A versão do prefeito de São José do Belmonte

Nota oficial

Prezado blogueiro, suas insinuações quanto ao meu patrimônio, demonstram sua falta de conhecimento. Talvez você não saiba, mas antes de ser político, sou empresário, labuto desde muito jovem e tenho os meus rendimentos e patrimônio devidamente declarado à Receita Federal. O crescimento do meu patrimônio vem do rendimento dos meus negócios que são administrados com muita responsabilidade.

Você frisa que tive um crescimento de mais de R$ 10 milhões em menos de 4 anos, de 2016 a 2019, na verdade, a minha rede de postos de combustíveis, que conta com seis postos, foi que faturou R$ 484.398.607,00.

Nesse período, recebi o valor de R$ 10.998.852,84 do meu prolabore, tudo devidamente registrado e contabilizado. Tive também meus vencimentos como gestor de São José do Belmonte de que chegam R$ 900.000,00 de 2017 a 2019.

Ainda consta em minha declaração aluguéis de galpões que possuo no Recife no valor de R$ 360.000,00 de 2016 a 2019. Todas essas informações são declaradas aos órgãos competentes. No que tange ao meu apartamento, está em minha declaração de bens desde 2015.

Em sua matéria, deveria declarar que trato o bem público com o mesmo zelo e responsabilidade que trato o meu particular, vez que a Prefeitura Municipal de São José do Belmonte é portadora de uma das melhores pontuações do portal da transparência. Além disso, zelamos por uma folha de pagamento em dia desde o primeiro mês de gestão pública.

Quem vive de tirar proveito dos recursos públicos não declara crescimento na Receita Federal.

Francisco Romonilson Mariano de Moura – prefeito de São José do Belmonte

Publicado em: 28/09/2020