Governador de Rondônia adia filiação ao PTB

 O governador de Rondônia, Ivo Cassol, decidiu adiar sua filiação ao PTB. Afastado do PPS desde o fim de 2006 quando apoiou a reeleição do presidente Lula, ele se desfiliou do partido em agosto e não corre o risco de perder o mandato por infidelidade.

Cassol negocia sua ida para o PTB com o presidente da legenda, o deputado cassado Roberto Jefferson, há alguns meses. Eles estiveram juntos nesse fim de semana e Cassol comunicou que deixará a filiação para depois das eleições municipais.

A filiação de Cassol ao PTB não é necessariamente um apoio do governador a Lula. Cassol tem uma postura dual, louva o governo por investimentos do PAC e as usinas do rio MAdeira, mas trava uma guerra contra a equipe econômica para conseguir suspender a dívida do Banco Estadual de Rondônia (Beron). D Blog Do ET.

Publicado em: 15/01/2008