Natal de Paz e Luz 2019 encanta na primeira noite de apresentaƧƵes

Em uma noite de surpresas e emoções, foi dada a largada oficial da programação do Natal de Paz e Luz 2019 de Gravatá. Nesta sexta-feira (13), a rua Cleto Campelo foi tomada por luzes e cores em um desfile com artistas e alunos da rede municipal. Em seguida, houve a estreia do espetáculo “É tempo de sonhar”, que emocionou quem estava no Pátio de Eventos Chucre Mussa Zarzar. 

"O verdadeiro espírito natalino está sendo vivido em Gravatá. Ver uma festa tão linda sendo realizada, reunindo todos os grupos de dança da cidade e os nossos estudantes é algo que não tem preço e precisa ser prestigiado por todos", registrou o Prefeito Joaquim Neto.

Através de alegorias, os bailarinos das escolas de dança do município assumiram as formas dos enfeites natalinos durante o desfile, enquanto que os alunos vieram representando, através de cores, os sentimentos que são sugeridos pela época do ano, como a paz, o amor e a união, por exemplo. A socióloga Agnes Brito veio com o marido, Geraldo Brito, da capital pernambucana para um evento na Canção Nova e foi surpreendida com o espetáculo.

"Foi tudo mudo lindo. Fiquei impressionada, tirei muitas fotos e estou enviando pra minhas amigas, porque elas precisam vir pra o Natal de Gravatá. As atrações lembraram muito o de Gramado, principalmente, pelo clima de família", .

O espetáculo “É tempo de sonhar”, encenado pelo grupo teatral do Instituto Cultural e Ecológico Terra Agreste (ICETAG) e pelo Movimento de Dança Wanderson José, com direção de Carlos Fester, uma das novidades deste ano foi o enredo em linguagem regional, valorizando a cultura nordestina. 

"Não imaginava que seria tão bonito. Minha família ficou emocionada. Dá orgulho de ser gravataense ao ver uma festa tão bonita sendo realizada aqui", enfatizou o militar, Manoel Pedro da Silva.

A programação continua no sábado (14) com projeção mapeada na Igreja Matriz de Sant’Ana, desfile natalino na rua Cleto Campelo e espetáculo “É tempo de sonhar” no Pátio de Eventos Chucre Mussa Zarzar.

Publicado em: 14/12/2019