Garibaldi fica receoso para adotar cartão corporativo

O presidente do Senado, Garibaldi Alves (PMDB-RN), não parece animado com a idéia do relator da CPI Mista dos Cartões Corporativos, deputado Luiz Sérgio (PT-SP), de adotar esse tipo de cartão no Congresso. Para Garibaldi isso é o tipo da questão que merece só uma resposta: “seguro morreu de velho”.

Garibaldi Alves disse que é preciso ter cautela. Preferiu não afirmar se a idéia é boa ou ruim, mas lembrou que às vezes as boas intenções esbarram em dificuldades e problemas como estão acontecendo com os cartões no Poder Executivo, informa a repórter do blog, em Brasília, Vanessa Laurino.

Publicado em: 24/04/2008