Coluna deste sabadão na Folha

Jarbas rompe silêncio sobre Recife

Principal liderança do MDB em Pernambuco, o senador Jarbas Vasconcelos rompeu o silêncio, ontem, sobre a sucessão no Recife. Mesmo sem dar entrevista, autorizou a coluna a informar que o Recife, em sua opinião, não está fora de cogitação para ter candidato próprio da legenda a prefeito.

A conversa ocorreu no restaurante Leite, onde o encontrei numa mesa bem descontraído ao lado do empresário Paulo Sérgio Macedo e assessores. “Estamos avaliando, mas candidatura própria no Recife não é uma alternativa fora de cogitação”, lembrou Jarbas. O nome do MDB mais competitivo é o presidente estadual da legenda, Raul Henry, que já manifestou, por diversas vezes, que pode entrar no páreo.

Se isso ocorrer de fato, vai abaixo, definitivamente, a velha aliança do partido com o PSB, que já escolheu como pré-candidato o deputado João Campos. O fim da aliança, consequentemente, exclui de imediato o MDB do Governo Câmara.

Impasse em triunfo – A caminho do Avante, o deputado Sebastião Oliveira anunciou, ontem, que o candidato do seu grupo a prefeito de Triunfo será o ex-prefeito Luciano Bonfim, que deixou o PR e ingressou na nova legenda. Também presente ao ato, o prefeito João Batista, com filiação marcada para o PSB, disse, entretanto, que a candidatura de Bonfim não é certa e só será colocada em discussão em março.

Cadê o crédito? – Os micro e pequenos empreendedores de Caruaru estão chiando. Há 15 dias, o governador Paulo Câmara lançou com pompa, na cidade, ao lado da prefeita Raquel Lyra e vários aliados, um programa de acesso fácil a uma linha de crédito bancário. Mas até agora, apesar de muita gente ter feito se cadastrado, ninguém viu um só centavo liberado.

Investimentos – Em entrevista ao Frente a Frente de ontem, o deputado Alberto Feitosa, principal liderança do SD da base governista, afirmou que a briga dos governadores do Nordeste com Bolsonaro só rende prejuízos à região e sugeriu, no caso do governador Paulo Câmara, seguir o exemplo de Eduardo Campos, deixando a política de lado para lutar por investimentos.

Indústria das multas – O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Caruaru, Eduardo Mendonça, denunciou, ontem, na Rádio Cultura, que os guardas de trânsito contratados pela Prefeitura, estranhamente, tenham que cumprir a meta de atingir 90 multas por mês.

Sem risco – Diante da queda no consumo de crustáceos e peixes no Estado, em função da contaminação das praias pelo petróleo cru, alguns restaurantes, como o japonês Kisu, no Riomar, emitiram notas esclarecedoras. “Nossos produtos são pescados em águas internacionais”, diz a nota.

MONTAGEM – Em Arcoverde, a vereadora Cibele Roa (Avante) também soltou uma nota para esclarecer que, em nenhum momento, se reuniu com a prefeita Madalena Brito (PSB) para discutir alianças eleitorais. “A foto usada numa matéria falsa é muito antiga e foi feita em público”, disse.

Perguntar não ofende: Qual vai ser a próxima polêmica gerada por Bolsonaro e seus filhos línguas soltas?

Publicado em: 02/11/2019