Profissionais do HPS estão expostos à contaminação

EXCLUSIVO

Houldine Nascimento, da equipe do blog

Localizado às margens da BR-232, no Curado, Zona Oeste do Recife, o Hospital Pelópidas Silveira (HPS) é voltado para o atendimento de alta complexidade em cardiologia, neurologia clínica e neurocirurgia. Devido à pandemia do novo coronavírus, a unidade de saúde está sendo utilizada para receber pacientes diagnosticados com a Covid-19. Segundo um técnico, que optou por não se identificar com receio de represálias, diversos profissionais que atuam no hospital estão sendo expostos à contaminação.

A informação obtida com exclusividade revela que técnicos em radiologia estão sendo forçados a trabalhar sem a proteção necessária. Segundo a fonte, estes profissionais entram em contato direto com os pacientes utilizando roupa privativa por determinação da Coordenação de Enfermagem do HPS. Isso porque os exames de raio-x são solicitados por vários setores, com e sem doentes hospitalizados com Covid-19.

“A coordenadora [de Enfermagem], Lídia [Sodré], nos proibiu de utilizar a roupa de proteção hospitalar. Antes, a gente usava essa roupa, atendia o paciente de Covid-19, saía do setor, tomava banho e ia atender outros pacientes sem a doença. Agora, a gente tem que ir com roupa de casa, utiliza o jaleco, veste uma bata descartável e vai fazer os exames de pacientes com e sem o novo coronavírus”, denuncia.

De acordo com este profissional, médicos e enfermeiros ficam isolados trabalhando nos setores do Hospital Pelópidas Silveira em que estão as pessoas diagnosticadas com a Covid-19, utilizando equipamentos de proteção individual. Os mesmos cuidados não são destinados aos técnicos em radiologia. “Nós transitamos nesse setor com os pacientes com a Covid-19, fazemos os exames deles e vamos para outros setores atender outros pacientes. Houve reclamação de enfermeiros sobre isso, mas respondi que era uma determinação da Coordenação de Enfermagem. Estamos com medo porque podemos nos contaminar e infectar outros pacientes e nossos familiares”, detalha.

Nossa fonte contou, ainda, que vários profissionais do HPS foram contaminados com o novo coronavírus e fez um questionamento: “Se o hospital não tem condições de dar a devida proteção aos seus profissionais, por que passou a receber doentes da Covid-19?”, desabafa.

SOBRE O HPS – O Hospital Pelópidas Silveira foi inaugurado pelo Governo de Pernambuco em 2011. A unidade de saúde pública estadual é administrada pelo Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira (IMIP).

Publicado em: 24/05/2020