Leilão: governo espera arrecadar hoje R$ 7,8 bilhões

ANP realiza leilão de mais cinco áreas do pré-sal nesta quinta-feira. Juntas, as áreas ofertadas podem render ao governo mais R$ 7,85 bilhões. Petrobras tem direito de ser operadora de três dos cinco blocos ofertados, mesmo que outra empresa ou consórcio os arremate no pregão.

Arquivo Agência Brasi

Por Daniel Silveira, do G1 

 

As principais petroleiras do mundo voltam a disputar nesta quinta-feira (7) blocos de exploração de petróleo da camada pré-sal do Brasil. Um dia após o megaleilão dos excedentes da Cessão Onerosa, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) realiza mais um leilão de partilha, na 6ª Rodada do modelo. A sessão será realizada, novamente, em um hotel na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.

Neste leilão, serão ofertados cinco blocos exploratórios, sendo um na Bacia de Campos e quatro na Bacia de Santos, onde também estavam os quatro blocos ofertados nessa quarta-feira. A área total dos cinco é de cerca de 8.640 km² e a expectativa é de que os contratos de concessão sejam assinados até março de 2020.

Confira a íntegra aqui: ANP realiza leilão de mais cinco áreas do pré-sal nesta quinta ...

Publicado em: 07/11/2019