Coluna desta segunda na Folha

Etanol dá homenagem a Maia

Na ânsia de agradar ao Governo americano, o presidente Bolsonaro autorizou o aumento da cota de etanol importado em 150 milhões de litros em plena produção de açúcar no País, prejudicando em cheio o setor sucroenergético do Nordeste.

A gritaria foi grande e diversas instituições, como a Associação de Produtores de Açúcar, Etanol e Bionergia (NovaBio) e os Sindicatos do Nordeste, com destaque para o pernambucano Sindaçúcar, sob o comando de Renato Cunha, compraram a briga amparados pela bancada nordestina no Congresso.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), teve papel fundamental para que o Ministério da Agricultura se curvasse à importação de volumes maiores de etanol somente na entressafra, deixando uma quantidade reduzida para ser adquirida do Exterior durante a safra de cana-de-açúcar. Por essa justa causa, Maia será homenageado, hoje, no Recife, em ato com empresários e políticos.

Gigante pela causa – O reconhecimento ao empenho de Rodrigo Maia e a bancada nordestina se dará durante almoço, ao meio dia, no bufê Arcádia, em Boa Viagem. “Tivemos grandes parceiros para evitar um dano econômico e social irreversível ao Nordeste, mas o presidente da Câmara foi um gigante”, reconhece Eduardo Monteiro, do Grupo EQM, produtor de álcool em Pernambuco e Alagoas.

Olho no social – Um aliado do prefeito Geraldo Júlio (PSB) olha enviesado para o grande investimento do prefeito ACM Neto (DEM), em fazer de Salvador “a capital nordestina do Natal”. “Num momento em que muita gente está desempregada e passando fome não dá para inverter prioridades, deixando em segundo plano o social”, comentou esse mesmo aliado.

Bomba – A prefeita de Arcoverde, Madalena Brito (PSB), está fazendo a cabeça do empresário Wellington Maciel, um dos maiores geradores de emprego e renda no município, com negócios diversos, como hotel, supermercados, móveis, eletrodomésticos e informática, para ser o candidato do seu grupo a prefeito. É a carta na manga para enfrentar o ex-prefeito Zeca Cavalcanti.

A verdade – Ainda sobre Arcoverde, não é verdade que Madalena tenha rifado o seu pré-candidato Wellington Araújo, atual vice-prefeito, por não ter decolado nas pesquisas. O que ela não conseguiu mover foi a resistência da família, que prefere Araújo se dedicando aos seus negócios.

Voos – Aliados do deputado Túlio Gadelha, pré-candidato do PDT a prefeito do Recife, explicam que não existe irregularidade no uso da sua cota de passagens no trecho Brasília-Rio, ao invés de Brasília-Recife. Há um decreto da mesa-diretora da Casa que autoriza o trecho voado para qualquer Estado, asseguram.

SAIA JUSTA – O deputado João Paulo (PCdoB) vive uma verdadeira lua de fel com o novo partido. O estopim foi a decisão da cúpula nacional comunista favorável ao acordo internacional para operação da base de Alcântara e instalação da usina nuclear em Itacuruba. Ele é contra.

Perguntar não ofende: Qual vai ser o placar no Supremo, esta semana, no julgamento que pode acabar na soltura de Lula?

Publicado em: 04/11/2019