PT de Caruaru lamenta agressão a ambulante

Nota oficial

O Partido dos Trabalhadores em Caruaru lamenta a forma como os trabalhadores ambulantes têm sido tratados pela gestão municipal, e repudia a forma autoritária e violenta com a qual alguns deles foram recebidos, na manhã desta segunda-feira (02), por servidores da Prefeitura.

Nosso país tem sofrido um grave ataque aos direitos dos trabalhadores, devido a maneira como o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tem conduzido as políticas voltadas a essa área, e em Caruaru não tem sido diferente. Desde o início da gestão, a prefeita Raquel Lyra (PSDB) tem sido alvo de diversos protestos realizados por trabalhadores insatisfeitos com sua maneira intransigente de governar. São constantes problemas com moto taxistas, professores, profissionais da limpeza urbana, além dos trabalhadores informais, que foram transferidos dos seus espaços de trabalho e hoje estão passando dificuldade por não conseguirem mais comercializar seus produtos.

Acreditamos no caminho do diálogo como forma de resolver os problemas e estaremos vigilantes na luta contra qualquer injustiça que ameace a classe trabalhadora. Buscaremos, junto ao mandato do vereador Daniel Finizola (PT) e dos órgãos competentes, respostas e soluções para o caso envolvendo servidores públicos e trabalhadores ambulantes.

Léo Bulhões,

Presidente do PT Caruaru

Publicado em: 02/12/2019