Ministro descarta risco de epidemia de febre amarela

 Segundo Temporão, 2 milhões de doses da vacina contra a febre amarela estão sendo liberadas nesta quarta-feira pelo Ministério da Saúde, que deve garantir o abastecimento dos locais onde há maior procura, como no Distrito Federal.

"No DF existe uma situação bastante singular, específica. É natural que as pessoas tenham procurado pela vacina, mesmo não estando em áreas de risco. Isto levou a um déficit da vacina nos postos. Em linhas gerais, posso garantir que todas as pessoas que precisarem da vacina serão atendidas. Com estas 2 milhões de doses teremos condições de atender toda a demanda", disse.

Segundo o ministro, os habitantes dos estados onde há risco de contaminação de febre amarela silvestre já estão imunizados. "A orientação é para as pessoas que estão se deslocando para estes estados a lazer ou a trabalho. Estas pessoas têm que saber que devem tomar a vacina 10 dias antes. Não há nenhuma necessidade de uma vacinação em massa nestes estados. Não há nenhuma epidemia. O que estamos fazendo é estritamente o necessário", afirmou Temporão. Do Portal IG.

Publicado em: 09/01/2008