Vereador petista é preso por tráfico de drogas no RS

IG

Com passagens pelas categorias de base do Grêmio e Internacional, além de atuar no Porto, de Portugal, o hoje vereador Márcio Anderson Schmitz, conhecido como Márcio Alemão, foi preso no Rio Grande do Sul acusado de tráfico de drogas.

O ex-jogador, que encerrou a carreira na Europa após uma lesão grave no joelho, foi preso dentro de uma casa no município de Esteio.

No local a polícia encontrou 55 porções de maconha, balança de precisão, munição calibre 22, equipamentos para preparo e embalo de droga, além de 200 gramas de cocaína pura que, segundo os investigadores, podem render até 500 porções da droga.

Ao ser preso, o ex-jogador não demonstrou resistência e contou aos policiais sobre a época em que teria sido treinado pelo português José Mourinho. Em depoimento na delegacia, porém, ele se manteve em silêncio.

Essa não é a primeira vez que ele é preso. Em setembro de 2019, ele foi pego com um carro clonado. A placa do veículo não condizia com as informações cadastradas do sistema. Na ação, a esposa do vereador afirmou que ela havia comprado o carro.

Antes, em abril de 2018, o parlamentar se envolveu em um acidente e, segundo a Brigada Militar (BM), apresentava claros sinais de embriaguez. Ele colidiu o veículo que conduzia em uma viatura da BM, no município em que foi eleito para a Câmara de Vereadores.

Publicado em: 11/07/2020