Governadores: sem estados, bomba da previdência ficará para União

Previdência: sem estados, "bomba" ficará para a União, dizem governadores

 

Do Blog do Camarotti

Os governadores de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), e Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), demonstraram preocupação com a ausência de estados e municípios na reforma da Previdência. Para Zema, por exemplo, a "bomba" vai "sobrar para a União".

Zema, Leite e Caiado participaram do programa GloboNews Política, que vai ao ar nesta sexta-feira (13), às 21h30.

A reforma da Previdência foi promulgada pelo Congresso Nacional em novembro, mas não mudou as regras de aposentadoria dos servidores estaduais e municipais.

A chamada "PEC paralela", que facilita a adesão de estados e municípios às novas regras, já foi aprovada pelo Senado e agora está na Câmara dos Deputados.

Confira a íntegra aqui: Previdênciasem estados, 'bombaficará para a Uniãodizem

Publicado em: 13/12/2019