dos moradores que precisam atravessar as rodovias, evitando risco de acidentes.

A articulação partiu do prefeito do Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, que levou o deputado federal eleito Fernando Rodolfo ao encontro do ministro, em Brasília, para apresentar o pleito e agendar a visita a Pernambuco. Os três estiveram juntos durante os anúncios, hoje, nas duas cidades do agreste, ao lado do superintendente do Dnit em Pernambuco, Cacildo Medeiros.

“Estamos avaliando os locais com um olhar especial para os pontos críticos. Não podemos deixar vidas serem perdidas. Por isso, procuramos dar qualidade de vida e segurança à população, o que irá acontecer com a construção dessas novas passarelas nas BRs 104 e 424. O prefeito Anderson Ferreira levou Fernando Rodolfo ao meu gabinete e explicou a importância dessas intervenções para a população. Vamos elaborar os projetos para iniciar as obras e entregá-las ainda em 2019. Esse é um compromisso do Ministério dos Transportes e do Dnit”, disse Casimiro.

Anderson Ferreira ressaltou estar feliz em poder ter feito a ponte entre Caruaru, Garanhuns e o Ministério dos Transportes. “Essa causa me sensibilizou e por isso procurei ajudar da melhor forma possível, aproveitando os bons relacionamentos que fiz em Brasília. Essas seis passarelas parecem um problema pequeno diante de tantas dificuldades de infraestrutura que Pernambuco apresenta, mas, para a população de Caruaru e Garanhuns, é algo de fundamental importância. Estamos falando de segurança e proteção de vidas”, destacou o prefeito.

Deputado federal eleito com votos do agreste pernambucano, Fernando Rodolfo lembrou ter sido testemunha de acidentes nos pontos onde serão construídas as seis passarelas, obras que são, segundo ele, antigas reivindicações dos moradores. “O que mais ouvia eram pedidos por essas passarelas. E não poderíamos continuar perdendo tempo vendo tantas pessoas correndo riscos diariamente. Quero agradecer ao prefeito Anderson Ferreira, que tem me ajudado muito nesses primeiros passos em Brasília. Seu apoio tem sido fundamental para criar acesso aos ministérios”, disse o parlamentar.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

Furto de água em adutora que abastece Gravatá

A partir de uma denúncia, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) identificou uma ligação clandestina na Adutora de Vertentes, rede que transporta água para o abastecimento da cidade de Gravatá, na região Agreste. A água era furtada por meio de uma ligação irregular feita na adutora – com uma vazão de cinco litros de água, por segundo – e distribuída por uma tubulação com cerca de 150 metros de extensão para irrigar uma plantação de capim no Sítio Campininha, localizado na zona rural de Gravatá. A Compesa realizou a fiscalização, na sexta-feira passada, com o apoio da Polícia Civil, no entanto, não havia ninguém na propriedade para realizar o flagrante.

Estima-se que o furto de água estava ocorrendo num período de um ano, possibilitando o desvio de quase 79 mil metros cúbicos de água, o que representa um prejuízo de R$ 325 mil reais. Para se ter uma ideia, esse volume de água furtado seria suficiente para a companhia abastecer 657 famílias, por mês, ao longo de 12 de meses.

A equipe da Compesa e a polícia civil recolheram toda a tubulação usada para o furto que foi encontrada dentro da propriedade. A companhia registrou o Boletim de Ocorrência e o proprietário vai responder na justiça pela prática criminosa. “Nesse período do verão, vamos intensificar a fiscalização ao longo da Adutora de Vertentes para coibir os furtos de água, ação que prejudica diretamente toda população”, informa Ricardo Malta, gerente de Unidade de Negócios da Compesa. A companhia não poderá multar o proprietário, tendo em vista que o mesmo não é cliente da Compesa.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Bm4 Marketing 7

11/12


2018

Vai à Câmara parecer de projeto que inibe cartéis

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) aprovou, hoje, na última sessão do ano, parecer do senador Armando Monteiro (PTB-PE) a projeto de lei que desestimula a prática de cartel (combinação de preço e domínio de mercado por um grupo de empresas). Como foi votado em caráter terminativo, o projeto irá direto ao exame da Câmara dos Deputados.

“A cartelização é prejudicial aos pequenos e médios produtores, que compram insumos mais caros de oligopólios, e aos consumidores, onerados com preços mais elevados dos produtos finais”, ressaltou Armando em seu relatório, elogiado, entre outros senadores, por Tasso Jereissati (PSDB-CE), presidente da CAE, Simone Tebet (MDB-MS) e José Serra (PSDB-SP).

“O senador Armando Monteiro não só defende com competência os interesses de Pernambuco como se envolve diretamente em todas as grandes questões nacionais”, pontuou Serra.

Segundo Armando, apesar de avanços na legislação sobre a concorrência, “o Brasil ainda se ressente de um ambiente concorrencial mais saudável, porque temos na base da nossa estrutura econômica grupos oligopolizados que podem criar cartéis, deformando e negando o sentido de um sistema capitalista moderno e a função social da livre iniciativa”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Um homem invadiu uma igreja e matou cinco pessoas em Campinas, interior de São Paulo. Após o crime, o assassino se matou. A matança de pessoas que estavam orando no momento serve como alerta para a proposta de Jair Bolsonaro de liberar o porte de arma no país. O Brasil possui uma legislação dura para quem transporta arma de fogo, mas se liberar o (porte) tragédias como essa se multiplicarão. A pergunta que não quer calar: é bom Jair acostumando com chacinas como a de hoje?

joao r da silva

Deveria proibir os partidos se unirem para fazer coligações, para derrubar outros pequenos grupos políticos, isso também é cartel.



11/12


2018

Paulo destaca importância de Múcio e Ana Arraes no TCU

O governador Paulo Câmara e a primeira-dama Ana Luiza participaram, hoje, da Sessão Extraordinária de Posse dos ministros José Múcio Monteiro, no cargo de presidente, e Ana Arraes, no cargo de vice-presidente, do Tribunal de Contas da União (TCU). Conforme o regimento do órgão de controle, os dois mandatos têm a duração de um ano, com possibilidade de reeleição por igual período. A solenidade, que ocorreu no edifício-sede do TCU, em Brasília, reuniu autoridades e personalidades importantes da sociedade brasileira.

"A posse de José Múcio na presidência do Tribunal de Contas da União e de Ana Arraes na vice-presidência é motivo de alegria e orgulho para Pernambuco. São duas grandes figuras públicas, que vão honrar o nosso Estado, atuando com correção, transparência e espírito republicano em defesa da boa aplicação dos recursos públicos", destacou o governador Paulo Câmara.

José Múcio acumula experiências no Legislativo, com cinco mandatos na Câmara Federal, e no Executivo, tendo comandado o Ministério de Relações Institucionais da Presidência da República no segundo governo Luiz Inácio Lula da Silva, e governado o município de Rio Formoso, na Mata Sul. Ele está no TCU desde 2009. Ana Arraes é filha do ex-governador Miguel Arraes e mãe do ex-governador Eduardo Campos. Ana teve duas passagens pela Câmara Federal, onde exerceu mandato até 2011, quando ingressou no TCU.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

Bolsonaro pede para desarquivar queixa contra Jean Wyllys

Do G1

A defesa do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL-RJ), recorreu, ontem, pedindo que o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), reconsidere o arquivamento de uma queixa apresentada por ele contra o deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ) por injúria e calúnia.

Em novembro do ano passado, o ministro arquivou a queixa afirmando que os advogados de Bolsonaro, então deputado, perderam o prazo para entrar com a ação, o que a defesa refuta.

A queixa foi apresentada em agosto do ano passado por suposto crime contra a honra, por entrevista transmitida ao vivo em rede social mantida pelo jornal “O Povo”.

Segundo Bolsonaro, o deputado Jean Wyllys o acusou de ter praticado lavagem de dinheiro, chamando-o de "fascista", "burro", entre outros.

Segundo a defesa, embora não tenha mencionado o nome de Bolsonaro, a entrevista deixava claro que se tratava dele, porque o deputado se referia a alguém filiado ao PP (antigo partido de Bolsonaro).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Auxiliar de Bolsonaro fez 176 saques. E entra pra Seleção Brasileira de Vôlei!

Fernandes

Um homem invadiu uma igreja e matou cinco pessoas em Campinas, interior de São Paulo. Após o crime, o assassino se matou. A matança de pessoas que estavam orando no momento serve como alerta para a proposta de Jair Bolsonaro de liberar o porte de arma no país. O Brasil possui uma legislação dura para quem transporta arma de fogo, mas se liberar o (porte) tragédias como essa se multiplicarão. A pergunta que não quer calar: É bom Jair acostumando com chacinas como a de hoje?

Fernandes

Depoimento de motorista derruba presidente! Jair Bolsonaro terá mesmo destino de Collor e cairá precocemente? Tal como o ex-presidente Fernando Collor de Mello, Jair Bolsonaro tem também um motorista que pode levá-lo a um impeachment precoce. Tal como Collor, Bolsonaro tem também um motorista — Fabrício Queiroz — que pode lhe derrubar. Queiroz depositou R$ 24 mil na conta de dona Michelle Bolsonaro, foi denunciado à Procuradoria Geral da República e terá que depor. Seu depoimento pode levar Jair Bolsonaro a uma queda precoce. Após o anúncio, confira semelhanças entre os casos Collor e Bolsonaro. Eu torço.



11/12


2018

Rodrigo Novaes pode ser secretário de Paulo

EXCLUSIVO

Por Arthur Cunhaespecial para o blog

O deputado estadual Rodrigo Novaes (PSD) pode ser convocado pelo governador Paulo Câmara (PSB) para seu secretariado. Parlamentar combativo, com atuação em diversos segmentos, Novaes reelegeu-se bem para um novo mandato este ano. Ele tem boa relação com o governador; trabalhou com Paulo antes mesmo de ser deputado, como advogado. Na Alepe, entre outras coisas, foi vice-líder do governo de Câmara e teve seu nome lembrado para o primeiro escalão estadual.

Dessa vez, contudo, o nome do sertanejo tem ganhado força, faltando, ainda, definir qual seria a pasta. A convocação de Rodrigo, dizem fontes palacianas, serviria, ainda, para mostrar que o PSD vai além do grupo do seu presidente em Pernambuco, o deputado federal André de Paula. A informação de bastidores é que a cúpula do governo não ficou satisfeita com o desempenho da legenda na Secretaria das Cidades e no Detran.

Outro ponto que reforça o ingresso de Rodrigo Novaes no primeiro escalão estadual é que a sua convocação abriria vaga na Assembleia Legislativa para o primeiro suplente da Frente Popular, Sivaldo Albino (PSB). Esse, inclusive, já pode encomendar o terno porque, com certeza, assumirá o mandato. Sua missão será fazer oposição ao atual prefeito de Garanhuns, Izaias Régis (PTB), ligado ao senador Armando Monteiro (PTB).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Auxiliar de Bolsonaro fez 176 saques. E entra pra Seleção Brasileira de Vôlei!

arnaldo luciano da luz alencar ferreira

Excelente Quadro, Honesto, competente e muito batalhador, considero Rodrigo Novaes o substituto de Osvaldo Coelho na luta pelo nosso SERTÃO .



11/12


2018

Obras da BR-104 avançam

Uma das principais obras de infraestrutura viária da atual gestão do Governo de Pernambuco, a restauração e duplicação do trecho de 13,2 quilômetros da BR-104, continua avançando. O trecho contemplado vai do km 19,8, no distrito de Pão de Açúcar, em Taquaritinga do Norte, até o km 33, no município de Caruaru.

Essa iniciativa conta com investimento aproximado de R$ 80 milhões, provenientes de um convênio firmado entre os governos Estadual e Federal. Quando concluída, beneficiará diretamente mais de 384 mil moradores dos dois municípios das microrregiões Central e Setentrional do Agreste pernambucano.

Atualmente, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão vinculado à Secretaria de Transportes, segue realizando os trabalhos de terraplenagem e instalação dos dispositivos de drenagem. Foram concluídos 17,11% do total dos serviços previstos nessa intervenção. O fluxo de veículos segue sem maiores transtornos no local, sendo necessário utilizar o sistema de controle de tráfego “Pare e Siga”, em algumas ocasiões.

A BR-104 é uma das vias mais importantes de Pernambuco e essa iniciativa vai melhorar o deslocamento dos usuários com boas condições de trafegabilidade, rapidez, conforto e segurança, além de trazer grandes benefícios para o polo de Confecções do Agreste, o incremento do turismo local e geração de novos postos de trabalho, contribuindo imensamente para o desenvolvimento dessa região do Estado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

PEC do foro na agenda

A comissão especial da Câmara que analisa a PEC da redução do foro privilegiado se reúne, na tarde de hoje, para votar a proposta do deputado Efraim Filho (DEM-PB). A proposta restringe o foro ao presidente da República e ao vice, aos presidentes da Câmara dos Deputados, do Senado e do Supremo Tribunal Federal.

Deixariam de contar com o direito para crimes comuns “ministros, governadores, prefeitos, chefes das Forças Armadas e todos os integrantes, em qualquer esfera de poder, do Legislativo, do Ministério Público, do Judiciário e dos Tribunais de Contas”. A PEC só deverá ser analisada pelo plenário da Casa no ano que vem. As informações são do Portal BR18


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

José Múcio toma posse como presidente do TCU

O ministro José Múcio tomou posse, hoje, como presidente do Tribunal de Contas da União (TCU). O mandato de Múcio, no entanto, só terá início no dia 1º de janeiro de 2019. A ministra Ana Arraes também tomou posse como vice-presidente do tribunal.

Múcio ocupará o cargo que hoje é do ministro Raimundo Carreiro. O mandato no comando do tribunal tem prazo de um ano e pode ser renovado por mais um.

A cerimônia de posse contou com a presença de diversas autoridades, como o presidente Michel Temer; o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli; o presidente da Câmara, Rodrigo Maia; o presidente do Senado, Eunício Oliveira; além de governadores e ministros, deste e do próximo governo.

Em meio à solenidade, o ministro Benjamin Zymler foi destacado para discursar em nome do TCU. Zymler relembrou a trajetória de Múcio na política pernambucana e disse que o Brasil vive um período de "grande inquietude", no qual as instituições públicas estão mais do que nunca em permanente observação pela sociedade.

“Não serão tempos fáceis. No horizonte de 2019, avizinham-se graves dificuldades no campo da economia e das finanças públicas, e ninguém as esconde. Neste cenário, há forte tendência de que a Corte de contas adquira maior visibilidade, ampliando a responsabilidade de todos nós que aqui atuamos e mais ainda dos que são responsáveis pela sua condução. A missão é desafiadora”, declarou Benjamin Zymler.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

Deputado cobra melhores condições de trabalho para os conselheiros tutelares

O deputado Ossesio Silva (PRB) apresentou algumas indicações cobrando melhores condições de trabalho para os Conselhos Tutelares na Região Metropolitana do Recife, Zona da Mata, Agreste e Sertão do estado. O apelo foi feito para os governos Federal, Estadual e municipal. O objetivo das proposições é uma reestruturação, com melhoria da estrutura física e de pessoal, possibilitando o acompanhamento e o acolhimento das mulheres e crianças em situação de vulnerabilidade.

Na justificativa da solicitação o deputado destacou a importância dos conselhos tutelares na defesa dos direitos da criança e do adolescente. “O papel dos conselheiros é fundamental para o desenvolvimento da sociedade. É de suma importância fortalecer as condições dos conselhos, ampliação do número de unidades e melhoria salarial para os profissionais” frisou.

Segundo o parlamentar, o Executivo e o legislativo devem buscar soluções para as questões apresentadas, destacando que a criança e o adolescente devem ser tratados como prioridade absoluta, como determina a Constituição. “Devem ser revistos novos critérios para estatuto e regimento interno, e propor maneiras para que os conselheiros possam trabalhar com mais autonomia” ressaltou.

Ossesio é autor do projeto que originou a Lei Estadual nº 15.840/2016. A proposição prevê a afixação de cartaz informativo em instituições públicas e privadas com o número dos Conselhos Tutelares e de outros serviços para denúncias e emergências. A ação visa propagar o contato direto por meio do número de telefone e pretende-se conseguir mais efetividade ao trabalho.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

PT pode ficar com Conselho de Ética

As articulações na disputa pela presidência do Senado passam pela possibilidade de o PT ficar com a presidência do Conselho de Ética. O partido deve apoiar Renan Calheiros (MDB) para o comando da Casa. Nos últimos seis anos, o conselho foi presidido por João Alberto Souza (MDB).

O presidente do Conselho de Ética tem poder para instaurar ou arquivar numa canetada pedidos de investigação contra colegas, informou a Coluna do Estadão.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

Bolsonaro leva pastor ao TSE e faz oração com ministros

Bernardo Mello Fanco – O Globo

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, levou um pastor evangélico à cerimônia de diplomação no Tribunal Superior Eleitoral.

A pedido dele, o religioso Josué Valandro Jr fez uma oração na sala reservada aos ministros da Corte, antes do início da solenidade.

Também estavam presentes os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Eunício Oliveira.

O pastor Josué celebra cultos na Igreja Batista Atitude, na Barra da Tijuca. O templo é frequentado pela futura primeira-dama Michelle Bolsonaro.

A oração constrangeu alguns dos presentes. Um ministro disse ao blog que o tribunal não é o local apropriado para manifestações religiosas.

Na semana passada, Bolsonaro indicou a pastora Damares Alves, da Igreja Quadrangular, como futura ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos.

A bancada evangélica também deu aval à escolha do novo ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Auxiliar de Bolsonaro fez 176 saques. E entra pra Seleção Brasileira de Vôlei!

Fernandes

Um homem invadiu uma igreja e matou cinco pessoas em Campinas, interior de São Paulo. Após o crime, o assassino se matou. A matança de pessoas que estavam orando no momento serve como alerta para a proposta de Jair Bolsonaro de liberar o porte de arma no país. O Brasil possui uma legislação dura para quem transporta arma de fogo, mas se liberar o (porte) tragédias como essa se multiplicarão. A pergunta que não quer calar: É bom Jair acostumando com chacinas como a de hoje?

Fernandes

Depoimento de motorista derruba presidente! Jair Bolsonaro terá mesmo destino de Collor e cairá precocemente? Tal como o ex-presidente Fernando Collor de Mello, Jair Bolsonaro tem também um motorista que pode levá-lo a um impeachment precoce. Tal como Collor, Bolsonaro tem também um motorista — Fabrício Queiroz — que pode lhe derrubar. Queiroz depositou R$ 24 mil na conta de dona Michelle Bolsonaro, foi denunciado à Procuradoria Geral da República e terá que depor. Seu depoimento pode levar Jair Bolsonaro a uma queda precoce. Após o anúncio, confira semelhanças entre os casos Collor e Bolsonaro. Eu torço.

marcos

Chora não menina fascista, mito é mito

Fernandes

Tenho certeza que o motorista milionário é peça fundamental no Bolsogate! E só espremer esse pano sujo que vai sair muita lama.



11/12


2018

MP reforça segurança de promotor após ameaça do PCC

Lincoln Gakiya, responsável por pedir à Justiça a transferência de lideranças da facção para o sistema prisional federal, sofreu ameaças do PCC

Estadão Conteúdo

O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) montou uma força-tarefa para investigar a ameaça do Primeiro Comando da Capital (PCC) ao promotor Lincoln Gakiya, (foto) responsável por pedir à Justiça a transferência de lideranças da facção para o sistema prisional federal. Considerado referência no combate ao crime organizado e autor de denúncias contra membros do PCC, o promotor já contava com esquema de segurança. A escolta, no entanto, foi reforçada, segundo o MP-SP.

"O promotor já está devidamente amparado, com toda segurança necessária para que continue o exercício regular do seu trabalho", afirmou nesta segunda-feira, o procurador-geral de Justiça de São Paulo, Gianpaolo Smanio, que também disse que o MP-SP não iria "ser intimidado" com as ameaças, serão os 2 mil promotores ou promotoras atuando"

O "salve", comunicado da facção com ordens ou pronunciamentos de sua cúpula e a resposta dos subordinados, foi decodificado pelo setor de inteligência da polícia. Os bandidos afirmam à cúpula que estão com o levantamento completo de Medina, chamado pelos criminosos de "frango". "Dá pra fazer ele a hora que quiser. Nóis (sic) já tem o carro e o orário (sic) tudo dele", diz o documento. A comunicação continua afirmando que o outro "frango", o "japonês" (o promotor Lincoln Gakiya) "é um pouco mais complicado": "A cidade dele é bem maior".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/12


2018

Força-tarefa: 40 denúncias contra João de Deus em um dia

Autoridades já começaram a agendar os depoimentos de mulheres que afirmam ter sido abusadas sexualmente pelo médium

Estadão Conteúdo

força-tarefa do Ministério Público e da Polícia Civil de Goiás, criada para investigar as suspeitas contra João Teixeira de Faria, o João de Deus, recebeu quarenta denúncias de abuso sexual em seu primeiro dia de trabalho. Os agentes foram contatados por quarenta mulheres que afirmam ter sido vítimas do médium e já começaram a agendar os depoimentos.

No fim de semana já haviam sido registrados dois boletins de ocorrência contra o líder religioso, que faz seus atendimentos na cidade goiana de Abadiânia.

Luciano Meireles, coordenador do centro de apoio operacional criminal do Ministério Público de Goiás, afirmou que vítimas de outros estados podem buscar também o Ministério Público mais próximo para prestar depoimento. As investigações ficarão concentradas em Goiás.

Diante das denúncias, as autoridades podem pedir o fechamento preventivo da Casa Dom Inácio de Loyola, onde os atendimentos de João de Deus são realizados. “Temos ainda que avaliar os depoimentos que forem formalizados. Dependendo do que for constatado, essa hipótese não está descartada”, disse Meireles.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Um homem invadiu uma igreja e matou cinco pessoas em Campinas, interior de São Paulo. Após o crime, o assassino se matou. A matança de pessoas que estavam orando no momento serve como alerta para a proposta de Jair Bolsonaro de liberar o porte de arma no país. O Brasil possui uma legislação dura para quem transporta arma de fogo, mas se liberar o (porte) tragédias como essa se multiplicarão. A pergunta que não quer calar: É bom Jair acostumando com chacinas como a de hoje?

Fernandes

Depoimento de motorista derruba presidente! Jair Bolsonaro terá mesmo destino de Collor e cairá precocemente? Tal como o ex-presidente Fernando Collor de Mello, Jair Bolsonaro tem também um motorista que pode levá-lo a um impeachment precoce. Tal como Collor, Bolsonaro tem também um motorista — Fabrício Queiroz — que pode lhe derrubar. Queiroz depositou R$ 24 mil na conta de dona Michelle Bolsonaro, foi denunciado à Procuradoria Geral da República e terá que depor. Seu depoimento pode levar Jair Bolsonaro a uma queda precoce. Após o anúncio, confira semelhanças entre os casos Collor e Bolsonaro. Eu torço.

marcos

Esse tem mais denúncia do que Hadad

Fernandes

Fascista.



11/12


2018

Niterói: novas eleições com prisão do prefeito

Artigo 61 da Lei Orgânica do Município (LOM) prevê que em caso de vacância do cargo de prefeito e inexistente vice-prefeito nos três primeiros anos do mandato, novas eleições serão feitas no prazo de 90 dias

O DIA - RAFAEL NASCIMENTO

Com a prisão do prefeito Rodrigo Neves (PDT), na manhã desta segunda-feira, na Operação Alameda, desdobramento da Lava-Jato, o município de Niterói poderá ter novas eleições nos próximos meses. É porque segundo a o artigo 61 da Lei Orgânica do Município (LOM) prevê que em caso de vacância do cargo de prefeito e inexistente vice-prefeito nos três primeiros anos do mandato, novas eleições serão feitas no prazo de 90 dias.

Só no decorrer do inquérito, que poderá classificar a prisão de Neves como "vacância do cargo" ou "impedimento temporário". Só após essa indefinição que será possível definir o que acontecerá com a prefeitura da cidade. Ou seja, se haverá ou não eleições.

Neves foi preso acusado de irregularidades no transporte público de Niterói. Agentes chegaram ao prédio em que ele mora, em Santa Rosa, por volta das 6h, e realizam buscas no local. Os policiais esperavam Neves tomar café e ele deixou o local às 8h26, indo até o carro da Polícia Civil acompanhado da esposa, que chorou muito após ele entrar no veículo. Ao todo, a operação busca cumprir cinco mandados de prisão e 19 de busca e apreensão.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Depoimento de motorista derruba presidente! Jair Bolsonaro terá mesmo destino de Collor e cairá precocemente? Tal como o ex-presidente Fernando Collor de Mello, Jair Bolsonaro tem também um motorista que pode levá-lo a um impeachment precoce. Tal como Collor, Bolsonaro tem também um motorista — Fabrício Queiroz — que pode lhe derrubar. Queiroz depositou R$ 24 mil na conta de dona Michelle Bolsonaro, foi denunciado à Procuradoria Geral da República e terá que depor. Seu depoimento pode levar Jair Bolsonaro a uma queda precoce. Após o anúncio, confira semelhanças entre os casos Collor e Bolsonaro.

marcos

Essa esquerda fascista ladra nos envergonha