"Aqui não entra", veta Jobim Frota dos EUA no Brasil

O governo brasileiro não vai permitir que a Quarta Frota norte-americana, que está sendo recriada este ano, navegue sem autorização pelas águas territoriais brasileiras, afirmou o Ministro da Defesa, Nelson Jobim. "Eles poderão atuar em áreas não jurisdicionais brasileiras. Aqui não entra!", disse Jobim após encontro com militares do Exército, no Rio de Janeiro, nesta sexta-feira.

"Só entrará autorizada por nós e para visitas cordiais, mas absolutamente não vai fiscalizar a área brasileira. Quem fiscaliza somos nós", acrescentou o Ministro da Defesa ao lembrar que o mar territorial brasileiro tem ao menos 3,5 milhões de quilômetros quadrados.

"Por isso, o governo já decidiu pela construção do submarino de propulsão nuclear para viabilizar a fiscalização dessa bacia", completou Jobim.  A Quarta Frota norte-americana atuou entre os anos de 1943 e 1950 e será reativada em junho desse ano para atuar na América do Sul, América Central e Caribe.

Jobim afirmou ainda que não tem nenhuma informação sobre uma tentativa do Irã de influenciar a América Latina. A acusação foi feita pelo subsecretário para o hemisfério ocidental do Departamento de Estado dos EUA, Thomas Shannon. Os EUA qualificam o Irã de patrocinador do terrorismo e a preocupação de Washington é que o governo iraniano possa eventualmente usar seus vínculos na América Latina como ameaça em caso de algum conflito.

"Isso é uma novidade para mim. Não trabalho com hipóteses. Nas informações que eu disponho não existe nada disso", disse Jobim. (Portal Terra)

Publicado em: 10/05/2008