Sem repasse, rede privada recusa usuários do Sassepe

Houldine Nascimento, da equipe do blog

Sob a alegação de falta de pagamento, hospitais da rede privada conveniados com o governo de Pernambuco estão suspendendo o atendimento a usuários do Sistema de Assistência à Saúde dos Servidores do Estado (Sassepe). A razão apontada é de que a gestão de Paulo Câmara não repassa recursos há pelo menos cinco meses.

Um exemplo é o Memorial Hospital de Goiana, que contempla dez municípios da Mata Norte. Lá, os atendimentos a usuários do Sassepe foram cancelados há alguns dias, conforme atesta uma fonte que preferiu não se identificar.

De forma contraditória, em maio, o Instituto de Recursos Humanos (IRH), responsável pelo Sassepe e vinculado à Secretaria de Administração de Pernambuco, chegou a anunciar a ampliação da rede credenciada para os servidores públicos.

Nossa reportagem entrou em contato com a assessoria do IRH, mas não obteve resposta até o fechamento desta matéria.

Publicado em: 04/07/2020